Moradora de Fortaleza encontra cobra de 1,5 m no telhado de casa

Cobra foi vista na manhã desta segunda-feira (31) no Antônio Bezerra. Animal foi levado para centro de tratamento do Ibama.

 

Cobra

Cobra aparece no telhado de casa, em Fortaleza (Foto: Edmundo Clarindo/Arquivo Pessoal)

A dona de casa Marilene do Nascimento foi surpreendida com uma cobra no telhado da varanda de casa, no Bairro Antônio Bezerra, na manhã desta segunda-feira (31). Segundo Marilene, a maior preocupação era a cobra atacar o cachorro de estimação da família. A família pediu ajuda para o Corpo de Bombeiros e Polícia Militar Ambiental.

Por volta das 14h30, policiais militares ambientais capturaram a cobra. De acordo com a PM, o animal é uma jiboia, mede cerca de 1,5m e não é peçonhento. A cobra foi levada para o Centro de Tratamento de Animais Silvestres do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama).

Segundo a Polícia Militar Ambiental, a jiboia normalmente tem comportamento manso, mas recomenda que pessoas evitem se aproximar do animal e, em caso de aparecimento da cobra, comunique à polícia por meio do telefone 190.

Do G1 CE

Confiança do Comércio fecha primeiro trimestre do ano em queda

Gráfico-quedaO Índice de Confiança do Comércio (Icom) fechou o primeiro trimestre do ano com queda de 2,1%, na comparação com o mesmo período do ano passado. Os dados foram divulgados, hoje (31), pelo Instituto Brasileiro de Economia (Ibre) da Fundação Getulio Vargas.

Eles indicam uma diminuição relativa da confiança do setor, uma vez que as variações interanuais trimestrais foram  -1,6% e -1,2% em janeiro e fevereiro, respectivamente, nas mesmas bases de comparação.

Enquanto em relação ao momento presente as avaliações mostram-se menos favoráveis, nas expectativas para o futuro próximo houve aumento do otimismo, com os dados apresentando tendências aparentemente distintas nos dois horizontes de tempo abordados no questionário.

O Ibre ressalta, porém, que a queda na comparação interanual do Índice de Expectativas (IE-COM) deve ser relativizada em decorrência do “efeito-base provocado pela diminuição atípica do otimismo no período, entre dezembro de 2012 e março de 2013”. Para os técnicos, o resultado da pesquisa sinaliza que o setor continua em ritmo “entre fraco e moderado de atividade findo o primeiro trimestre do ano”.

A variação interanual trimestral do Índice da Situação Atual (ISA-COM), apresenta a maior variação negativa nesta base de comparação desde novembro de 2013, quando a variante havia fechado negativo em 9,8%, ao passar de -4,4%, em fevereiro, para -8,0%, em março. Já o IE-COM fechou com variação interanual trimestral em março de 2,0%, um aumento em relação aos 1,3% de fevereiro.

Entre fevereiro e março, todos os cinco principais segmentos sinalizaram desaceleração, com destaque para veículos, motos e peças e atacado. No primeiro, mantendo a trajetória declinante iniciada em novembro passado, a variação interanual trimestral passou de -7,6%, em fevereiro, para -9,9%, em março.

O ISA-COM retrata a percepção do setor em relação à demanda no momento presente. Na média do trimestre findo em março, 14,7% das empresas consultadas avaliaram o nível atual de demanda como forte e 23,3%, como fraca. No mesmo período de 2013, estes percentuais haviam sido de 17,3% e 17,9%, respectivamente.

Entre fevereiro e março, considerando-se a comparação interanual trimestral, o indicador que mede o otimismo em relação às vendas nos três meses seguintes foi o que mais contribuiu para a melhora do IE-COM, ao passar de uma variação de 2,6% para 4,2%. Já a taxa de variação do indicador, que mede o otimismo com a situação dos negócios nos seis meses seguintes, subiu para 0,1%, no mesmo período. 

Tribunal condena ex-ministro de Israel por corrupção

OlmertTel Aviv – Um tribunal distrital de Tel Aviv condenou, hoje (31), o ex-primeiro-ministro israelense, Ehud Olmert, em um processo por corrupção ligado a um escândalo imobiliário em Jerusalém, informou a mídia local.

Depois de mais de dois anos de julgamento, quando foram ouvidas 103 testemunhas e 13 acusados no caso de corrupção mais grave e complexo da história de Israel, o juiz David Rozen declarou o ex-primeiro-ministro culpado de suborno, crime cometido quando exerceu o cargo de presidente da Câmara de Jerusalém (1993-2003) e, mais tarde, de ministro da Indústria e Comércio.

A data de divulgação da pena não foi ainda fixada, mas a sentença do tribunal deverá ter, segundo avançam os analistas políticos locais, uma consequência sem precedentes na história de Israel: a prisão de um ex-chefe do Governo.

O polêmico processo está relacionado com o megacomplexo residencial Holyland, um ambicioso e multimilionário projeto, no sul de Jerusalém, que terá, alegadamente, sido construído à custa de regalias e luvas dadas pelos promotores a responsáveis municipais, banqueiros e altos funcionários, em uma época em que o presidente da Câmara de Jerusalém era Olmert e, posteriormente, Uri Lupolianski.

Esse caso, que, nos últimos anos, tem sido lembrado em todas as tentativas de o ex-primeiro-ministro regressar à política, sofreu um rumo inesperado na semana passada.

Shula Zaken, que exerceu o cargo de secretária pessoal de Olmert nos anos 90 e é uma das acusadas no processo, decidiu acusar o antigo chefe em troca de um acordo com o Ministério Público, o qual lhe garantiu apenas 11 meses de cadeia.

Com o acordo, Zaken decidiu entregar gravações que fez às escondidas e que, alegadamente, implicam Olmert no caso de corrupção. O antigo líder do partido Kadima – de centro – ganhou as eleições em 2006, mas foi forçado a demitir-se em 2009 diante de acusações de corrupção em vários casos.
 

Brasil precisa combater atos de intolerância e violência, diz presidente da OAB

OabPassados 50 anos do golpe militar que instituiu no Brasil o fim das liberdades individuais e a repressão como forma de calar vozes contrárias ao governo, o presidente do Conselho Federal da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB),  Marcus Vinicius Coêlho, alertou hoje (31) que o país precisa combater os atos de intolerância e a violência como forma de debate de ideias para afastar definitivamente o risco da volta de regimes autoritários.

“É fundamental verificarmos que nos dias de hoje ainda temos muitos atos de autoritarismo. Podemos perceber isso na intolerância, no desrespeito às divergências, nas agressões às liberdades, como à liberdade de expressão. São momentos que devem ser evitados porque eles muito se aproximam à regimes ditatoriais”, pontou Coêlho.

Em lembrança às cinco décadas do golpe de 1964, a OAB promove o ato público Para Não Repetir, que pretende relembrar e debater a ditadura, além de promover o lançamento de livros que relatam os momentos “chumbo” vividos pelos país.

O evento fará também uma homenagem ao advogado Raimundo Faoro, que batalhou pela volta do habeas corpus para presos políticos, que foi suspenso pelo regime militar. “Com a impossibilidade do habeas corpus, os advogados usavam da criatividade, faziam petições diretas aos ministros [do Supremo Tribunal Federal], com pedido de relaxamento de prisão, liberdade condicional, possibilidade de sair do país. Medidas que foram fundamentais para que grandes brasileiros não fossem torturados e assassinados nos porões da ditadura”, disse Coêlho.

Tribunal determina que Japão pare de caçar baleia

BaleiaO Tribunal Internacional de Justiça, em Haia, na Holanda, ordenou ao Japão que pare de caçar baleia no Oceano Antártico. Segundo a decisão do tribunal, o país asiático está encobrindo uma atividade comercial com um programa de investigação científica.

“O Japão deve revogar todas as autorizações e licenças no quadro do Jarpa 2 (programa de investigação) e deixar de conceder novas autorizações em nome do programa”, disse o juiz Peter Tomka, presidente do Tribunal Internacional de Justiça.

A acusação de que os japoneses estavam promovendo caça comercial foi feita pela Austrália. Moratória de 1986 proíbe a caça à baleia no Oceano Antártico, a não ser que tenha finalidade científica. Ao denunciar o descumprimento, a Austrália pediu para o tribunal determinar o fim do programa japonês de investigação científica Jarpa 2. De acordo com a Austrália, o Japão caçou, entre 1987 e 2009, 10 mil baleias.

O governo japonês já anunciou que, embora “profundamente decepcionado”, respeitará a decisão do Tribunal Internacional de Justiça. “O Japão vai respeitar a decisão do tribunal como país que respeita o Estado de Direito e como membro responsável da comunidade internacional”, disse Koji Tsuruoka, representante japonês que estava presente na audiência em Haia.

*Com informações da Agência Lusa

Anvisa define padrões para serviços de saúde em grandes eventos

AnvisaResolução da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) publicada hoje (31) no Diário Oficial da União regulamenta a prestação de serviço de saúde em eventos de massa de interesse nacional, como a Copa do Mundo e os Jogos Olímpicos.

O texto define parâmetros para que a própria Anvisa possa atuar de forma preventiva, antes do início dos eventos, avaliando se a estrutura de atendimento oferecida é compatível com as características e quantitativos de público.

Entre as medidas está a previsão de que os organizadores garantam a remoção do paciente atendido no local do evento para um serviço de saúde de maior complexidade, quando necessário.

A norma também prevê uma lista de documentos que deverão ser apresentados à Anvisa e incluem estimativas de público, previsão de procedimentos executados nos postos de atendimento e mapa do local do evento com identificação dos postos de atendimento.

As informações deverão ser enviadas com até 120 dias de antecedência do evento. No caso da Copa do Mundo, o prazo previsto será 45 dias.

Informações de desaparecidos estarão disponíveis no Sinesp até 2015

 DesaparecidosAté o início de 2015 informações de desaparecidos em todo país estarão disponíveis no Sistema Nacional de Informações de Segurança Pública, Prisionais e sobre Drogas (Sinesp). A previsão foi feita pelo coordenador da rede Infoseg do Ministério da Justiça, Armando Quadros Neto, durante audiência publica na Comissão de Direitos Humanos do Senado que nesta segunda-feira (31) discutiu ferramentas que possam facilitar as buscas pelos chamados desaparecidos da democracia, como o ajudante de pedreiro Amarildo de Souza, em julho de 2013, na favela da Rocinha, no Rio de Janeiro.

A senadora Ana Rita (PT-ES) lembrou que está pronto para ir à votação no plenário da Câmara dos Deputados o projeto de Lei 4471/12, que especifica procedimentos para apurar casos de morte violenta envolvendo ações policiais. Depois a proposta precisa ser analisada no Senado.

Ana Rita lembrou que o Conselho de Defesa dos Direitos da Pessoa Humana, editou resolução em 21 de dezembro de 2012, recomendando que policiais deixassem de usar em seus registros, boletins de ocorrências, inquéritos e notícias de crimes, designações genéricas para as mortes e lesões ocorridas durante ações policiais. A norma também recomenda, entre outras providências, a abertura de inquéritos para investigação de homicídios ou de lesão corporal.

“Infelizmente nem todos os Estados recepcionaram a resolução. Por isso é importante que a Câmara e o Senado Federal envidem todos os esforços para a aprovação da lei com a maior brevidade possível, para que o País disponha de um instrumento legal que obrigue as autoridades competentes a seguir as recomendações da referida resolução”, disse a senadora.

Hoje apesar da criação de algumas ferramentas importantes como o Cadastro Nacional de Crianças e Adolescentes Desaparecidos, em 2012, o banco de dados tem informações de cerca de 500 crianças e adolescentes nessa situação.  “Um Cadastro que já tem dois anos e possui aproximadamente, 500 crianças e adolescentes desaparecidos é muito pouco. Por que isso ocorre? Porque ( este cadastro) não se comunica com os outros sistemas, depende de uma inserção à parte, e isso é uma perda de tempo, não é eficaz”, avaliou Armando Quadros.

Enquanto a integração dentro do Sinesp não fica pronta o Ministério da Justiça está incluindo esses dados na rede Infoseg. Por ter uma delegacia especializa em pessoas desaparecidas, Santa Catarina foi o primeiro estado a compartilhar as informações. Na segunda etapa da ampliação do serviço, os estados do Rio de Janeiro, de Sergipe, do Espírito Santo e de Goiás também devem agregar à rede Infoseg as informações dos desaparecidos em cada região.

Praça do Ferreira reunirá os pros e contra o Golpe de 64

 

Ditaduta

Na próxima segunda-feira, a partir das 15 horas, a Praça do Ferreira vai virar cenário de manifestações. A data, 31 e Março, será lembrada por aqueles que apoiaram o golpe de 64 e pelos que se definem como vítimas desse período político.

Os panfletos já estão nas ruas fazendo a convocação.

Dragão do Mar inicia Circuito de Artes Visuais

DragaodomarTrês grandes exposições abrem neste fim de março e início de abril nos museus e Multigaleria do Centro Dragão do Mar de Arte e Cultura. Três grandes mostras que trazem, para Fortaleza, história e curiosidades do design, da fotografia e do futebol e assim compõem a diversidade do Circuito de Artes Visuais do Dragão.

 

O Circuito começa com a abertura da exposição “Coleção Itaú Cultural de Fotografia Brasileira”, no dia 25 de março. Serão 56 grandes obras do final da década de 1940 até hoje expostas no Museu da Arte Contemporânea (MAC). A exposição abre ao público a partir do dia 26. Logo depois, no dia 28 de março, filmes da vanguardista escola superior de design alemã serão exibidos na mostra “bauhaus.filme”, na Multigaleria.

 

Para completar a tríade, a partir do dia 2 de abril, centenas de peças históricas do futebol brasileiro poderão ser apreciadas pelo público, no Museu da Cultura Cearense, com a exposição itinerante “Brasil, um país, um mundo”. Todo o Circuito de Artes Visuais do Dragão tem acesso gratuito e aberto a todas as idades e dispõe ainda de receptivos especializados nos assuntos que apresentam.

 

Curador do MAC, Bitu Cassundé pontua a possibilidade que o público terá de percorrer três ricos núcleos de exposições. “O conjunto se compõe por um valioso recorte da produção contemporânea de fotografia brasileira que será apresentado no MAC. Já na Multigaleria, haverá um acervo em vídeo que contextualiza as movimentações em torno da escola Bauhaus. E, no Museu da Cultura Cearense, a paixão pelo futebol será evidenciada de forma rica por meio de instalações, objetos e vídeos”, afirma Cassundé.

 

O presidente do Instituto Dragão do Mar, Paulo Linhares, também avalia o Circuito de Artes Visuais como uma grande oportunidade aos visitantes. “Ressalto a chance de diversidade com essas três exposições. Uma trata sobre o futebol e toda sua magia; outra evidencia uma das escolas de design mais importantes que já existiu no mundo; e uma terceira expõe a fotografia contemporânea do acervo do Itaú. É mais do que três exposições. É um circuito de artes rico e instigante”, define.

 

Confira as informações sobre as exposições que compõem o Circuito de Artes Visuais do Dragão do Mar:

 

“Coleção Itaú Cultural de Fotografia Brasileira”
 

Até 11 de maio, o Museu de Arte Contemporânea do Ceará recebe a mostra Coleção Itaú Cultural de Fotografia Brasileira. Com curadoria de Eder Chiodetto e produção do Itaú Cultural, o conjunto apresenta 56 obras do final da década de 1940 até hoje, estabelecendo um espelhamento lúdico entre trabalhos modernistas e contemporâneos com foco na representação fotográfica experimental. As imagens fazem parte do acervo do Banco Itaú.

A exposição iniciou sua itinerância em 2012 por Paris e Rio de Janeiro, passando em 2013 por São Paulo, Belo Horizonte e Belém e chega ao Ceará com duas obras inéditas e de grande representação para o acervo. Uma delas é a Obra 5, de Mauro Restiffe, exibida na mesma sala que Visão Arquitetônica, do cearense Francisco Albuquerque, que fez parte do movimento fotoclubista do final da década de 30 no Brasil. Os trabalhos desses dois fotógrafos atendem à composição de obras de artistas que representam um instigante contraponto entre vanguardistas e contemporâneos. No mesmo espaço e com a mesma intenção, estão fotos de German Lorca e Paulo Pires, expostos ao lado de nomes atuais como Caio Reisewitz, Claudia Jaguaribe, Rubens Mano, Marcia Xavier e Marcos Chaves.

Outra grande novidade que chega ao MAC do Ceará, o tríptico Primários (1992), de Rosângela Rennó, foi recentemente adquirido pelo acervo do Banco Itaú e é exibido pela primeira vez ao público. “Esta obra pertence à seleção da primeira sala expositiva, cujo ponto comum entre os autores é a investigação dos limites da representação pela fotografia, resultando em imagens metalinguísticas e de grande impacto visual”, explica o curador. Neste espaço, Geraldo de Barros é o ícone fundamental e justifica toda a nova geração de artistas presentes nesta seleção: Vik Muniz, Albano Afonso, Dora Longo Bahia e a própria Rosângela Rennó.

Segundo conta Chiodetto, a exposição se estende por quatro salas expositivas nas quais a ressonância da fotografia modernista na produção contemporânea é destacada de três formas: a relação com a paisagem urbana; o universo da subjetividade; e questionamentos acerca da representação resultando em trabalhos que ampliam as estratégias formais da fotografia.

Na sala onde os meandros da subjetividade humana fazem a conexão entre as fotos, por exemplo, Matemática Áurea III, de Rafael Assef, é o destaque. “Esta obra dá a senha com a qual adentramos nos labirintos de fantasias, sonhos, desejos e temores representados por personagens performáticos inventados pela fotografia”, descreve o curador. Neste ambiente, imagens de Cris Bierrenbach, Rodrigo Braga, Lenora de Barros, Paulo Nazareth, Odires Mlászho, Marepe, entre outros, dialogam com outras dos anos 1950 e 1960 dos fotoclubistas Georges Radó e José Yalenti, deixando entrever certa rebeldia contemporânea começando a ecoar também nas produções das décadas passadas.

“A itinerância de uma mostra como esta permite reconfigurá-la a cada nova cidade e instituição. É um excelente exercício para levar a curadoria a explorar as combinações possíveis entre artistas e obras de diversas tendências e momentos”, observa Chiodetto. “Os trabalhos contidos nesta exposição ilustram a produção brasileira nos anos de 1940 a 1960 e na fotografia contemporânea, mostradas lado a lado, para instigar a leitura conceitual e estética e ilustrar como o período modernista ressoa na produção atual”, completa.

A exposição Coleção Itaú Cultural de Fotografia Brasileira não segue uma cronologia para estabelecer um espelhamento lúdico, evidenciando as relações formais e uma atitude libertária diante da representação fotográfica presentes nos dois períodos. “Optamos por uma seleção de obras distinta das outras cidades pelas quais a mostra já passou, visando a reforçar especialmente o caráter do experimentalismo”, explica o curador.

No campo experimental, Chiodetto destaca ainda uma produção singular: a do paulista Geraldo de Barros (1923-1998). As suas experiências incluem fotomontagens, colagens e intervenções no negativo cujo resultado desembocava em abstrações e formas. Na mostra, Barros está representado com Fotoforma, São Paulo (1950), Fotoforma [Estação da Luz](1950) e Abstrato [Estação da Luz, série Fotoforma] (1949) . “Ele é um grande ícone e se mantém e sempre se manterá em destaque na mostra”, diz.

Palestra discute os rumos da fotografia atual

No dia 16 de abril, às 19h, os curadores Eder Chiodetto, da Coleção Itaú Cultural de Fotografia Brasileira, e o curado do MAC, Bitú Cassundé, apresentam ao público a palestra “Caminhos e Labirintos da Fotografia Contemporânea Brasileira”. Além de traçarem uma análise sobre os núcleos da exposição, a relação moderna versus contemporânea e como as obras da coleção espelham a produção experimental brasileira serão discutidas. As inscrições podem ser feitas pelo site do Porto Iracema das Artes (www.inscricoesportoiracema.com.br).

Na Coleção Itaú Cultural

Iniciado há mais de 60 anos pelos fundadores do Banco Itaú, o acervo conta hoje com mais de 12 mil peças entre pinturas, gravuras, esculturas, fotografias, instalações e as coleções Itaú Numismática e Brasiliana Itaú. Gerenciado pelo Itaú Cultural, cobre toda a história da arte brasileira, com obras referenciais de cada movimento e estilo. “A realização de mais esta mostra faz parte do esforço permanente do Grupo Itaú para que o grande público tenha acesso aos diferentes recortes de sua coleção”, observa Eduardo Saron, diretor do Itaú Cultural.

Este conjunto tem sido apresentado ao público por meio de exposições itinerantes no Brasil e no exterior, organizadas pelo Itaú Cultural. Entre 2010 e 2013, foram realizadas 41 mostras do gênero em 11 cidades brasileiras e outras sete em seis países, atingindo um público de mais de 1,4 milhão de pessoas.

SERVIÇO
Coleção Itaú Cultural de Fotografia Brasileira
Visitação: até 11 de maio. De terça-feira a sexta-feira, das 9h às 19h (entrada até 18h30). Sábados, domingos e feriados, das 14h às 21h (entrada até 20h30). Classificação indicativa: livre.
Onde: Museu de Arte Contemporânea do Ceará – Centro Dragão do Mar de Arte e Cultura. Rua Dragão do Mar, 81 – Praia do Iracema – Fortaleza, CE
Entrada gratuita
Tel.: (85) 3488.8600 // Site: www.dragaodomar.org.br
 

Palestra “Caminhos e Labirintos da Fotografia Contemporânea Brasileira”
Com Eder Chiodetto e Bitú Cassundé
Data e horário: 16 de abril, às 19h
Duração: 1h30
Capacidade: 60 vagas
Inscrições: Porto de Iracema (www.inscricoesportoiracema.com.br)
Classificação Livre
Entrada gratuita
Local: Auditório – Porto Iracema das Artes, na Rua Dragão do Mar, 160 – Praia de Iracema
Telefone: (85) 3219.5842/3219.5865

Mostra Bauhaus.filme

Dentro do contexto do ano Alemanha+Brasil 2013-2014 – Quando ideias se encontram, o Goethe-Institut, a Casa de Cultura Alemã, o Departamento de Arquitetura e Urbanismo, o Instituto Cultura e Arte da UFC e o Centro Dragão do Mar de Arte e Cultura promovem, em Fortaleza, uma exposição inédita de filmes produzidos por  professores e alunos da Bauhaus, a vanguardista escola superior de design alemã fundada por Walter Gropius, em 1919, e extinta pelo governo, em 1933.

A mostra bauhaus.filme, que reúne uma dúzia de filmes do acervo da Fundação Bauhaus Dessau, ficará em cartaz na Multigaleria, de 28 de março a 20 de abril  de 2014, antes de seguir por outras cidades brasileiras. Christian Hiller, Philipp Oswalt e Thomas Tode (da Fundação Bauhaus Dessau) assinam a curadoria da exposição idealizada por Alfons Hug, diretor do Goethe-Institut – Rio de Janeiro.

Para muitas pessoas, Bauhaus é sinônimo de arquitetura e design, mas poucos sabem que o filme teve um papel não menos importante na Escola de Design e Artes alemã. Depois da Primeira Guerra Mundial, esta nova mídia refletia perfeitamente o espírito da época: a capacidade de captar em imagem a aceleração da vida sob diferentes pontos de vista aguçou a curiosidade de muitos estudantes e docentes da Bauhaus para a exploração das possibilidades do filme. O uso de câmeras fotográficas e as experimentações em audiovisual já faziam parte do cotidiano da escola antes disto.

A Fundação Bauhaus Dessau apresentará, na Multigaleria, projeções em grande formato de filmes originais raros. Os vídeos possibilitam um contato próximo e sensível com a produção histórica da Bauhaus, evidenciando práticas e conceitos que faziam parte do que Walter Gropius chamava de “ciência do olhar”. O filme, na qualidade de mídia técnica por excelência, foi um elemento fundamental desse programa.

A exposição oferece uma visão abrangente do conjunto de atividades praticadas na Bauhaus e ilustra a influência recíproca entre diversas disciplinas aplicadas na instituição e exibe, no prólogo, a mesma programação de filmes exibida por Walter Gropius na cerimônia de inauguração do novo prédio da Bauhaus, em Dessau, em 4 de dezembro de 1926. Filmes produzidos por  “bauhausianos” e outros contemporâneos compartilham o espaço com entrevistas e adaptações posteriores, em filme de projetos mais antigos de Werner Graeff, Kurt Schwerdtfeger e Kurt Kranz, apresentando um panorama geral do repertório cinematográfico da escola alemã.

A Fundação Bauhaus Dessau

A Fundação Bauhaus Dessau, instalada em 1994 pelos governos federal, estadual e municipal dentro do prédio da Bauhaus situado em Dessau-Rosslau, dedica-se à preservação deste rico legado, além de contribuir para compor o atual universo de museus. Com 26 mil objetos, é a segunda maior coleção da Bauhaus em todo o mundo. Com as casas dos mestres e o gabinete de trabalho de Walter Gropius, o celeiro de Carl Fieger, as casas com arcadas de Hannes Meyer ou a casa de aço de Georg Muche e Richard Paulick, em Dessau-Rosslau podem ser apreciadas obras marcantes da arquitetura internacional da modernidade (www.bauhaus-dessau.de).

Sob o mote “Quando ideias se encontram”, a temporada da Alemanha no Brasil 2013-2014 trouxe e trará uma grande quantidade de eventos nas áreas de cultura, sustentabilidade, economia, tecnologia, ciências, educação e esporte em todo o Brasil até maio de 2014, com o objetivo de fortalecer os laços entre os dois países (www.alemanha-e-brasil.org/de).

SERVIÇO

Bauhaus. filme

Visitação: de 28 de março a 20 de abril de 2014. De terça a sexta, das 9h às 19h com acesso até as 18h30. Sábados, domingos e feriados, das 14h às 21h com acesso até as 20h30.

Local: Multigaleria. Livre para todas as idades.

Gratuito.

Informações: 3488.8600

 Brasil, um país, um mundo

O futebol e a paixão do torcedor brasileiro como fenômenos multifacetados, que incidem diretamente na formação da brasilidade. Esta é a premissa da exposição BRASIL um país um mundo, que abre para o público dia 2 de abril no Centro Dragão do Mar de Arte e Cultura, às 9h. A exposição traz um grandioso e exclusivo acervo de peças históricas do nosso futebol, entre objetos, fotos, vídeos, instalações interativas que também mostram como o futebol permeia as mais diversas áreas de conhecimento.

Desde sua estreia em Brasília em dezembro passado, BRASIL um país um mundo já passou por Curitiba, Salvador, Recife, Porto Alegre e Natal e rodará até julho pelas demais cidades-sede da Copa. Integrante da Programação Oficial do Governo Federal da Copa do Mundo FIFA 2014, a exposição traz um acervo composto de relíquias que levam o visitante numa viagem pelo tempo até os anos 30, reunindo camisas usadas em jogos de Copas, campeonatos oficiais e jogos amistosos, troféus, medalhas, bolas e chuteiras.

O futebol e a identidade brasileira

“Peças raras e exclusivas vão ilustrar não só a evolução do futebol em termos de moda e equipamentos, mas também o desenvolvimento do esporte do ponto de vista antropológico, social, na publicidade e entretenimento,” diz o jornalista Ricardo Corrêa, curador da exposição.

Ana Gonçalves, diretora da Footwise, idealizadora do Brasil um país um mundo, diz que a exposição foi pensada de maneira a forma de contar a história do Brasil por meio do futebol. “O projeto contempla o universo do futebol da maneira mais ampla possível, delineando a verdadeira dimensão que o esporte tem para o país”, diz Ana.

Patrocinada pela CAIXA ECONÔMICA FEDERAL, Banco do Brasil e Petrobras, co-patrocinada pelos Correios, BNDES e Banco do Nordeste e apoiada por Rede Anhanguera, Revista Placar, Getty Images, Instituto Dragão do Mar e pelas secretarias especial da Copa e de cultura do Governo do Estado de Ceará, BRASIL um país um mundo será dividida em eixos temáticos. No segmento Paixão, Diversidade & Sagrado, vídeos, objetos e fotos mostram as mandingas, as promessas e outras práticas do sincretismo religioso brasileiro são invocados pelo torcedor — o visitante poderá gravar um depoimento de 30 segundos sobre seu amor pelo futebol, que será publicado no site do projeto.

Na seção Tecnologia, fotos e painéis multimídia com infográficos ilustram a evolução do futebol em termos de estrutura (estádios, os placares), aparelhagem (os materiais e a expertise empregada nas chuteiras e bolas) e de cobertura midiática.

O papel reconciliador desempenhado pelo futebol em diversos episódios da história é tema do segmento História, que documenta as emocionantes excursões do Santos de Pelé e da Canarinho durante a Guerra de Biafra, na Nigéria, e a Guerra do Haiti. Em Moda, o recorte e o estilo dos uniformes de futebol nas várias décadas desde o século XIX são analisados.

Cor local

A arte, a cultura e as belezas turísticas das 12 cidades-sede terão um espaço exclusivo em cada cidade que receberá a exposição, que também terá uma loja de artesanato com produtos e objetos de artistas locais. A renda gerada será revertida para a Associação dos Campeões Mundiais e Fundação Cafu.

Valorização do futebol brasileiro

O conteúdo das exposições alimentará o canal educativo do site www.brasilumpaisummundo.com.br, que disponibilizará material para professores de instituições públicas, com intuito de orientá-los como agentes multiplicadores, replicando um legado de conhecimento – e reconhecimento – da cultura do futebol aos jovens estudantes brasileiros.

Outro objetivo do projeto, que tem parceria com entidades como a Associação dos Campeões Mundiais do Brasil — ACMB e a Fundação Cafu, é valorizar a memória dos campeões mundiais do país. Por isso, semanalmente em cada exposição, um campeão mundial estará no local e lembrará junto com o público das glórias da seleção.

Confira abaixo as próximas temporadas da exposição:

Fortaleza: 02/04 a 29/04

Belo Horizonte: 15/04 a 11/05

Cuiabá: 27/04 a 19/05

Manaus: 01/06 a 25/06

São Paulo: 10/06 a 15/07

Rio de Janeiro: 12/06 a 14/07

Jornalistas devem confirmar presença com:

Caio Martins (caio@rlcpress.com.br) — 11 9-8843-1397

Leila Reis (leila@rlcpress.com.br) — 11 9-9170-4876

Mais informações: http://brasilumpaisummundo.com.br/

 

SERVIÇO

Abertura: dia 1º de abril, às 19h, com coquetel para convidados

Visitação do público: de 2 a 29 de abril. De terça a sexta, das 9h às 19h (com acesso até as 18h30). Sábado, domingo e feriados, das 14h às 21h (acesso até as 20h30).

Gratuito. Acesso livre.

Onde: Museu da Cultura Cearense, no Centro Dragão do Mar de Arte e Cultura

Informações ao público: (85) 4042.2099

Site: brasilumpaisummundo.com.br

 

Assessoria de Comunicação do Dragão do Mar

Centro de Turismo (Emcetur) completa 41 anos

 

EmceturO primeiro equipamento turístico do Estado, o Centro de Turismo (antiga Emcetur), vai completar 41 anos de fundação na segunda-feira (31). Para comemorar a data, neste sábado (29),  a associação dos lojistas organizou uma recepção especial para os clientes: bolo e refrigerante, às 9 horas, e apresentação de músicos tocando MPB, das 11 horas às 15 horas.

 

Criado pela Empresa Cearense de Turismo – Emcetur, em um prédio de 1866, tombado pelo Patrimônio Histórico Estadual e que serviu como cadeia pública até o século XX, o espaço sempre abrigou lojas que comercializam o melhor do artesanato e da gastronomia cearenses, oferecidos sempre com o peculiar jeito cearense de receber.

 

Ao todo, são 105 lojas e dois quiosques, onde são vendidos diversos itens, de rendas de bilro e renascença a brinquedos de madeira, passando por cordéis, utensílios e objetos de decoração. Também é possível encontrar lá roupas de algodão cru, moda praia e produtos típicos da nossa gastronomia, tais como doces, castanhas, compotas, licores e cachaças.

 

Em breve, o Museu de Arte Popular, localizado no segundo piso do bloco central, será reformado para integrar-se ao futuro Centro de Referência do Índio, cujo projeto está sendo elaborado.

 

Serviço:
Rua Senador Pompeu, 350 – Centro.
Horário de funcionamento: de segunda à sexta-feira, de 8h às 18h; sábados, de 8h às 16h, e domingos e feriados, de 8h às 12h.
Estacionamento: 100 vagas.

 

Assessoria de Comunicação da Setur

Muro do Estádio Inaldão Desaba com as Fortes Chuvas

InaldaoLogo no início da manhã foi detectado que o muro do Estádio Antônio Lyrio Callou havia desabado, durante a forte chuva da madrugada desta quinta-feira (27).

O estádio recebeu na noite de ontem, jogo valido pelo Campeonato Cearense da Segunda Divisão, onde o time do Barbalha venceu o Crateús pelo placar de 2 a 0.

As providências já foram tomadas, o entulho já foi retirado do Local e a expectativa é que o muro esteja recuperado até o dia de amanhã(28), tendo em vista que o time do Barbalha irá receber o Cuiabá no próximo dia 2, jogo válido pela Copa do Brasil 2014.

 

 

Barbalha On-line

Operação Páscoa Saudável apreende mais de meia tonelada de alimentos no Rio

ProconrioNo primeiro dia da Operação Páscoa Saudável, o Procon apreendeu hoje (28), em supermercados da zona oeste da capital fluminense, 516,6 quilos (kg) de alimentos considerados impróprios para o consumo. Foram recolhidos 210 kg de bacalhau, 282,5 kg de carnes e 24,1 kg de peixes que estavam com os prazos de validade vencidos, não tinham identificação ou as embalagens estavam violadas.

O bacalhau foi apreendido em dois estabelecimentos localizados na Avenida das Américas, no Recreio dos Bandeirantes. A maior parte estava fora da validade e o restante, com preço adulterado. Os fiscais recolheram ainda no zona sul 24,1 kg de pescados sem etiqueta de identificação.

Foram recolhidos ainda produtos como costela bovina, pés de porco, asa de frango, bife, pernil de porco, miúdos, mocotós linguiça e carne moída.

Segundo a secretaria de Defesa do Consumidor e coordenadora do Procon Carioca, Solange Amaral, é fundamental que os consumidores verifiquem o prazo de validade e as condições dos produto antes de comprá-los. A Operação Páscoa Saudável continuará nos próximos dias, tendo como objetivo fiscalizar os alimentos mais utilizados na Semana Santa, como peixes e chocolates.

BC tem ganho de R$ 8,3 bilhões com venda de dólares no mercado futuro

Bc2O Banco Central (BC) apresentou ganho recorde com operações de swap cambial, equivalente à venda de dólares no mercado futuro. Essas operações são usadas pelo BC para suavizar a alta do dólar e oferecer proteção (hedge) cambial às empresas e instituições financeiras.

Em fevereiro, o ganho do BC com essas operações chegou a R$ 8,336 bilhões, o maior resultado mensal na série histórica, iniciada em 2002. Em janeiro, foi registrada perda de R$ 3,920 bilhões.

Na operação de swap cambial, há uma troca de rendimentos entre os investidores e o BC, envolvendo o dólar e os juros básicos da economia. Quando o dólar cai, geralmente o BC tem lucro. Segundo Maciel, em fevereiro, houve queda do dólar de 3,83%, em relação a janeiro.

O BC iniciou as operações diárias de leilões de swap cambial em agosto do ano passado, com injeção diária de US$ 500 milhões. Em janeiro, o volume foi reduzido para US$ 200 milhões diários. Essas operações vão ocorrer até junho de 2014, segundo a programação anunciada pelo BC.

Número de mortos em protestos na Venezuela chega a 37

 Venezuela2A procuradora-geral da Venezuela, Luísa Ortega Diaz, afirmou hoje (28) que subiu para 37 o número de mortes ocorridas em meio aos protestos registrados nas últimas seis semanas no país. O órgão também divulgou que até o momento, investiga 81 denúncias de violações de direitos humanos.

“Até agora o Ministério Público tem 81 investigações de supostas violações de direitos humanos, há 17 funcionários dos corpos de polícia e militares privados de liberdade, três com medidas cautelares substitutivas e sete ordens de detenção ainda não cumpridas”, disse a procuradora.

Em uma entrevista coletiva, Luísa Ortega disse que do total de mortos, 29 eram civis e oito militares e funcionários do governo. A quantidade de pessoas feridas, registradas, também subiu para 559. Ao todo, 379 são civis e 180 militares e policiais. “Há ainda 168 pessoas presas”.

De acordo com ela, o Ministério Público tem orientado os organismos da polícia quanto ao respeito aos direitos humanos, pois “o Estado venezuelano tem como política permanente a cultura de respeito pelos direitos humanos”. Aspecto que, no seu entender, deve estar presente nas abordagens policiais das manifestações, em qualquer conflito.

A procuradora admitiu que durante os protestos “ocorreram ações individuais de pessoas que fazem parte de um organismo, que cometeram irregularidades. Mas podem ter a certeza de que vamos castigar e sancionar quem for responsável por tais fatos”, acrescentou.

Uma das principais queixas do movimento estudantil e de opositores diz respeito a supostos excessos, cometidos pela polícia, na repressão aos manifestantes. Entretanto, além de informar que está orientando os policiais, o governo diz que a repressão é dirigida aos que atuam de forma violenta, com atos de vandalismo e depredações do patrimônio público.

Hoje, estudantes de todo o país participaram de uma manifestação convocada pelo governo em Caracas e, além disso, o governo continua com as conferências regionais de paz, com foco nas regiões com maior resistência ao governo.

Agência Brasil

Eletrobras teve prejuízo em 2013, mas prevê lucro em 2014

O presidente da Eletrobras, José da Costa, fala sobre os resultados da empresa em 2013

Eletrobras_-5896Marcello Casal/Agência Brasil

O presidente da Eletrobras, José da Costa, disse hoje (28) que estudos feitos pela estatal indicam que será possível reverter o prejuízo de R$ 4 bilhões em 2013 em lucro em 2014. Isso porque parte dos gastos feitos pela empresa ao longo do período (cerca de R$ 6,3 bilhões) são de efeitos não recorrentes. Ou seja: não se repetirão ou, em alguns casos, serão revertidos, deixando de ser considerados gastos e passando a ser contabilizados como investimentos. E, sendo investimentos, poderão ser repassados à tarifas, resultando em lucro para a estatal.

“Extraindo os efeitos não recorrentes passaríamos de um prejuízo de R$ 4 bilhões para um lucro de R$ 2,2 bilhões, em números redondos”, disse Costa. Dos R$ 6,3 bilhões não recorrentes, R$ 4 bilhões estão relacionados à geração e transmissão de energia, e R$ 2,3 bilhões à distribuição, explicou o presidente.

Entre os lançamentos contábeis não recorrentes, ele citou o programa de incentivo ao desligamento de empregados, que resultou em gasto de R$ 1,7 bilhão, e os R$ 800 milhões em investimentos que, por ainda não terem sido reconhecidos pela Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel), acabaram sendo contabilizados como prejuízo.

Segundo Costa, 4.220 empregados deixaram a empresa, número que deverá chegar a 5 mil até o final do ano. “O programa de desligamento de empregados é um gasto que não vai acontecer no ano que vem, porque a grande maioria deles saiu. Em 2014, além de não termos esse número [negativo, de R$1,72 bilhão], teremos o benefício de R$ 1,2 bilhão [valor positivo em termos contábeis], só com a economia que teremos com a redução da folha de pagamento”, acrescentou.

Outro exemplo de lançamentos não recorrentes citados por ele são “os quase R$ 800 milhões que investimos em 2013 [e ao final de 2012] nos sistemas de transmissão, mas que estão em processo de reconhecimento pela Aneel”, disse.

“Como isso ainda não aconteceu, nosso auditor julgou que não poderia ser classificado como investimento. O que era despesa acabou entrando como prejuízo, mas a ser revertido nos próximos anos. Conforme esperamos, a Aneel vai reconhecer os valores e teremos o benefício de, ao voltar com o valor, passar de negativo para positivo. Será uma diferença de R$ 1,6 milhão”.

Costa citou como fator relevante para a contabilidade negativa, os prejuízos registrados na usina térmica de CGTE, no Rio Grande do Sul. “É uma das empresas que mais deram prejuízo, pelo grau de penalização que teve por não cumprir responsabilidades”, disse. A CGTE não tem fornecido 300 Megawatts (MW) a que está obrigada por contratos. Gera, segundo Costa, cerca de 250 MW.

“A solução será mudar o contrato para 250  MW, mas com compromisso de 300. Os 50 restantes serão comprados da Eletronorte para repor a diferença. Com isso, os R$ 2,2 bilhões que teríamos em lucro [após a estatal recontabilizar os efeitos não recorrentes], seria maior se tivéssemos resolvido esse problema”, disse.

Costa apresentou o balanço da empresa, referente a 2013. “Foram R$ 11,2 bilhões em investimentos. É o maior na história da Eletrobras. Até então, o recorde foram os R$ 9,8 bilhões investidos em 2012”, disse. Em 2014, a estatal pretende investir números mais ambiciosos: R$14,1 bilhões; e no período 2014-2018, o plano de investimentos é R$ 60,8 bilhões.

Em 2013, a empresa agregou 659 MW ao sistema elétrico. “Em 2014, queremos agregar outros 2.205 MW”, disse. “Essas são as partes relativas apenas à nossa empresa,  descontadas as partes das parceiras”. Para o período 2014-2018, a estatal agregará 13.400 MW ao sistema. “Isso significa que, direta ou indiretamente [contabilizando as empresas parceiras], serão mais 25.000 MW em um período que o Brasil crescerá 35.000 MW, o que mostra a importância da Eletrobras para o sistema”, acrescentou.

A empresa expandirá, em 2013, em 1.898 quilômetros (km) as linhas de transmissão. Em 2014 serão 4.266 km; e, no período 2014-2018, 19.200 km. “No caso da transmissão, em muitos projetos estamos sozinhos, mas no total também descontamos a parte das empresas parceiras”, informou Costa. A previsão é que, ao todo, a expansão de linhas no Brasil seja de 33.100 km no mesmo período.

Embrapa leva experiência da Rede BioFORT para conferência na África

BioforteA Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa) participará, da próxima segunda-feira (31) ao dia 2 de abril, da 2ª Conferência Global sobre Biofortificação, na cidade de Kigali, em Ruanda, na África. O encontro vai tratar sobre os avanços em torno do desenvolvimento de alimentos mais nutritivos para a população mundial, os desafios que ainda têm de ser superados e a integração de experiências e projetos de alimentos biofortificados, em vigor nos diferentes países.

Dentre os representantes brasileiros que participarão da conferência, destaque para a pesquisadora da Embrapa Agroindústria de Alimentos (EAA), Marília Nutti, líder da Rede Brasileira de Biofortificação (Rede BioFORT), que existe desde 2003 e envolve cerca de 150 pesquisadores de várias unidades da Embrapa, de universiades e de institutos de pesquisa estaduais e federais no desenvolvimento de projetos alimentares no Brasil.

Com financiamento da Agência de Desenvolvimento Internacional do Canadá (Cida), do Departamento de Desenvolvimento Internacional do Reino Unido (Dfid) e da Fundação Bill e Melinda Gates, a Rede BioFORT utiliza melhoramento genético convencional, com a finalidade de aumentar o conteúdo de micronutrientes dos cultivares (variedades) de  arroz, feijão, batata-doce, mandioca, milho, feijão-caupi, abóbora e trigo. Isso permite que novas culturas sejam geradas com maiores teores de pró-vitamina A, ferro e zinco, que  combatem a  deficiência de micronutrientes no organismo humano,  chamada fome oculta, que provoca anemia e cegueira noturna, entre outras doenças.

Marília Nutti falou hoje (28) à Agência Brasil e destacou que o Brasil é o único país que trabalha com pesquisas de oito cultivos. “E a gente já conseguiu lançar dez cultivares, entre feijão, feijão-caupi, abóbora, batata-doce e, no ano que passou, conseguiu uma variedade de milho com maiores teores de pró-vitamina A — um produto voltado para a agricultura familiar ”, comemorou.

Em paralelo, a Rede BioFORT começou a fazer termos de compromisso com alguns municípios, aos quais  repassa sementes para que eles possam plantar e distribuir para pequenos agricultores. A produção é vendida para as próprias prefeituras, com vistas a abastecer a merenda escolar. Marília disse que outra possibilidade, que sendo testada em escolas agrícolas do Piauí, é a plantação de cultivares biofortificados de batata-doce e feijão-caupi, para a alimentação dos próprios alunos. “O Brasil está com uma série de ações, algumas ainda de pesquisa. Mas a gente está indo muito bem”, salientou.

Marília Nutti revelou que a Rede BioFORT foi convidada a coordenar os trabalhos em conjunto, na América Latina, com participação da Nicarágua e Guatemala, dentre outros países, e adiantou que a rede deve  trabalhar também em parceria com pesquisadores do Haiti. Países que, segundo ela, têm altos índices de deficiência nutricional. No ano passado, a EAA começou a organizar a rede de parceiros com universidades e institutos de pesquisa da Nicarágua. Os  trabalhos serão iniciados com cultivares de arroz, feijão e milho.

Na Guatemala, o foco serão os cultivares de feijão e milho, que compõem a dieta da população local. Já existem variedades desenvolvidas pelo Instituto de Pesquisa Agropecuária, empresa similar à Embrapa  no país. Para o Haiti, a EAA já enviou diversos cultivares, biofortificados ou não, para testar a adequação no solo local.  A expectativa é colher dados a partir do próximo ano.  No Panamá, a rede já trabalha em conjunto, porque lá a biofortificação é uma política do governo do país. Na Colômbia, há também cooperação na parte da pesquisa.

A meta dara 2015, no Brasil, é continuar o trabalho que está sendo desenvolvido com abóbora e trigo, além de avaliar a parte nutricional desses produtos, em parceria com universidades. “A gente começa a pensar na avaliação de impacto, em um trabalho diretamente ligado à  população”, esclareceu Marília Nutti. A ideia é elaborar um estudo controlado dos cultivares, com o estabelecimento de um cardápio à base de produtos biofortificados, e depois de um tempo medir os impactos por meio de exames de sangue, para conseguir ver como os micronutrientes estão sendo absorvidos. “É um teste muito apurado”.

No Piauí, ela acrescentou que a estratégia envolve, além da plantação de cultivos biofortificados pelos próprios estudantes das escolas agrícolas, a disseminação dos novos cultivares nas famílias dos próprios alunos e para os agricultores familiares da região, que vivem da produção de subsistência. “A gente percebe que isso está melhorando a vida dessas pessoas”, adiantou.

Ela fez questão ainda de esclarecer que os cultivares biofortificados são desenvolvidos com melhoramentos convencionais, e não devem ser confundidos com alimentos transgênicos. “Biofortificação não é transgenia”, assegurou a líder da rede BioFORT. Marília completou que a partir do cruzamentos de cultivares, os pesquisadores estão conseguindo melhorar a quantidade de micronutrientes, bem como a produtividade dos produtos e a resistência a pragas.

 

STJ rejeita pedido para soltar ex-diretor da Petrobras

STJ-logo-300x207A ministra Regina Helena Costa, do Superior Tribunal de Justiça (STJ), rejeitou pedido de habeas corpus feito pela defesa do ex-diretor da Petrobras Paulo Roberto Costa, preso no dia 20 de março pela Polícia Federal. Costa é suspeito de ter ligação com uma organização criminosa que lavava dinheiro em seis estados e no Distrito Federal, desarticulada na Operação Lava Jato, que pode ter movimentado mais de R$ 10 bilhões.

Na decisão, a ministra entendeu que a prisão do ex-diretor não é ilegal e que ele deve ficar detido até que o Tribunal Regional Federal da 4ª Região, sediado em Porto Alegre, julgue o mérito de outros pedidos de habeas corpus que foram rejeitados.

A defesa de Paulo Roberto Costa alegou no STJ que a prisão do ex-diretor é ilegal, pois todo trabalho de busca e apreensão foi concluído pela Polícia Federal. Os advogados também argumentaram que a transferência do ex-diretor do Rio de Janeiro, onde foi preso, para Curitiba, não poderia ter ocorrido.

No dia 17, a Polícia Federal cumpriu 24 mandados de prisão e 15 de condução coercitiva, além de 81 mandados de busca e apreensão em 17 cidades. Cerca de 400 policiais participaram da operação. A organização contava com quatro grupos que tinham à frente doleiros que lucravam com câmbio paralelo ilegal, mas também praticavam crimes como tráfico de drogas, exploração e comércio ilegal de diamantes e corrupção de agentes públicos.

Lobão esclarece entrevista e descarta racionamento de energia durante a Copa

EdisonLobaoO Ministério de Minas e Energia divulgou hoje (28) uma nota na qual esclarece declarações dadas pelo ministro Edison Lobão ao jornal americano Wall Street Journal. Os jornalisas entenderam que o ministro disse que, caso o volume de chuvas não recomponha as reservas hídricas, o governo poderia pedir aos consumidores uma redução voluntária do consumo de energia, a fim de evitar riscos ao fornecimento durante a Copa do Mundo. 

O ministro reiterou que considera muito baixo o risco de escassez de energia, e que o risco de racionamento compulsório está descartado. Na nota, o ministério afirma que o sistema elétrico brasileiro “dispõe de equilíbrio estrutural capaz de garantir, sem restrições, o abastecimento do país”, e que o governo montou um plano que garantirá o abastecimento de energia elétrica nas cidades-sede da Copa de 2014 – o que inclui, segundo ele, “dupla alimentação proveniente de subestações diferentes, reforço da transmissão e geração”.


Ainda segundo a nota, o ministro disse que, “independentemente do quadro atual, não se recusaria a recomendar à população que siga o seu exemplo pessoal de evitar o desperdício de energia, mas sem referir-se especificamente a qualquer evento”.


A entrevista de Lobão foi comentada pelo presidente da Eletrobras, José da Costa, hoje durante coletiva de imprensa. “Ao que parece, o ministro apenas reiterou o que sempre colocou, inclusive durante o discurso que fez em minha posse [na Eletrobras]. Ele defende a constante busca da racionalização e da eficiência da energia. E, de fato, penso que temos de intensificar o programa de racionalização, que é feito, e que tem de funcionar permanentemente, porque energia não é gerada para ser desperdiçada”, disse Costa.


Mantega prevê grandes investimentos no país nos próximos oito anos

Guido-Mantega-na-reuniao-do-G20-em-Paris-size-598O ministro da Fazenda, Guido Mantega, admitiu hoje (28) que o Brasil terá ainda de enfrentar desafios para manter o crescimento econômico, nos próximos anos, e um deles é o aumento dos investimentos em infraestrutura. Ele prevê, no entanto, uma melhora no ritmo de evolução do setor, com alta de 7% na média anual de investimentos até 2022 – taxa acima da média de 6,2%, registrada entre 2003 e 2013.

“O carro-chefe do crescimento será o investimento”, prevê ele, citando entre as áreas que considera fundamentais neste sentido: os setores de infraestrutura – com melhoria das condições de logística -,  energético, da construção e da indústria automobilística, além do “capital humano”.  Mantega também sinalizou que o governo continuará estimulando o consumo interno, embora com menos vigor, e manifestou a expectativa de o país voltar a ter um mercado de capitais mais atrativo.

O passo no sentido de fazer o setor de infraestrutura deslanchar, segundo o ministro, já foi dado com as concessões, que continuarão em andamento. No caso das rodovias, as obras deverão ganhar maior visibilidade a partir do segundo semestre, conforme apontou. Ele mencionou ainda que, no setor petrolífero, só o Poço de Libra , um dos maiores reservatórios do mundo, vai envolver recursos de US$ 80 bilhões em dez anos. Em 35 anos, calcula, os recursos chegarão a US$ 200 bilhões.

Para o ministro, os efeitos da crise internacional de 2008 estão no final. “Estamos no limiar de um novo ciclo de expansão da economia”, avaliou. Para ele, o impacto dessa crise foi um dos mais  fortes desde a 2ª Guerra Mundial, que levou a uma expansão das economias avançadas a um ritmo menor, em torno de 2% a 2,5%, ante um crescimento bem maior das economias de países emergentes, com destaque para a China e a Índia.

Segundo o ministro, a China acumulou um aumento de 66% no Produto Interno Bruto (PIB), de 2008 a 2013, seguida pela Índia, com  43%. O Brasil ficou em quinto lugar, com a média de 3% ao ano, no mesmo período. E entre os países do G20, lembrou, o Brasil teve o melhor superavit primário, com aumento médio de 2,9%.

Embora reconheça existirem pressões inflacionárias, com a alta de preços dos alimentos como consequência, por exemplo, da valorização de commodities (produtos básicos com cotação internacional na Bolsa de Chicago; principalmente alimentos agrícolas e minérios), o ministro mantém a previsão de uma inflação neste ano em sintonia com a meta. Segundo ele, “a inflação não vai estourar a meta”, cujo centro é de 4,5%, podendo variar dois pontos percentuais para cima ou para baixo. O mercado financeiro e o próprio Banco Central apontam para níveis muito próximos do teto de 6,5% . Mantega prevê, porém, um crescimento do consumo interno em ritmo menor, o que ajuda a arrefecer as pressões inflacionárias.

Para ele, o mercado de capitais é que irá alimentar, em grande medida, a capacidade de investimentos, com tendência de crescimento no movimento de abertura do capital das empresas. Além disso, observou que “há um forte apetite por aplicações [no mercado financeiro] no Brasil”, o que mostra, na avaliação dele, confiança no potencial da economia brasileira. Tem ocorrido demanda maior do que a oferta pelos títulos brasileiros, destacou ele, pelos papéis com vencimento de longo prazo.

Ele fez essas afirmações durante aula magna na Escola de Economia da Fundação Getulio Vargas, onde foi homenageado pelo longo tempo que está à frente da condução da economia do país. No dia de hoje, Mantega completa oito anos de atuação à frente do Ministério da Fazenda.

Agência Brasil

Entidades denunciam à OEA casos de abuso policial durante manifestações

Imp-ult-2088871216Nove entidades envolvidas com a defesa dos direitos humanos participaram de audiência hoje (28), na Comissão Interamericana de Direitos Humanos (CIDH), e apresentaram à comunidade internacional um documento que relaciona em torno de 200 casos de abusos cometidos pelas forças policiais durante os protestos que ocorreram no país, a partir de junho do ano passado.

Com o dossiê em mãos, a comissão poderá pedir às autoridades brasileiras soluções para os problemas. Será, portanto, a primeira vez em que o Estado brasileiro terá que responder a um organismo multilateral sobre repressão policial a protestos de rua registrados em diferentes estados. A CIDH funciona no âmbito da Organização dos Estados Americanos (OEA), e é encarregada da promoção e proteção dos direitos humanos no Continente Americano.

O documento entregue à comissão diz que a ida da população às ruas “foi acelerada pela realização da Copa do Mundo da Fifa, marcada pelo alto índice de remoções forçadas, recolhimento compulsório de moradores de rua, militarização de territórios pobres, encarecimento do custo de vida e sucateamento dos serviços básicos”. O texto recomenda, entre outros pontos, que o Estado brasileiro estabeleça protocolos para a atuação das polícias, que os policiais estejam identificados, bem como a proibição do porte de armas de fogo durante os protestos. Pede também garantia da presença de defensores públicos ou advogados quando forem efetuadas prisões e posicionamento do governo a respeito da desmilitarização da polícia.

Segundo as organizações, a repressão ao direito de liberdade de expressão e manifestação se intensificou com as detenções e agressões ocorridas durante as manifestações. Um dos mecanismos usados pelas polícias, para intimidar os manifestantes, é a chamada prisão para averiguação.

“A polícia tem feito uso massivo deste expediente que, inclusive, é proibido pelo Código Penal. Pessoas foram detidas para averiguação simplesmente por portarem megafones, cartazes, bandeiras e produtos como vinagre, e por aparentar ser manifestante, o que é proibido. A restrição de liberdade só pode ocorrer mediante suspeita comprovada da prática de algum crime”, disse durante a audiência a representante da Artigo 19, Camila Marques.

“Pessoas foram denunciadas enquadradas por formação de quadrilha, atos obscenos e até na Lei de Segurança Nacional. Como se pode imputar delitos por associação criminosa de pessoas que sequer se conheciam antes da prisão?” questionou ela.

O documento cita a criação de legislações para disciplinar os protestos, como “formas de intimidar os manifestantes”. Nos estados de Pernambuco e do Rio de Janeiro, por exemplo, foram editadas legislações proibindo o uso de máscaras durante os protestos. Também chama a atenção para os casos de jornalistas que foram vítimas da atuação policial, e cobra respostas do Estado.

O representante do governo na audiência, o subsecretário-geral Político do Ministério das Relações Exteriores, Carlos Antonio da Rocha Paranhos, disse que o governo “ouviu a voz das ruas”, e que tem se mobilizado para atender às demandas dos manifestantes. Ele citou o discurso da presidenta Dilma Rousseff no qual ela apresentou cinco pontos para garantir as mudanças desejadas no Estado, como reforma política, mobilidade urbana, reforma da educação, saúde e responsabilidade fiscal.

“Esta mensagem exige serviços públicos de mais qualidade. Ela quer escolas de qualidade; ela quer atendimento de saúde de qualidade; ela quer um transporte público melhor e a preço justo; ela quer mais segurança. Ela quer mais. E para dar mais, as instituições e os governos devem mudar” – disse a presidenta no pronunciamento de 18 de junho do ano passado.

Paranhos citou como exemplo os anúncios de que o governo iria disponibilizar R$ 50 bilhões para obras de mobilidade urbana e a legislação que garantiu que 75% dos royalties do petróleo e 50% do Fundo Social do Pré-Sal  sejam destinados para educação e que 25% dos royalties devem ser usados na saúde.

Paranhos disse ainda que desde o início dos protestos a presidenta Dilma tem se mostrada aberta ao diálogo, tendo recebido manifestantes e que está tomando ações concretas para coibir violências contra jornalistas. Inclusive teria recomendado aos governos estaduais a elaboração de diretrizes para o trabalho dos policiais durante os protestos.

“O que vemos é que há um grande debate na sociedade brasileira, e o governo está envolvido; o governo está atuando, escutando a voz das ruas para prevenir e castigar toda força que queira calar essa voz” disse.

Agência Brasil

Medida do TCU impede assinatura de contrato de hidrelétrica licitada hoje

TCU-1-300x198O Tribunal de Contas da União (TCU) determinou hoje (28) que a Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) não assine o contrato de concessão da Usina Hidrelétrica Três Irmãos, que foi licitada nesta sexta-feira, até que o tribunal decida sobre o questionamento feito pela atual operadora da usina, a Companhia Energética de São Paulo (Cesp). A assinatura do contrato está prevista para o dia 6 de agosto.

A Aneel informou que irá acatar integralmente e cumprir a decisão do TCU. A hidrelétrica teve que ser licitada novamente, pois a Cesp não aceitou renovar o contrato conforme as regras estabelecidas pelo governo federal no fim de 2012.  A estatal enviou um questionamento ao TCU pedindo para cancelar o processo do leilão, questionando o fato de o governo não incluir na licitação as eclusas e o Canal Pereira Barreto, que fazem parte do complexo da hidrelétrica.

O relator do assunto no TCU, ministro José Jorge, que assina a medida cautelar, argumenta que a operação em separado da hidrelétrica, sem que seja previamente definido o tratamento a ser dado às eclusas, poderá comprometer a continuidade do sistema energético-hidroviário constituído pelos empreendimentos.

O ministro determinou também que sejam ouvidos em um prazo de 15 dias a Aneel, o Ministério de Minas e Energia, o Operador Nacional do Sistema Elétrico, além do Ministério dos Transportes, a Agência Nacional de Transportes Aquaviários (Antaq), a Agência Nacional de Águas (ANA), a Casa Civil, o Departamento de Águas e Energia Elétrica do Estado de São Paulo (Daee) e a Cesp, para que se pronunciem sobre as questões.

Na manhã de hoje, o consórcio Novo Oriente, formado por Furnas e pela Fip Constantinopla, venceu o leilão da Usina Três Irmãos, promovido pela Aneel, com uma oferta de R$ 31,623 milhões pelo custo de gestão dos ativos de geração. A usina está localizada no Rio Tietê, no município de Pereira Barreto (SP), e tem capacidade instalada de 807,50 megawatts.

Produções regionais do audiovisual terão recursos de R$ 50 milhões da Ancine

Cinema3A Agência Nacional do Cinema (Ancine) abre na segunda-feira (31) as inscrições para uma nova chamada pública do Fundo Setorial do Audiovisual (FSA), que desta vez investirá R$ 50 milhões em projetos de produção independente, selecionados por editais de governos estaduais  e municipais. A iniciativa tem como objetivo estimular as políticas públicas locais para o desenvolvimento do setor audiovisual.

A chamada é dirigida aos governos estaduais e às prefeituras das capitais, com exceção do Rio de Janeiro e de São Paulo. São estados e municípios que, segundo a Ancine, fazem apenas investimentos esporádicos em produção de filmes e obras seriadas de televisão.

“A intenção do Ministério da Cultura e da Ancine, com o novo edital, é estimular a inclusão de novos atores neste cenário, diversificando e descentralizando a produção nacional, sempre procurado fortalecer a produção independente”, diz o diretor presidente da agência, Manoel Rangel.  Segundo ele, os efeitos de mais cinco anos de existência do FSA “são bastante perceptíveis e o setor audiovisual brasileiro vive um excelente momento”.

Desde 2008, o fundo do audiovisual contemplou cerca de 400 projetos de produção e distribuição para cinema e TV. Em dezembro do ano passado, a Ancine anunciou investimentos de R$ 400 milhões para todas as etapas da produção audiovisual, desde o desenvolvimento de projetos à comercialização. Filmes lançados com recursos do FSA foram responsáveis por 70% da bilheteria nacional em 2013.

No novo edital, os recursos oferecidos pelo fundo serão suplementares e proporcionais ao aporte dos órgãos e entidades locais. A distribuição se dará da seguinte forma: até duas vezes os valores aportados pelos órgãos e entidades das regiões Norte, Nordeste e Centro-Oeste, e até uma vez e meia os valores aportados pelos órgãos e entidades da Região Sul e dos estados de Minas Gerais e do Espírito Santo, no Sudeste.

Os interessados devem enviar suas propostas entre 31 de março e 25 de abril. As informações sobre as regras da chamada pública e a documentação exigidas estão disponíveis no site http://fsa.ancine.gov.br .

Operações de busca do avião da Malásia são retomadas em área diferente

 
 Aviao_malaysia_telam

Buscas pelo avião da Malaysia Airline mudam de áreaTélam

As operações de busca pelo avião da Malaysia Airlines, que se supõe caiu no Oceano Índico no dia 8 de março, foram retomadas hoje (28)  em uma área diferente, após novos cálculos sobre o consumo de combustível da aeronave.

Após a suspensão das operações na quinta-feira por causa do mau tempo, dez aviões de seis países (Austrália, Coreia do Sul, China, Estados Unidos, Japão e Nova Zelândia) começaram hoje a explorar uma zona situada a 1.100 quilômetros a nordeste daquela que sobrevoaram há uma semana, a 2.500 quilômetros da costa australiana.

Cinco navios chineses e um australiano dirigiram-se também para a nova área de busca do Boeing 777, que desapareceu depois de decolar de Kuala Lumpur em direção a Pequim, com 239 pessoas a bordo.

A Agência Australiana de Segurança Marítima (Amsa), que coordena as operações, anunciou hoje que cinco aviões localizaram “múltiplos objetos” na nova área, mas que é preciso esperar por uma autorização para que os navios possam deslocar-se ao local amanhã (29).

A nova zona de buscas estende-se por 319.000 quilômetros quadrados, a cerca de 1.850 quilômetros a oeste de Perth, mais próximo da terra e fora da faixa dos Roaring Forties, nome dado pelos marinheiros às latitudes situadas entre o 40.º e o 50.º paralelos no Hemisfério Sul, assim apelidados devido aos constantes ventos fortes, provenientes do Ocidente.

Com as condições meteorológicas mais favoráveis, os aviões poderão efetuar voos de reconhecimento. “As novas informações de que dispomos baseiam-se na análise contínua dos dados de radar entre o mar da China Meridional e o Estreito de Malaca”, indicou a Amsa.

Por razões desconhecidas, o voo MH370 desviou-se da rota e seguiu para oeste, passando sobre a Malásia peninsular, em direção ao Estreito de Malaca, momento em que os radares o perderam.

Graças aos satélites, sabe-se, pelo menos, que o aparelho continuou a voar durante várias horas para o Sul no Oceano Índico.

A Malásia anunciou oficialmente, no dia 25 de março, que o voo MH370 tinha “terminado no Sul do Oceano Índico”, sem que, no entanto, qualquer elemento material confirmasse essa situação.

Segundo a Amsa, as novas informações “indicam que o avião voava em velocidade maior do que havia sido estimada e tinha, assim, consumido mais combustível, o que reduz a distância possivelmente percorrida pelo aparelho em direção ao Sul do Oceano Índico”.


Empresário é condenado a pagar R$ 500 mil por ameaçar empregados com revólver

Dinheiro2A Justiça do Trabalho condenou André Gogolia, um dos donos da Icder Indústria e Comércio de Discos e Rebolos, a pagar indenização de R$ 500 mil por assédio moral. O valor deverá ser revertido ao Fundo de Amparo ao Trabalhador. Segundo a denúncia do Ministério Público do Trabalho, o empresário humilhava os funcionários com xingamentos e os intimidava com um revólver.

José Bernardo dos Santos, que trabalhou como vigilante na empresa entre 1991 e 2011, contou que se demitiu devido aos abusos. De acordo com a testemunha, o empresário o chamou por quatro vezes a sua sala, onde foi ofendido com expressões racistas como “preto sujo”. “Destacou, ainda, que, em certa oportunidade, viu um revólver dentro da gaveta da mesa do segundo requerido [André Gogolia] e que, durante as humilhações sofridas, ele permanecia abrindo e fechando a referida gaveta”, acrescenta o texto da sentença.

Outro funcionário,  Alípio Rezende de Oliveira, também relatou ter passado por situações semelhantes. “Empregado da primeira requerida desde 1999, o qual informou que de duas a três vezes por semana era chamado à sala do segundo requerido [André Gogolia] e lá era por ele chamado de ‘barrigudo’, ‘corno’”, ressalta a decisão. O empregado também disse ter sido intimidado com o revólver pelo patrão.

A Delegacia de Polícia Federal de Sorocaba confirmou o registro de um revólver calibre 38 em nome de Gogolia. “Diante desse quadro, conclui-se que a parte requerida estabeleceu um ambiente de trabalho hostil, de ameaças e humilhações a seus empregados, quadro violador da dignidade humana e afrontadora do trabalho como valor social”, concluiu o juiz que determinou ainda o fim imediato dos abusos e que cópias da sentença sejam afixadas na empresa.

A empresa Icder não retornou os pedidos de entrevista à Agência Brasil até o fechamento da reportagem.

Gasolina e etanol têm preços reajustados no Distrito Federal

 

CombustivelOs consumidores de combustíveis do Distrito Federal estão pagando mais caro pela gasolina e pelo álcool desde o início da semana. Segundo levantamento divulgado hoje (28), pela Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP), o preço médio da gasolina no DF passou de R$ 3,072 para R$ 3,128 entre o início do mês e o último domingo (23). No mesmo período, o preço do etanol subiu de R$ 2,364 para R$ 2,685.

A pesquisa da ANP levou em conta preços de 80 postos de combustíveis do DF. O preço mínimo encontrado para a gasolina foi de R$ 3,09, e o máximo ficou em R$ 3,15. Para o etanol, o menor preço encontrado foi R$ 2,67, e o máximo R$ 2,699.

De acordo com o Sindicato do Comércio Varejista de Combustíveis e Lubrificantes do Distrito Federal (Sindicombustíveis-DF), o reajuste é reflexo dos sucessivos aumentos de preços pelas distribuidoras de combustíveis, principalmente gasolina, nos produtos repassados aos postos. “No caso do DF, os postos têm recebido pequenos e gradativos aumentos nas faturas recebidas de suas respectivas distribuidoras, tornando inviável manter preços inalterados nas bombas de combustíveis. Os aumentos são gradativos e se repetem toda semana”, diz o presidente da entidade, José Carlos Ulhôa Fonseca, em nota.

O sindicato argumenta que o etanol hidratado, usado nos carros flex, teve aumento de aproximadamente R$ 0,30 (15,2%) desde dezembro de 2013, e o etanol anidro, que é misturado à gasolina, também teve aumento significativo, fazendo com que, segundo as distribuidoras, fosse necessária uma correção de valores aplicados aos postos de R$ 0,09 (3,53%).

 

Bope usará óculos com câmeras na ocupação do Complexo da Maré

 

Bope5A tecnologia de ponta será utilizada na operação de ocupação do Complexo da Maré, prevista para o próximo domingo (30). Parte dos policiais do Batalhão de Operações Especiais (Bope) utilizará óculos com câmeras acopladas, capazes de filmar as ações de combate, mesmo durante a noite. Os equipamentos estavam sendo testados em situação real, na tarde de hoje (28), por um grupo de sete homens do Bope, em ações na Favela Nova Holanda.

Equipamento semelhante já foi utilizado por oficiais da Polícia Militar (PM) durante as manifestações de rua, no ano passado. A intenção é gravar as operações, possibilitando comprovação das ações de combate. Segundo a assessoria da PM, “o objetivo é garantir a isenção nas abordagens policiais e ter arquivos de imagens que possam contribuir posteriormente”.

A câmera fica acoplada ao lado de um óculos especial, ligada por fio a uma unidade de processamento e bateria, guardadas no bolso da farda. Os policiais, que estavam usando armamento pesado, recebiam instrução de um oficial, antes de retornarem para a favela, a partir do 22º Batalhão de Polícia Militar (BPM), onde estão baseados.

Um modelo de câmera bastante semelhante à usada pelos homens do Bope custa cerca de US$ 500 em lojas de comércio eletrônico, nos Estados Unidos. O modelo Axon Flex, da marca Taser, tem resolução VGA, pode filmar à noite, com sensibilidade de apenas 1 lux, e tem bateria com duração de até 12 horas.

Agência Brasil

BNB tem nota de crédito rebaixada pir agência de classificação de risco

Bnb-banco-do-nordeste-nova-marca“A agência de classificação de risco Standard & Poor’s (S&P) reduziu a nota de crédito em escala global de 13 instituições financeiras brasileiras, em função do rebaixamento da nota soberana do país, anunciada no último dia 24. Na ocasião, a agência anunciou a redução de BBB para BBB-, com perspectiva neutra, o que indica que a classificação não será rebaixada nos próximos meses. As novas notas das instituições financeiras são estáveis.

A agência também informou que colocou em observação com implicações negativas o rating (nota) global de 17 instituições financeiras e a nota em escala nacional de 26 instituições. Essas implicações negativas indicam possibilidade de corte da nota no futuro.

As instituições que tiveram a nota rebaixada foram Caixa Econômica Federal, HSBC, Itaú Unibanco, Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), Bradesco, Itaú BBA, Citibank, Banco do Nordeste, Banco do Brasil, Santander, Sul América, Sul América Companhia Nacional de Seguros e Allianz Global.”

Agência Brasil

“Projeto Enem Chego Junto, Chego Bem 2014” será lançado nesta quinta-feira (27)

ProjetoEnemO Governo do Estado, por meio da Secretaria da Educação (Seduc), lança nesta quinta-feira (27), às 9h30min, no pátio interno da Seduc, o Projeto Enem Chego Junto, Chego Bem 2014. Durante o evento, presidido pela gestora da pasta, Izolda Cela, também haverá uma homenagem a 26 estudantes e 26 escolas que se destacaram no Exame Nacional do Ensino Médio 2013. Os alunos representarão os 10.687 jovens da rede estadual que ingressaram no ensino superior. Entre os presentes, estarão Weslley Vieira de Carvalho e Bruno Cavalcante Mota, aprovados, respectivamente, para os cursos de Medicina – 1º lugar na UFC/Sobral e Engenharia Civil, também na UFC.

A ação dará continuidade ao investimento e apoio destinados aos alunos da rede estadual para que todos finalizem o Ensino Médio com sucesso, mais chances de ingressarem no ensino superior e preparados para a vida. O projeto Enem Chego Junto, Chego Bem é voltado aos alunos do 2º e 3º ano do Ensino Médio e egressos da rede pública estadual.

O projeto é desenvolvido em seis etapas: documentação, destinada à organização dos documentos (identidade e CPF) dos alunos do 2º e 3º ano para inscrição e realização das provas; inscrição (garantir 100% dos alunos inscritos no Enem); motivação (oferecer condições ao aluno de fazer boas escolhas, motivando-o e encorajando-o); preparação (ações pedagógicas para desenvolver as habilidades dos estudantes); Dia E (incentivar a participação dos inscritos) e ingresso (orientação para o acesso ao ensino superior).

Durante a fase de preparação, a Seduc fortalecerá as atividades realizadas em sala de aula, além de oferecer ações como o Plantão Pedagógico, a Preparação: Rumo à Universidade, o Ciclo de Palestras, os Sabadões do Enem, Simulados Seduc Enem 2014 e Redação Enem.

Os 26 alunos homenageados obtiveram as maiores médias no Enem 2013, de cada Coordenadoria Regional de Desenvolvimento da Educação (Crede) e da Superintendência das Escolas Estaduais de Fortaleza (Sefor), em suas seis regiões.

Assessoria de Imprensa da Seduc

Projeto “Horta Escolar Sustentável” é uma realidade nas escolas da rede pública municipal de Milagres

MilagresOtrabalho que está sendo realizado nas escolas da rede pública municipal de Milagres vem dando um novo panorama na convivência, aluno e escola, assim como no crescimento intelectual destes, por meio de programas e projetos que os tornam cada vez mais envolvidos com o processo de aprendizagem e interação, proporcionado pela dinâmica idealizada por cada diretor e coordenadores das unidades escolares.

Um grande exemplo a ser citado, leva a Escola de Ensino Infantil e Fundamental Oséias Leite Belém, na Vila Café da Linha a desenvolver uma horta sustentável, com plantas de crescimento rápido e que contribuem para uma alimentação nutritiva e saudável. A horta foi planejada pela direção da escola, que inseriu os alunos a trabalharem e aproveitarem toda parte externa da escola e assim, iniciarem os preparativos para que posteriormente fossem plantadas as hortaliças.

Em pouco tempo todos os esforços do corpo docente e alunos gerou resultados positivos e a horta já é uma realidade, onde frutas e verduras estão sendo colhidas, incrementando o cardápio da merenda escolar.

A diretora da unidade escolar, Fátima Crisostomo afirma que; “A horta escolar é um espaço usado dentro das dependências da escola para o cultivo de diversas hortaliças e plantas de crescimento rápido e tudo isso é fruto de um trabalho em conjunto com os alunos, feito com muito amor e dedicação”, ponderou.

Fátima disse ainda que a horta trata-se de um espaço vivo e que agrega valor nutricional, para uma alimentação saudável; “Um dos objetivos da nossa horta é levar os alunos a perceberem a mesma, trata-se de um espaço vivo, onde todos os organismos juntos, ali plantados por eles mesmos, formam toda uma cadeia, proporcionando uma produção sustentável e fonte de alimentação saudável”, finalizou.

Assessoria de Comunicação do Governo

Encerrada XXXII Semana Padre Cícero

Semanapecicero1214Um bolo de 170 metros de cumprimento, seresta e a distribuição do tradicional caldo da Nair, marcaram as festividades da XXXII Semana Padre Cícero, ocorrida entre os dias 18 a 24 de março, em Juazeiro do Norte

No encerramento, mais de cinco mil pessoas participaram da Procissão das Flores, cujo percurso foi iniciado no Centro Social Urbano (CSU), no bairro Franciscanos até o Largo do Socorro, num demonstração de religiosidade e de homenagem ao Padim Ciço, fundador de Juazeiro do Norte.

A XXXII Semana Padre Cícero também teve uma vasta programação cultural em vários pontos da cidade, mas foi o Largo do Socorro onde o público compareceu em maior escala e conferiu diversas atrações regionais como cantorias, apresentação de grupos de tradição, repentistas, teatro, apresentações de artistas locais e muita animação.

O evento também foi marcado pela realização de mais uma edição da Corrida Padre Cícero, cuja largada aconteceu no Centro do Crato e a chegada na praça Padre Cícero, no Centro de Juazeiro do Norte. Atletas de vários municípios cearenses e até de outros estados nordestinos participaram da competição. Na categoria masculina, o vencedor foi o atleta Edson Amaro dos Santos. Já na feminina, a vencedora foi Larisse do Nascimento Sousa. Os vencedores receberam a premiação das mãos do prefeito Raimundo Macedo.

PMJN

Cultura fará palestra para artesãos juazeirenses sobre vendas durante a Copa do Mundo

PadreciceroartesanalNa tarde da próxima segunda-feira, dia 31 de março, e na manhã do dia seguinte, 1º de abril, serão promovidas palestras para artesãos de Juazeiro do Norte no auditório da Biblioteca Pública Municipal. A informação foi dada pela Secretária de Cultura e Romarias, Marli Bezerra, adiantando que virá ao município Teresa Huang, do Ministério da Cultura. Ela vai falar sobre o edital “Vitrines Culturais para artesãos” e proferir palestra sobre o tema: “Exposição e Comercialização de artesanatos durante os jogos no Brasil – 2014”.
 
Juazeiro do Norte possui importantes espaços artesanais como o Centro de Cultura Popular Mestre Noza, que se transformou pela força da arte em um espaço de referência dessas manifestações artísticas e culturais a ponto de ser adotado como Ponto de Cultura. Ali funciona a Associação dos Artesãos do Padre Cícero com cerca de 150 membros associados. Essa efervescência cultural se constitui num atrativo aos visitantes que aproveitam a vinda a Juazeiro para prestigiar outras manifestações como Reisado, Lapinha, Maneiro Pau, Bandas Cabaçais, Bumba Meu Boi e diversas danças que são exemplos de manifestações na cidade com presenças nas festas populares.

PMJN

Prefeitura do Crato quer investir R$ 10 milhões em contrapartidas e obras este ano de 2014

 
Prefeitura do Crato quer investir R$ 10 milhões em contrapartidas e obras este ano de 2014

ObrascratoO prefeito Ronaldo Gomes de Mattos durante inauguração do CEO Municipal afirmou que este ano de 2014 o Município terá que ter em seus cofres algo em torno de R$ 10 milhões para pagar as contrapartidas das obras que chegarão ao Crato.

Segundo Ronaldo obras com a Encosta do Seminário não  saem de graça aos cofres municipais já que requer da prefeitura  recursos para a execução da contrapartida, já que o município ficou responsável por deslocar famílias do local da obra, pagar aluguéis, entre outras obrigações.

Além dessa obra, a prefeitura vai receber recursos para a construção de novas escolas, estradas, creches e construção de calçamento que requer que 10 por cento dos recursos saiam dos cofres municipais.

O prefeito Ronaldo Gomes de Mattos lembra ainda que além das contrapartidas que podem chegar a R$ 10 milhões a prefeitura irá executar algumas ações e obras com recursos próprios.

O prefeito cratense lembrou que além de obras  em parceria com os governos Federal e Estadual a prefeitura irá ampliar os serviços de saúde, educação, melhorar equipamentos, praças e urbanizar a cidade.

A ideia é entre asfalto e calçamento atender cerca de 400 ruas que necessitam de melhorias urgentes.

Gestores escolares participam de encontro com a Superintendência da Secretaria de Educação do Crato

Diretores e coordenadores das escolas e creches do município do Crato se reuniram no 1º Encontro da Superintendência da Secretaria de Educação. A pauta do encontro foi marcada pela troca de experiências e propostas de melhorias para a rede de ensino municipal.

O encontro contou com a presença da secretária de Educação Profª Meire Muniz e com o Secretário Pedagógico Carlos Queiroz, quando foi socializado através de dinâmicas as experiências exitosas pelos gestores que refletiram sobre sua caminhada pedagógica. 

Na ocasião foram abordados temas sobre gestão escolar e apresentado o plano de ação da superintendência da secretaria de educação pelos professores Iael Sampaio e Ronderluce Andrade Marques. O encontro foi divido em duas etapas, um momento com a Coordenadoria do Desenvolvimento da Escola e outro momento de cunho pedagógico com a Coordenadoria de Aperfeiçoamento Pedagógico.

Secretaria do Trabalho e Desenvolvimento Social participa de cursos de capacitação da guarda municipal

A Secretaria Municipal do Trabalho e Desenvolvimento Social (SMTDS), em parceria com a Secretaria de Segurança Pública, Cidadania e Trânsito, participa até o próximo dia 2 de abril do curso de capacitação da Guarda Municipal do Crato, que contará com 10 módulos e 104 disciplinas.

A SMTDS participa do curso através do CRAS, CREAS, Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente (CMDCA) e Conselho Municipal de Assistência Social (CMAS) ministrando aulas em sete temáticas, dentre elas, o estudo básico da filosofia,  atendimento policial às pessoas com deficiência e a importância da liderança entre seres sociáveis.

Na tarde do último dia 24,  no Liceu Diocesano, a secretaria participou ministrando aulas com as seguintes temáticas: direitos da criança e do adolescente e a proteção do Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA), com o assistente social e coordenador do CRAS Alto da Penha, Eugênio Silva; e o estudo básico da Lei Maria da Penha e atuação da guarda em ocorrências envolvendo mulheres, com a coordenadora do Centro de Referência da Mulher do Crato, Vladiana Feitosa.

Ascom Cari

Motorista dirige carreta em chamas para evitar que fogo se espalhasse

Caminhão-tanque descarregava carga de etanol quando incêndio começou. Homem teve queimaduras de 2° grau nas pernas, braços e rosto, em Goiás.

 
Um motorista dirigiu um caminhão-tanque em chamas por cerca de 300 metros para evitar que o fogo se alastrasse pelo galpão da empresa de aviação agrícola onde ele descarregava uma carga de etanol, na cidade de Rio Verde, no sudoeste goiano, na terça-feira (25). Simael Ferreira, de 52 anos, sofreu queimaduras de 2° grau nas pernas, nos braços e em parte do rosto.

O motorista está internado na Unidade de Pronto Atendimento da cidade, e seu estado de saúde é regular. O hospital informou que ele não corre risco de morte, mas deve ser transferido para o Hospital de Queimaduras de Goiânia assim que surgir uma vaga.

Segundo o Corpo de Bombeiros, apesar de o motorista ter transferido a carreta do local para uma estrada vicinal quando o incêndio começou, o fogo atingiu o galpão da empresa, usado para estocar combustível.

“O tanque tem uma capacidade de 15 mil litros de álcool e ficou totalmente em chamas. Nossa equipe teve um trabalho de 4 horas para debelar o incêndio”, disse o subtenente dos Bombeiros Mard Porfírio.

O funcionário de uma granja vizinha contou que conseguiu ver as chamas a quilômetros do local. “Nós ouvimos a explosão. Daí, meu filho olhou pra cá e disse que estava pegando fogo. Vimos o fogo no caminhão e no galpão, estava muito alto mesmo”, afirmou.

A empresa responsável pelo galpão não se pronunciou sobre o ocorrido até a publicação desta reportagem.

Caminhao

Caminhão fica destruído e pneus derreteram por causa do fogo (Foto: Reprodução/TV Anhanguera)
 

Do G1 GO, com informações da TV Anhanguera

Mais de 22 mil unidades habitacionais serão construídas no Ceará

A política habitacional é uma das prioridades do Governo do Estado, tanto que nesta quarta-feira (6) o governador Cid Gomes assinou junto com a Caixa Econômica Federal o Programa de Financiamento de Contrapartidas do PAC (CPAC), no valor de R$ 120,4 milhões, que vai garantir a construção de 22.721 unidades habitacionais em todo o Ceará. Das unidades que serão subsidiadas com o aporte, 10.474 mil já começam a ser construídas a partir de hoje, já que na ocasião foram assinadas ordens de serviço para construção de mais de seis mil casas e a retomada das obras de outras três mil unidades nos municípios de Fortaleza e Caucaia. A solenidade, realizada no Palácio da Abolição, contou com a presença do Ministro das Cidades, Gilberto Occhi, e do vice-presidente José Henrique.

Todas as unidades contarão com o montante de R$ 1,05 bilhão do Governo Federal, por meio do Programa Minha Casa Minha Vida (MCMV). “Esta ação vai dá um ritmo muito mais célere na partição do Ceará no Programa Minha Casa Minha Vida. Em um primeiro momento desse Programa o Ceará teve uma participação muito pequena, mas agora o Estado avaliou e está dando um aporte de uma forma mais justa, serão mais de R$ 1 bilhão por parte do Governado Federal e R$ 120 milhões por parte do Governo Estadual, isso vai fazer com que o Ceará tenha uma participação mais forte na redução do deficit habitacional”, explicou Cid Gomes.

IMG_3186A construção de 6.698 novas unidades habitacionais beneficiarão os municípios de Crateús (795 unidades habitacionais); Maracanaú. (272); Canindé (495), Crato (1.578), Maranguape (294) e Fortaleza (3.264). Além disso foi autorizada a retomada das obras de 3.776 unidades, em Caucaia (2.656 casas) e Fortaleza (1.120), do MCMV I em que o Estado não era autorizado a entrar com aporte financeiro. “O Ceará tem se destacado, dado uma importante demonstração para o Programa Minha Casa Minha Vida. Um ato diz mais do que palavras e nós estamos aqui hoje falando, estamos fazendo. Está de parabéns o povo cearense que mostrou ser capaz de lutar pelo seu direito de ter uma moradia digna”, destacou o Ministro Gilberto Occhi. Ainda segundo o gestor, o Ceará é referência no Programa e já conta com mais de 100 mil unidades habitacionais contratadas.

Segundo informações da Secretaria das Cidades, em um segundo momento será autorizado o início das obras da construção das outras 12.247 unidades. Nessa etapa serão beneficiados os municípios de Acaraú (500 unidades habitacionais), Barbalha (400), Crateús (300), Granja (500), Quixeramobim (600), Russas (420), Limoeiro do Norte (625), Aracati (200), Itapipoca (750) e outras 8.022 unidades em Fortelza. “Com a política habitacional que vem sendo conduzida aqui no Estado, serão mais de 83 mil unidades contratadas só em parceria com o Governo do Estado. Isso significa mais de 350 mil pessoas beneficiadas. Queremos agradecer ao Governo do Estado, em junto com a Caixa, ser mais um parceiro dessa condução que estamos construindo no Ceará”, destacou o vice-presidente José Henrique.

Presente na solenidade, o prefeito de Fortaleza, Roberto Cláudio, destacou a parceria com os Governo Federal e Estadual, na redução do deficit habitacional do município. “Há o elemento fundamental nessa Programa que é a decisão da Presidenta Dilma Rousselff, que é a alocação de recursos, o apoio do Ministério das Cidades em dá mais celeridade aos trâmites do Programa, os Bancos que têm sido parceiros, mas não fosse a decisão do Governo do Estado certamente os investimentos não seriam viabilizados”, reforçou.

Segundo a Secretaria das Cidades, as famílias beneficiadas com as unidades autorizadas devem ser cadastradas pelos municípios e atender aos critérios estabelecidos pelo Programa Minha Casa Minha Vida.

A solenidade contou a presença do vice-governador, Domingos Filho; os secretários estaduais, Danilo Serpa (Gabinete do Governador) e Carlos Ferrentini (Cidades); o presidente da Assembleia Legislativa do Ceará, José Albuquerque; os deputados Camilo Santana, Paulo Henrique Lustosa, Edson Silva, Padre José Linhares, Osmar Baquit, Lula Morais, Sineval Roque, Sérgio Aguiar e Manuel Duca; o presidente da Câmara dos Deputados, Walter Cavalcante; o presidente do Sindicato da Indústria da Construção Civil do Estado do Ceará, André Montenegro.

Coordenadoria de Imprensa do Governo do Estado

Caixa com o processo da Serva de Deus Benigna foi aberta no Vaticano

 
No último dia 21 de março foi aberta, no Vaticano,a caixa com  o processo de beatificação da Serva de Deus Benigna Cardoso da Silva. Monsenhor Giacomo Pappalardo, subsecretário da Sagrada Congregação para a Causa dos Santos (foto acima), e monsenhor Robert Sarno, ao lado do postulador da causa de Benigna, no Vaticano, professor Vittorio Capuzza, procederam à abertura da Caixa, enviada pela Diocese de Crato, contendo toda a documentação sobre a menina-mártir de Santana do Cariri.
Como já foi noticiado, o processo do pedido de beatificação de Benigna Cardoso da Silva está servindo de base para treinamento de 110 novos postuladores e juízes de todas as partes do mundo, que se encontram em Roma recebendo a necessária capacitação para abertura – na fase diocesana – de futuros pedidos de beatificação.

Anvisa propõe restrições na comercialização de clareadores dentais

AnvisaA Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) divulgou hoje (26) que aprovou consulta pública de proposta que prevê a proibição de venda e propaganda de clareadores dentais. O aviso, que deve ser publicado amanhã (27), propõe que produtos com concentração superior a 3% de peróxido de hidrogênio, ou peróxido de carbamida, passem a ser vendidos apenas com a apresentação de receita.

Para o presidente da Associação Brasileira de Cirurgiões-Dentistas, Sílvio Cecchetto, os clareadores dentais devem ser tratados como medicamentos, já que podem trazer riscos à saúde se mal administrados. “Antes de usar o clareador, o paciente tem que ser avaliado. o dente já deve estar totalmente formado e deve-se avaliar se existem infiltrações, cáries, uma série de fatores que vão influenciar na administração do produto”, explicou Cecchetto.

O especialista explica que as principais reações são o enfraquecimento dos dentes, inflamação na gengiva e sensibilidade a gelado. Ele ainda ressaltou que se o paciente tiver diabetes, tem que estar com a doença bem controlada. Além disso, o tratamento não deve ser feito em mulheres grávidas.

Segundo Cecchetto, muitos pacientes acham que usando por um período maior do que o recomendado a ação será maior, mas “o produto tem um tempo determinado de ação. Depois disso, não funciona mais para clarear”, explicou. De acordo com o especialista, é fundamental o acompanhamento do profissional a cada sete dias, em média.

A proposta da Anvisa também prevê que as embalagens tragam a expressão Venda Sob Prescrição Odontológica, em tarja vermelha. Caso aprovada a proposta, a nota fiscal do produto vendido diretamente a dentistas e a pessoas jurídicas que prestem serviços odontológicos deverá ter o número de inscrição do comprador no Conselho Regional de Odontologia.

A restrição de uso dos clareadores está sendo proposta pela Anvisa depois que foi objeto de solicitação de conselhos de odontologia, associações de classe e da recomendação do Ministério Público Federal. Serão aceitas sugestões da sociedade no site da Anvisa por 60 dias, depois da publicação da consulta.

Agência Brasil

Deputados federais aprovam porte de arma para agentes e guardas prisionais

ArmaCâmara dos Deputados aprovam projeto de lei que autoriza porte de arma de fogo para agentes e guardas prisionaisArquivo/Agência Brasil

Os deputados federais aprovaram hoje (26) projeto de lei que permite aos agentes e guardas prisionais o direito de portar arma de fogo mesmo fora do serviço. A proposta autoriza esses profissionais a usar armas da corporação ou de propriedade particular. A matéria será encaminhada à apreciação do Senado.

A votação foi acompanhada por dezenas de agentes penitenciários, que tomaram conta das galerias da Câmara. No ano passado, o Congresso chegou a aprovar uma emenda em uma medida provisória permitindo o porte de arma, mas a emenda foi vetada pelo governo.

Antes da votação de hoje, o líder do governo, deputado Arlindo Chinaglia (PT-SP), disse que o governo não tinha o compromisso de sancionar a proposta, com a inclusão dos guardas portuários entre os profissionais que terão direito a porte de arma.

Informatização de processos ajuda a reduzir superlotação nas prisões

 Presidios

Série de reportagem da TV Brasil mostra situação dos presídios brasileirosWilson Dias/Agência Brasil

Informatizar os processos tem se mostrado uma saída eficiente para combater a superlotação das prisões. A terceira reportagem da série Prisões Brasileiras – um retrato sem retoques, do Repórter Brasil, da TV Brasil, vai mostrar hoje (26) que, no Paraná, a informatização reduziu o tempo de análise de casos em que o detento pode ser solto por causa de algum benefício. A análise do processo, que demorava cerca de seis meses, é concluída em aproximadamente duas semanas.

Com esse sistema, o juiz recebe, no próprio computador, um aviso quando um preso tem direito a um benefício, além de ser informado sobre as datas de cada processo. Dessa forma, foram emitidos mais de 6 mil alvarás de soltura. A iniciativa reduziu o número de presos no estado de 30 mil, em 2011, para 28 mil, em 2013. Além disso, o Conselho Nacional de Justiça (CNJ) faz mutirões carcerários em todo o país, visando a agilizar o maior número possível de processos de detentos que podem obter redução de pena.

Já a falta de defensores públicos é um entrave para os presos condenados e também para os cerca de  215 mil presos provisórios, que correspondem a 38% da população carcerária do país, de acordo com o Departamento Penitenciário Nacional (Depen), do Ministério da Justiça.

O processo de muita gente fica parado por falta dos defensores. Esse é o caso de Carla Maiara do Nascimento, de 19 anos, presa provisória em Teresina. Ela cometeu o crime em Luis Correia, mas foi transferida para a capital por estar grávida na época. Carla diz que nunca viu o advogado que irá defendê-la. “Não o conheço, porque minha comarca não é daqui [de Teresina]. Nunca falei com ele. Estou aguardando julgamento e minha audiência foi marcada e desmarcada duas vezes”.

“A ausência da defensoria ou seu enfraquecimento gera instabilidade interna, gera demanda por respostas, por informações, pode ocasionar movimentos de motins, rebeliões”, alerta o subdefensor Público Geral do Paraná, André Giamberardino. Na opinião dele, o fortalecimento das defensorias públicas, sobretudo estaduais, geraria mais segurança para a população.

Para o juiz da 1ª Vara de Execução Penal de Pernambuco, Luiz Gomes Neto, o sistema penitenciário brasileiro não cumpre com a função de ressocialização. “O que a sociedade espera ao jogar um criminoso que, às vezes, cometeu um crime isolado, dentro do sistema carcerário? Ela espera, ao final da pena, colher um cidadão com condições de ressocialização, apto e capacitado para inserção na sociedade? Possivelmente não é isso que vai ocorrer nas condições atuais”.

Amanhã (27), a série de reportagem vai mostrar os dramas das mulheres que vivem atrás das grades e como elas lidam com a maternidade nesse cenário. A série vai ao ar no Repórter Brasil, da TV Brasil, que vai ao ar às 21h.

Farc se recusam a entregar responsáveis por tortura e assassinato de policiais

 FarcAs Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (Farc) asseguraram hoje (26) que em “hipótese alguma” entregarão os responsáveis pelo assassinato de dois policiais em Tumaco, departamento de Nariño. O Ministério da Defesa colombiano e a Organização das Nações Unidas (ONU) haviam solicitado que as Farc entregassem os responsáveis pela morte dos policiais, ocorrida há duas semanas. A recusa em apresentar os culpados do atentado foi divulgada por meio de um comunicado, enviado pelo chefe máximo da guerrilha, Rodrigo Londoño, chamado de Timochenko.

Segundo investigações do governo colombiano, o major Germán Méndez Pabón e o patrulheiro Edílmer Muñoz foram torturados e encontrados mortos na madrugada do dia 18 de março, na zona rural de Tumaco. Segundo a perícia, o patrulheiro teria sido degolado e o major foi morto com um tiro, e ambos foram torturados, de acordo com o Instituto de Medicina Legal da Colômbia.

Timochenko não negou a autoria do atentado, mas disse que se guerrilheiros tivessem de responder pelo delito, isso teria que ser feito dentro da própria jurisdição guerrilheira, e não por “autoridades inimigas”.

O pedido de entrega dos guerrilheiros responsáveis havia sido feito pelo ministro da Defesa colombiano, Juan Carlos Pinzón, no último fim de semana, e o Escritório das Nações Unidas no pais também havia solicitado a entrega dos guerrilheiros responsáveis às autoridades.

Em negociação de paz com o governo, desde novembro de 2012, as operações militares não foram suspensas em meio ao processo e há casos de ataques, atentados e mortes de militares pelas Farc, assim como de captura e mortes de guerrilheiros pelo Exército.

Agência Brasil

Comissão especial aprova projetos que modernizam Código de Defesa do Consumidor

Codigo-de-defesa-do-consumidorA comissão especial que analisa as propostas de reforma e modernização do Código de Defesa Consumidor aprovou hoje (26) o relatório do senador Ricardo Ferraço (PMDB-ES) com substitutivos a dois projetos propostos pela comissão de juristas convocada pelo Senado para tratar do assunto. As duas proposições seguem agora para o plenário da Casa.

Ao apresentar o relatório, Ferraço ressaltou que um dos objetivos é “incluir no leque de proteção do CDC as transações eletrônicas, que não existiam no início dos anos 1990, quando o código foi criado, e já movimentam quase R$ 29 bilhões por ano no Brasil”.

No que se refere ao comércio eletrônico, o relatório estabelece que os sites serão obrigados a informar, em local de fácil visualização, endereço geográfico e eletrônico, nome empresarial e outros dados sobre o mantenedor, assim como o preço total do produto ou serviço, incluindo taxas adicionais, tributos, despesas com frete, entre outras informações.

Além disso, também serão obrigados a informar dados básicos sobre o produto ou serviço, o prazo de entrega, formas de pagamento e quantidade mínima de compradores em caso de compras coletivas. Os chamados clubes de compras, em que produtos são ofertados a preços menores caso um grande número de compradores seja atingido, ficam responsabilizados solidariamente pelos danos causados ao consumidor pelas empresas responsáveis pelos produtos vendidos.

O vazamento de dados dos consumidores deverá ser imediatamente comunicado às autoridades, e os spams – propagandas enviadas por e-mail – ficam limitados, só podendo ser enviados com autorização prévia do consumidor.

Atualmente, o consumidor tem direito de se arrepender de compras feitas pela internet em até sete dias, período em que pode devolver o produto ou cancelar a compra e receber o dinheiro de volta. Ferraço manteve essa prerrogativa, exceto para passagens aéreas. Ele justificou que a premissa do direito de arrependimento é que o consumidor não pode tocar nem analisar o produto comprado online e que isso também não ocorreria se ele comprasse uma passagem aérea em lojas físicas. Dessa forma, ele estabelece que caberá à Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) regulamentar esse tipo de compra em até 180 dias após a aprovação da lei.

O relatório também trata de consumo sustentável e superendividamento. Ricardo Ferraço estabeleceu que os rótulos dos produtos devem conter informações sobre impactos ambientais e o descarte correto de embalagens. Propagandas enganosas sobre oferta de crédito, assédio para tomada de empréstimos e cláusulas contratuais mal explicadas têm punições previstas na proposta. Os créditos consignados passam a ficar restritos ao máximo de 30% da remuneração mensal líquida do consumidor, como já ocorre com servidores públicos e aposentados.

“A responsabilidade compartilhada é outra figura importante incluída no relatório. O fornecedor terá o dever de avaliar as reais condições que o consumidor tem para pagar a dívida. Isso coloca um ponto final, por exemplo, em práticas comuns no mercado, como a concessão de crédito ‘no ato’, até mesmo para consumidor inscrito nos serviços de proteção ao crédito. Caberá ao consumidor dar informações corretas ao fornecedor. Caso contrário, ele perderá o direito às normas trazidas no projeto”, explicou Ferraço.

Os Procons também saem fortalecidos na proposta do senador. Eles passam a ter mais poderes para negociar e resolver problemas relatados pelos consumidores e ganham autonomia para aplicar medidas corretivas como determinar a reparação do produto com problema ou a devolução do dinheiro. O descumprimento a determinações dos Procons poderá resultar na aplicação de multas diárias.

O texto traz ainda regulamentação para publicidade infantil e proíbe propagandas em que as crianças sejam o porta-voz para a venda do produto. Também considera abusiva a publicidade que trate com discriminação quem não consome o produto ou que estimule comportamento socialmente condenável.

Os projetos seguem agora para votação no plenário do Senado e em seguida serão analisados pela Câmara dos Deputados. Depois, precisa ser sancionado presidenta Dilma Rousseff.


Música de Qualidade - 24h!

300x250advert

VIDEOS EM DESTAQUE

GALERIA DE FOTOS

Previsão do Tempo


EDIÇÕES ANTERIORES

novembro 2014
D S T Q Q S S
« out    
 1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
30  

Rede Blogs do Cariri




Clique no Logo acima e visite o site oficial da Rede.

Mural Chapada do Araripe



TV CHAPADA DO ARARIPE



A TV Chapada do Araripe é composta por uma coleção de vídeos, entrevistas e reportagens. Escolha o vídeo que deseja assistir, clicando sobre o título. Veja mais detalhes na página da TV Chapada do Araripe.

HOMENAGEM DA SEMANA


CORREINHA

O Chapada do Araripe presta homenagens a um dos maiores mestres da cultura popular que faleceu em Crato recentemente, Francisco Correia de Lima, o Correinha, artista de várias linguagens atuante no município do Crato. Mestre Correinha nasceu no município de farias Brito no dia 14 de fevereiro de 1940, mas era um amante inveterado do Crato, município ao qual costumava fazer referências em suas canções. Talvez por não ter tido seu nome incluído nas listas anuais de mestres reconhecidos pelo Governo do Estado desde 2004, mestre Correinha tenha sido sepultado em meio a homenagens comoventes de moradores do município, mas, como ressaltaram amigos e familiares, sem o devido destaque por parte do Poder Público. Situação destacada durante a sua missa de corpo presente, enriquecida pelo acordeon de Hugo Linard, com quem Correinha gravou recentemente, 15 canções que agora constituem o último registro de sua obra. Segundo o próprio Hugo Linard, as canções registradas nesse último trabalho de Correinha em estúdio são, na maioria, inéditas. ´Ele gravou também ´Belezas do Crato´, mas as outras não tinham registro´, diz, citando canções como ´Coisas do meu sertão´, ´Exaltação a Barbalha´, ´Crato de Açúcar´ e ´Meu Cariri´ e ´Balanceio´. ´Fazia tempo que a gente tava cutucando ele, dizendo que ele tinha que gravar de novo. Ele fez dois compactos e outros discos, no tempo do vinil, além de vários cordéis´. Hugo Linard chama atenção para aspectos peculiares da trajetória de Correinha. ´Ele mantinha um bar aqui no Crato e ainda trabalhava como agente carcerário. Era tão querido que os presos pediram à família por ocasião do seu velório, para deixar um pouco o corpo dele lá na cadeia, para eles o homenagearem´.
Dalwton Moura

Jornal do Vicelmo

Todos os dias na Rádio Chapada do Araripe - Internet, a partir das 07:00, ouça o Jornal do Cariri com Antonio Vicelmo. O Jornal é retransmitido da Rádio Educadora do Cariri em tempo real. Você pode ouvir o programa através da nossa imensa rede de Blogs e websites. Alguns programas antigos estão disponíveis no nosso website Jornal do Vicelmo.

AUXÍLIO À LISTA

Dicas de Filmes



Por trás de todo o grande homem se esconde um professor, e isso era certamente verdade para Bruce Lee que aclamava como seu mentor um expert em artes marciais chamado Ip Man. Um gênio do Wushu (ou a escola de artes marciais da China), Ip Man cresceu numa China recentemente despedaçada pelo ódio racial, radicalismo nacionalista e pela Guerra. Ele ressurgiu como uma Fênix das Cinzas graças à suas participações em lutas contra vários mestres Wushu e lutadores de kung-fu - finalmente treinando icones de artes marciais como Bruce Lee. Esta cinebiografia do diretor Wilson Yip mostra a história da vida de Ip.

Como Publicar seu Artigo


Agora você pode entrar em contato conosco diretamente. Se vc deseja publicar algum artigo que julgue importante para o Cariri, entre em contato conosco. Todos os artigos aprovados serão devidamente creditados aos autores. Os melhores artigos merecerão destaque, e se continuados, os escritores e cronistas poderão se tornar membros permanentes doportal Chapada do Araripe. Contatos: MSN e E-mail: blogdocrato@hotmail.com

Quem somos Nós

O Chapada do Araripe é um site sem fins lucrativos, que visa promover a imagem da região do cariri cearense na Internet. Se você deseja publicar algum artigo no portal Chapada do Araripe, entre em Contato conosco.

Direitos Autorais:

DM Studio – Comunicação & Marketing. Algumas partes do Chapada do Araripe estão sob uma “Licença Creative Commons”, e outras, de acordo com seus respectivos autores, com “Todos os Direitos Reservados” –

www.chapadadoararipe.com - 2014

Contatos: Dihelson Mendonça – MSN e E-mail: blogdocrato@hotmail.com

© 2014 Chapada do Araripe - -