Artigos escritos por Willames

Declarações de Feliciano incitam o ódio e a intolerância, diz ministra

Maria_do_rosario

A ministra da Secretaria de Direitos Humanos da Presidência da República, Maria do Rosário, disse nesta segunda-feira (8) que as declarações do presidente da Comissão de Direitos Humanos e Minorias, deputado Pastor Marco Feliciano (PSC-SP), fora do Congresso Nacional têm incitado o ódio a e intolerância.

Há duas semanas, o deputado Marco Feliciano, em um culto evangélico, disse que, antes da chegada dele à presidência da CDHM, o colegiado era comandado por Satanás. Em vídeos publicados na internet, o pastor diz que Deus teria mandado matar o cantor John Lennon, dos Beatles, e os integrantes da banda Mamonas Assassinas, vítimas de um acidente aéreo.

“É lamentável que nos deparemos a cada dia com mais um pronunciamento, intervenção que incita o ódio, a intolerância e o preconceito. Já ultrapassa a barreira de uma comissão da Câmara. Diz respeito a todos nós”, disse Maria do Rosário, no Senado. “A Câmara, certamente, encontrará uma solução, ou o próprio Ministério Público, porque incitar a violência e o ódio é uma atitude ilegal e inconstitucional”, acrescentou a ministra.

O deputado Marco Feliciano é acusado de homofobia e racismo por ter postado nas redes sociais comentários considerados ofensivos a homossexuais e negros. Ele nega as acusações e já pediu desculpas pelas declarações publicadas na internet.

Agência Brasil

Despesas chegaram a R$ 168 milhões nas Câmaras Municipais do Ceará

As informações estão presentes no portal do Tribunal de Contas dos Municípios (TCM).

DinheiroAs câmaras municipais dos dez maiores grupos eleitorais do Ceará gastaram, no ano de 2012, R$ 168 milhões. Do total, cerca de R$ 114 milhões, ou seja, 68% das despesas totais das casas legislativas foram destinadas a pagamento de pessoal.

As informações estão presentes no portal do Tribunal de Contas dos Municípios (TCM). Em 2013, até o momento, foram gastos R$ 24 milhões, mas ainda não consta no site do TCM nenhuma despesa do município de Itapipoca referente a este ano.

Na capital de Fortaleza, a Câmara Municipal gastou aproximadamente R$ 111 milhões. O pagamento de pessoal respondeu por R$ 70 milhões desses gastos, sendo R$ 7,5 milhões decorrentes e contratos de terceirização. Em relação a outros custos, R$ 860 mil foram investidos em obras e instalações, enquanto R$ 7 milhões custearam passagens e despesas com locomoção. Até agora, constam R$ 17 milhões gastos pela Casa em 2013, sendo R$ 9 milhões para pagamento de vencimentos e R$ 593 mil para passagens e despesas com locomoção.

A Constituição Federal estabelece que o valor a ser administrado pelas câmaras municipais é referente ao duodécimo da receita apresentada pelo prefeito do município. Na Capital cearense, por exemplo, o repasse ao legislativo municipal para o ano de 2013 será de R$ 127,7 milhões anuais e R$ 10,6 milhões mensais, de acordo com decreto publicado pelo prefeito Roberto Cláudio no dia 11 de janeiro.

O Ministério Público, no mês de fevereiro, enviou um ofício para a Câmara dos Vereadores de Fortaleza solicitando explicações sobre o valor gasto em passagens áreas e aluguel de veículos nos últimos seis anos. O argumento é de que as despesas cresceram desproporcionalmente nesse período.

Ceará Agora

Deputados evangélicos defendem Feliciano em sessão solene

Feliciano_ABr331x214Deputados evangélicos defenderam nesta segunda-feira (8) a permanência do deputado Pastor Marco Feliciano (PSC-SP) na presidência da Comissão de Direitos Humanos e Minorias. Em sessão solene que homenageou a igreja evangélica Assembleia de Deus, alguns parlamentares elogiaram a “coragem” de Feliciano e defenderam o direito de um partido cristão presidir o colegiado.

Às acusações de que Marco Feliciano é racista e homofóbico, o deputado Takayama (PSC-PR), que sugeriu a sessão solene, disse que os pastores evangélicos amam os homossexuais, apesar de não amarem a prática. Takayama criticou as recentes manifestações ocorridas na Câmara contra Feliciano.

“O que não está correto é querer fazer baderna na Câmara, colocar ativistas para denegrir a imagem de um cristão. Nunca nos opomos a que simpatizantes dos homossexuais ocupassem a presidência de uma comissão. Agora, quando temos a oportunidade de colocar alguém em uma comissão, não podemos”, disse.

Para o deputado Nilton Capixaba (PTB-RO), Feliciano está sendo ferido em seu direito à liberdade de expressão. Capixaba parabenizou o pastor por defender o povo evangélico. Na opinião do deputado de Rondônia, Feliciano saberá cumprir o regimento da Câmara na condução dos trabalhos da Comissão de Direitos Humanos. “Ele fará chegar o direito humano às pessoas que precisam.”

Agência Câmara de Notícias

Fenômeno causa chuvas irregulares em várias regiões do Estado

Chuva_Beira_MarO dia amanhece nublado. Chove no fim da manhã e à tarde céu claro e calor. Essa variabilidade no tempo é resultado da atuação de um sistema meteorológico secundário chamado de Cavado de Altos Níveis, que, desde a semana passada causa instabilidade na atmosfera em áreas do Oceano Atlântico e do Nordeste do Brasil, favorecendo a formação de nuvens de chuva.

Segundo a Fundação Cearense de Meteorologia e Recursos Hídricos (Funceme) além dessa variabilidade, também é observada a irregularidade das precipitações. “Até às 7 horas  da manhã desta segunda-feira (08), tivemos registro de chuvas significativas no Cariri e ocorrências menos intensas no Litoral de Fortaleza, Região Jaguaribana e Inhamuns”, informa a meteorologista Deysiane Quaresma. Os maiores registros foram em Mauriti (82mm), Missão Velha (66mm), Porteiras (60mm), todos no Cariri.

Segundo a meteorologista, esse tipo de sistema se desloca com facilidade, causando chuva em regiões distintas. “A previsão para o fim do dia e para terça-feira é que o Cavado persista posicionado sobre o Ceará, ou seja, há possibilidade de chuvas em todas as regiões”, explica Deysiane.

 Chuva na Capital

 A Funceme possui quatro pluviômetros em Fortaleza e utiliza dados da estação automática do Instituto Nacional de Meteorologia (INMET) instalada no Bairro Castelão. Nessa estação, choveu 4,2 milímetros entre 08 horas às 12 horas. As informações dos outros pluviômetros somente é disponibilizada às 7h de cada dia e os dados podem ser acessados pelo site da Funceme.

Assessoria de Imprensa da Funceme

Governador reúne prefeitos para discutir Programa Cidades do Ceará II

Banner-vales-jaguaribe-acarau2

Prefeitos dos municípios do Vale do Jaguaribe e Vale do Acaraú se reúnem nesta terça-feira (09) com o Governador do Estado, Cid Gomes, para discutir os investimentos de U$ 106,6 milhões, destinados às regiões. O encontro acontece às 15 horas, no Palácio da Abolição, e contará com a presença do secretário das Cidades, Camilo Santana. Do montante, 70% serão investidos em obras de infraestrutura nas cidades polo. Outros 30% será aplicado em melhorias na capacidade fiscal e institucional dos municípios.

 Os recursos integram o Programa de Desenvolvimento Urbano de Polos Regionais (Cidades do Ceará II), executado pela Secretaria das Cidades, por meio de empréstimo junto ao Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID) de U$ 66,6 que somados aos U$ 40 milhões de contrapartida do governo estadual, totalizam U$ 106,6 milhões.

 O secretário das Cidades, Camilo Santana, explica que o Programa pretende criar um modelo de gestão para gerenciar grandes ações nas regiões do Vale do Jaguaribe e Vale do Acaraú, suscitando o desenvolvimento das prefeituras, e proporcionando o crescimento da economia da população. “Além de executar importantes ações de infraestrutura, nós também estamos preocupados em capacitar os municípios para lidar com a realidade que começa a se desenhar. Dessa forma, está previsto também o aperfeiçoamento da máquina pública estadual”, acrescenta o secretário.

 O contrato para o empréstimo tramita na Secretaria do Tesouro Nacional e em seguida será encaminhado para apreciação do Senado. A expectativa é de que seja assinado ainda neste semestre.

 Serviço:

Encontro – Cidades do Ceará II
Data: 09 de abril de 2013 (terça-feira)
Local: Palácio da Abolição
Horário: 15 horas

Assessoria de Imprensa da Secretaria das Cidades

Pastor reclama da Imprensa – Há algo errado com o Jornalismo ? – Reinaldo Azevedo

Quando um pastor defende a plena liberdade de imprensa e o jornalismo flerta abertamente com a censura e o delito de opinião, há algo de errado… com o jornalismo!
No dia 18 de setembro de 2010, durante um comício em Campinas, com as presenças de Dilma Rousseff e Aloizio Mercadante — candidatos, respectivamente, à Presidência da República e ao governo de São Paulo —, o então supremo mandatário da nação, Luiz Inácio Lula da Silva, afirmou o seguinte: “Tem dias em que alguns setores da imprensa são uma vergonha. Os donos de jornais deviam ter vergonha. Nós vamos derrotar alguns jornais e revistas que se comportam como partidos políticos. Nós não precisamos de formadores de opinião. Nós somos a opinião pública”. Lula vinha numa impressionante escalada retórica contra a imprensa livre. Quando as notícias eram favoráveis a seu governo, ele as considerava apenas justas; se negativas, ele acusava sabotagem. Lula e o PT nunca desistiram do tal controle da mídia. Em sua última resolução, há poucos dias, o Diretório Nacional do PT pregou abertamente o controle de conteúdo do jornalismo. Pois bem: seis dias depois de mais uma investida contra a liberdade de imprensa, um líder evangélico fez publicar nos principais jornais do país um anúncio pago em que rechaçava qualquer forma de censura promovida pelo estado ou de controle da mídia. Lia-se naquela peça: “Nem o presidente da República, partidos políticos, líderes religiosos, qualquer segmento da sociedade ou mesmo a imprensa são, isoladamente, os donos da opinião pública”. Já voltarei a este anúncio — até porque publicarei a imagem aqui. Antes, algumas considerações.
Crítico da imprensa
Outro dia um desses bobalhões que confundem alhos com bugalhos e joio com trigo enviou um comentário para este blog mais ou menos assim: “Pô, ultimamente, você critica tanto a imprensa que até parece Fulano de Tal…” E citou um anão moral que anda a soldo por aí, a pedir o “controle da mídia”. Pois é. Dentre tantas outras, uma diferença fundamental se destaca entre mim e aquela coisa triste que foi citada: ele quer uma imprensa controlada pelo estado; eu quero uma imprensa livre, que não se deixe controlar nem pelo estado nem por corporações, qualquer que seja a sua natureza: ofício, crença, ideologia, valores. Aquele bobo do oficialismo sonha censurar o que os outros escrevem; eu aposto numa imprensa que não tem receio da censura — nem a das vozes eventualmente influentes e das maiorias de ocasião. Aquele cretino critica a imprensa porque a quer com ainda menos liberdade; eu a critico porque a quero mais livre. Aquele governista convicto, pouco importa o governo de turno, quer o jornalismo a serviço do poder; eu quero o jornalismo vigiando o poder.
Assim, sou crítico, sim, da imprensa, especialmente nestes tempos em que ela é tão cegamente liberticida; em que põe, voluntariamente, a cabeça no cutelo. A Constituição nos garante a liberdade, e o Estado (não o governo!) a tem assegurado — ainda que não seja pequeno o risco de censura pela via judicial. Mas atenção! Só é verdadeiramente livre o que exerce a liberdade. Uma imprensa que ou se deixa assombrar pela patrulha ou a ela adere, em nome da legitimidade, atropelando as garantias fundamentais da Constituição, está SE DEGRADANDO.
É evidente que uma imprensa que estivesse submetida a isso que chamam “controle social” já não seria livre, especialmente no tempo em que uma força política assegura ser ela mesma “a opinião pública”. Mas o controle do estado não é o único que pode tolher a liberdade. Se admitirmos que policiais informais do pensamento — por mais que tentem falar em nome do bem — imponham a sua vontade na base do berro, da intimidação e da satanização, expomo-nos nós mesmos à hordas do amanhã. Quais serão elas? Falarão em nome de quais valores?
Trata-se, então, de saber em nome de qual ideal de sociedade agimos; trata-se, então, de saber que modelo abstrato perseguimos com nossas práticas e escolhas cotidianas. Ainda que eu repudie as ideias do deputado Marco Feliciano (PSC-SP), presidente da Comissão de Direitos Humanos e Minorias da Câmara, cumpre indagar se uma sociedade em que um parlamentar eleito, escolhido para uma função segundo as regras do Regimento Interno, fosse deposto por delito de opinião seria mais saudável do que outra em que o protesto é, sim, livre — porque a praça é do povo, como o céu é do condor —, mas sem agressão aos fundamentos de um regime democrático e de direito. Feliciano não é um usurpador. O surrealismo alcança tal dimensão que o deputado Jean Schopenhauer Wyllys, numa passeata, chega a INDICAR o nome do PSC que ele quer presidindo a comissão. Sim, o deputado do PSOL se considera no direito de escolher o nome do outro partido que gostaria de ver no cargo. E o jornalismo o trata como a voz da ponderação e do bom senso.
Esses que agora estão em marcha se consideram, a exemplo de Lula, “a” opinião pública. E se preparam, podem escrever aí, para um embate que virá: e ele versará justamente sobre o controle dos meios de comunicação. Alguns estrategistas mancos — espero não ser processado pela Associação da Inclusão dos Claudicantes Ofendidos — escolheram um caminho estupidamente errado. Imaginam que, se cederem às patrulhas politicamente corretas, estarão a salvo da sanha dos censores. Não estarão porque já fizeram uma opção cujo dano é maior do que o perigo, como escreveu Camões. O perigo que se corre — e existe, sim! — é haver formas oblíquas de controle estatal da imprensa. Mas o dano, que já é visível, é esse controle nem ser assim tão necessário porque já exercido na base da sujeição voluntária.
Aposta na liberdade de imprensa
Seis dias depois de Lula ter regurgitado impropérios contra a imprensa livre num palanque, num ambiente, então, de franca hostilidade à liberdade de opinião, um líder evangélico fez publicar este anúncio pago nos maiores jornais brasileiros. Trata-se de uma resposta clara a Lula.
A assinatura está ali. Trata-se do “polêmico”, como querem alguns, Silas Malafaia. Temos, e ambos sabemos disso, enormes discordâncias, inclusive religiosas. Jamais estivemos juntos, mas ele sabe o que penso e sei o que ele pensa. E daí? Eu estou preparado para enfrentar a divergência. O que não aceito, e não aceito, é que tentem me calar — ou calar a outros — ao arrepio dos fundamentos constitucionais; o que rechaço é a tentativa de criar leis que criem categorias superiores de homens, infensos à crítica.
Quantos partidos de esquerda assinariam esse anúncio posto nos jornais por Malafaia? O PT? O PC do B? O PSOL de Jean Wyllys, Chico Alencar e Marcelo Freixo? Nunca!!! E olhem que, como ele próprio lembra, não se trata de uma pessoa exatamente paparicada pela imprensa cuja liberdade defende. Ao contrário: costuma ser alvo das piores vilanias; preferem transformar o que ele diz numa caricatura para que fique fácil, então, combatê-lo. Eu preferiria estar aqui a discordar do pastor, numa ambiente de civilidade democrática, a ter de defender uma questão de princípio: o direito à liberdade de opinião e de expressão.
“Ah, mesmo na democracia, nem tudo pode ser dito, não é, Reinaldo?” É, nem tudo — sempre destacando que, ainda assim, existe uma diferença importante entre dizer e fazer. Mas admito, como princípio, que a democracia não aceita todo e qualquer desaforo, mesmo se apenas falado. Mas fiquemos, então, no caso em espécie, com o que deu à luz o inimigo público nº 1 do Brasil: será mesmo que Feliciano foi além do que pode tolerar o regime democrático? A resposta, obviamente, é “não”. E nem por isso preciso concordar com ele.
Malafaia, ele próprio nota, não fala em nome de todos os evangélicos. Mas professa um valor que, creio, expressa o pensamento da maioria: a aposta na liberdade de imprensa, a aposta da liberdade de opinião, o repúdio a qualquer forma de controle estatal da informação.
Infelizmente — e já digo a razão desse advérbio —, o credo que Malafaia anuncia está muito acima, em termos qualitativos, do entendimento médio hoje vigente nas redações sobre liberdade de imprensa e liberdade de opinião. Já houve coleguinha pregando, abertamente, que eu fosse censurado, por exemplo. Por quê? Ora, porque discorda de mim. Não se dá conta de que, ao fazê-lo, expõe-se ele próprio a uma eventual censura.
No país em que um líder evangélico consegue ser mais desassombrado na defesa da liberdade de expressão do que boa parte dos jornalistas, ousaria dizer que esse pastor agregou a seus valores religiosos os valores inegociáveis da democracia e do estado de direito. Mas também é preciso dizer que os jornalistas renunciaram à sua missão para se comportar como membros de uma seita de fanáticos e linchadores.
Reinaldo Azevedo

Banco é responsável por pagamento de cheque adulterado

A responsabilidade bancária pelo pagamento de cheques adulterados, mesmo com fraude tecnicamente sofisticada, é objetiva. Por isso, o banco deve indenização ao cliente que teve descontado valor mais de 80 vezes superior ao do título emitido. A decisão é da Quarta Turma do Superior Tribunal de Justiça (STJ).
O cliente emitiu cheque no valor de R$ 24,00, mas o banco pagou o título adulterado para R$ 2.004,00. O juiz inicial entendeu não haver responsabilidade do banco, por se tratar de culpa exclusiva de terceiro, o próprio fraudador, em vista da sofisticação da falsificação. Para o juiz, também não haveria responsabilidade do laboratório que recebeu o cheque e o repassou licitamente a terceiro.
Mas o ministro Luis Felipe Salomão divergiu desse entendimento. Conforme o relator, as fraudes bancárias que geram dano aos correntistas constituem fortuito interno do negócio, ou seja, constituem risco da própria atividade empresarial. Por isso, a responsabilidade do banco é objetiva.
No caso específico, o cliente teve que solicitar adiantamento de férias para quitação do saldo devedor junto ao banco. Conforme o relator, isso teria ocasionado abalo sério em suas finanças, não podendo ser o fato considerado apenas um aborrecimento financeiro. Além da devolução com correção dos valores descontados, o banco deverá pagar ao cliente R$ 25 mil pelos danos morais suportados.
(STJ)

Brasil, um país drogado – Dr. Joaquim Batista de Macêdo

O Brasil é o maior consumidor de Crack do mundo, e o segundo lugar no consumo de cocaína. É mais um título que tanto denigre o já cinzento currículo de nossa nação. A pedra do diabo – assim assim a denominam os usuários do crack – dilacera o corpo e a mente, destroçam famílias e contaminam os vizinhos, o bairro e toda a comunidade.

É triste se vê, pela imprensa televisiva, levas de carcaças humanas,  nos grandes centros, vagando, delirantes, de sarjeta em sarjeta, tropegando para o nada, para o fim… Que pensarão as outras nações a respeito do Brasil? E logo agora, em que o Brasil sediará três grandes eventos: Conferência Mundial da Juventude, Copa do Mundo e as Olimpíadas?

O Crack e a Cocaína, antes restritas às grandes metrópoles disseminam-se, como uma erva daninha, pelas pequenas cidades, pelas vilas e até pela zona rural. Eu diria que é o maior problema de saúde pública que assola o Brasil no começo desse século. Numa simulação de como é grave a epidemia das drogas, numa cidade relativamente pequena, como o Crato, a família que, felizmente, não tem um usuário de droga em seu seio, com certeza, conhece alguma família amiga que padece desse martírio.

As autoridades, sonolentas como sempre, não despertam diante do clamor da sociedade sofrida; muito pelo contrário. Incentivam o uso do álcool que, insanamente, rotulam de droga lícita. Largamente difundido na mídia, patrocinando, por exemplo, competições futebolísticas, o esporte mais aplaudido pelo nosso povo. É uma vergonha! Sem falar nos diazepínicos em que o Brasil é um dos campeões de consumo. O Ministério da Saúde até os distribui indiscriminada e gratuitamente. Saúdo algumas abnegadas ONGS e pastorais que enfrentam, de frente, a guerra, mesmo desarmadas. É uma formiga enfrentando um dinossauro.

Urge que a sociedade civil se levante contra esta praga. Do contrário, continuaremos assistindo aos nossos irmãos cambaleando pelos lixeiros e sarjetas desse país drogado, e que Deus tenha piedade de nós!

Dr. Joaquim Batista de Macêdo
Médico

Texto enviado por:

Tallys Guttemberg Guimarães Batista
Bacharel em Sistemas de Informação
Especialização em Soluções WEB na Plataforma JAVA EE
Mestrado em Engenharia de Software

É justo o locatário pagar o IPTU ? – Por: Nestor Silva

A sabedoria popular diz que:  do imposto e da morte ninguém escapa.   O próprio nome imposto já traduz essa dura realidade.
 
Dentre os impostos que nos são cobrados existe o IPTU que requer análise aprofundada em relação ao responsável pelo pagamento. O responsável pelo pagamento do IPTU é primariamente o proprietário do imóvel. No entanto,  devido a uma  brecha na lei do inquilinato, havendo locação do imóvel,  o  proprietário pode  transferir contratualmente essa obrigação de pagamento ao locatário. Contudo, essa prerrogativa não muda o fato de que o contribuinte do IPTU, perante o Fisco, continuará sendo o proprietário do imóvel, como definido na legislação.
 
Ao estabelecer no artigo  22, Inciso VIII  que “o locador é obrigado a pagar os impostos e taxas, e ainda o prêmio de seguro complementar contra fogo, que incidam ou venham a incidir sobre o imóvel, salvo disposição expressa em contrário no contrato, a lei do inquilinato colocou o  locatário numa situação jurídica de visível desigualdade, posto que,  devido ao déficit habitacional  existente no país, reduzido drasticamente pelos últimos governantes, o locador fica na confortável situação de escolher seu locatário e impor quase  que  de forma unilateral a sua vontade por ocasião da celebração do contrato de locação.   É a lei da oferta e da procura. Em tal circunstância,  dispondo o locador dessa potestividade,  fica evidente que ele transferirá  a obrigação para o locatário. E é o que vemos.
 
Essa lamentável  situação se verifica nas locações  de imóveis residenciais e comerciais. Todos esses locatários correm o risco de arcar com o injusto pagamento do IPTU, por sinal, historicamente  cobrado com valores  elevados e baseado em  planilhas de atualização desconhecidas pela população. Quer dizer, se não bastasse os aluguéis com valores fixados em patamares elevados e  reajustados acima da inflação, o pobre inquilino ainda tem que pagar o imposto  de um  imóvel cuja propriedade não lhe pertence.
 
Tramita na câmara federal  projeto de lei (PL 4.185/12) apresentado pelo deputado Giovani Cherini (PDT-RS) que pretende  modificar a Lei do Inquilinato ao proibir as cláusulas nos contratos de aluguéis que transfiram a responsabilidade do pagamento de impostos, taxas e seguro contra incêndio ao inquilino. Atualmente, pela Lei do Inquilinato o dono do imóvel é o primeiro responsável pelo pagamento do IPTU e pela TLP, além do seguro contra incêndio cobrado por algumas administradoras de imóveis, mas ele pode transferir essa responsabilidade ao inquilino se isso estiver no contrato.
 
Resta torcer para que   o projeto não esbarre  no  lobby  dos parlamentares  que  por motivos pessoais tenham interesse na preservação do texto da lei como está.  
Por: Nestor Silva

a guisa de apresentação – Por Renato Dantas

 

Juazeiro

Nós nos acostumarmos, os juazeirenses nativos ou não, a olharmos o Horto. A princípio um prolongamento da Serra do Araripe conhecido pelos nomes de Serrinha, Serrote do Catolé, Horto e por fim Horto das Oliveiras.
O constante olhar para o seu alto com o pé de tambor como um grande guarda-chuva a resguardar seus mistérios, se tornava argumento para ida até lá na Semana Santa. Era a subida do Horto na sexta-feira santa quando muitos dos habitantes do lugar e os romeiros chegantes, subiam pela Rua do Horto parando para rezar em cada estação da via sacra, se emocionar ao ver o Monte Sinai e parar na Pedra do Joelho de Nossa Senhora para colocar o pé, os costados e os joelhos nas marcas feitas por Jesus, José e Maria quando da fuga para o Egito e em suas andanças pelo Juazeiro.
Chegando ao Horto, de imediato, pegar o caminho do Santo Sepulcro para rezar nas capelas construídas pelos beatos, se ajoelhar ante o local da crucificação de Jesus, a gruta em que foi sepultado que é também onde ele nasceu; se intrigar com os marcos do Padre Cícero nas pedras e escritos à mão; ver o lugar onde Nossa Senhora, ajudada pelas aves que chamamos lavandeiras, lavara os cueiros do menino Jesus e, ainda, ir a Fonte de Santa Luzia, antes conhecida como de Sant´Ana,  lavar os olhos e trazer água para quando chegasse as três noites de escuro servir de relíquia para afastar os maus espíritos que campeariam na terra.
De volta ao Horto, orar na capelinha de palha, substituta da Igreja do Sagrado Coração de Jesus que a Igreja não deixou construir, depois uma ida à Capela do Bom Jesus do Horto das Oliveiras, adentrar no casarão olhando os seus cômodos escuros, guardados por beatas ainda do tempo do Padre Cícero Romão Batista, beber água nos grandes potes, fazer uma parada especial na Sala do Coração de Jesus onde a luminária, um grande candeeiro nós chamava a atenção pela quantidade de pequenas cruzes que ornavam a chama sempre acesa, depois ir para a sombra do Pé de Tambor e ouvir as histórias do Milagre de Maria de Araújo, da Guerra de 14 e do Sítio Encantado.
Tudo pela mão de Madrinha Izaura, Izaura Dantas Vieira, romeira de Pão de Açúcar das Alagoas que aqui chegara aos anos 13 do século XX, com toda a família, incluindo meu pai Cícero Dantas Vieira.
Através do Realismo Fantástico venho às páginas do jornal Nação Romeira contar o Horto, através da sua Construção, Invasão e prenuncio do dia do Juízo Final. Tudo como se fazia antigamente nos jornais, cada numero um capítulo, revivendo o “folhetim”.

Juazeiro do Norte, Sítio Pedras de Fogo, março de 2013.

Blog do Juazeiro

Policial é suspeito de invadir casa e matar jovem, no Crato.

As causa do crime ainda não foram esclarecidas. Irmão da vítima presenciou o hmicídio.

JovemmortocratoUm policial militar é suspeito de invadir uma casa, matar um jovem de 25 anos e ameaçar o irmão da vítima na cidade do Crato, no Ceará. O crime ocorreu na noite do último sábado (6), mas as causas ainda não foram esclarecidas. “Que seja preso, tem de perder a farda”, disse Maria Deuzanira Amorim, mãe da vítima.

A vítima se chamava Marcelo Bezerra Amorim. Segundo o irmão, José Tárcio Amorim, o jovem chegou em casa na noite de sábado correndo e aflito, afirmando ter sido baleado. “Ele chegou correndo, aflito, pedindo ajuda. Ele estava com uma mão na orelha e falou ‘irmão tomei um tiro’ e falei que ia levá-lo ao hospital. Foi  quando o policial apareceu”, conta José Tárcio.

Conforme o irmão da vítima, o policial apontou o revolver para a vítima sem subir os lances de escada que dão acesso a cozinha da residência e atirou.

O policial fugiu. “Ainda na noite do fato, a casa do policial foi apedrejada. Então, para garantir a integridade dos familiares, a polícia realizou a mudança [da família e do policial para uma outra casa]”, explicou o capitão da PM, Luciano Rodrigues.

Marcelo Bezerra Amorim foi velado na manhã desta segunda-feira (8). Há a expectativa de que o suspeito se apresente ainda nesta segunda-feira à polícia. Ele deve responder a processo criminal e administrativo.

Do G1 CE, com informações da TV Verdes Mares Cariri

Universidade Federal do Ceará promove encontro de física. Dois Prêmio Nobel participam do evento.

Abertura ocorre nesta segunda-feira (8) às 19 h no Gran Marquise.

UfcfortalezaA Universidade Federal do Ceará (UFC) reunirá no hotel Gran Marquise, em Fortaleza, cerca de 300 cientistas, pesquisadores, professores universitários e estudantes no workshop “Fronteiras em Ciência da Matéria Condensada”, desta segunda-feira (8) até quarta (10). O evento celebra 20 anos da primeira tese de Doutorado em Física da UFC e traz a Fortaleza dois ganhadores de Prêmio Nobel, os cientistas Albert Fert e Harold Kroto. A solenidade de abertura será às 19 horas.

O francês Albert Fert ganhou o Prêmio Nobel de Física em 2005 por um trabalho com magnetorresistência de metais, como ferro e cromo. O cientista britânico Harold Kroto recebeu Nobel de Química, com um experimento conduzido em setembro de 1985 que provou a existência de moléculas do tipo C60 e que as estrelas de carbono podiam produzir as cadeias de carbono.

O workshop é organizado pelo programa de Pós-Graduação em Física e Departamento de Física da Universidade Federal do Ceará (UFC), com apoio do CNPq, Capes, FCPC e Funcap. Desde a criação do programa, já foram publicados mais de 1.600 artigos em periódicos indexados, defendidas 285 dissertações de mestrado e 131 teses de doutorado. O programa tem conceito 6 na avaliação da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes), que é responsável pelo acompanhamento anual e avaliação trienal do desempenho de todos os programas e cursos que integram o Sistema Nacional de Pós-Graduação, atribuindo nota na escala de 1 a 7.

Serviço
As inscrições podem ser feitas até esta segunda no site do evento, os valores são R$ 100 (para estudantes) e R$ 150 (para professores, profissionais e demais interessados).

Do G1 CE

Fiéis celebram criação de santuário

BarrosantuarioO Santuário da Divina Misericórdia foi criado com a participação de cerca de 6 mil devotos, com rituais litúrgicos presididos pelo bispo da diocese do Crato, dom Fernando Panico. A cerimônia teve a duração de três horas FOTO: ELIZÂNGELA SANTOS

Barro O terceiro santuário do Cariri foi criado durante celebração, com cerca de 6 mil pessoas no município do Barro, na manhã de ontem. É o 54º Santuário da Divina Misericórdia do Brasil. O decreto assinado pelo bispo dom Fernando Panico para a elevação da matriz de Santo Antônio a santuário foi apresentado para os fiéis, numa celebração de mais três horas, com a presença de autoridades locais e estaduais e sacerdotes de toda a Diocese local.

Durante a solenidade, o prefeito da cidade, Francisco Tavares Araújo, anunciou que estará enviando mensagem à câmara esta semana, com a finalidade de instituir o dia 7, como feriado na cidade, para se festejar a data alusiva à Divina Misericórdia. A expectativa é que a cidade passe a receber maior número de romeiros de agora por diante.

A mobilização dos católicos de toda a região começou logo cedo. Os fogos anunciavam a transformação da paróquia criada em 19 de março de 1962 em Santuário Diocesano da Divina Misericórdia, numa devoção que cresce a cada ano, no Brasil, segundo o bispo diocesano. Mais de 1.200 pessoas estiveram mobilizadas para atender ao grande público que compareceu à cidade.

A celebração, cheia de ritos e simbologias, foi iniciada com a bênção da água. O ato foi presidido pelo bispo diocesano do Crato, dom Fernando, auxiliado pelos párocos, os padres Francisco Gonçalves Pereira e Arnaldo Pereira do Nascimento, que estão à frente dos trabalhos pastorais no município. Durante a celebração foi realizada a unção do óleo do altar da igreja, e a aposição da relíquia na igreja da Irmã Faustina, freira polonesa. Além das relíquias de São Sigismundo e São Domingos, depositadas no altar. Pessoas de 11 estados, 36 cidades, e 29 comunidades locais estiveram marcando presença, segundo o padre Arnaldo.

O prefeito Francisco Tavares ressaltou o dia histórico para a cidade, como forma de fortalecer ainda mais a fé do povo do município. Dom Fernando afirma que este é um momento de engrandecimento de misericórdia de Deus na vida do povo sofrido, e a capacidade de alguém que se volta para aqueles que mais necessitam de amor, ternura e compaixão. “A misericórdia, antes de ser uma qualidade humana, é uma característica de Deus”, explica. Ele disse que o templo tem a marca dessa misericórdia. “Esse é um santuário diocesano. O terceiro criado na região”, frisa. O bispo lembra o primeiro em Juazeiro do Norte, de Nossa Senhora das Dores, e o segundo, com o encerramento das santas missões populares, dedicado ao Santuário Diocesano Eucarístico, na cidade do Crato, sede da Diocese.

Devoção

A devoção à misericórdia, explica dom Fernando, está enraizada no coração humano. Ele destaca a mensagem do Papa Francisco. “Ele fez da misericórdia a sua palavra central, na mensagem nestes primeiros dias do seu pontificado, não apenas para a Igreja Católica, mas para toda a humanidade, sejam eles católicos ou de outras religiões”, afirma o bispo. O chanceler da cúria diocesana, Armando Rafael, leu o decreto assinado por dom Fernando, que explica os motivos de ter sido criado o novo santuário, com ênfase para um dos modelos de santificação que mais rapidamente se espalhou pelo catolicismo, com a devoção à Divina Misericórdia.

ELIZÂNGELA SANTOS
Repórter do Jornal Diário do Nordeste
Colaboradora do Blog do Crato e Portal Chapada do Araripe

Crato-Portugal e Crato-Brasil ( Tentativas de aproximação ) – Por: Pe. Raimundo Elias

 

  ( Na foto acima, temos os participantes da procissão, à escuta, no local chamado “Largo do Concelho”)
Ao longo de todo esse tempo que vivo na Europa, – contando os dois anos que residi na Espanha, até aos dias de hoje, quando vivo em Portugal, já há cinco anos – tive a grata satisfação de visitar, pelo menos, uma meia dúzia de vezes, o Crato Português, ainda que fique trezentos quilômetrosdistante de onde moro agora. Em todas as ocasiões que lá estive, fui recebido pelo Pároco local, Monsenhor Paulo Henriques Dias, um jovem sacerdote de pouco mais de 40 anos que, por coincidência, é também, o VigárioGeral da Diocese de Portalegre-Castelo Branco, à qual pertence a Vila do Crato.
 
Dessas visitas e das oportunidades de diálogo que tivemos, nasceu uma boa amizade entre nós padres e, com ela, o desejo cada vez maior de que se possam criar canais de comunicação e instrumentos diversosque possibilitem uma maior aproximação entre os dois Cratos, também, a partir da Igreja. Com este propósito, dias atrás, dentro das solenidades da Semana Santa e atendendo ao convite que me foi feito anteriormente pelo referido Pároco, lá estive, mais uma vez, para presidir e pregar na Procissão do Encontro, um tradicional e solene ato litúrgico do lugar, reunindo a população de toda a vila e das povoações vizinhas, além de visitantes e turistas.
 
(Edifício do “Paços do Concelho, onde observamos o Brasão da Vila do Crato-Portugal)
Depois de iniciada a procissão e tendo chegado ao local previamente marcado para a homilia que me foi solicitada, qual não foi a minha grande e grata surpresaao ver a figura da Mãe do Belo Amor e o Brasão do nosso Crato, nitidamente destacados em duas das janelas do histórico edifício da Câmara Municipal! Logo percebi aproposital homenagem que desejavam prestar ao nosso Crato-Cariri, aproveitando a minha presença por aquelas terras do Crato-Portugal.Tal gesto,deixou-me muito mais à vontade, fazendo-me sentir verdadeiramente em casa.

Finalizado o compromisso religioso, foi-me oferecido pela Paróquia, um Jantar-Convívio, que teve a presença de algumas das principais autoridades locais, além, naturalmente, do Pároco. Na ocasião, trocamos impressões acerca das realidades de ambos os municípios e, – o mais importante, – levantamos sugestões e propostas concretas que possam, eventualmente, ajudar na criação de condições favoráveis a um intercâmbio efetivo entre os dois Cratos, a curto e médio prazo.Tal intercâmbio,quem sabe, não somente a nível de municípios, como também, a nível de regiões (Cariri e Alentejo) e de países (Brasil e Portugal).
 

(A Igreja Matriz vista por dentro)

Na ocasião, apresentei uma proposta que, de imediato, foi assumida por todos os presentes, como prioritária. Uma ideia que trago comigo desde há muito tempo. Trata-se da possibilidade de se criar, aqui, no Crato português, a Casa-Crato-Brasil; e, posterior ou simultaneamente, aí,no Crato brasileiro, a Casa-Crato-Portugal.
Estas casas funcionariam como“pequenas embaixadas”, espaços de acolhimento mútuo, a partir dos quais pudéssemos dialogar e partilhar, nos mais diferentesníveis. Além disso, seriamedificações moldadas com as marcas e características próprias dos municípios que representam. Desse modo, nós que fazemos o Crato-Cariri, por exemplo, teríamos a oportunidade de ter, aqui em Portugal e, consequentemente, na Europa, uma presença permanente do que temos de melhor da nossa terra e da nossa gente, em termos de história, cultura, valores e tradições. Podemos o mesmo dizer em relação à casa de Portugal aí em Crato: uma mostra do que há de melhor e mais expressivo na cultura portuguesa. Tudo isso, de maneira dinâmica e sempreatual, na justa medida em que os acontecimentos forem se desenrolando, de parte a parte.

Todavia, no que diz respeito à viabilização concreta deste projeto, quanto aosmeios e recursos necessários à sua execução, tudo ficou para ser pensado nesses próximos tempos, em novos e oportunos encontros, os quais deverão envolver todos os intervenientes einteressados, de um lado e do outro do atlântico. Neste sentido, convidei o Monsenhor PauloHenriques para que me acompanhe numa visita ao Crato, em Janeiro de 2014, aproveitando a realização do 13º Encontro Intereclesial das CEBs, que terá lugar na nossa Diocese. O convite foi prontamente aceito, deixando-nos, assim, a viva esperança de que, no mínimo, daremos continuidade ao diálogo aqui iniciado.
Da minha parte, o que posso dizer é que me coloco à inteira disposição desta causa, fazendo o que me for possível, enquanto aqui estiver, a fim de que este sonho de aproximação entre os dois Cratos se transforme em realidade, o quanto antes. Tanto é que já me comprometi a ir mais vezes ao Alentejo, amiudando os contactos e buscando estreitar, cada vez mais, os laços que nos unem. Deus permita que as coisas possam avançar.
 

(Da esquerda para a direita: António Manuel Ferreira, Vice-Provedor da Misericórdia; Mário Cruz, Provedor da Santa Casa de Misericórdia do Crato; Monsenhor Paulo Henriques Dias, Vigário Geral da Diocese e Pároco do Crato; Pe. Elias; João Teresa Ribeiro, Presidente da Câmara Municipal do Crato – Prefeito do Município; Isidoro Aires, Secretário do Conselho Econômico da Paróquia do Crato; Fernando Gorgulho, Vereador da Câmara Municipal do Crato e Mariano Cabeço, Diretor do Museu Pe. Belo e Secretário-Geral da União das Misericórdias Portuguesas).  
( Na foto acima, temos os participantes da procissão, à escuta, no local chamado “Largo do Concelho”)
Por:  Pe. Raimundo Elias Filho.

Exumação dos restos mortais de Pablo Neruda deve começar hoje no Chile

 

Brasília – Autoridades e especialistas no Chile preparam para hoje (8) o início do processo de  exumação dos restos mortais do poeta Pablo Neruda. O corpo do poeta, que morreu em setembro de 1973, foi enterrado na região de Isla Negra, a 100 quilômetros de Santiago, a capital chilena. Participarão da exumação um total de 12 pessoas – peritos do serviço forense, especialistas da Universidade do Chile e observadores internacionais.
A versão oficial é que o poeta morreu em consequência de complicações causadas pelo câncer de próstata, em um hospital privado, em Santiago. Porém, amigos e parentes de Neruda sempre manifestaram dúvidas sobre a morte, pois ele era um crítico do governo militar e morreu logo após a instauração da ditadura no país.
No grupo de especialistas que acompanhará a exumação estão o toxicologista norte-americano Ruth Winecker, o cirurgião Aurélio Luna e o legista Francisco Etxeberria – este último participou, em 2011, do processo de exumação dos restos do presidente chileno Salvador Allende, que também morreu em 1973.
Três observadores internacionais estarão presentes durante a exumação, além do presidente do Partido Comunista (PC), Guillermo Teillier, o advogado da legenda  Eduardo Contreras, um sobrinho do poeta, Rodolfo Reyes, assim como o motorista que trabalhou para Neruda, Manuel Araya.
Em 2011, Araya levantou a suspeita sobre a causa da morte do poeta, levando o Partido Comunista, ao qual Neruda pertencia, a apresentar um pedido à Justiça para a abertura de inquérito. Em fevereiro, o juiz Mario Carroza, da Corte de Apelações de Santiago, decidiu pela exumação para esclarecer as causas da morte.
*Com informações da emissora multiestatal de televisão, Telesur.

O domingo foi de festas no Cariri: inaugurado o Santuário Diocesano da Divina Misericórdia, na cidade de Barro – Por Armando Rafael

 

  
Um público superior a quatro mil pessoas assistiu à solenidade de ereção do Santuário Diocesano da Divina Misericórdia, em Barro, na manhã/tarde do último domingo. O evento religioso durou quatro horas, mas ninguém reclamou, nem arredou o pé do templo ou das tendas armadas ao derredor da igreja-matriz de Santo Antônio. O silêncio respeitoso foi a tônica daquelas horas.
    O bispo dom Fernando Panico recebeu, em vários momentos da solenidade, aplausos espontâneos dos numerosos fiéis, provando o quanto é estimado na sua diocese. O evento teve a participação de 23 sacerdotes, além de caravanas de fiéis, vindas de quase todas as cidades caririenses, desde os municípios limítrofes da diocese, a exemplo de Campos Sales – fronteira com o Estado do Piauí – até Penaforte, limites com Pernambuco. A distância entre essas duas cidades é de cerca de 300 km.
O governador do Ceará, Cid Ferreira Gomes, mandou para representá-lo o Secretário das Cidades, Camilo Santana. Cerca de dez prefeitos também marcaram presença.
A beleza da liturgia católica
    A organização do evento religioso foi impecável.  O cerimonial de dedicação de uma nova igreja é rico, e consiste num harmonioso encadeamento de atos litúrgicos, todos eles cheios de significado. Logo no início, dom Fernando Panico abençoou a água, com a qual aspergiu o povo, em sinal de penitência e em lembrança do Batismo, assim como as paredes e o altar da nova igreja, a fim de purificá-los.
Depois colocou duas relíquias de santos sob o altar. Essa tradição remonta aos primeiros séculos da Igreja, quando, nos espaços limitados e recônditos das Catacumbas, tornou-se habitual celebrar a Missa sobre a pedra tumular de um mártir.
   Depois do rito da unção, colocou-se sobre o altar um fogareiro para queimar o incenso, sinal de que o sacrifício de Cristo, perpetuado aqui sacramentalmente, sobe até Deus como suave aroma, junto com as orações dos fiéis. Por fim, procedeu-se a iluminação festiva da igreja, além de serem acesas 12 velas, que simbolizam os 12 apóstolos, a lembrar de que Cristo é a Luz que ilumina as nações.
   Por fim, o bispo diocesano ungiu o novo altar do santuário com o óleo do Santo Crisma. Nos quatro ângulos e no centro do altar de granito foram traçadas cruzes com o crisma, que simbolizam misticamente as cinco Chagas do próprio Cristo, o “Ungido” pelo Pai, por meio do Espírito Santo, como único Sacerdote da Nova Aliança.
Momentos finais
   Após a homilia de dom Fernando, o chanceler da Diocese de Crato, Armando Lopes Rafael, fez a leitura do Decreto que criou o Santuário Diocesano da Divina Misericórdia. Ao término da leitura, o público irrompeu em demorado aplauso.

   Falou em seguida o Prefeito de Barro, Francisco Luiz Tavares de Araújo, afirmando: “Este é o maior acontecimento de toda a história de Barro! Depois de hoje, esta cidade nunca mais será a mesma. Preparemo-nos para receber, com muita hospitalidade e apreço, os romeiros do Cariri e de cidades de outros estados que aqui virão em busca do consolo da Divina Misericórdia”. Disse mais o prefeito: “Vou encaminhar projeto de lei, à Câmara de Vereadores, declarando feriado municipal todo dia 7 de abril, para lembrar a criação do nosso santuário diocesano. Este santuário é um marco espiritual, mas também, representará um impulso no progresso desta cidade”. 

   Falaram, por fim os padres Francisco Gonçalves Pereira (idealizador do santuário) e o pároco de Barro, padre Arnaldo Pereira do Nascimento.

 Dom Fernando Panico, como sempre faz, cumprimentou os fiéis, a começar pela multidão que estava do lado de fora da igreja. Ele gastou 10 minutos nesse percurso (Foto: Elizângela Santos, do “Diário do Nordeste”)
 
 
 
 
 
 

De carona com o destino – Por: Emerson Monteiro

… Você foi o caso mais antigo, o amor mais amigo que eu já vivi - do rádio fanhoso, na mercearia a lado da pista, escutava Roberto Carlos descrever seus mesmos sentimentos.
Fim de tarde de domingo mormacento, quando retornava de sesta feliz junto da namorada. Pousava de bom moço, contudo a história muitos sabiam.
Comerciário, homem casado, pai de filhos, dois menores e dois maiores, inclusive a esposa conhecia detalhes do romance rural que lhe aparecera a sacolejar as monotonias do cotidiano.
Dizem existir as coisas de fatalidade, quando acontecem amores, acidentes, fortunas, surpresas. Deva preferências às agradáveis, em que enquadrara a doce namorada, moça bonita, carinhosa, de amofinar coração desencantado.
Nisso de pensamentos sonhados deslizava na brisa morna do anoitecer, aguardando transporte defronte da estrada que o levaria de volta ao lar oficial. A clandestinidade às vezes lhe desconfortava o juízo, porquanto não esquecia a esposa nos devaneios. Persistia dúvida atroz… Dividir as afeições na cama parecia lenda feia… Traição? Remorso. E os filhos… A namorada, no entanto, já esperava o primeiro… Lá por no meio remexia algo semelhante a cólica, porém a altura do peito mostrava só dor esquisita.
Nisso de pensar, um carro parou ali próximo. Ia no itinerário. Pediu carona quando o dono voltava da bodega apertando na boca resto de uma laranja azeda.
E desceram ladeira a baixo, rumo da cidade. O homem calado iniciou apertando o pé no acelerado do veículo bem usado, zoadento e oscilante no vento.
Pouco a pouco cresceram na velocidade. Aquele carro não lhe parecera próprio para correr assim. As aparências enganam, pensou. A mata passava ligeira, mais ligeira… Olhou desconfiado o motorista. Bota estranho naquilo. Figura agora sinistra, olhos fundos, vermelhos… Cabelo desgrenhado. Riso fixo nos lábios repuxados, o que depois virou uma gargalha sardônica, zombeteira. Indiferente, imprimia ao fusca idoso seu gozo sinistro. Cento e poucos quilômetros, cento e vinte, talvez.
Para resumir, fechava as curvas cantando pneus e jogando terra na coxia, enquanto o motor resfolegava; só saltar fora da carcaça. Cinto que é bom, nada, apenas a máquina perigosa passava fervendo nas cerâmicas do Monte Alegre e segua o sentido das curvas da Batateira.
No percurso, lhe confortava todo o tempo o Salmo 23 que pusera na linha da imaginação (pois bom cabrito não berra). Acalma de verdade, desacalmou, istou sím, embaixo, no barranco, pois forçava a porta querendo escapar andando da lataria retorcida e fumegante do velho automóvel virado. Na testa, escorria sangue a encobrir os olhos ardidos. Chegou em casa a pé. Recordava as letras dos filmes que diziam qualquer semelhança com personagens reais é mera coincidência.
Caso o homem durasse longo tempo depois do acidente, ouviria na intuição que de uma escapa cem anos vive. Na hora do acidente, apenas deu as costas e deixou atrás a poeira da barra das calças escuras. Reclamava do sem jeito da boa sorte, a subir da ribanceira.

Mensagem para reflexão: Por Maria Otilia

Inicia em 2013 um novo período de gestão municipal nos municípios brasileiros.Muitos gestores novos, iniciando seu primeiro mandato.E um dos grandes desafios para que a gestão seja um sucesso, é a visão de liderança  que cada um deve ter.
Posto aqui uma fábula para que reflitamos sobre  liderança.Esta é uma fábula de Liderança sobre um cavalo que se recusava a beber água.
ENSINANDO CAVALOS A BEBER ÁGUA
Conta a fábula que um fazendeiro comprou um bom cavalo por um bom preço. Deixou-o com seu filho com a incumbência de arar o terreno de sua propriedade para efetuar o plantio da primavera. O cavalo era o mais novo orgulho da família, belo, musculoso, com crina e pelo brilhante.
No primeiro dia, o garoto colocou os arreios no cavalo e o levou em direção do local onde deveria arar a terra. No caminho parou em um ribeirão onde todos costumavam levar os cavalos para beber água. Ele sabia que os animais deviam beber água antes de iniciar o trabalho duro, porém ao levar o cavalo no ribeirão, este se recusou a beber.
Chegando ao local, o garoto colocou todos os aparatos no cavalo para iniciar os trabalhos. Depois de muito custo, conseguiu com que o cavalo, em um dia inteiro, arasse apenas alguns metros de terra e por mais que tentasse, nunca de maneira reta como os outros cavalos faziam. Isso era simplesmente ridículo se comparasse aos outros pangarés que conseguiam arar cinqüenta vezes mais em um dia.
Chateado o garoto retorna para casa. No caminho de volta, para no mesmo ribeirão para que o cavalo pudesse beber água. Novamente o cavalo se recusa a beber água.
Chegando a casa, ele solta o cavalo no estábulo e desesperado, o cavalo vai em direção a tina de água e bebe ofegante até a última gota. O garoto não compreende.
Esta situação se estende por dias, até que um dia, tentando fazer o cavalo beber água no ribeirão, ele se depara com o espírito do ribeirão.
Neste encontro o espírito fala para que o garoto solte o cavalo no ribeirão ao invés de levá-lo para onde todos os outros trabalhadores levavam os cavalos. Com certo receio, o garoto soltou o cavalo e não demorou para que este disparasse ribeirão acima. Cheio de medo, achando que perderia o cavalo de seu pai, correu atrás. Depois de alguns metros reparou que o cavalo parou, foi em direção a margem, cheirou a água e … bebeu.
Novamente o espírito do ribeirão conversa como garoto e explica que o cavalo não bebia no local onde os outros cavalos bebiam, pois lá a água estava sempre barrenta pelo fato dos outros cavalos pisotearem a margem. Este cavalo em específico queria água limpa e por isso só bebia quando chegava ao estábulo.
Querendo aprender mais sobre aquele cavalo, o garoto questionou o espírito porque ele não arava como os outros cavalos. Por mais que ele tentasse fazer com que arasse em linha reta, o cavalo sempre ia puxando para esquerda ou para direita. Foi ai que o espírito falou ao garoto: – Já tentou soltar as rédeas do cavalo enquanto ele ara? Seu cavalo foi grandioso, foi um campeão de corridas.
O garoto seguiu o conselho do espírito e soltou as rédias. O cavalo começou a arar o terreno em uma espiral e conseguiu terminar o serviço no mesmo dia. Serviço que outros pangarés demorariam dias para concluir. O único problema é que ao invés de arar em linha, arou em espiral, mas isso não afetava em nada o plantio.
Bem, resumindo a fábula é esta. Nas entrelinhas, descreve que um Líder deve entender e conhecer a capacidade de cada um de sua equipe, deixando-os livres para fazerem o que sabem fazer de melhor. Não se deve colocar “cabrestos” nas pessoas. Cada um é “programado” para fazer determinadas tarefas e cabe ao Líder reconhecer esta “programação” e tirar proveito disso em prol dos objetivos por ele traçados.
Extraída do Livro: Liderança e Competitividade.

Negociações sobre programa nuclear iraniano terminam sem acordo

IranPaís é acusado de enriquecer urânio para fabricação de bomba atômica
Após dois dias de negociações, terminou sem acordo o encontro no Cazaquistão para debater o programa nuclear iraniano.

A representante de Relações Exteriores da União Europeia, Catherine Ashton, disse hoje (6) que as posições do Irã permanecem distantes das opiniões das potências negociadoras (grupo formado por Estados Unidos, China, Rússia, França, Grã-Bretanha e Alemanha).

Governo iraniano nega interesses militares no seu programa de enriquecimento de urânio. Foto: Agência Reuters

As discussões foram uma tentativa de romper o impasse sobre o programa atômico do Irã. O país é acusado de buscar a bomba atômica, mas argumenta que tem interesses meramente energéticos e medicinais.

As potências globais pediam que o Irã desse garantias de que não será capaz de produzir a bomba atômica. O país nega ter essa ambição e pede o fim imediato das sanções econômicas e o reconhecimento de seu direito de enriquecer urânio.

Agência Brasil

Exame de DNA revelará se ossada encontrada em Minas Gerais é de Eliza Samúdio

ElizasamudioEx-modelo está desaparecida desde 2010 e foi declarada morta no início deste ano

A Polícia Civil apura se uma ossada humana encontrada na região rural de Nova Serrana (MG) é de Eliza Samudio, ex-amante do goleiro Bruno Fernandes. A jovem está desaparecida desde junho de 2010 e foi declarada morta pela Justiça no início deste ano.

Exame deve ficar pronto até a próxima semana. Foto: Agência O Globo

Segundo a polícia, a ossada foi encontrada há algum tempo e passou por análise no Instituto Médico Legal (IML) da região. Com o resultado, porém, surgiu a suspeita de que possa ser de Eliza Samudio. Com isso, foi feito o exame de DNA que deverá ficar pronto na próxima semana.

O delegado Rodrigo Noronha afirmou em entrevista  que as ossadas têm características semelhantes as de Eliza, como a estatura em torno de 1,70m, tamanhos dos pés correspondente ao calçado número 37 e um possível ferimento na cabeça.

A polícia afirmou que alguns ossos estavam faltando na ossada localizada em um buraco dentro de uma propriedade privada. Ela não possuía as mãos, o braço direito e o fêmur esquerdo. A localização da ossada ocorreu após uma erosão que a deixou exposta.

O goleiro Bruno foi condenado a mais de 20 anos de prisão pela morte de Eliza no mês passado. Antes disso, Luiz Henrique Romão, o Macarrão, ex-secretário de Bruno, já tinha sido condenado a 15 anos de prisão.

 Folhapress

Polícia Federal irá investigar se Lula participou do mensalão

 

Lula_preocupadoSerá a primeira vez que será aberto inquérito criminal para investigar se o ex-presidente Lula atuou no mensalão.

A Procuradoria da República no Distrito Federal pediu, nesta sexta-feira (5), a Policia Federal a abertura de inquérito para investigar acusações feitas pelo operador do mensalão, Marcos Valério de Souza, contra o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e o ex-ministro Antonio Palocci.

Será a primeira vez que será aberto inquérito criminal para investigar se o ex-presidente Lula atuou no mensalão.

No processo principal do escândalo, julgado no ano de 2012, pelo Supremo Tribunal, o ex-presidente não chegou a ser investigado. Ele prestou apenas um depoimento por ofício, como testemunha sobre o caso.

O pedido de abertura do inquérito tem como base depoimento de Marcos Valério à Procuradoria-Geral da República em setembro de 2012, no meio do julgamento do mensalão.

Marcus Valério acusou Lula, Palocci e Miguel Horta, então presidente da Portugal Telecom, de negociarem e repassarem US$ 7 milhões para o PT.

Segundo Valério, o dinheiro seria usado em campanhas petistas e para pagar os deputados da base.

No pedido enviado, nesta sexta-feira (5), à Polícia Federal, a Procuradoria solicitou “diligências” para averiguar até a data exata do encontro citado por Valério.

Condenado a 40 anos de prisão no julgamento do mensalão, Marcus Valério realizou outras acusações no depoimento, como a de que Lula se beneficiou com recursos do esquema.

Ceará Agora

Orquestra Sinfônica da UECE apresenta FRÉDÉRIC PELASSY (Violino) em apresentação solo na Série Concertos de Câmara

FREDERICPELASSY

 O violinista Frédéric Pelassy, um dos artistas franceses mais reconhecidos no exterior, é o convidado da Orquestra Sinfônica da UECE para a Série Concertos de Câmara neste domingo, 07 de abril, às 17 horas, no Theatro José de Alencar.

Descoberto ainda criança por Yehudi Menuhin, o violinista já gravou 24 discos, tendo se apresentado em mais de 50 países em todos os continentes. Em turnê no Brasil, Frédéric Pelassy interpreta: Jean-Sébastien BACH, 2° partita BWV 1004; Serge PROKOFIEV, sonate pour violon seule op 115; Darius MILHAUD, Courte Sonatine Pastorale; JOLIVET, Incantation; YSAYE, 3° sonate; PAGANINI: Caprices.

Ceará é Notícia

Colombianas fazem marcha pelos direitos das mulheres

Colombianasmarcha3Bogotá – O grito de guerra “Alerta, alerta! Quem caminha? A Marcha das Putas da América Latina!” ganhou as ruas de Bogotá neste sábado (6) com a Marcha das Putas da Colômbia. Além da capital, a manifestação foi realizada em outras cidades do país, como Cartagena, Medelin, Cali e Barranquilla. Mulheres de todas as idades e homens marcharam pelo fim da violência contra a mulher e pelo direito que cada uma deve ter sobre o próprio corpo.

“O que faço com a minha vagina deve ser um problema meu. Ninguém tem nada a ver com isso”, disse à Agência Brasil a organizadora da marcha, Mar Candela, de 33 anos. É a segunda vez que o protesto é realizado na Colômbia.

No contexto dos manifestantes, a palavra puta tem dois sentidos. Primeiro, o direito de escolher. “Puta ou não, cada um decide sobre o seu corpo, sobre a sua roupa e sobre a própria vida”, explica Candela. Segundo, a palavra é a sigla de Por Uma Transformação Autêntica e Social.

ColombianasmarchaA palavra, no entanto, choca. O prefeito de Bogotá Gustavo Petro apoiou a marcha, mas pediu que o nome fosse trocado por Marcha das Prostitutas. As organizadoras recusaram.

“Por quê? Por que uma mulher não pode decidir ser puta? Somos todas putas por ofício ou por suspeita. Todas já fomos chamadas assim alguma vez na vida”, comenta a estudante de pedagogia Sonia Matallana, de 24 anos, que ajudou na organização logística e na divulgação do evento nas redes sociais.

A marcha na Colômbia é inspirada no movimento SlutWalk, iniciado em abril de 2011 no Canadá, um protesto contra aqueles que defendiam que os estupros aconteciam porque as mulheres se vestiam de maneira provocante. No Brasil, o protesto é chamado de Marcha das Vadias.

A estudante de artes Patricia Viveros, de 22 anos, participa da marcha pela primeira vez e diz que nada justifica a violência contra a mulher. “A roupa que visto, a minha opção sexual ou o ciúme, nada disso justifica que sejamos desrespeitadas e violentadas”, defende.

De acordo com organizações não governamentais (ONGs) que atuam em defesa das mulheres colombianas, a cada 15 segundos uma mulher sofre algum tipo de violência no país. Outro levantamento estima que a cada seis horas uma mulher é abusada sexualmente no contexto do conflito armado do país. Entre 2001 e 2009, mais de 26 mil mulheres ficaram grávidas depois de abuso sexual ou estupro.

A organizadora do evento acredita que o primeiro passo é gerar uma cultura de igualdade e de respeito. “Nossa sociedade é muito machista. Temos que começar a mudar isso dentro de casa, com os homens e mulheres que criamos como mães”, conta Candela, que tem uma filha adolescente.

Alguns homens já apoiam a causa. O estudante Andrés Beltrán, de 16 anos, faz parte de um grupo de homens chamado Coletivo Masculinidade, que se juntou à marcha para apoiar as mulheres.

“Não podemos discriminar a mulher por suas escolhas e nós, homens, não somos superiores. Somos iguais.”

Leandra Felipe
Correspondente da Agência Brasil/EBC 

Edição: Andréa Quintiere

Agência Brasil

Novas eleições ocorrem neste domingo em 16 municípios de sete Estados

 

Eleicoes2012Neste domingo (7), eleitores de 16 municípios de sete Estados do país voltarão às urnas para eleger novos prefeitos e vice-prefeitos. As novas eleições ocorrerão nas seguintes cidades: Pedra Branca do Amapari, no Amapá; Muquém do São Francisco, na Bahia; Diamantina, Cachoeira Dourada, São João do Paraíso e Biquinhas, em Minas Gerais; Joaquim Távora, no Paraná; Caiçara do Rio do Vento e Serra do Mel, no Rio Grande do Norte; Triunfo, Fortaleza dos Valos, Sobradinho e Tucunduva, no Rio Grande do Sul; e Eldorado, Coronel Macedo e Fernão, em São Paulo.

Esses novos pleitos ocorrerão porque as eleições ocorridas em outubro do ano passado nessas cidades foram anuladas pela Justiça Eleitoral, uma vez que os candidatos que concorreram em 2012 com registro de candidatura rejeitado obtiveram mais de 50% dos votos válidos. Assim, a Justiça Eleitoral anulou os votos recebidos por tais candidatos, que ficaram impedidos de serem diplomados e empossados.

Segundo o Código Eleitoral (Lei nº 4.737/1965, artigo 224), no caso de nulidade de mais de 50% dos votos, novas eleições devem ser marcadas pelos respectivos Tribunais Regionais Eleitorais, no prazo de 20 a 40 dias a partir da decisão judicial que determinou a referida anulação. Além disso, em conformidade com resolução do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), os regionais devem agendar esses pleitos para o primeiro domingo de cada mês.

Até que os novos prefeitos e vices eleitos assumam suas funções, as prefeituras desses municípios estão sendo comandadas pelos presidentes das respectivas câmaras de vereadores.

Confira a seguir os detalhes das eleições deste domingo.

Amapá

Nas eleições de Pedra Branca do Amapari, no centro-oeste do Estado do Amapá, os mais de 8,2 mil eleitores do município de voltam às urnas para eleger os novos prefeito e vice da cidade. Estão aptos a concorrer à Prefeitura nas eleições de domingo os seguintes candidatos: Genival Gemaque Santana (PR) e Nanci de Souza Brito, como vice; Wilson de Souza Filho (PSB), que tem como vice Francisco Adriano Justino da Silva; e Elizabeth Pelaes dos Santos (PTN) e Carlos Alexandre Campos Costa, como vice.

Bahia

Os 8.566 eleitores de Muquém do São Francisco, na Bahia, a cerca de 700 quilômetros de Salvador, retornarão às urnas para eleger seus novos representantes. Concorrem ao cargo de prefeito de Muquém do São Francisco os candidatos Márcio Cesare Rodrigues Mariano (PP), que tem como vice Jurandir Alves de Barros, e Evandro dos Santos Guimarães (PT), com a vice Gilmaria Rios Pereira.

Minas Gerais

Quatro cidades mineiras realizarão novas eleições para a escolha de prefeitos e vice-prefeitos. Em Diamantina, no Vale do Jequitinhonha, 35.414 eleitores decidirão a disputa entre três candidatos. São eles: Marcos Roberto Tibães (PT), que tem como vice Marcilio Alisson Fonseca de Almeida; Paulo Célio de Almeida Hugo (PSDB) e o vice Cássio Antonio Moreira; e Ragosino Ferreira de Araújo (PTC), que tem como vice Ronaldo Ferreira da Silva.

Concorrem nas novas eleições para prefeito e vice da cidade de Cachoeira Dourada, situada no Triângulo Mineiro, Ciro Otaviano Soares (PT), que tem como vice Ednilson Joaquim do Nascimento, e José Marcio Storti (PTB), com o vice Ovidio Afro Dantas. Os candidatos disputam os votos dos 2.049 eleitores do município.

Os candidatos a prefeito que disputarão as novas eleições em Biquinhas, no Centro-Oeste de Minas Gerais, são: Carlos Alberto Rodrigues Pereira (PR), que tem como vice José Luiz de Almeida; e Cleiton Alexandre da Silva (PSDB), com a vice Lucien Donizete do Amaral. Ao todo são 2.832 eleitores da cidade que voltarão às urnas no domingo.

E em São João do Paraíso, localizado no sudoeste de Minas, os candidatos ao cargo de prefeito e vice são: Antônio de Oliveira Pinto (PSDB), que tem como vice Roberto Cesar Mendes (DEM), que já esteve à frente da Prefeitura da cidade; e Antônio Caroba da Silva (PT), cujo vice é Natalino Dias de Oliveira.

Paraná

A nova eleição em Joaquim Távora, no Paraná, contará com os seguintes candidatos: Gelson Mansur Nassar (PSDB), que tem como vice Valdeci Azarias; e Emílio Calil Neto (DEM) e João Carlos Castanheira Néia, como vice. A cidade de Joaquim Távora localiza-se no Norte Pioneiro Paranaense e possui 8.201 eleitores.

Rio Grande do Norte

Neste domingo, 14.221 eleitores do Rio Grande do Norte voltam às urnas para eleger os prefeitos e vice-prefeitos das cidades de Caiçara do Rio do Vento e Serra do Mel.

Em Caiçara do Rio do Vento, o novo pleito contará com 5.154 eleitores. Os candidatos à Prefeitura do município são Conceição de Maria Gomes Lisboa Rocha (DEM), com o vice Francisco Laecio Confessor, e Arnaldo Aciole de Lima (PMDB), tendo como candidata a vice-prefeita Tereza Cristina de Andrade Pereira.

Já em Serra do Mel, 9.067 eleitores irão às urnas para eleger os novos representantes do município. Fabio Bezerra de Oliveira (PMDB) e a candidata à vice Erivaneide Zacarias da Costa Sobral terão como concorrentes nesta nova eleição Francisca Rodrigues Costa (PT) e Maria da Conceição Pinheiro Melo, como candidata à vice.

Rio Grande do Sul

Os eleitores de Triunfo, Fortaleza dos Valos, Sobradinho e Tucunduva, no Rio Grande do Sul, também voltam às urnas para escolherem prefeito e vice-prefeito.

Em Triunfo, concorrem na nova eleição os seguintes candidatos a prefeito e vice-prefeito, respectivamente: Mauro Poeta (PMDB) e Gaspar Martins (PRB); Lino Viegas (PDT) e Roseli de Souza (PDT); Juvandir Pinheiro (PP) e Eleaine Pereira (PSDB); e Valdair Kuhn (PSB) e Ana Beatriz dos Santos (PSB). O município tem 23.019 eleitores.

No município de Fortaleza dos Valos, os 3.935 eleitores decidirão entre os seguintes candidatos: Adair Toledo (PDT) e Leonir Barichello (PT); e Janice Bock Oliveira e Giovane Nogueira, ambos pelo Partido Popular (PP).

Luiz Affonso Trevisan (PMDB) e seu vice Jurandir João Serena (PSB) e Armando Mayerhofer (PP), tendo como vice Júlio César Padilha dos Santos (PP), concorrem na nova eleição para prefeito de Sobradinho. Situado na chamada Região Centro-Serra do Estado, o município tem 11.110 eleitores.

Disputam a nova eleição para prefeito de Tucunduva os candidatos Paulo Roberto Schwerz (PMDB) e seu vice Anildo Freddo (PMDB), e Mateus Vicente Busanello (PP), que tem como vice Dionísio Fronza (PT). Localizada a 525 quilômetros de Porto Alegre, no noroeste do Estado, Tucunduva tem 4.872 eleitores, segundo dados do TSE de janeiro deste ano.

São Paulo

Mais de 17, 9 mil eleitores dos municípios de Eldorado, Coronel Macedo e Fernão voltarão às urnas neste domingo.

O município de Eldorado tem 11.916 eleitores, é estância turística no litoral sul do Estado e fica a 140 quilômetros da capital. Cinco chapas concorrem na nova eleição: Dinoel Pedroso Rocha (PV), com o vice Benedito Alves da Silva; Donizete Antônio de Oliveira (PTB), tendo como vice Franciny Ferreira; Irineu da Boaventura Pedroso (PCdoB) e Yassuo Yamane como vice; Eduardo Frederico Fouquet (PMDB), com Ivanir Beber; e Fernando Cláudio de Freitas (PSDB), com Drausio Mariano Pereira.

Coronel Macedo, que é atendido pela 236ª Zona Eleitoral de Taquarituba, fica na região sudoeste do Estado, a cerca de 300 quilômetros da capital São Paulo e tem 4.413 eleitores. Concorrem ao cargo Heliton Eduardo Ferruda Veiga (PTB), tendo como vice Edna Tonon Dias, e Edivaldo Neres Meira (PSDB), com o vice José Roberto Santinoni Veiga.

Fernão, que pertence à 47ª Zona Eleitoral de Garça, está situado no centro-oeste do Estado e conta com 1.574 eleitores. Possui uma área de apenas 100 quilômetros quadrados, próximo a Marília. São duas chapas concorrentes: Altemar Canelada Campos (PTB) e o vice Hatilton Fodra, e Adelcio Aparecido Martins (PR), tendo como vice Yoshiyuki Taniguti.

Pleitos já realizados

Até o momento, já foram realizadas novas eleições em 10 municípios: Guarapari, no Espírito Santo; Novo Hamburgo e Eugênio de Castro, no Rio Grande do Sul; Balneário Rincão, Campo Erê, Criciúma e Tangará, em Santa Catarina; Camamu, na Bahia; e Bonito e Sidrolândia, no Mato Grosso do Sul.

Ainda há a possibilidade de que novas eleições, referentes ao pleito de 2012, sejam marcadas em outros municípios brasileiros no decorrer deste ano.

Tarifas de ligações de fixo para móvel ficam 18,6% mais baratas no Ceará

Redução é determinação da Anatel e vale a partir deste sábado (6). Outros estados terão redução de 8,77% no valor da ligações.

Telefone-fixo-20110910110413As ligações locais de telefone fixo para móvel ficam mais baratas 18,6% a partir deste sábado (6) no Ceará. A determinação é da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel). No estado, as tarifas de ligações de longa distância de telefone fixo para móvel também terão a mesma redução.

A nova tabela de valores de remuneração de uso de rede do serviço móvel pessoal e do serviço móvel especializado foi publicada pela Anatel na sexta-feira (4) no Diário Oficial da União.  As operadoras Oi (Brasil Telecom), Telefônica, CTBC Telecom, Sercomtel e Embratel terão uma redução de 8,77% no valor das tarifas. A Telemar Norte Leste, pertencente à Oi, terá redução de 18,60%.

Em 2013, as concessionárias Oi S.A (Brasil Telecom), Telefônica, CTBC Telecom, Sercomtel e Embratel terão redução de 8,77% no valor das tarifas.  O Conselho Diretor da Anatel aprovou no dia 28 de fevereiro a proposta de redução nas tarifas das chamadas feitas de telefones fixos para telefones móveis.

No ano passado, Oi (Brasil Telecom), Telefônica, CTBC Telecom, Sercomtel e Embratel tiveram redução de 10,78% nas tarifas de telefonia fixa. A Telemar Norte Leste S.A não reduziu tarifas, em função de determinações judiciais.

De acordo com a agência, as concessionárias Telefônica, CTBC e Sercomtel tiveram aprovado um aumento de 0,568% sobre a cesta de serviços, que inclui custo da tarifação por minuto, assinatura básica e taxa de habilitação. Os reajustes da Oi foram de 0,553%, e os da Embratel, de 0,554%, segundo a agência Valor Online.

O reajuste aprovado vale somente para as concessionárias que herdaram a estrutura do sistema Telebras, na privatização do setor. Portanto, os índices não recaem sobre os serviços de telefonia fixo oferecido pelas empresas autorizadas que atuam no regime privado – por exemplo, Net e GVT.

Do G1 CE

Corpo de operário arrastado por correnteza é encontrado no Ceará

Homem tentou atravessar riacho com a moto, mas não conseguiu. Local é perigoso; moradores relatam outros acidentes na região.

 

CorpoencontradoO corpo de um homem arrastado por uma correnteza na sexta-feira (5) foi encontrado na manhã deste sábado (6) no Crato, a 506 km de Fortaleza. De acordo com o Corpo de Bombeiros,  Deusimar da Silva Félix, de 35 anos, voltava do trabalho e  tentou atravessar de motocicleta uma passagem molhada no Baixio dos Tibúrcios, mas acabou sendo levado pelas águas.

O pedreiro Francisco Aílton de Andrade ajudou no resgate do corpo e explicou que só conseguiram avistá-lo porque havia parado de chover e as águas do riacho baixaram.  “Nós só conseguimos fazer o resgate porque o nível da água tinha diminuído bastante. De longe, deu para ver seu braço levantado”, disse.

De acordo com o agricultor José Andrade da Silva, todas as vezes que chove na região, o riacho fica muito perigoso. “O risco é tremendo quando chove. Fica muito perigoso e acidentes são frequentes”.
O sargento do Corpo de Bombeiros, José Moura, diz que no local já foram registrados outros acidentes nas últimas chuvas e alerta o perigo de tentar atravessar o riacho de moto.  “Toda vez que chove ficamos sabendo de pessoas que caíram dentro do riacho. Evite o máximo possível atravessar esses locais até mesmo de moto. Carro grande, nós até podemos confiar, mas motocicletas não, pois é muito perigoso”, alertou.

Do G1 CE , com informações da TV Verdes Mares

Base Zero garante água durante os 365 dias do ano

As barragens subterrâneas são usadas também para conter o processo de desertificação

Afogados da Ingazeira (PE) Um engenheiro mecânico de 80 anos e uma ideia perseverante mudaram os rumos de uma propriedade rural nesta cidade, localizada no sertão do Pajeú, a 386 quilômetros de Recife. A partir da construção de barragens subterrâneas em formato de arco romano deitado foi possível armazenar água em todos os recantos da propriedade. O melhor de tudo é que a tecnologia criada por José Artur Padilha na Fazenda Caroá, de sua propriedade, é de baixíssimo custo.

BasezeroA construção das barragens é feita de maneira simples: as pedras são colocadas no chão sem qualquer tipo de escavação ou colocação de argamassa, já que a própria natureza, com o passar do tempo, se encarregará de fazer a sedimentação

O trabalho de Padilha, intitulado Projeto Base Zero, foi adotado pela Agenda 21 na área de Agricultura Sustentável do Governo Federal. Paradoxalmente, as instituições públicas não demonstram o menor interesse em financiá-lo. O fato de não envolver vultosos recursos e grandes empreiteiras talvez seja o principal entrave para o desinteresse.

“O que fazemos é seguir o que a natureza nos ensina. A diferença é que levaria cerca de 300 mil anos para se formar um barramento natural enquanto o homem pode fomentar esse processo em apenas uma semana”, explica José Artur Padilha.

BasezeroArtur Padilha num dos pontos onde tem água encanada no meio da Caatinga Fotos: Cid Barbosa

Euclides da Cunha

A construção de mananciais de superfície é duramente criticada por Padilha. “Em 1887, Euclides da Cunha já dizia que armazenar água a céu aberto era um caminho errado. Que, mais cedo ou mais tarde, todos os açudes ficariam assoreados. E é a realidade que estamos vendo. Devíamos ter adotado o processo natural de criação de reservas subterrâneas de água”.

Outra questão polêmica levantada por Zé Artur Padilha é a da transposição do Rio São Francisco. “Não vai resolver o problema do sertão. Ela vai atingir 800 quilômetros quadrados – 400 de cada margem- enquanto temos no Semiárido uma área de quase um milhão de metros quadrados. Ou seja: o seu alcance será mínimo”.

Padilha vem desenvolvendo suas ideias desde 1969. Em todos os 600 hectares da Fazenda Caroá, por conta das 100 barragens espalhadas, é possível encontrar água.

Ao contrário dos animais do sertão nordestino, que sofrem para saciar a sede nos tempos de seca, ali os bichos andam poucos metros para alcançar um dos 50 bebedouros espalhados. A água vem de uma cacimba construída entre três barragens de pedra.

Reversão

Como fica num ponto alto, abastece por meio da força da gravidade e por meio de 20 quilômetros de encanamento, toda a terra. De forma surpreendente, o engenheiro conseguiu reverter um processo de desertificação numa pequena área em menos de um ano. No local, hoje pontifica uma vegetação firme e até mesmo algumas mangueiras.

“Esse local não tinha vegetação. Em 1999, ocorreram cinco enchentes que deixaram o solo salinizado e produziram um processo de erosão enorme. Realizamos de forma acelerada e natural a reconstituição. Fenômenos naturais que se apresentavam como degradadores passaram a ser usados por nós a favor do solo, como o caso das barragens que retiveram água de forma correta. Com isso, a terra voltou a ser fértil e o restante a própria natureza se encarregou de fazer de maneira sábia”.

Com orgulho e autocrítica, Padilha mostra um barreiro que foi construído há 34 anos na propriedade. A autocrítica é pelo fato de admitir que a edificação do barreiro “foi uma burrice sem tamanho. Ainda não entendia ainda como atua a natureza. A barragem impede o curso natural da água, impossibilitando a passagem molhada e destruindo o baixio”.

O orgulho é pelo fato de ter “arrombado” o barreiro para restabelecer o trajeto da água. “Para vocês terem uma ideia do que ocorreu aqui, esse barreiro custou, a preço de hoje, em torno de R$ 100 mil. Com esse dinheiro, poderia construir 33 barragens em forma de arco romano deitado por R$ 3 mil, cada”, compara.

Simplicidade

Antes de chegar à barragem subterrânea em arco romano deitado, feita apenas de pedra, Padilha cometeu erros, como ele próprio admite. “Entre 1969 a 1979, acompanhei a tradição e, sem refletir, edifiquei algumas barragens retas, fechadas com argamassa. Depois é que passei a usar o arco romano. Só que ainda insistia na argamassa, que impede a passagem da água e faz com que ela suba para a superfície. Com isso, o sol trata de evaporá-la e apenas o sal permanecia no solo, degradando-o”.

Ao retirar a argamassa, Padilha viu que a própria natureza tratou de sedimentar a barragem, com parte dos minerais e materiais orgânicos transportados pelas águas da chuva. “Reter o solo, a água e matéria orgânica é um processo que demora milhões de anos”.

Nos Pampas

Sem apoio, o laboratório da Fazenda Caroá, que servia para Padilha expor, em palestras realizadas pelo menos duas vezes por mês, sua ideias e mostrar na prática como funciona a experiência, foi fechado. A visita que o então candidato à presidência da República Luiz Inácio Lula da Silva fez ao local, em 2002, deixou o engenheiro esperançoso de que, finalmente, sua proposta fosse replicada pelo Semiárido. Ledo engano. Para o engenheiro Artur Padilha, “a questão ambiental deve ser convergente, tem que estar acima dos partidos políticos e das forças ideológicas para o bem do País”.

FERNANDO MAIA
Repórter do Jornal Diário do Nordeste

Maior usina solar do mundo é inaugurada nos Emirados Árabes Unidos

Usina-solar-Shams-1-600x412

A maior usina solar, Sham-1, foi inaugurada no dia 17 de março deste ano, próximo a Abu Dhabi, capital dos Emirados Árabes Unidos.

Os números da usina, responsável por 10% de toda energia solar gerada no mundo, são dignos de nota. Com 258 mil espelhos refletores distribuídos em torno de 768 coletores parabólicos, ocupando uma área de 2,5 km², a estrutura usa a luz do sol para aquecer 130 km de tubos repletos de óleo que aquecem água para vapor a 380°C em 15 km de tubos fechados, que é então superaquecido a 540°C para alimentar as turbinas. A planta tem potencial para gerar 100 MW contínuos, o suficiente para atender o consumo médio de 20 mil residências.

A estrutura foi construída por uma joint venture chamada Shams Power Company, formada pela Total, uma empresa francesa, a Abengoa Solar, da Espanha, e pela empresa local Masdar. O projeto, que já dura três anos, exigiu um investimento de € 500 milhões (aproximadamente R$ 1,3 bilhões).

Em comunicado para comemorar a inauguração da usina, o sultão Ahmed Al Jaber, presidente da Masdar, aponta que a região precisa atender a uma demanda crescente de energia, ao mesmo tempo que investe para diminuir a sua pegada de carbono – a energia gerada pela Shams-1 evita a emissão de 175.000 toneladas de CO2 ao ano, o equivalente a retirar 15.000 automóveis de circulação.
O país pretende produzir 7% de sua energia elétrica a partir de fontes alternativas até 2020, uma meta que já foi superada por 21 dos 27 países membros da União Europeia há quatro anos. [PINIweb, Exame, Veja, AOL Energy, AOL Energy 2, Gulf News]

 

hypescience

Companhia aérea cobra passagens de acordo com peso dos passageiros

 

Samoa-air-600x337

Se você pretende viajar para as paradisíacas Ilhas Samoa, é melhor começar a fazer regime. A companhia aérea Samoa Air definirá o preço da passagem de acordo com o peso dos passageiros.

Normalmente, as empresas aéreas verificam apenas o peso das bagagens, e eventualmente cobram taxas por excesso de peso. Já a empresa Samoa Air irá levar em consideração o peso das bagagens e do passageiro em conjunto para calcular o preço final da passagem. O preço de cada quilograma será fixo, e irá variar de acordo com a distância da viagem: de cerca de US$ 1 a 4,16 por quilo (R$2 a R$8,32) por quilo. Um adulto de peso médio com uma única bagagem pode pagar entre 100 e 400 reais pela passagem.

“Esse é o jeito mais justo de viajar. Não existem custos extras por excesso de bagagem ou qualquer outra coisa. Ou seja, tudo é considerado quilo e será cobrado como quilo”, afirmou o presidente da empresa, Chris Langton.

hypescience

Central de Mandados Eletrônicos é implantada nas comarcas de Uruburetama, Crato e Juazeiro do Norte

 

Justicadigital

O Tribunal de Justiça do Ceará (TJCE) implantou a Central de Mandados Eletrônicos nas comarcas de Uruburetama, Crato e Juazeiro do Norte. A ferramenta funciona integrada ao Sistema Processual (SPROC) e objetiva automatizar a distribuição e movimentação das ordens judiciais.

O software possibilita ainda maior agilidade e controle sobre os mandados expedidos e cumpridos. Além disso, também emite informações relacionadas à produtividade dos oficiais de Justiça, por meio de relatórios gerenciais. As comarcas de Maracanaú e Caucaia, na Região Metropolitana de Fortaleza, já utilizam o sistema.

A implantação da Central foi promovida pelo Serviço de Organização e Métodos em parceria com o Serviço de Atendimento ao Usuário da Secretaria de Tecnologia da Informação (Setin) do TJCE. Na oportunidade, os servidores das referidas comarcas também participaram de capacitação sobre o sistema. O treinamento ocorreu nos dias 15, 21 e 22 de março, na Coordenadoria de Cumprimento de Mandados (Coman) das Comarcas.

TJCE

50 famílias ficam desabrigadas com chuvas em Milagres, no Ceará

Chuva registrada na cidade foi a maior do Estado até o momento.
Jovem morreu depois de cair dentro de um bueiro.

Milagresce

A prefeitura de Milagres, a 475 km de Fortaleza, decretou estado de calamidade pública, após a forte chuva que caiu durante toda a madrugada desta sexta-feira (5) na cidade. Segundo a Fundação Cearense de Meteorologia e Recursos Hídricos (Funceme), entre 7h de quinta-feira (4) e 7h desta sexta (5), choveu 103 milímetros no município. Esta foi a maior chuva registrada em todo o Ceará durante o período. Um jovem morreu ao cair em um bueiro e 50 famílias estão desabrigadas.

As famílias estão no Centro Social Urbano do município. A dona de casa Maria do Socorro de Oliveira conta que por pouco não foi levada pelas águas que correram pelas ruas destruindo árvores e calçadas das casas. “Foi muito medo. Eu pensava que ia morrer. Se eu não tivesse corrido para dentro de casa eu e minha familia teriamos morrido”, afirmou.

Já o vigilante Pedro Jacinto teve a calçada da sua residência arrancada devido a força da água e falou que não tem condições de ficar em casa com os filhos. “Faz 20 anos que eu moro aqui e nunca tinha presenciado isso. Vou sair daqui hoje e para casa do meu pai porque a casa não oferece nehuma segurança.


Morte em bueiro
Um jovem de 22 anos morreu após cair em um bueiro durante uma forte chuva na cidade. Segundo a Polícia Militar (PM), a água que transbordou de um açude encobriu um bueiro aberto, o jovem caiu e acabou ficando preso. A morte está sendo tratada como afogamento.  O vizinho do jovem morto, o agricultor Cícero José Luciano,  disse que ele havia saído de casa para ajudar uma irmã que estava grávida, mas acabou caindo dentro do bueiro. “Ele saiu de casa para ajudar e acabou morrendo. Foi uma fatalidade. Devido a grande quantidade de água ele não teve como ver o buraco e acabou caindo”, declarou.


Famílias cujas residência foram parcialmente ou totalmente destruídas podem pode procurar a Secretaria de Assistência Social da cidade.


Do G1 CE

Cid Gomes rebate no plenário da AL denúncias de Eudes Xavier

 CidalceGovernador Cid Ferreira Gomes no Plenário 13 de maio Foto: Paulo Rocha

O governador Cid Ferreira Gomes compareceu, nesta sexta-feira (05/04), durante o segundo expediente da sessão plenária, na Assembleia Legislativa do Ceará, para se defender das acusações feitas pelo deputado federal Eudes Xavier (PT) de que ele estaria envolvido em esquema de espionagem. O governador leu uma nota oficial divulgada à imprensa com esclarecimentos, mas fez questão de rebater e justificar o que acredita que motivou a denúncia. 

De acordo com Cid, ele recebeu informações há cerca de três meses, de que seu email estaria sendo invadido e que outras pessoas teriam acesso à sua correspondência eletrônica pessoal. O governador afirmou que a Polícia Federal e a Polícia Civil estariam investigando as pessoas que estavam acessando sua conta e adulterando emails trocados entre ele; o irmão, Ciro Gomes; o chefe da Casa Civil, Arialdo Pinho; e o secretário de Segurança Pública e Defesa Social, coronel Francisco Bezerra.

Nas denúncias de Eudes Xavier, foram apresentados emails que apontariam para um esquema de espionagem contratado pelo governador para investigar o ex-prefeito de Maracanaú, Roberto Pessoa, reconhecido desafeto dos Ferreira Gomes. Cid explicou que diante da possibilidade da invasão da privacidade por meio dos emails, e por orientação de especialista, lançou o que chamou de “isca” para identificar os culpados. Com esse email, segundo Cid, foi possível identificar as pessoas que estavam invadindo sua conta. O governador disse ainda que este foi um dos emails utilizados para as denúncias, mas com alterações.   
    
Sobre Eudes Xavier, Cid informou que vai processar nas instâncias política, civil e penal. “Eu tenho a dúvida se ele entrou nessa de idiota ou se está envolvido na quadrilha”, declarou o governador. “Desejo acreditar e continuo acreditando na Justiça do meu País e espero que absurdos como esses não possam tirar o estímulo de quem quer, de boa fé, servir ao País”.

A nota oficial lida pelo governador qualifica como “mentirosas” as informações prestadas pelo deputado Eudes Xavier e esclarece que “nunca o governador Cid Gomes, seu irmão, o ex-ministro Ciro Gomes, e muito menos o Governo do Ceará teve qualquer contato, e muito menos acerto com a empresa Kroll ou qualquer outra empresa de investigação, seja brasileira ou estrangeira, para investigar o Sr. Roberto Pessoa ou para investigar quem quer que seja”.

O documento revela ainda que os emails expedidos ou recebidos pelo governador Cid Gomes e seus secretários, citados pelo deputado petista, são falsos.

“Se eu for culpado, renunciarei ao meu mandato. Se não, que os responsáveis sejam punidos. E que isso sirva de exemplo e não desmotive pessoas que têm vontade de ingressar na vida política. Saio daqui muito mais aliviado. Não cultivo vingança, mas a bem da política é importante que essa questão seja profundamente investigada”, finalizou Cid Gomes.
HS/CG

 
ALCE

Empresa acusada de espionagem nega qualquer vínculo com Governo do Ceará

Espionagem-na-Internet1O diretor de desenvolvimento de negócios da Kroll, Vander Giordano, negou que a empresa trabalha com o serviço de espionagem.

A Kroll Inteligência nega ter acertado qualquer contrato com o governador Cid Gomes (PSB) ou com interlocutores do Governo do Estado do Ceará. Na quinta-feira (4), a empresa foi acusada de espionar o ex-prefeito de Maracanaú, Roberto Pessoa (PR), sob encomenda dos irmãos Cid e Ciro Gomes.

O diretor de desenvolvimento de negócios da Kroll, Vander Giordano, negou que a empresa trabalha com o serviço de espionagem. Segundo ele, a Kroll atua nas áreas de

“gerenciamento de risco e consultoria na área de desenvolvimento de mercados”.


Vander Giordano declarou que a repercussão do caso foi uma “grande surpresa” para a empresa.


Durante discurso na Assembleia Legislativa em que rebateu a denúncia, Cid Gomes ironizou a acusação de envolvimento com a empresa americana.


“Tenho mais intimidade com a IMF do que com essa Kroll. Não sei nem, me desculpem a expressão, o que diabo é isso”, declarou o governador.

Cid Gomes afirmou que todos os contratos feitos pelo governo do Estado são obrigatoriamente disponibilizados para a população.

“Olhem lá e vejam se tem alguma Kroll”.
Lendo o pronunciamento de Eudes Xavier (PT), autor da denúncia, Cid Gomes satirizou as informações relativas à suposta ação de espionagem.

“Aqui diz que foram seis carros para espionar o Pessoa. O que é isso, foi o Tom Cruise que veio ao Ceará para espionar?”, satirizou Cid Gomes.

Ceará Agora

Ceará: Ato cultural marca movimento para pressionar saída de Feliciano da CDDH

Feliciano

Ativistas, militantes e artistas de Fortaleza, no Ceará, realizarão nesta sexta-feira (5) mais um ato de repúdio à permanência do deputado federal Marco Feliciano (PSC-SP) na presidência da Comissão de Direitos Humanos e Minorias da Câmara Federal. Seguindo a agenda nacional, o evento na capital cearense intitulado “Eu vou tirar você desse lugar, Feliciano”, começa a partir das 18h na Praça da Gentilândia, no bairro Benfica. Em todo o Brasil, estão acontecendo manifestações semelhantes, partindo tanto da sociedade civil organizada como da classe artística conhecida nacional e internacionalmente.

Participante dos outros dois protestos que aconteceram em Fortaleza contra o cargo ocupado por Feliciano na Comissão de Direitos Humanos, a cineasta Verônica Guedes explicou que a ideia de realizar este terceiro ato com um cunho mais cultural, surgiu a partir da necessidade de fortalecer as estruturas das manifestações na capital.

“Vimos que precisava de ajuda e começamos a nos articular junto com os/as jovens para falar com artistas e igrejas para fazer esse ato, que é apartidário e ecumênico”, ressaltou.


Diferente do que algumas igrejas evangélicas acusam, de que os protestos contra o deputado e pastor Marco Feliciano teriam como foco defender apenas os direitos da população LGBT (lésbicas, gays, bissexuais e transgêneros), Verônica esclarece: “Não estamos defendendo um povo só. O ato contra Feliciano defende também negros, pessoas de outras religiões, e outros. Defendemos os direitos humanos conquistados até agora”. Para ela, “o importante é que estamos conseguindo juntar pessoas de várias matizes”.


Comentando sobre o questionamento de muitas pessoas que perguntam por que não incluir no ato o protesto contra o senador Renan Calheiros (PMDB-AL), quem preside o Senado e é acusado de desvio de recursos públicos e falsidade ideológica, Verônica explicou que o foco ao deputado Feliciano é “porque achamos que a direita fundamentalista está ganhando espaço muito rápido e isso merece foco. Tirar o Feliciano é responder a este fato que estamos vendo que está acontecendo”. Mas ela garante que o senador Renan Calheiros não foi esquecido.

Após o ato desta sexta-feira, Verônica disse que a ideia é elaborar uma carta oficial junto com as organizações participantes para ser enviada às autoridades, e por outro lado, aproveitar o trabalho das mídias alternativas para mostrar ao público a insatisfação da população cearense com a representação de Feliciano na Comissão de Direitos Humanos.

“Vou tirar você desse lugar” é uma música de autoria do cantor e compositor Odair José, muito popular no Brasil. Neste contexto, o nome da canção satiriza, fazendo menção à retirada do deputado da CDHM.


Entenda o caso


O deputado e pastor pelo PSC-SP, Marco Feliciano, foi eleito como presidente da Comissão de Direitos Humanos e Minorias da Câmara em 7 de março e desde então protestos populares e até manifestações de artistas pela sua saída tem sido frequentes pelo país, devido a suas declarações polêmicas, claramente preconceituosas contra negros e homossexuais, grupos estes que buscam justamente nos direitos humanos o respeito e a garantia de serem reconhecidos como cidadãos e cidadãs independente orientação sexual, raça ou religião.


Para saber mais sobre o ato, acompanhe o evento pelo facebook: https://www.facebook.com/events/349617278471227/


Fonte: Adital

Governo autoriza aumento no preço dos remédios

Novo aumento no preço dos remédios começa a valer; veja as mudanças:
São três faixas de aumento: 2,7%, 4,51% e 6,31%. Os percentuais variam de acordo com o número de genéricos que o medicamento tem.

Já está valendo o aumento dos remédios. O reajuste máximo liberado pelo governo é de 6,31%, mas alguns medicamentos subiram menos em algumas farmácias, mas em outras ainda tem estoques com o preço antigo. Vale a pena procurar, pesquisar, comparar os preços. As farmácias e drogarias são obrigadas a ter um caderno de preços com o valor máximo que podem cobrar para ajudar na pesquisa.

Nas farmácias já tem remédio com preço novo. A lista com os valores reajustados tem que estar à disposição dos consumidores. São três faixas de aumento: 2,7%, 4,51% e 6,31%. Os percentuais variam de acordo com o número de genéricos que o medicamento tem. Mais genéricos, reajuste também maior. Dona Jacy toma pelo menos três remédios por dia, para a pressão, colesterol e ansiedade. São cerca de R$ 500 por mês. Não fez as contas de quanto o gasto vai aumentar, mas o hábito que adquiriu pode ajudar: “Faço uma pesquisa de preços, para ver qual que eu posso comprar. Só assim eu consigo”, afirma.

Os valores foram definidos com base no índice da inflação acumulada de março a fevereiro deste ano. De 2008 a 2012 os remédios subiram 23,64% segundo o Sindicato da Indústria de Produtos Farmacêuticos. Pesado demais, avalia o médico Brasil Caiado, que costuma receitar os genéricos, que têm o mesmo princípio ativo dos originais, e por isso, segundo ele, fazem o mesmo efeito.

“Pode comprar tranquilamente um medicamento genérico, discutir com um médico qual o remédio que ele vai tomar. Se houver dúvida por parte do paciente, ele telefona para o médico, ele volta na consulta”, ressalta. Os novos preços deverão ser mantidos até março do ano que vem.

Fonte: G1
Foto: Site Belfort-roxo

Governo sobe tarifa de Energia Elétrica

 

Aneel aprova revisão tarifária de quatro distribuidoras do país

Brasília – A Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) aprovou hoje (5) os índices finais de revisão tarifária de quatro concessionárias de energia elétrica. Os índices devem incidir nas tarifas que foram reduzidas em janeiro, de acordo com a Revisão Tarifária Extraordinária anunciada pela Aneel.

Para a Companhia Paulista de Força e Luz (CPFL Paulista), a terceira revisão tarifária periódica vai resultar em uma redução de 1,5% nas tarifas dos consumidores residenciais  e de baixa renda e um aumento de 16,05% nas tarifas das indústrias. A distribuidora atende a 3,75 milhões de unidades consumidoras em 234 municípios de São Paulo.

Os consumidores residenciais e de baixa renda atendidos pela Empresa Energética de Mato Grosso do Sul (Enersul) terão redução nas tarifas de 9,49%. Os consumidores industriais terão aumento de 10,4% nas tarifas. A Enersul atende a 839 mil unidades consumidoras em 72 municípios de Mato Grosso do Sul.

A terceira revisão tarifária periódica da Centrais Elétricas Matogrossenses (Cemat) resultou em um aumento de 0,23% para os consumidores residenciais e de baixa renda e de 2,07% para as indústrias. A Cemat atende a 1 milhão de unidades consumidoras em 141 municípios do Mato Grosso.

Para a Companhia Energética de Minas Gerais (Cemig), os consumidores residenciais  e de baixa renda terão aumento de 4,99% nas contas de luz, e as indústrias terão uma redução de 4,83%. A distribuidora atende a 7 milhões de unidades consumidoras em 805 municípios de Minas Gerais.

Todas as mudanças nas tarifas valem a partir da próxima segunda-feira (8). A Aneel também aprovou os limites de Duração Equivalente de Interrupção por Unidade Consumidora (DEC) e de Frequência Equivalente de Interrupção por Unidade Consumidora (FEC) que deverão ser seguidos pelas distribuidoras.

A DEC é o intervalo de tempo que, em média no período de apuração, ocorreu descontinuidade da distribuição de energia elétrica em cada unidade consumidora do conjunto considerado e a FEC é o número de interrupções ocorridas, em média no período de apuração, em cada unidade consumidora do conjunto considerado. A DEC e a FEC são dois dos indicadores utilizadas pela Aneel para medir a frequência e a duração das interrupções de energia que atingem os consumidores.

O processo de revisão tarifária periódica é feita em média a cada quatro anos e tem como principal objetivo analisar o equilíbrio econômico-financeiro da concessão. Todas as revisões aprovadas hoje foram debatidas em audiência pública feita pela Aneel.

do Agência Brasil

Foto: pbagora.com.br

Juazeiro do Norte Imitará HOLLYWOOD ?

Há alguns dias circula no Facebook uma foto-montagem que sugere a colocação de uma placa semelhante à aquela existente em Hollywood ( Capital do Cinema ) em Juazeiro com os dizeres “Juazeiro, Capital da Fé”. Sobre isso, aponta uma postagem feita pelo admirável autor e escritor Daniel Walker, no Blog do Juaonline:
No alto do Horto, o letreiro?

“Olha lá no alto do Horto, ele tá vivo, o padre não tá morto!” Linda música do eterno Luís Gonzaga, a qual traduz com maestria o mais simples e verdadeiro sentimento do juazeirense e do romeiro em relação ao seu grande patriarca: Pe. Cícero Romão Batista.

Símbolo maior de Juazeiro do Norte, a estátua do Pe. Cícero permeia o imaginário de todo brasileiro como primeira referência da sua famosa e sagrada cidade. Desde a sua construção, reina absoluta quando olhamos para a colina do Horto. Mas agora estão querendo construir um enorme letreiro com os dizeres “JUAZEIRO CAPITAL DA FÉ” na sagrada colina. Cada letra terá o mesmo tamanho da estátua. E agora? Olharemos para o Pe. Cícero ou para o letreiro?
Vamos imaginar o Cristo Redentor. Marca registrada do Rio de Janeiro e até do Brasil. Agora coloquemos ao seu lado enormes letras afirmando: “CIDADE MARAVILHOSA”. No mínimo estranho, não seria? Se letreiro é coisa de Hollywood, então deixemos isto com os americanos. Para que copiá-los? Já temos o que é nosso! As lapinhas, as procissões, as renovações, a missa do dia 20, a penitência da Sexta-feira Santa, as romarias. Já temos o nosso padrinho olhando por nós no alto do Horto!
do BLOG DO JUAONLINE de Daniel Walker
Foto de Hollywood: Site: www.mississauga4sale.com

Chuva causa estragos no Crato

As chuvas dos últimos dias já começam a trazer um velho problema aos cratenses: A falta de infraestrutura na cidade para suportar chuvas de médio e grande porte. Ainda não foi desta vez que se repetiu a descida de caixões, caveiras e ossos do cemitério N. S da Piedade ( que aconteceu há alguns anos ), mas o problema está aí e é seguramente um desafio para a nova administração do Crato. Se uma foto vale mais que 1.000 palavras, os fotógrafos Fabrício A. de Moraes e Thibério Cesar nos contam uma verdadeira história de tristeza e descaso. ( 05/04/2013 ).

Fotos de Thibério Cesar e Fabrício A. de Moraes
Publicadas no grupo “Filhos e Amigos do Crato” ( Parte integrante do Blog do Crato )
www.blogdocrato.com
Há 8 anos, o Crato na Internet

Política com Madson Vagner – Edição de 06 de Abril de 2013

Juazeiro do Norte – O que está ruim pode piorar
É visível o afastamento dos vereadores Tarso Magno (PR) e Gledson Bezerra (PTB) da base do prefeito Raimundo Macedo (PMDB). Tarso já assume a postura de independente e Gledson ainda se diz da base, apesar de agir em sintonia com Tarso. Mas, a preocupação do líder do prefeito, vereador Sargento Nivaldo (DEM), está na chegada das próximas mensagens do executivo. Elas prometem grande polêmica ao mexer novamente com os professores e outros servidores. Já tem vereador dizendo que este será a estopim para uma debandada geral.

Luiz Ivan prefeito

Corre nos bastidores da política juazeirense a informação de que a cúpula do PMDB já estaria tentando convencer o prefeito Raimundão a renunciar para dar caminho ao vice Luiz Ivan (PTB). Os sucessivos desgastes poderiam prejudicar as pretensões de Eunício ao governo do Estado. Na negociação a segurança da permanência do grupo de Raimundão no “comando branco” da administração e a eleição de Maurinho para deputado federal. Difícil é acreditar que Raimundão aceite!

Crato – Preparando o terreno

Quem esteve no Crato, sábado último, foi o deputado federal Antônio Balhmann (PSB). Em companhia do deputado Sineval Roque fotografou áreas do Bairro do Seminário. A ideia é viabilizar verba no valor de R$ 2 milhões para viabilizar o acesso do centro ao bairro. Mas, em conversas reservadas, o destaque ficou para a afirmação de que existe uma possibilidade do sucessor do governador Cid Gomes vir do PT. Estariam no páreo os nomes dos secretários Isolda (Educação) e Camilo (Cidades). Sua animação veio de que, segundo ele, nesse contexto caso seu nome estaria no páreo para ser candidato a vice. É esperar para ver o que acontece!

Roque comemora

Quem anda comemorando a união com Balhmann é o deputado Roque. Na dobradinha com o federal, Roque acredita que deve aumentar seus votos em outras regiões que tinha pouca penetração. Ampliar a atuação é de primordial importância para Roque, já que, no Crato a eleição para estadual pode causar surpresas desagradáveis para muitos candidatos. Alguns já analisam como a mais disputada dos últimos tempos. O debate vai girar em torno de quem tem DNA cratense. Difícil!

Fortaleza – Ceará
Luizianne correndo atrás

A Executiva Estadual do Partido dos Trabalhadores (PT) se reuniu ontem, segunda-feira (01), a partir das 18 horas em sua sede. Segundo informações da assessoria, o encontro discutiu conjuntura; além de planejar caravanas e seminários. Esses dois últimos serão destinados ao interior e devem atingir filiados, prefeitos e vereadores do partido. Na verdade, o PT, ou mais especifico, a ex-prefeita e, ainda, presidenta estadual, Luizianne Lins, tenta retomar o rumo da política a qual ela tanto se afastou nos últimos anos ao se enclausurar no “castelo” da administração municipal. Luizianne caiu do cavalo e quer recuperar o tempo, os diretórios e o prestígio, perdidos no interior. Vai ser difícil!

Brasília Urgente
Direitos humanos e o domínio de satanás

O deputado federal e pastor evangélico Marco Feliciano (PSC/SP), presidente da Comissão de Direitos Humanos da Câmara, afirmou que, antes da sua chegada, a comissão era “dominada por Satanás”. Feliciano fez as declarações na sexta-feira, durante um culto em Minas Gerais. A afirmação deve aumentar o clima de guerra que tomou conta da comissão, sob a presidência do “iluminado” pastor. O certo é que partir para o confronto com as, chamadas, minorias (negros e homossexuais), não ajudará na resolução do impasse. A simples presença do pastor, acusado de racismo e homofobia, na comissão já tem causado muito desconforto. Fazer novas afirmações em resposta às manifestações denota imaturidade, tanto espiritual, quanto política. Na verdade, Marco Feliciano, tem demonstrado não ter maturidade para assumir o cargo.

Madson Vagner
Colunista do Blog do Crato e Portal de Notícias Chapada do Araripe

Secretaria de Educação realiza segunda fase da seleção para diretores e coordenadores da rede pública

A Secretaria de Educação do município do Crato estará recebendo no período de 02 a 12 de abril, a documentação dos candidatos à da segunda fase da seleção pública para composição de banco de gestores escolares para os cargos de Diretor e de Coordenador Escolar das Escolas da Rede Pública de Ensino – 2013.

Os candidatos aprovados na primeira fase deverão preencher uma ficha de entrega de documentação, disponível na Secretaria de Educação ou no site da Prefeitura de Crato: http://www.crato.ce.gov.br, juntamente com todos os documentos necessários para a inscrição. Serão analisados os títulos dos candidatos ao cargo de coordenador e diretor aprovados na primeira fase, devidamente comprovado. A entrevista será realizada por banca examinadora em dia e hora a ser informado aos participantes, posteriormente.

Segundo a secretária de Educação do Município, Eugenia Marta Nunes Mendes, o resultado da segunda fase, para os candidatos inscritos para o cargo de Coordenador e Diretor Escolar, será divulgado site da Prefeitura e publicado no Diário Oficial do Município, através de lista obedecendo-se a ordem alfabética. Os candidatos aprovados na segunda fase desta seleção estarão aptos a compor o Banco de Gestores Escolares da rede municipal de ensino para o cargo de Coordenador e Diretor Escolar.

A documentação deverá ser entregue na SALA da COORDENADORIA DE DESENVOLVIMENTO DA ESCOLA, da Secretaria Municipal de Educação, situada na Rua: Almirante Alexandrino nº: 1000 Bairros centro, em envelope com identificação do cargo pretendido.

Fonte: PMC

Música de Qualidade - 24h!



300x250advert

VIDEOS EM DESTAQUE

GALERIA DE FOTOS

Previsão do Tempo


EDIÇÕES ANTERIORES

julho 2014
D S T Q Q S S
« jun    
 12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
2728293031  

Rede Blogs do Cariri




Clique no Logo acima e visite o site oficial da Rede.

Mural Chapada do Araripe



TV CHAPADA DO ARARIPE



A TV Chapada do Araripe é composta por uma coleção de vídeos, entrevistas e reportagens. Escolha o vídeo que deseja assistir, clicando sobre o título. Veja mais detalhes na página da TV Chapada do Araripe.

HOMENAGEM DA SEMANA


CORREINHA

O Chapada do Araripe presta homenagens a um dos maiores mestres da cultura popular que faleceu em Crato recentemente, Francisco Correia de Lima, o Correinha, artista de várias linguagens atuante no município do Crato. Mestre Correinha nasceu no município de farias Brito no dia 14 de fevereiro de 1940, mas era um amante inveterado do Crato, município ao qual costumava fazer referências em suas canções. Talvez por não ter tido seu nome incluído nas listas anuais de mestres reconhecidos pelo Governo do Estado desde 2004, mestre Correinha tenha sido sepultado em meio a homenagens comoventes de moradores do município, mas, como ressaltaram amigos e familiares, sem o devido destaque por parte do Poder Público. Situação destacada durante a sua missa de corpo presente, enriquecida pelo acordeon de Hugo Linard, com quem Correinha gravou recentemente, 15 canções que agora constituem o último registro de sua obra. Segundo o próprio Hugo Linard, as canções registradas nesse último trabalho de Correinha em estúdio são, na maioria, inéditas. ´Ele gravou também ´Belezas do Crato´, mas as outras não tinham registro´, diz, citando canções como ´Coisas do meu sertão´, ´Exaltação a Barbalha´, ´Crato de Açúcar´ e ´Meu Cariri´ e ´Balanceio´. ´Fazia tempo que a gente tava cutucando ele, dizendo que ele tinha que gravar de novo. Ele fez dois compactos e outros discos, no tempo do vinil, além de vários cordéis´. Hugo Linard chama atenção para aspectos peculiares da trajetória de Correinha. ´Ele mantinha um bar aqui no Crato e ainda trabalhava como agente carcerário. Era tão querido que os presos pediram à família por ocasião do seu velório, para deixar um pouco o corpo dele lá na cadeia, para eles o homenagearem´.
Dalwton Moura

Jornal do Vicelmo

Todos os dias na Rádio Chapada do Araripe - Internet, a partir das 07:00, ouça o Jornal do Cariri com Antonio Vicelmo. O Jornal é retransmitido da Rádio Educadora do Cariri em tempo real. Você pode ouvir o programa através da nossa imensa rede de Blogs e websites. Alguns programas antigos estão disponíveis no nosso website Jornal do Vicelmo.

AUXÍLIO À LISTA

Dicas de Filmes



Por trás de todo o grande homem se esconde um professor, e isso era certamente verdade para Bruce Lee que aclamava como seu mentor um expert em artes marciais chamado Ip Man. Um gênio do Wushu (ou a escola de artes marciais da China), Ip Man cresceu numa China recentemente despedaçada pelo ódio racial, radicalismo nacionalista e pela Guerra. Ele ressurgiu como uma Fênix das Cinzas graças à suas participações em lutas contra vários mestres Wushu e lutadores de kung-fu - finalmente treinando icones de artes marciais como Bruce Lee. Esta cinebiografia do diretor Wilson Yip mostra a história da vida de Ip.

Como Publicar seu Artigo


Agora você pode entrar em contato conosco diretamente. Se vc deseja publicar algum artigo que julgue importante para o Cariri, entre em contato conosco. Todos os artigos aprovados serão devidamente creditados aos autores. Os melhores artigos merecerão destaque, e se continuados, os escritores e cronistas poderão se tornar membros permanentes doportal Chapada do Araripe. Contatos: MSN e E-mail: blogdocrato@hotmail.com

Quem somos Nós

O Chapada do Araripe é um site sem fins lucrativos, que visa promover a imagem da região do cariri cearense na Internet. Se você deseja publicar algum artigo no portal Chapada do Araripe, entre em Contato conosco.

Direitos Autorais:

DM Studio – Comunicação & Marketing. Algumas partes do Chapada do Araripe estão sob uma “Licença Creative Commons”, e outras, de acordo com seus respectivos autores, com “Todos os Direitos Reservados” –

www.chapadadoararipe.com - 2012

Contatos: Dihelson Mendonça – MSN e E-mail: blogdocrato@hotmail.com

© 2014 Chapada do Araripe - -