Ucranianos renovam Parlamento neste domingo

ucraniasmall_bandeira-

 

A Ucrânia realiza neste domingo (26) eleições parlamentares. As urnas abriram às 8h locais (4h no horário de Brasília), em todo o país, com exceção de regiões separatistas do leste, como a Crimeia.

A Crimeia ficou de fora do pleito por ter sido anexada à Rússia após um controverso referendo em março. As regiões de Donetsk e Lugansk, por sua vez, estão controladas por rebeldes e convocaram eleições parlamentares e presidenciais independentes para 2 de novembro. Com a ausência destas regiões, quase 30 cadeiras do Parlamento de Kiev ficarão vazias.

De acordo com as pesquisas de intenção de voto, o novo Parlamento deverá ser comporto por seis ou sete partidos, a maioria com tendências pró-ocidentais e orientação nacionalista.

No voto proporcional, o bloco liderado pelo presidente Petro Poroshenko deverá obter o maior número de cadeiras: entre 30% e 50%.

"Espero que estas eleições me permitam criar uma coalizão pró-europeia, fazer reformas e formar uma equipe forte para construir um país forte e pacífico", disse o mandatário, após votar em Kiev, na capital do país.

Agência ANSA

Brasileiros votam em Nova York e pedem fim da corrupção

votousaPorta é aberta para os eleitores em Nova York, segundo maior colegio eleitoral fora do Brasil. A votação acontece em Manhattan, principal distrito da cidade (Foto: Anna Gabriela Ribeiro/G1)

Zona eleitoral de Nova York é a segunda maior fora do Brasil. Cônsul-geral do Brasil ressalta interesse dos eleitores no segundo turno.

Em Nova York, onde está o segundo maior colégio eleitoral do Brasil no exterior, brasileiros formaram fila desde cedo para votar no segundo turno das eleições para presidente. No total, 21.240 eleitores estão aptos a votar na jurisdição do Consulado do Brasil em Nova York, que inclui os estados de Nova York, Nova Jersey e Pensilvânia, nos Estados Unidos. Em clima pacifico durante a votação, os eleitores ressaltaram que o combate à corrupção e a contenção da violência são as principais mudanças esperadas para a partir 2015.

A votação em Nova York foi aberta às 8h e prossegue até às 17h, no Metropolitan West, em Manhattan. De acordo com a cônsul-geral do Brasil em Nova York, embaixadora Ana Cabral, 230 mesários e 70 organizadores trabalham nesta eleição. “Nós temos 58 seções e 55 urnas aqui em Nova York, no primeiro turno votaram mais ou menos nove mil eleitores. Esse espaço foi escolhido porque nós precisávamos de um local amplo, que tivesse condições de instalar todas as seções. A princípio está tudo ocorrendo muito bem."
O Consulado do Brasil em Nova York concentra o segundo maior número de eleitores fora do Brasil, ficando atrás apenas da cidade de Miami, que tem 22,3 mil eleitores.  “O brasileiro tem a obrigação de votar. Se ele mora no exterior pode votar para presidente. Se ele não votar, deve justificar a ausência, assim como no Brasil. Se você mantiver a nacionalidade brasileira, eu acho importante participar da nossa democracia, acho que estamos vendo aqui uma quantidade muito maior do que no primeiro turno. Surpreendentemente, nas primeiras horas da manhã você tem uma quantidade maior do que no primeiro turno a essa hora, o que demonstra um interesse ampliado para o acompanhamento das eleições”, destaca a embaixadora.
Nas primeiras horas da manhã, centenas de pessoas compareceram para votar e, uma fila foi formada antes mesmo da abertura dos portões. Moradoras de Dover, em Delaware, as amigas Valquíria Miller e Dirce Galvão eram as primeiras na fila, elas viajaram quatro horas de carro para votar em Nova York. “Saímos de casa as 2h e chegamos aqui duas horas antes da abertura do portão. Mesmo morando nos Estados Unidos há 14 anos, eu sempre participo das eleições brasileiras. Acho importante, me importo com o país e espero que a corrupção acabe, queremos mudança para o Brasil”, afirma Valquíria.

A cabeleireira Lia Dimattia, moradora de Nova York há 30 anos, também era uma das primeiras na fila para votação. Ela ressaltou a importância de exercer seu papel democrático. “É muito importante dar a nossa opinião, e minha pátria, meu povo, minhas raízes. Espero que haja mudança e que este seja o fim da corrupção e hipocrisia. O povo brasileiro não é burro nem idiota”, diz a eleitora.
O eleitor Lucas da Silva, mora em Queens, Nova York, há 17 anos, e ressaltou a importância do voto. “Temos que exercer nosso papel de cidadão brasileiro. Mesmo morando nos Estados Unidos e importante que a gente deseje mudança, fim da corrupção, pois, um dia podemos voltar a morar no Brasil”, diz.
A brasileira Monica Oliveira compareceu ao local de votação com o marido, eles moram nos Estados Unidos há 20 anos. “ Acho importante exercer a cidadania e ajudar seu país. Sempre votei daqui e não vou perder a esperança de um país melhor, menos corrupto, com saúde, educação e campo de trabalho para as pessoas mais velhas. Do jeito que está não dá mais”, lamenta a eleitora.
Moradoras de Newark, em Nova Jersey, mãe e filha também viajaram a Nova York para participar das eleições para presidente no Brasil. Célia Carvalho e Julia Silva reclamam da atual situação do país. “ Acho importante votar e tentar melhorar o Brasil, precisamos urgente de mais educação, melhor saúde pública, segurança. E só vamos conseguir essas coisas quando acabar a corrupção”, afirma Célia.
Primeiro turno
A zona eleitoral do Consulado-Geral do Brasil em Nova York recebeu 8.543 eleitores para o primeiro turno das eleições de 2014. De acordo com informações do Consulado, este número representa 40,31% dos 21.240 eleitores brasileiros que estão aptos a votar na jurisdição, que inclui três estados: Nova York, Nova Jersey e Pensilvânia. Ainda segundo o Consulado, as eleições transcorreram sem incidentes nas 58 seções e 55 urnas desta zona eleitoral.

Anna Gabriela RibeiroEspecial para o G1, em Nova York

Eleitora de Petrolina é detida ao fazer selfie durante voto

eleicoes14

Mulher foi levada para a Polícia Federal. Crime Eleitoral prevê pena de até 2 anos de prisão e pagamento de multa.

Uma mulher foi detida no início da tarde deste domingo (26) enquanto votava no centro dePetrolina, cidade do Sertão de Pernambuco. Ela estava fazendo selfie, ou seja, um autoretrato com a urna eletrônica, prática que é proibida pela Justiça Eleitoral.

A suspeita partiu de um dos mesários da seção que acionou a Polícia Militar. A mulher foi encaminhada para a Delegacia da Polícia Federal, em Juazeiro, na Bahia. Segundo o delegado da PF, Rodrigo Motta, a mulher assinou um Termo Circunstanciado e responderá pelo crime na Justiça Eleitoral.

“Ela vai responder em liberdade. O celular dela foi apreendido e a eleitora deverá se apresentar na Justiça”, afirmou o delegado Rodrigo Motta. No depoimento, a mulher assumiu que estava fazendo a foto e contou que seu objetivo era comprovar o voto a uma amiga. “Ela disse que a amiga não acreditava que ela votaria em determinado candidato e ela queria tirar uma foto para provar isso”, relatou o delegado.

Levar celulares, máquinas fotográficas e demais equipamentos eletrônicos para a cabine de votação é crime e prevê uma pena de até dois anos de reclusão e pagamento de multa, que são determinados pela Justiça. Segundo o delegado, o crime é classificado como de menor potencial ofensivo.

Amanda FrancoDo G1 Petrolina

Eleitor é morto a tiros dentro de escola durante votação no RN

escola_2Eleitor foi assassinado a tiros dentro da Escola Municipal Professora Celine Guimarães, no bairro Barrocas, em Mossoró (Foto: Marcelino Neto/G1)

Crime aconteceu na manhã deste domingo em Mossoró, na região Oeste. Segundo a PM, vítima foi identificada como Robson Diego Soares, 20 anos.

Um eleitor foi assassinado a tiros dentro da Escola Municipal Professora Celina Guimarães, no bairro Barrocas, em Mossoró, na região Oeste do Rio Grande do Norte. A vítima é um jovem de 20 anos identificado como Robson Diego de Moura Soares. Segundo o sargento Alfredo Carneiro, do 2º Batalhão da PM, a votação foi suspensa até a retirada do corpo. O advogado Kennedy Diógenes, que estava na escola no momento do crime, disse que o rapaz teria tentado se esconder em uma seção eleitoral após levar um primeiro disparo. O criminoso conseguiu fugir.

 

O local é um dos que receberam reforço do Exército para a segurança nas eleições no município. Ao G1, o policial militar explicou que o jovem estava na fila de votação quando um homem se aproximou e começou a atirar. "O que sabemos é que membros de um grupo de gangues se encontrou aqui dentro da escola e se estranharam. Na troca de tiros, o rapaz foi baleado", explicou.

A polícia não confirmou se Robson fazia parte de um dos grupos rivais. A votação foi suspensa até a retirada do corpo. A PM isolou o local e aguarda a chegada da equipe do Instituto Técnico-Científico de Polícia (Itep-RN) de Mossoró.

Do G1 RN

Eleitor cola tecla de urna em Goiás e é procurado pela Polícia Federal

urna_com_cola

Um fato curioso marcou a votação em uma seção do município de Formosa, a cerca de 242 quilômetros de Goiânia. Um eleitor passou cola em uma das teclas da urna eletrônica, impedindo que ela fosse pressionada. O fato só foi percebido pelo eleitor seguinte, ao entrar na cabine de votação. Ele comunicou o ocorrido aos mesários e a urna foi trocada.

O eleitor já foi identificado e está sendo procurado pela Polícia FederalMarcelo Brandão

De acordo com o Tribunal Regional Eleitoral (TRE) de Goiás, o eleitor que colou a tecla da urna já foi identificado e está sendo procurado pela Polícia Federal por prática de crime eleitoral.

Além disso, o presidente de uma das seções na Pontifícia Universidade Católica de Goiás, na capital do estado, foi preso esta manhã. Ele deveria estar no local por volta de 7h40, e só chegou às 11h para trabalhar. De acordo com o TRE, um juiz estava no local e mandou prender o presidente da sessão. Outro mesário o substituiu como presidente da seção e um eleitor que estava no local foi convocado para ocupar o posto de mesário.

Até o momento, quatro prisões foram registradas no estado, conforme informações do TRE. Além dessa prisão, em Goiânia, outra foi registrada no município de Jaraguá e outras duas no município de Minaçu.

Agência Brasil

Médicos reforçam importância da mamografia e alertam sobre exames complementares

mamografia1

A mamografia continua sendo o principal meio de prevenção contra o câncer de mama e deve ser feita anualmente pelas mulheres a partir dos 40 anos de idade. Essa recomendação adotada pela Sociedade Brasileira de Mastologia foi reforçada neste fim de semana pelo radiologista norte-americano Edward Sickles, diretor do Serviço de Diagnóstico por Imagem das Mamas da Universidade da Califórnia, em San Francisco, durante o 1º Simpósio Internacional de Imagem em Oncologia, no hospital A.C.Camargo.

Referência para a medicina mundial no que se refere à análise de rastreamento de imagens para se detectar a presença de câncer mamário, o radiologista coordenou o Sistema de classificação denominado Birads (sigla em inglês para Breast Imaging-Reporting and Data System). O método serve para identificar os elementos encontrados nas imagens, que vão desde a inexistência de tumores até os mais variados graus de deformação celular, auxiliando os médicos a escolher a melhor forma de tratamento.

O sistema está na quinta edição (lançada este mês), nos Estados Unidos, e, entre as novidades tecnológicas, traz o recurso da tomossíntese digital ou a mamografia em terceira dimensão (3D), que permite reduzir os casos falsos positivos.

A oncologista Elvira Ferreira Marques, Do A.C.Camargo, alerta que em casos de paciente com mamas densa ou de pessoas com histórico que evidencie o risco da doença, os exames complementares à mamografia são necessários tanto para se ter um diagnóstico mais preciso quanto para a definição do melhor procedimento para conter a evolução do tumor. “Tudo vai depender do grau de rico da pessoa”, explicou ela.

A médica defende que em alguns casos, de paciente com suscetibilidade hereditária, por exemplo, o acompanhamento poderia começar mais cedo, pouco depois dos 30 anos.

Dados do Instituto Nacional de Cancer (Inca) indicam que o câncer de mama é o mais frequente entre as mulheres, com o surgimento de 22% de casos. A estimativa do Inca é que neste ano surjam 57.120 casos.

Editor Talita Cavalcante

Agência Brasil

Youssef apresenta sinais vitais dentro da normalidade, informa boletim médico

AlbertoYoussef

Boletim médico divulgado na manhã de hoje (26) pelo Hospital Santa Cruz, em Curitiba, informa que o doleiro Alberto Youssef, internado desde a tarde de sábado (25), está consciente, lúcido e orientado, “com sinais vitais dentro da normalidade”.

De acordo com o diretor clínico do hospital, Arthur Leal Neto, o doleiro deu entrada na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) Coronariana as 16h20 de ontem, em função de um episódio de síncope (perda rápida da consciência), mas apresentava um quadro clínico estável com  “sinais de desidratação e emagrecimento importante”.

Leal Neto ainda afirmou que a avaliação inicial não mostrou qualquer sinal de intoxicação e o que o quadro cardiológico também era estável. “Até o momento, apresenta exames laboratoriais e outros exames complementares dentro da normalidade”, destacou.

Youssef continuará em observação. Esta é a terceira vez que o doleiro precisou de atendimento médico desde que foi preso pela Operação Lava Jato, da Polícia Federal (PF), em março deste ano.

A PF divulgou nota hoje informando que o doleiro passou bem a noite e permanecerá hospitalizado por 48 horas, sob escolta de policiais. Ontem (25), a Superintendência da PF em Curitiba negou a suspeita de envenenamento. No texto, informa que a internação ocorreu em função de “uma forte queda de pressão arterial causada por uso de medicação no tratamento de doença cardíaca crônica”.

Editor Juliana Andrade

Agência Brasil

No Ceará, candidatos ao goveno votam e mostram otimismo

urna_menorOs dois candidatos ao governo cearense já compareceram às seções eleitorais. Eunício Oliveira (PMDB), votou no clube Náutico Atlético Cearense, no bairro de Meireles, em Fortaleza, seu reduto eleitoral. Apesar de aparecer um pouco atrás do adversário nas últimas pesquisas, Oliveira disse estar otimista com a vitória.

“Hoje é o grande dia. Espero que o eleitor cearense tenha oportunidade de fazer um Ceará definitivamente de todos e de diálogo. Eu quero agradecer a todos que nos fizeram chegar até aqui. Tô muito feliz e otimista”. Ele estava companhado pela esposa, os quatro filhos e o vice-prefeito licenciado da capital cearense, Gaudêncio Lucena (PMDB).

O outro candidato ao governo cearense, Camilo Santana (PT), votou na Escola Municipal Bom Jesus, no município de Barbalha, no interior. “Durante toda a campanha apresentei propostas, não agredi ninguém. E é isso que interessa à população cearense. Mostrei as coisas boas que o Ceará conseguiu nos últimos sete anos. Mas também sei dos grandes de desafios que ainda há por resolver”. O candidato estava com a esposa, os dois filhos, além do governador do Ceará, Cid Gomes.

No Ceará, 121 urnas eletrônicas apresentaram problemas nas três primeiras horas da votação. O Tribunal Regional Eleitoral (TRE) informou que 71 foram trocadas. Na capital Fortaleza, foram 29 substituições. Todo o estado tem 19.961 urnas distribuídas nos 184 municípios.

O número de prisões por crime eleitoral ainda não foi divulgado pelo TRE.

Eleições 2014: Participe da cobertura da EBC nas redes sociais com a hashtag #votoavoto

Editor Talita Cavalcante

Agência Brasil

Ataques aéreos no Paquistão matam 18 rebeldes

ataquesaeriospaquistao

Dezoito rebeldes morreram em ataques aéreos do Exército do Paquistão perto da fronteira com o Afeganistão. As informações foram divulgadas por fontes militares.

Os ataques ocorreram na noite desse sábado (25) no distrito de Khyber, onde os talibãs e o grupo islâmico armado Lashkar-e-Islam se refugiaram. Em nota, o Exército paquistanês afirmou que ainda foram destruídos munições e um grande armazém de armas.

A campanha contra grupos islâmicos na região começou em 2004, quando o Exército do Paquistão iniciou a busca por combatentes da Al Qaeda que atravessavam a fronteira depois da invasão do Afeganistão pelos Estados Unidos.

Em junho, as forças do Paquistão deram início a uma ofensiva contra esconderijos de rebeldes no Waziristão do Norte. A ação ocorreu depois de um ataque no aeroporto de Carachi que encerrou as negociações de paz entre o governo e os talibãs.

O Waziristão do Norte, no Noroeste do país, próximo da fronteira com o Afeganistão, é considerado a maior base do movimento dos talibãs paquistaneses que lidera, desde 2007, a guerra contra o governo de Islamabad.

Segundo balanço divulgado pelo exército do Paquistão, mais de mil militantes foram mortos.

Agência Brasil

Vinte e nove países encerraram votação

 

eleicoes2014a

Até as 12h30 deste domingo (26), eleitores de 29 países, dos 135 onde há votação, além de Hong Kong, região administrativa da República Popular da China, encerraram os trabalhos. No exterior, a votação começou às 17h (horário de Brasília) desse sábado (25) com os eleitores brasileiros que moram em Wellington, na Nova Zelândia. Em seguida, votaram os eleitores que vivem na Austrália, no Japão, Timor Leste, em Cingapura, nas Filipinas, em Hong Kong, na Indonésia, Malásia, China e em Taiwan.

Os últimos a votar serão os brasileiros que residem em São Francisco, nos Estados Unidos. Lá, a votação começa às 13h – horário de Brasília – deste domingo. Segundo o TSE, mais de 350 mil eleitores foram cadastrados pela Justiça Eleitoral para votar para presidente da República fora do Brasil.

O maior colégio eleitoral brasileiro no exterior fica nos Estados Unidos, onde há mais de 112,2 mil eleitores cadastrados em dez cidades. As maiores concentrações estão em Miami (22.294), Nova York (21.240) e Boston (18.181).

Os eleitores devem comparecer à seção no segundo turno, mesmo que não tenham votado no primeiro. Caso não votem, precisam justificar a ausência. O voto no exterior também é obrigatório, e a justificativa deve ser encaminhada ao consulado brasileiro mais próximo da residência do eleitor.

Quem mora fora do país está sujeito a penalidades impostas pela lei brasileira, caso não vote ou justifique a ausência. A Justiça Eleitoral adverte que uma delas pode complicar a vida de quem mora fora do Brasil: a impossibilidade de renovação do passaporte, enquanto não for regularizada a situação.
Eleições 2014: Participe da cobertura da EBC nas redes sociais com a hashtag #votoavoto

Agência Brasil

Em João Pessoa, turistas atrasam ida à praia para justificar ausência na votação

 

joao-pessoa

Em João Pessoa, cidade turística e famosa por suas 55 praias, muitos turistas aproveitaram o domingo com sol entre nuvens para justificar a ausência na votação. De acordo com o Tribunal Regional Eleitoral da Paraíba, esses eleitores devem preencher o requerimento de justificativa eleitoral e podem entregar o documento em qualquer uma das 1.470 seções da capital.

O taxista Nerivaldo da Silva veio com a esposa, os dois filhos e a neta visitar o município. A família, que deve passar cinco dias na região, deixou de ir à praia para ficar quite com a Justiça Eleitoral. "É importante justificar para não dar problema depois. É melhor tirar um tempinho agora que ter dor de cabeça mais para frente."

A professora Benivalda Lopes também reservou um tempo para a justificativa. Ela veio à capital com uma excursão de 60 pessoas de Salgueiro, em Pernambuco. Todo o grupo foi de ônibus ao colégio eleitoral para justificar a ausência. A turma programou a viagem há alguns meses e acreditou que a eleição seria decidida no primeiro turno. “A gente achou que não ia para o segundo turno. Mas como foi e já tínhamos pago a viagem, decidimos manter o passeio. E justificar é uma maneira também de exercer a cidadania.”

A capital também disponibiliza três urnas para o voto em trânsito. De acordo com o Tribunal Regional Eleitoral da Paraíba, 1.055 eleitores de outros estados devem votar para presidente da República na Paraíba. Em todo o estado, aproximadamente 2,8 milhões de paraibanos devem ir às urnas.

Eleições 2014: Participe da cobertura da EBC nas redes sociais com a hashtag #votoavoto

Editor Talita Cavalcante

Agência Brasil

Uruguaios participam de eleições presidenciais e legislativas

uruguay

Mais de 2,6 milhões de uruguaios votam hoje (26), desde as 8h, para decidir quem será o sucessor de Jose Mujica. Pesquisas de intenção de votos apontam que a disputa será definida entre os candidatos Tabaré Vázquez e Luis Lacalle Pou.

Vázquez, que já foi presidente do Uruguai entre 2005 e 2010, integra a coligação de esquerda Frente Ampla. O deputado Luis Lacalle Pou é do Partido Nacional, que representa a principal força da oposição no país.

Caso nenhum dos candidatos consiga a maioria dos votos válidos, a escolha será transferida para o segundo turno, marcado para o dia 30 de novembro.

Além da escolha do novo presidente, que vai tomar posse no dia 1º de março, os uruguaios também elegem o novo Parlamento, formado por 31 senadores, incluindo o vice-presidente da República, e 99 deputados representando os 19 departamentos do país.

Simultaneamente, os eleitores do Uruguai ainda decidem, em um referendo, se aprovam ou rejeitam a reforma da Constituição, que propõe baixar a idade da imputabilidade penal dos 18 para os 16 anos.
*Com informações da Agência Lusa

Editor Graça Adjuto

Agência Brasil

TSE registra 154 crimes eleitorais e 28 prisões no país

eleicoes2014a

O Tribunal Superior Eleitoral divulgou boletim na manhã deste domingo (26) informando que, até as 11h, 154 eleitores cometeram algum tipo de crime eleitoral no país, 28 foram presos.

A divulgação de propaganda irregular foi o crime mais cometido, até o momento, com 74 registros, a maioria no Rio de Janeiro com 32 ocorrências, em cinco delas os flagrados foram detidos. Também houve uma prisão pelo mesmo motivo no Acre. Boca de urna teve 18 registros e dez presos. Três prisões foram em Goiás.

O transporte ilegal de eleitores teve sete registros, a maioria no Ceará, com três ocorrências e nenhuma prisão. Outros motivos não especificados pela Justiça Eleitoral somam 42 ocorrências e 11 prisões pelo país.

O TSE ainda não registrou ocorrências envolvendo candidatos.

A Justiça Eleitoral também divulgou o número de urnas substituídas nas primeiras três horas de votação: foram 1.151, 0,27% do total em operação. A maioria dos problemas ocorreu no Rio de Janeiro, com 221 substituições. São Paulo (188), Rio Grande do Sul (111) e Paraná (78) também estão no topo do ranking de trocas de urnas eletrônicas.

Eleições 2014: Participe da cobertura da EBC nas redes sociais com a hashtag #votoavoto

Editor Denise Griesinger

Agência Brasil

Homem é morto em local de votação no Rio Grande do Norte

eleicoes2014

Um homem foi morto na  manhã de hoje (26) dentro de um local de votação do município de Mossoró, no Rio Grande do Norte. Segundo o Tribunal Regional Eleitoral (TRE) do estado, o local já estava aberto à votação, mas a motivação do crime não foi eleitoral. De acordo com o TRE, a polícia supõe que houve um acerto de contas por problemas envolvendo drogas.

O crime ocorreu por volta das 9h na Escola Celina Guimarães, no bairro de Paredões, onde funcionam nove seções. De acordo com o TRE, somente foi suspenso o funcionamento da seção onde ocorreu o crime, para a realização de perícia. O corpo já foi retirado do local, mas a seção não foi reaberta porque o local está em serviço de limpeza.  Nas outras seções, o funcionamento é normal.

O segundo turno está sendo disputado pelo deputado federal Henrique Eduardo Alves (PMDB), que obteve 47,34% dos votos em primeiro turno, e o vice-governador Robinson Faria (PSD), que recebeu os votos de 42,04% do eleitorado. A votação no estado termina uma hora depois de Brasília. Às 18h30, no horário de Brasília, os resultados parciais da disputa local começam a ser divulgados.

Eleições 2014: Participe da cobertura da EBC nas redes sociais com a hashtag #votoavoto

Editor Davi Oliveira

Agência Brasil

Duas pessoas são detidas no DF por boca de urna

eleicoes2014Duas pessoas foram detidas no Distrito Federal (DF) fazendo boca de urna, uma em Sobradinho e outra em Ceilândia, regiões administrativas. “Todas as forças de segurança estão unidas, observando os 599 locais de votação do DF”, assegurou o diretor-geral do Tribunal Regional Eleitoral, Arthur Cézar da Silva, em entrevista coletiva.

O procedimento padrão para situação de boca de urna é conduzir o infrator à delegacia e lavrar um termo circunstanciado. Em seguida, o infrator é liberado sob pagamento de fiança.

O diretor informou ainda que das 6.452 urnas em funcionamento hoje (26), 29 foram substituídas até agora. Dessas, 19 apresentaram problemas com a leitura biométrica. Duas foram substituídas a pedido do mesário, que esqueceu de ligá-las na tomada e pensou que estivessem quebradas. Depois da substituição, foi constatado que as urnas não tinham problemas.

O Distrito Federal está com 680 urnas reserva para substituição.No primeiro turno, 219 urnas foram trocadas por falhas na leitura das impressões digitais.

Ao todo, 1.897.677 pessoas estão aptas a votar no DF. No primeiro turno, 88,33% do eleitorado foram às urnas.
Eleições 2014: Participe da cobertura da EBC nas redes sociais com a hashtag #votoavoto

Editor Graça Adjuto

Agência Brasil

Crato realiza ações preventivas com o Projeto Sorriso

Crato3

A Secretaria de Saúde do Crato, por meio da Coordenação de Saúde Bucal está desenvolvendo o Projeto Sorriso em Ação. A ação está sendo administrada pela da equipe de Saúde Bucal que é composta por dentistas e auxiliares em Saúde Bucal.
A atuação do “Sorriso em Ação” será principalmente nas escolas públicas do Município com a realização de atividades educativas voltadas a Higiene Bucal, escovação supervisionada e aplicação de flúor.
Segundo a Coordenadora de Saúde Bucal do Município do Crato, Sáskia Barreto esse projeto objetiva sobretudo a redução do índice de cárie e perda precoce de dentes da população cratense. “Estamos empenhados em realizar um trabalho de educação, conscientização e prevenção para que as crianças e adolescentes de nossa cidade possam sorrir cada vez mais, um belo sorriso é sinal de saúde!” ressalta.
O lançamento do Projeto será nesta sexta-feira (24) pela manhã no auditório da Secretaria de Saúde com a presença da Secretaria de Saúde do Crato Aline Franca.
A Coordenação de Saúde Bucal da Secretaria de Saúde do Crato disponibiliza serviços assistências em unidades de saúde e no Centro de Especialidades Odontológicas do município, lembrando que durante todo o mês de outubro realiza atendimentos especiais para as mulheres.

Assessoria de Imprensa do Crato

Inova Talentos em Juazeiro do Norte

inova_talento_iel

Onze municípios da Região do Cariri têm participação de 5,2% na economia cearense, com produção de R$ 4,5 bilhões. O setor industrial representa 18,2% da economia da região. Juntando isso à existência de 68 cursos de graduação, sendo 11 deles nas áreas de Engenharia; Produção e Construção; Ciências; Matemática; e Computação, cria-se um ambiente favorável à inovação e ao desenvolvimento de projetos de pesquisa e desenvolvimento (P&D).
Aproveitando esse potencial, o Instituto Euvaldo Lodi (IEL-CE) realiza, em Juazeiro do Norte, no próximo dia 29 de outubro, às 19h, na sede do SESI, uma reunião técnica para apresentação da terceira chamada do Programa Inova Talentos, cujo objetivo é incentivar a criação de projetos de inovação nas empresas e institutos privados de pesquisa e desenvolvimento (P&D).
Empresas e institutos privados de pesquisa têm até o dia 5 de dezembro para cadastrar projetos de inovação e obter apoio do Instituto Euvaldo Lodi (IEL) e do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) para tirar essas ideias do papel.
Com esta 3ª chamada, o Inova Talentos está prospectando empresas para absorver profissionais especializados na área de pesquisa, desenvolvimento e inovação. As instituições podem indicá-los para desenvolver, como bolsista do CNPq, projetos de interesse empresarial. As empresas participantes terão assessoria técnica do IEL para a elaboração e encaminhamento dos Planos de Trabalho do trainee.
Nas duas primeiras chamadas, 28 projetos foram aprovados.O programa atende estudantes de todas as áreas de conhecimento do último ano de graduação (R$1.500,00), graduados (R$2.500,00) e mestres com até três anos de conclusão da graduação (R$3.000,00).
Inova Talentos
O Inova Talentos é um programa que visa ampliar o número de profissionais qualificados em atividades de inovação no setor empresarial brasileiro.
Estimular a indústria brasileira a manter-se competitiva, diversificada e inovadora é o caminho para o desenvolvimento sustentado do país. O programa foi idealizado sobre esses conceitos, com o objetivo de incentivar a criação de projetos de inovação nas empresas e institutos privados de pesquisa e desenvolvimento (P&D). A ideia é simples: selecionar, capacitar e inserir no mercado profissionais para exercerem atividades de inovação.
Para participar, as empresas devem apresentar um projeto de inovação no qual o profissional selecionado terá uma contribuição relevante. O IEL realizará um processo estruturado de assessoria aos participantes que terão a oportunidade de vivenciar o ambiente empresarial, e receberão capacitações que visam o desenvolvimento de competências comportamentais, gerenciais e técnicas.
FIEC

Desembargadora Iracema do Vale é eleita para presidir o TJCE a partir de 2015

desembargadoraFoto: Divulgação TJCE

O Pleno do Tribunal de Justiça do Ceará (TJCE) elegeu, na tarde desta quinta-feira (23), por aclamação, a nova administração do Poder Judiciário estadual para o biênio 2015/2017. Foram escolhidos a desembargadora Maria Iracema Martins do Vale (presidente), Francisco de Assis Filgueira Mendes (vice) e Francisco Lincoln Araújo e Silva (corregedor-geral).
Ao felicitar os novos dirigentes, o presidente do TJCE, desembargador Luiz Gerardo de Pontes Brígido, desejou sucesso e disse que “são três pessoas honradas que vão assumir, a partir de janeiro, todo o encargo de gerir os destinos deste Tribunal”.
Os desembargadores eleitos assumirão em janeiro de 2015 e ficarão nos cargos por dois anos. O TJCE tem 43 desembargadores, mas participaram da eleição 41. As duas ausências foram em decorrência de férias e licença de saúde.
A atual direção é formada pelos desembargadores Luiz Gerardo de Pontes Brígido (presidente), Francisco Lincoln Araújo e Silva (vice-presidente) e Francisco Sales Neto (corregedor). Os magistrados ocupam os cargos desde janeiro de 2013 e terminam os mandatos em janeiro do ano que vem.

(Com informações do TJCE)

PRF registra quase 20 mil multas por excesso de velocidade no Ceará

radarvelocidade
Foi registrado, nas rodovias federais que cortam o Ceará, um total de 19.683 multas por direção acima da velocidade permitida somente este ano. Em mais de 20% delas, o limite foi superado em mais de 50% A média diária é de 72,3 multas
De janeiro a setembro deste ano, foram registradas 19.683 multas por excesso de velocidade nas rodovias federais que cortam o Ceará. Após nove meses de fiscalização, foram autuadas 9.687 infrações por velocidade superior a máxima permitida em até 20%, 8.810 por velocidade superior a máxima permitida entre 20% e 50% e 1.186 infrações por velocidade superior a máxima permitida em mais de 50%. Ao todo, a média diária é de 72,3 multas e 2.187 infrações mensais.

“A gente acredita que esse tipo de infração ainda é por conta da cultura da falta de responsabilidade do condutor. Os motoristas não compreendem que os limites são determinados a partir de estudos técnicos para velocidade no perímetro urbano, próximo a escolas, por exemplo. Houve muitas multas com velocidade acima de 50% da permitida”, informa o policial Alexandre Luís Batista, chefe do Núcleo de Comunicação Social da PRF. Segundo ele, extrapolar a regulamentação de 60 quilômetros por hora no perímetro urbano é, potencialmente, “estar andando armado e disparando”.

A PRF ressalta que a velocidade regulamentada paras as vias é determinada para garantir a segurança, porque está associada a capacidade do condutor frear caso algo inesperado surja no seu caminho. Estudos da PRF constatam que o excesso de velocidade está entre as principais causas de morte em consequência de acidentes de trânsito.  O risco de acidentes e a gravidade das lesões são maiores quando relacionados ao excesso de velocidade, haja vista que a probabilidade do condutor perder o controle do veículo aumenta, ao passo que diminui a sua capacidade de se antecipar aos possíveis perigos.

Nos trechos urbanos, temos a regulamentação para transitar a 60km/h, entretanto, a Polícia Rodoviária Federal flagrou muitos veículos transitando nesses trechos com velocidade acima de 120km/h, ou seja, com o dobro da velocidade permitida para a via. Exemplo disso foi a imagem de radar registrada no Km cinco da BR-116, onde um veículo transitava a 131km/h, trecho bastante movimentado e com significativa travessia de pedestres.

Resumo das multas:

Transitar em velocidade superior a máxima permitida em até 20%:9.687

Transitar em velocidade superior a máxima permitida em mais de 20% até 50%: 8.810

Transitar em velocidade superior a máxima permitida em mais de 50%: 1.186

Total: 19.683

Redação O POVO Online

PRE quer veículos policiais fiquem em circulação no Ceará no 2º turno

eleicoes2014

Procurador entrou com ação para que viaturas não fiquem paradas. Para a PRE, viaturas paradas dificultaram fiscalização de crimes eleitorais.

 

A Procuradoria Regional Eleitoral (PRE) ajuizou, nesta sexta-feira (24), ação cautelar contra o Governo do Ceará por abuso de poder político. A ação foi motivada pela constatação de que, no dia da votação do 1º turno das eleições, em 5 de outubro, veículos da Polícia Militar foram colocados parados em ponto-base, circulando somente para patrulhamento após acionamento pela Coordenadoria Integrada de Operações de Segurança (Ciops).

Com a ação, o MPE pretende que a situação não se repita no 2º turno das eleições. No documento, o procurador regional eleitoral Rômulo Conrado pede à Justiça Eleitoral a determinação de que, durante o domingo de votação do 2º turno eleitoral, no dia 26, o Governo do Estado mantenha os veículos policiais em ponto-base por no máximo 15 minutos. No tempo remanescente, a circulação deverá ser feita dentro das áreas de patrulhamento previamente delimitadas. O G1 tentou falar com o Governo do Ceará mais os telefones não foram atendidos.

O procurador regional eleitoral também quer que o Estado comunique, de imediato, um representante do Ministério Público Eleitoral sobre qualquer ocorrência de desligamento de viatura e esclarecimentos sobre o local e o motivo.

Segundo o MPE, ficaram constatados atrasos ou a falta de atendimento a várias ocorrências, e a própria ausência de patrulhamento ostensivo nas ruas, "evidenciando haver a autoridade policial se limitado a agir de forma reativa, em face das denúncias que lhe eram encaminhadas, e não de forma proativa, de forma a impedir que se consumassem os crimes eleitorais, dificultando que fossem impedidos crimes como a boca de urna e corrupção eleitoral", explica o procurador Rômulo Conrado.

Do G1 CE

Polícia rodoviária registra 24 acidentes em 24 horas, no Ceará

prf-okAo todo, sete pessoas ficaram feridas e uma morreu.
O acidente fatal ocorreu no quilômetro 11 da CE-040.

As Polícias Rodoviárias Estadual do Ceará (PRE-CE) e Federal (PRF-CE) registraram 24 acidentes nas estradas que cortam o estado entre 6h de quinta (23) e 6h desta sexta-feira (24). Ao todo, sete pessoas ficaram feridas e uma morreu.
O acidente fatal ocorreu no quilômetro 11 da CE-040. Segundo a PRE-CE um homem que guiava um ciclomotor morreu após sofrer uma colisão com um ônibus, a vítima não foi identificada. A PRE-CE contabilizou 13 ocorrências nas vias estaduais, um pessoa ficou ferida.
saiba mais
MP-CE pede fim de contrato com empresa de orientação de trânsito
Já a PRF-CE registrou 11 acidentes, nos quais seis pessoas ficaram feridas. Não houve mortes.

Do G1 CE

Audiência de conciliação sobre greve dos agentes de saúde será na próxima quarta-feira no TJCE

 tjcecorregedoriaReunião ocorrerá no plenário da 3ª Câmara Cível, localizado no 1º andar do Palácio da Justiça, no Cambeba

O desembargador Francisco Bezerra Cavalcante, do Tribunal de Justiça do Ceará (TJCE), presidirá, na próxima quarta-feira (29/10), às 9h, audiência de conciliação entre o Município de Fortaleza e o Sindicato dos Agentes Comunitários de Saúde e Sanitaristas do Ceará (Sinasce). O objetivo é promover acordo para o encerramento de greve iniciada em 8 de setembro deste ano.

Segundo os autos (n° 0626042-10.2014.8.06.0000), o Município entrou com ação no TJCE em 15 de setembro, solicitando a ilegalidade da paralisação dos serviços. Disse que o movimento põe em risco o acesso fundamental à saúde, sobretudo para a camada mais pobre da população.

Três dias depois, o desembargador Francisco Bezerra Cavalcante concedeu liminar determinando a suspensão da greve. Segundo o magistrado, “o risco da proliferação de doenças, tais como dengues e outras endemias, corrobora a tese de essencialidade da atividade exercida pelos grevistas, razão pela qual a paralisação total da categoria, sem um contingente mínimo, pode vir a ensejar um aumento no índice de contaminação dos cidadãos fortalezenses. Por esse motivo, é primordial o exercício do direito de greve, respeitados os parâmetros legais, a fim de que não incorra em exercício abusivo do direito”.

O desembargador intimou as partes a comparecer ao TJCE para realização de audiência de conciliação. A reunião ocorrerá no plenário da 3ª Câmara Cível, localizado no 1º andar do Palácio da Justiça, no Cambeba.

TJCE

Tropas federais estarão presentes em 13 municípios do Ceará no 2º turno

eleicoes2014a

A Corte do Tribunal Regional Eleitoral do Ceará, na sessão administrativa desta sexta-feira, 24/10, aprovou a inclusão de mais dois municípios – Guaiuba e Itaitinga – no esquema de segurança com reforço das tropas federais para o 2º turno das eleições, no próximo domingo, 26/10.
Os dois municípios fazem parte da 57ª Zona Eleitoral (Pacatuba), já autorizada pelo TSE para receber a força federal. Com isso, a presença dos militares do Exército será efetiva em 13 municípios do Estado do Ceará: Fortaleza, Caucaia, Maracanaú, Maranguape, Pacatuba, Itaitinga, Guaiuba, Aracati, Sobral, Crateús, Juazeiro do Norte, Crato e Barbalha.
A presidente do TRE-CE, desembargadora Iracema do Vale, já comunicou a decisão ao comandante da 10ª Região Militar, general Marco Antônio Freire Gomes, que garantiu a distribuição de pelo menos 2.500 militares do Exército nos municípios solicitados. Como já afirmara a desembargadora Iracema do Vale, “a Justiça Eleitoral tem sido rápida nas tomadas de decisão para que tenhamos uma eleição transparente, segura, levando tranquilidade aos eleitores que votarão no próximo domingo”.

Fonte: TRE/CE

PF do Ceará prende homem que dava golpe na Caixa Econômica Federal

golpistacaixa

A Polícia Federal informa ter prendido, na tarde dessa quinta-feira, em Fortaleza, um homem, aplicando golpes contra a Caixa Econômica Federal com uso de documentos falsos. A ação ocorreu na Agência Aldeota e contou com o apoio da Gerência de Segurança da CEF que, após analisar e cruzar dados inconsistentes na documentação apresentada pelo fraudador,detectou várias irregularidades cadastrais quando o mesmo tentava obter empréstimo na modalidade Construcard.

O preso era cliente da CEF utilizando nomes falsos, tendo inclusive obtido outro empréstimo fraudulento de financiamento habitacional. Ele foi preso anteriormente em decorrência da deflagração da Operação Dublê, realizada pela Policia Federal, que resultou na prisão de clonadores de cartões bancários, sendo apontado como líder de uma das células das quadrilhas investigadas.

O preso foi recolhido ao sistema penitenciário, onde permanecerá à disposição da justiça Federal e responderá pelos crimes de estelionato falsificação de documento público e uso de documento falso.

As investigações terão andamento podendo ser identificadas fraudes em outros bancos ou instituições financeiras, visto que, além da documentação apreendida, o preso encontrava-se com diversos cartões bancários e de crédito.

O povo

Nova Unidade de Conservação no Crato

cratochapadaO produtor rural que cria uma RPPN, além de contribuir para a proteção do meio ambiente, passa a contar com alguns benefícios

Foto: Cid Barbosa

Crato. A cultura da transformação de parte da propriedade rural em Reserva Particular do Patrimônio Natural (RPPN) ganha cada vez mais adeptos em diversas regiões do País. Neste município, proprietários rurais também estão aderindo a este tipo de mecanismo como forma de garantir uma maior condição de preservação da fauna e da flora existente na Chapada do Araripe. Atualmente, o Cariri conta com dois importantes espaços destinados às RPPN, um deles na região do Arajara Park, em Barbalha, e o outro, recém-criado, em Crato, mais precisamente no distrito de Campo Alegre.

A área de RPPN autorizada em Crato possui cerca de 11,73 hectares, localizados no Sítio Cabeça e Lopes, pertencente ao produtor rural José Renato Leite. O produtor é conhecido pelos membros do Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio) pelo trabalho que realiza no reflorestamento de espaços desmatados dentro de sua propriedade, além de outras ações que visam a preservação do meio ambiente.

Em todo o território nacional, existem apenas cerca de cem RPPNs. Juntas, elas totalizam cerca de 480 mil hectares. A finalidade da criação das áreas é a de sensibilizar a sociedade em relação à necessidade da proteção da biodiversidade existente também no interior das propriedades particulares. Conforme levantamento realizado por órgãos ambientais, o maior número de áreas de RPPN existentes atualmente encontra-se em Minas Gerais. Até 2012, cerca de 187 reservas tinham sido catalogadas naquele Estado.

No Ceará, conforme dados da Semace, existem 17 RPPNs, totalizando 10.931,22 ha de área particular protegida. As áreas estão localizadas nos municípios de Quixeramobim, Pacatuba, Tianguá, Itapipoca, Crateús, Guaiuba, Barbalha, Itapagé, Pacoti, Baturité, Quixadá, General Sampaio, Parambu, Amontada e Crato.

"A criação desta nova reserva pode ser um estímulo para que outros produtores também disponibilizem áreas de preservação ambiental dentro de suas propriedades. Como há existência de muitas fontes de água na Chapada do Araripe, o surgimento de novas RPPNs no Cariri pode resultar, inclusive, na preservação e na manutenção do Soldadinho do Araripe, cujo Plano de Ação Nacional já está efetivado", observou o chefe da APA da Chapada do Araripe, Paulo Maier.

Ele explicou que a gestão da área onde as RPPNs funcionam é de responsabilidade dos proprietários rurais onde as reservas foram criadas. "Antes que haja a criação de uma RPPN é feito um esforço de identificação das características da área justificando a criação da nova reserva que, diferentemente das outras unidades que são de responsabilidade de gestão dos governos Municipal, Estadual e Federal, são administradas pelos próprios proprietários das terras onde as reservas passaram a existir", disse.

O produtor rural que cria uma RPPN, além de contribuir para a proteção do meio ambiente, passa a contar com alguns benefícios, como isenção de Imposto Territorial Rural (ITR) referente à área reconhecida como RPPN; prioridade de análise dos projetos pelo Fundo Nacional de Meio Ambiente (FNMA); preferência na análise de pedidos de crédito agrícola junto a instituições de crédito.

Diario do Nordeste – Regional

Dois Estados dos EUA vão impor quarentena a agentes que voltarem de regiões com Ebola

ebola (1)

Por David Morgan e Ellen Wulfhorst

WASHINGTON/NOVA YORK (Reuters) – Nova York e Nova Jersey colocarão automaticamente em quarentena todos os profissionais de saúde que retornarem de países da África Ocidental atingidos pelo Ebola, e o governo dos Estados Unidos está considerando a mesma medida depois que um médico que tratou pacientes na Guiné voltou infectado, disseram autoridades nesta sexta-feira.

As medidas anunciadas pelos dois Estados, que vão além das restrições atuais impostas pelo governo dos EUA aos viajantes provenientes de Libéria, Serra Leoa ou Guiné, ocorrem enquanto autoridades tentam refazer os passos do médico infectado, Craig Spencer.

"O aumento no processo de triagem é necessário. Acredito que reduz o risco para os nova-iorquinos e os moradores de Nova Jersey", disse o governador de Nova York, Andrew Cuomo.

Em Washington, o presidente norte-americano, Barack Obama, abraçou uma enfermeira de Dallas que sobreviveu ao Ebola após cuidar de um paciente com o vírus.

A quarentena de profissionais de saúde que retornam aos EUA vindos de regiões devastadas pelo Ebola está entre uma série de opções discutidas por autoridades, disse à Reuters o porta-voz do Centro de Controle e Prevenção de Doenças (CDC, na sigla em inglês), Tom Skinner.

As discussões conduzidas pelo CDC começaram na quinta-feira depois que o médico Spencer testou positivo para a doença ao voltar para Nova York, vindo da África Ocidental.

Spencer, de 33 anos, infectado depois de tratar de pacientes com Ebola no oeste da África, tornou-se a quarta pessoa diagnosticada com a doença nos EUA e a primeira em sua maior cidade.

Spencer está acordado e conversa com familiares e amigos por celular, informou a médica Mary Travis Bassett, comissária de saúde de Nova York, em uma coletiva de imprensa.

Já Nina Pham, uma de duas enfermeiras de um hospital de Dallas, no Estado do Texas, contaminadas com o Ebola depois de cuidarem de Thomas Eric Duncan, primeiro paciente diagnosticado com a doença no país, foi declarada livre do vírus. Ela saiu do hospital de Maryland onde estava sendo tratada sorrindo e sem auxílio.

Com um blazer escuro e uma blusa azul-turquesa, Pham disse que, mesmo que não esteja mais infectada, "eu sei que pode levar um tempo até que eu tenha minha força de volta". Ela declarou que estava ansiosa para ver sua família e seu cachorro.

O porta-voz da Casa Branca, Josh Earnest, disse que Obama decidiu encontrar Pham para reconhecer o seu trabalho no hospital de Dallas. Fotografias da reunião mostraram Obama abraçando Pham. Repórteres e câmeras de televisão não foram liberados para a reunião.

Autoridades de saúde federais afirmaram que a outra enfermeira, Amber Vinson, não tem mais sinais da febre hemorrágica. O Hospital da Universidade de Emory confirmou que ela está curada, mas ainda não há previsão de alta.

TEMOR EM NOVA YORK

Spencer foi posto em quarentena no Hospital Bellevue seis dias depois de voltar da Guiné, onde o surto de Ebola começou em março, enervando o mercado financeiro em meio a temores de que o vírus pudesse se espalhar na metrópole. Os três casos anteriores diagnosticados nos EUA foram em Dallas.

O prefeito de Nova York, Bill de Blasio, afirmou que as autoridades de saúde estão rastreando todos os passos de Spencer, mas fez um apelo aos nova-iorquinos para não se preocuparem e manterem suas rotinas diárias.

Três pessoas que tiveram contato próximo com Spencer, um voluntário dos Médicos Sem Fronteiras (MSF), foram postas em quarentena para observação. A noiva de Spencer é uma delas e está isolada no mesmo hospital, e os três ainda estão saudáveis, informaram as autoridades.

As autoridades procuraram garantir que os nova-iorquinos estão seguros, embora Spencer tenha usado o metrô, tomado um táxi e visitado uma pista de boliche entre seu retorno da Guiné e o surgimento dos sintomas.

O governador do Estado de Nova York, Andrew Cuomo, declarou que, ao contrário de Dallas, onde as duas enfermeiras que trataram de Duncan contraíram a doença, as autoridades de Nova York tiveram tempo de se preparar minuciosamente e treinar para a possibilidade da emergência de um caso na cidade.

A resposta de Obama ao Ebola rendeu novas críticas de republicanos no Congresso durante uma audiência nesta sexta-feira. A deputada republicana Darrell Issa, da Califórnia, que preside o Comitê de Supervisão da Câmara dos Deputados, rechaçou o que descreveu como reação “atrapalhada” do governo.

O caso de Spencer eleva para nove o número de pessoas tratadas da doença em hospitais dos EUA desde agosto, mais só as enfermeiras de Duncan contraíram o vírus no país.

O pior surto de Ebola já registrado matou pelo menos 4.877 pessoas, a maioria na Libéria, em Serra Leoa e na Guiné, de acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS).

(Reportagem adicional de Edward McAllister, Sebastien Malo, Frank McGurty, Barbara Goldberg, Luc Cohen, Robert Gibbons, Natasja Sheriff, Jonathan Allen e Laila Kearney em Nova York, e Bill Trott, David Morgan e Toni Clarke em Washington)

http://br.reuters.com

Polícia diz que ataque com machado em NY foi ato terrorista

ataquemachadony
Shannon Stapleton/Reuters

Corpo é visto após ataque com machado na Avenida Jamaica, em Queen’s, Nova York

Nova York – O homem que atacou com um machado dois policiais em Nova York, deixando um deles em estado crítico, é um cidadão convertido ao islamismo que se radicalizou sozinho, em uma ação que a polícia classificou como ato terrorista.

O suspeito, Zale Thompson, que foi morto a tiros por dois outros policiais na quinta à tarde em uma rua do Queens, postou declarações contra o Ocidente nas redes sociais e visitou websites associados com diversos grupos islâmicos radicais, disse a polícia em coletiva de imprensa.

Uma análise dos computadores retirados da casa do pai de Thompson no Queens, onde o homem de 32 anos morava, mostrou que ele também pesquisou online temas como decapitação, sobre a invasão recente na Casa Branca e os ataques no Canadá.

"Isto foi um ataque terrorista", disse o comissário William Bratton.

Investigadores estão tentando determinar se Thompson, um homem negro que se converteu ao islamismo há dois anos, tinha alguma conexão com a mesquista da região. A polícia disse que os posts nas redes sociais do homem que se descreveu como um desempregado recluso eram "antigoverno, anti-Ocidente e antibrancos".

Ainda sob investigação estava a extensão do plano envolvendo o ataque, que parece não ter sido provocado, disse Bratton.

"O fato de ele estar andando com um machado em sua mala deixa claro que esse indivíduo tinha algum senso de preparação", afirmou Bratton.

O ataque na quinta-feira aconteceu numa área de compras no Queens e durou poucos segundos, disse a polícia.

Um grupo de quatro policiais estava posando para uma fotografia quando Thompson os atacou com o machado.

Um policial foi atingido no braço e outro na cabeça antes de os outros dois policiais abrirem fogo, matando Thompson. Uma testemunha de 29 anos foi atingida por uma bala perdida e ficou gravemente ferida.

Laila Kearney, da REUTERS

Novas interligações energéticas na UE passam a ser prioritárias

EnergiaEolica2

Portugal não conseguiu metas vinculativas nas novas redes que permitem exportar energia renovável RUI GAUDÊNCIO

Ao contrário do que pretendia o Governo, as novas metas para interligações energéticas não são obrigatórias, mas ficam ‘amarradas’ aos projectos prioritários da União Europeia (UE) e à fiscalização da Comissão Europeia.

Portugal traz um copo meio cheio ou meio vazio do Conselho Europeu onde se definiu o novo pacote de medidas para o clima e para a energia até 2030? O objectivo nacional de garantir metas vinculativas de 15% para o reforço das redes europeias de electricidade ficou pelo caminho, mesmo depois de o Governo português se ter mostrado disposto a bloquear o Conselho, caso a França não cedesse e permitisse a definição de objectivos de cumprimento obrigatório. Mesmo assim, o ministro do Ambiente não tem dúvidas em afirmar que se trata de “uma grande vitória para Portugal”.

Em declarações enviadas ao PÚBLICO, Jorge Moreira da Silva sublinhou que Portugal não só recuperou a meta de 10% (fixada em 2002 e nunca cumprida) e conseguiu introduzir uma de 15% para 2030, mas salvaguardou “o mais importante, um processo e um roteiro que garanta com urgência a sua concretização”. Além de um calendário (porque a meta tem de ser concretizada “com urgência e antes de 2020”), também passou a haver um mecanismo de responsabilização e de coordenação, porque a Comissão Europeia terá de “monitorizar, mas também periodicamente apresentar propostas concretas”  que assegurem o cumprimento da meta, “deixando de estar dependente das lógicas nacionais”.

Será suficiente? “É mais qualquer coisa do que aquilo que tínhamos, mas é uma etapa [para se atingir o objectivo de chegar aos 15%] e não um processo vinculativo”, disse ao PÚBLICO uma fonte do sector. É um processo que, “se bem conduzido pela Comissão Europeia”, pode ter o desfecho desejado, mas a verdade é que “os Estados não estão obrigados a nada”, acrescentou. Ainda assim, um dos méritos reconhecidos ao acordo é que o tema das interligações deixa de ser bilateral, porque, ao obrigar a Comissão a monitorizar, poderá criar condições para que o executivo intervenha quando um país (neste caso, um país vizinho) mostre reticências em agir.

Cauteloso, o eurodeputado Carlos Zorrinho entende que este poderá ser “o princípio de uma vitória”. Se a meta dos 15% fosse uma meta obrigatória, “então seria uma vitória estrondosa”, mas a solução alcançada “obriga-nos a continuarmos muito atentos”, disse ao PÚBLICO. “Sempre que houver algum projecto em que a França precise de Portugal e de Espanha, vamos lembrá-los que também precisamos deles”, sublinhou o eurodeputado do PS.

Outro dos aspectos destacados por Moreira da Silva foi a garantia de que os projectos ibéricos passam a ter prioridade no acesso aos fundos europeus. Segundo o ministro, só havia, no âmbito do programa de infra-estruturas de ligação da EU, 5800 milhões de euros disponíveis para este tipo de investimentos, quando os projectos classificados pela União Europeia como prioritários no âmbito das infra-estruturas energéticas (que ainda não incluem sequer os investimentos necessários para atingir os 10%) são superiores a 17.000 milhões de euros. Com este acordo, “já não estamos dependentes das parcas verbas existentes e a Comissão fica responsabilizada por encontrar os financiamentos necessários”, disse ainda.

Outra fonte contactada pelo PÚBLICO refere que, vinculativo ou não, “é sempre preferível que se tenha chegado a acordo em vez de um veto”. Sem uma posição consensual, “ter-se-ia perpetuado o status quo, que era o que a França pretendia”. O facto de o documento considerar que os objectivos deverão ser atingidos pelos PCI que já estão definidos é importante, tal como “outro passo relevante” é que peça à Comissão Europeia um esforço de definição de medidas adicionais, caso os PCI já identificados não sejam suficientes para alcançar a meta de 10%.

Para os operadores de redes de transporte (como a portuguesa REN ou as espanholas Red Eléctrica ou Enagás), significa que o próximo passo será ajudar a Comissão na identificação, antes do próximo Conselho Europeu de Março, das medidas para atingir mais rapidamente a meta dos 10%.
No caso português, já há quatro projectos identificados (uma interligação entre o Minho e a Galiza, três reforços internos de abastecimento de renováveis de origem hidroeléctrica e a terceira interligação de gás) que fazem parte do plano de investimentos da REN, que ainda está à espera de aprovação da Entidade Reguladora dos Serviços Energéticos (ERSE). Mas, apesar de a Comissão Europeia abrir a porta a que sejam “identificados novos projectos que serão aditados prioritariamente à lista na revisão prevista para um futuro próximo”, é preciso ter em conta que não há mais dinheiro a entrar. Terá de ser dentro do orçamento previsto no quadro de financiamento comunitário em vigor que as decisões de novos projectos terão de ser tomadas e negociadas.

http://www.publico.pt

Ucrânia encerra campanha eleitoral em meio a conflito armado

ucraniasmall_bandeira-

A Ucrânia encerra nesta sexta-feira a campanha eleitoral para as legislativas antecipadas de domingo, com as quais os pró-ocidentais que conduziram o movimento de contestação da Praça Maidan esperam reforçar seu poder, em plena crisa com a Rússia no leste separatista pró-russo.
As eleições ocorrem num período extremamente difícil para esta ex-república soviética às portas da União Europeia e que perdeu em março a península da Crimeia, anexada pela Rússia, e que enfrenta uma insurreição armada pró-russa na região mineradora de Donbass, um conflito que já fez mais de 3.700 mortos desde meados de abril.
Mais de 824.000 pessoas precisaram deixar suas casas na Ucrânia devido o conflito, segundo o Alto Comissariado para os Refugiados da ONU: 430.000 pessoas se deslocaram no interior do país; 387.000 fugiram para a Rússia; 6.600 pediram asilo na União Europeia.
"Não haverá conflito velado, porque o Donbass não pode sobreviver sem a Ucrânia", assegurou nesta quinta-feira em Odessa o presidente Petro Poroshenko, cujo partido é o favorito para as eleições parlamentares.
No entanto, o processo de paz iniciado pelo presidente não foi suficiente para parar completamente os combates, e os separatistas, que controlam partes das regiões de Donetsk e Lugansk, se preparam para realizar as suas próprias eleições em 2 de novembro.
Um cessar-fogo foi alcançado no início de setembro entre Kiev e os rebeldes, com a participação da Rússia, mas intensos combates prosseguem em alguns redutos de resistência, provocando a morte de civis quase diariamente.
Nesta sexta-feira em Donetsk, disparos de artilharia eram ouvidos nos arredores do aeroporto, um dos pontos mais disputados nas últimas semanas.
Em Kiev, um porta-voz militar, Andrii Lysenko, relatou oito soldados feridos em 24 horas no leste.
Reformas econômicas
O presidente Poroshenko, em sua conta no Twitter, pediu aos ucranianos que votem em massa para "concluir a formação do novo poder iniciado em junho", assumindo as funções do pró-russo Viktor Yanukovytch, refugiado na Rússia desde fevereiro.
O movimento do presidente lidera as pesquisas com mais de 30% das intenções de votos, seguido por outras formações pró-ocidentais. Ele espera alcançar com essas eleições "uma maioria constitucional" para permitir a realização de reformas vitais para este país muito corrupto e em profunda recessão, agravada pelo conflito armado.
Pela primeira vez na história da Ucrânia pós-soviética, o Parlamento deve ser dominado por pró-ocidentais em razão do aumento de sentimentos anti-russos, enquanto 5 milhões dos 36,5 milhões de eleitores não poderão votar, já que vivem na Crimeia e em áreas controladas pelos rebeldes em Donbass, tradicionalmente pró-Rússia.
Duas formações herdeiras do Partido das Regiões, do presidente deposto Viktor Yanukovytch, a Ucrânia Forte e Bloco de Oposição, poderiam alcançar os 5% necessários para entrar no Parlamento, mas os comunistas podem nem chegar a ser representados.
A nova Assembleia incluirá, em contrapartida, ativistas da sociedade civil envolvidos na contestação de Maidan, bem como voluntários que lutaram no leste e querem fazer ouvir "a voz do front" no Parlamento.
Após as eleições, a primeira tarefa do chefe de Estado será construir uma coligação forte, capaz de adotar duras medidas de austeridade exigidas pelos credores internacionais da Ucrânia, o FMI e Bruxelas à frente.
O primeiro-ministro Arseniy Yatsenyuk alertou na quinta-feira que a Ucrânia deverá se concentrar para obter mais ajuda do FMI, que já investiu 17 bilhões no país.
"Precisamos formar o mais cedo possível um novo governo e convidar uma missão do Fundo Monetário Internacional", ressaltou Yatsenyuk. "Precisamos de mais ajuda", disse ele.
Com a aproximação do inverno, Kiev, que está privada do gás russo desde junho, também deve urgentemente resolver esta disputa com Moscou, que poderia interromper o fornecimento para a Europa.
A Rússia, atingida por duras sanções ocidentais sem precedentes, também sofre as consequências do conflito sobre sua economia. O rublo caiu nesta sexta-feira a níveis recorde face as moedas europeia e americana, com o euro ultrapassando os 53 rublos.

afp_tickerst

Primeiro-ministro da Grã-Bretanha recebe conta bilionária da UE

primeirominstobranbetanha

Grã-Bretanha e Holanda terão que pagar um valor extra devido ao desempenho econômico, o que desagradou ao primeiro-ministro.

O primeiro ministro da Grã-Bretanha, David Cameron, recebeu uma conta bilionária da União Europeia. O correspondente Roberto Kovalick mostra que a cobrança gerou uma crise no bloco.

Um primeiro-ministro britânico como poucas vezes se viu: batendo na mesa e irritado. David Cameron ficou furioso com a conta que recebeu da União Europeia: o equivalente a mais de R$ 6,5 bilhões.

A União Europeia, formada por 28 países, tem um sistema de arrecadação que funciona mais ou menos como o imposto de renda. Cada país contribui de acordo com o seu desempenho econômico. No balanço feito este ano, Alemanha e França, por exemplo, vão receber devoluções porque tiveram crescimento menor. Já a Grã-Bretanha e a Holanda terão que pagar um valor extra.
O ajuste é ainda mais polêmico porque, para avaliar o tamanho das economias, a União Europeia levou em consideração o chamado dinheiro sujo, que vem da prostituição, do tráfico de drogas e do contrabando.

Isso deixou até países em crise, como Itália e Grécia, receberam uma conta extra para pagar. O governo britânico ficou com a dívida mais cara e ainda viu aumentar a pressão de um partido radical que quer tirara a Grã-Bretanha da União Europeia.

David Cameron avisou: não vai pagar. "Esse dinheiro é do contribuinte, das pessoas que me dão emprego e que eu represento. Eu tenho que fazer valer cada centavo do imposto delas", declarou.

O presidente da Comissão Europeia, Jose Manuel Barroso, disse que ninguém deveria se surpreender com a cobrança, porque todos sabem como funciona o sistema. Mesmo assim, o orçamento será rediscutido em uma reunião de emergência.

G1

Ataques no Sinai matam 30 integrantes das forças de segurança do Egito

Egito-bandeiraFoi um dos piores episódios de violência contra o estado desde a deposição do presidente Mohamed Mursi, no ano passado

Dois ataques na Península do Sinai deixaram 30 membros das forças de segurança do Egito mortos nesta sexta-feira (24), disseram fontes de segurança. Foi um dos piores episódios de violência contra o estado desde a deposição do presidente islamita Mohamed Mursi, no ano passado.

 

Trinta pessoas morreram no primeiro ataque, na região de al-Kharuba, a noroeste de al-Arish, perto da fronteira com a Faixa de Gaza, disseram as fontes. Helicópteros transferiram os mortos e feridos para o Cairo.

O ataque com carro-bomba teve como alvo dois veículos blindados estacionados perto de uma instalação militar, segundo as fontes.

Autoridades de segurança deram relatos conflitantes, com um dos oficiais baseados no Sinai dizendo que o ataque não foi com um carro-bomba, mas sim uma operação com lançadores de granadas. Mais de 25 pessoas ficaram feridas.

Horas mais tarde, homens armados abriram fogo contra um posto de controle na cidade de al-Arish, matando três membros das forças de segurança, disseram autoridades.

 

Não houve reivindicação imediata de responsabilidade pelos ataques. Operações anteriores similares foram reivindicadas pelo grupo militante mais ativo do Egito, o Ansar al-Bayt Maqsis.

O presidente Abdel Fattah al-Sisi convocou uma reunião de emergência do Conselho Nacional de Defesa em resposta ao que seu gabinete classificou como "ataque terrorista".

As forças de segurança enfrentam uma insurgência islamita que deixou centenas de soldados e policiais mortos desde que o Exército derrubou o presidente Mohamed Mursi, da Irmandade Muçulmana, após imensos protestos contra seu governo. A maioria dos ataques têm ocorrido no Sinai.

Reuters

Iraquianos afirmam que EI usou gás cloro como arma química

iraque2
Arma foi usada por terroristas em combates ao norte de Bagdá, segundo fontes iraquianas
Em meio à luta entre curdos do PKK e os terroristas do Estado Islâmico, tanques do Exército turco ficam postados na fronteira com a Síria – Lefteris Pitarakis/AP

Terroristas do Estado Islâmico usaram gás cloro durante os combates com forças de segurança e milícias xiitas no mês passado, ao norte de Bagdá. A informação foi divulgada por autoridades iraquianas nesta sexta-feira.

Três funcionários iraquianos, sendo um oficial sênior de segurança, um funcionário local da cidade de Duluiya e um funcionário da cidade de Balad, disseram à agência de notícias Associated Press que o Estado Islâmico usou bombas com cilindros cheios de cloro durante confrontos no final de setembro nas duas cidades.

O uso de gás cloro como arma traz uma nova preocupação para a grave situação no país diante do avanço dos jihadistas que espalham o horror nos territórios invadidos no Iraque e também na Síria.

Ontem, oficiais de inteligência dos Estados Unidos disseram que estavam analisando informações sobre o uso de gás cloro pelo EI em Balad. Os relatos são de os terroristas detonaram um explosivo que levantou uma nuvem de fumaça amarela perto do chão. Segundo reportagem do Washington Post, equipes médicas confirmaram que o gás foi usado no ataque. Onze pessoas foram atingidas; todas sobreviveram.

Informações sobre o uso de bombas de gás cloro por jihadistas têm surgido desde que o grupo passou a avançar em territórios iraquianos no início deste ano. Os relatos aumentaram a preocupação de que velhas armas químicas iraquianas tenham caído nas mãos dos terroristas.

“Continuamos a levar todas as alegações de uso de armas químicas – em particular essas recentes informações a respeito do uso do cloro como arma química – muito seriamente”, disse um porta-voz do Conselho de Segurança Nacional dos EUA, Alistair Baskey, em entrevista aoNew York Times. “Estamos cientes do caso, mas não podemos confirmar os detalhes pois estamos buscando informações adicionais. O uso de cloro como arma química é um ato detestável. E essas recentes alegações ressaltam a importância do nosso trabalho para eliminar armas químicas nessa região volátil”.

Síria – No início deste ano, uma missão conjunta da ONU enviada para apurar alegações de ataques com cloro na Síria foi alvo de uma emboscada e ficou brevemente nas mãos de um grupo armado em um território controlado por rebeldes que tentam derrubar o regime de Bashar Assad. A missão tinha dito que era praticamente certo o uso de cloro como arma química no norte do país.

O ditador Assad concordou com os EUA e com a Rússia em descartar suas armas químicas – um arsenal que Damasco nunca havia reconhecido formalmente – depois que um ataque nos arredores de Damasco deixou mais de 1.000 mortos, em agosto de 2013.

(Com Estadão Conteúdo)

pea: desaceleração no consumo causou a recessão

graficodescendente

Para o Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea), não há “culpados óbvios” para a piora dos dados da economia que levaram o país a entrar em “recessão técnica” (caracterizada por dois trimestres seguidos de queda no PIB).
Na Carta de Conjuntura de outubro, o instituto diz que economia brasileira vive um “momento complexo” e o fraco desempenho recente do crescimento do Produto Interno Bruto (PIB) está mais relacionado a uma desaceleração da demanda que a crises no exterior.
“O momento atual não se caracteriza por crises externas, flutuações bruscas nos preços macroeconômicos e/ou ‘apagões’ energéticos. A inexistência de culpados óbvios – isto é, de ‘choques negativos’ de grande monta – torna ainda mais significativo o fenômeno da estagnação econômica recente”, diz o relatório.
Segundo o Ipea, nas últimas décadas, o país só entrou em recessão técnica ao ser atingido por choques negativos importantes, como a crise financeira internacional de 2008, o “apagão” de 2001 e a Crise da Rússia em 1998-1999. No documento, o instituto aponta que a fundamental distinção do momento atual é que a desaceleração da atividade vem se dando de maneira gradual, refletindo principalmente a perda de ritmo do consumo.

http://www.monitormercantil.com.br

Estrangeiros gastaram mais no Brasil este ano

graficoacendenteTuristas deixaram US$ 5,427 bilhões no país de janeiro a setembro deste ano, valor recorde da série histórica

O gasto de turistas estrangeiros no Brasil bateu os US$ 5,427 bilhões em 2014, valor 7,64% superior a igual período do ano passado. O acumulado é o maior da série histórica, que começou a ser registrado em 1990. Em igual período do ano passado, o montante era de US$ 5,042 bilhões. Os dados foram divulgados nesta sexta-feira (24) pelo Banco Central.

Para o diretor do Departamento de Estudos e Pesquisas do Ministério do Turismo, José Francisco Lopes, se for mantida a média mensal de gastos do ano, o país chegará a um novo recorde histórico. “É bem possível que o Brasil finalize o ano de 2014 acima dos US$ 7 bilhões, um feito inédito”, disse. O recorde atual de gastos é de 2013: US$ 6,7 bilhões.

Os turistas estrangeiros que visitaram o Brasil no mês de setembro deixaram no país US$ 493 milhões. O valor da receita cambial turística é 2,38% menor se comparado com o mesmo mês de 2013 (US$ 505 milhões).

Por: Claudia Sanz

http://www.jornaldiadia.com.br

Químicos importados são 35,3% do setor, diz Abiquim

industriaquimica

Indústria química: produção de químicos caiu 3,18% no 3º tri em relação ao mesmo período de 2013
Thiago Moreno, do Estadão Conteúdo

São Paulo – A participação das importações no mercado de produtos químicos chegou ao nível mais alto desde 1990, divulgou a Associação Brasileira da Indústria Química (Abiquim).

Nos 12 meses anteriores a setembro, os importados responderam por 35,3% do setor.

No período, a produção de químicos para uso industrial caiu 3,3%, enquanto a demanda interna, medida pelo consumo aparente nacional (CAN), cresceu cerca de 2%. As exportações recuaram 6,3% e o volume importado registrou alta de 9,2%.

De janeiro a setembro, a demanda nacional por produtos químicos aumentou 0,9% ante o mesmo período de 2013.

A produção de químicos, por sua vez, caiu 3,18% no terceiro trimestre em relação ao mesmo período de 2013.

As vendas internas do setor também registraram queda, de 2,55% no mês passado em relação a agosto.

Em setembro, a produção recuou 8,83% ante o mês anterior. A Abiquim destaca o mercado desaquecido em diversos setores importantes e a parada programada do Polo Petroquímico de Mauá, administrado pela Braskem, como razões para a queda da produção em setembro.

Segundo a associação, a falta de água em São Paulo também teve impactos "isolados", causando redução de cargas na região.

A utilização da capacidade instalada da indústria química ficou em 77% no mês passado, sete pontos porcentuais abaixo do registrado em agosto e seis pontos abaixo do apresentado em setembro de 2013.

De janeiro a setembro, a média de utilização da capacidade instalada ficou em 79%, três pontos abaixo do nível registrado nos primeiros nove meses no ano passado.

 

Exame

Encontrada no Peru pedra inca com 13 arestas

pedraperu

Arqueólogos peruanos encontraram uma pedra singular inca com 13 arestas talhadas, a primeira do tipo descoberta no Peru, durante escavações em um canal hidráulico dessa época no monte Incawasi, no sudeste do país.

A descoberta foi feita este mês, durante a exploração de um trecho da trilha de Qhapap Ñan (Caminho Inca, em quéchua) que ligava o Império Inca (Tahuantisuyo), estendendo-se por seis países – Argentina, Chile, Bolívia, Peru, Equador e Colômbia -, informou nesta sexta-feira o ministério peruano da Cultura.

O Caminho Inca foi declarado, em junho passado, Patrimônio Mundial da Humanidade pela Unesco, uma distinção que reconhece o engenho de um sistema pré-hispânico que surpreendeu o mundo.

Até agora, a pedra de origem inca mais famosa era a de 12 arestas, que integra o muro do palácio arcebispal de Cusco, antiga capital do império inca. Este palácio foi, antes, a residência do imperador Inca Roca.

A pedra de 12 arestas é considerada Patrimônio Cultural da Nação.

A nova pedra descoberta tem um desenho perfeccionista feito com linhas retas e sem curvas, não possui assimetrias e faz parte da fonte de um sistema hidráulico, que servia para fazer um manejo ritual da água no sítio arqueológico Incawasi, situado no distrito de Huaytará, na região Huancavelica.

Segundo o ministério da Cultura, ainda não é possível determinar se este sistema funcionou para fins agrícolas ou se era parte de um ritual dedicado à água.

A água é venerada há vários séculos nos Andes pelos povos que vivem ali, que atribuem a ela uma origem sagrada, vinda do interior das montanhas ou da terra, para depois percorrer vales e ajudar no crescimento de seus cultivos.

O império incaico ou Tahuantinsuyo se estendeu entre os séculos XV e XVI.

AFP

Garota morre por Ebola no Mali, 1º caso no país

ebolamali

Uma menina de dois anos recém-chegada da Guiné morreu no Mali, vítima do Ebola, informou uma fonte do gabinete do primeiro-ministro.

A jovem foi o primeiro caso identificado desse letal vírus no país.

"Infelizmente, faleceu hoje entre 16h00 e 17h00 (14h00 e 15h00 de Brasília). A informação foi confirmada pelo governador da região de Kayes, no oeste do país, onde ela estava internada", completou a mesma fonte consultada pela AFP.

"Encontrava-se estável e, inclusive, pediu para comer antes de falecer", assegurou.

"Apesar dos esforços consideráveis mobilizados pelos serviços de saúde, a menina acabou morrendo", explicou, posteriormente, o Ministério da Saúde, em um comunicado.

O governo "aconselha à população que evite os deslocamentos desnecessários para regiões da epidemia, e respeitar as medidas de higiene e precaução", acrescentou o ministério.

A menina tinha retornado com a avó de uma visita a Kissidugu, no sul da Guiné, uma região particularmente afetada pelo Ebola.

O menor começou a sangrar pelo nariz ainda na Guiné, o que significa que ao retornar, em 19 outubro, já estava infectada, explicou, mediante um comunicado, a Organização Mundial da Saúde (OMS).

A menina e sua avó usaram o transporte público para voltar a Kayes, e passaram pela capital, Bamako, advertiu a organização.

Até agora, foram identificadas 43 pessoas que estiveram em contato com a criança.

 

AFP

Ações da Sabesp para economia de água foram barradas

secasp

(Foto: Estadão Conteúdo)
A presidente da Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo (Sabesp), Dilma Pena, admitiu em uma reunião interna da companhia que seus "superiores" barraram ações na mídia para estimular a população de São Paulo a economizar água. Em áudios obtidos pelo jornal O Estado de S.Paulo, a executiva diz que gostaria de informar aos paulistas "reiteradamente" sobre a necessidade de consumo racional, mas tem de seguir orientação contrária.
A gravação, de um minuto e 18 segundos, é de uma discussão administrativa entre a diretoria da Sabesp e o Conselho de Administração sobre estratégias de comunicação. Durante o encontro, Dilma diz que a companhia de abastecimento deveria aparecer mais na mídia, em veículos como rádios comunitárias, o que não estava ocorrendo contra sua vontade.
"Acho que, por uma orientação superior, a Sabesp tem estado muito pouco na mídia. Acho que é um erro", reclamou, citando os superintendentes da empresa e ela própria como potenciais porta-vozes.
Segundo ela, a mensagem "Cidadão, economize água" deveria estar "reiteradamente na mídia". "Mas nós temos de seguir a orientação. Nós temos superiores. A orientação não tem sido essa. Mas é um erro, é um erro", repetiu.
Questionada, a Sabesp confirmou a reunião, mas não quis precisar a data e quem seriam os superiores. O jornal O Estado de S.Paulo apurou que ela ocorreu em agosto.
A presidente da empresa diz estar ciente de que a estratégia de comunicação é equivocada. Na gravação, a palavra "erro" é repetida quatro vezes ao se referir à falta de divulgação. "Tenho consciência absoluta e pauto as pessoas com quem eu converso sobre esse tema, mesmo os meus superiores", insistiu ela.
Mas em fevereiro deste ano, a Sabesp lançou o programa de bônus para estimular a população a economizar, remanejou água de outros sistemas, incluindo Alto Tietê e Guarapiranga, e reduziu a pressão da água na rede à noite. A ação de comunicação da Sabesp incluiu, assim, o estímulo a medidas de restrição de consumo de água, que já vinham sendo discutidas.

Nos últimos dias, a crise da água entrou na propaganda de TV da presidente Dilma Rousseff, candidata do PT à reeleição, com o objetivo de desgastar o modelo de gestão tucana e recuperar terreno no eleitorado paulista. No horário eleitoral, a presidente ligou o PSDB do adversário Aécio Neves à falta de planejamento. O governador Geraldo Alckmin (PSDB) foi reeleito no primeiro turno, no último dia 5.
Em sua propaganda, Dilma Rousseff disse que o PT está "há dez anos" alertando o PSDB sobre o problema. "É preocupante e também muito triste saber que os brasileiros que vivem em São Paulo, Estado mais rico do país, estão passando por uma crise de falta de água sem precedentes na sua história", comentou a candidata do PT.
No último dia 15, em depoimento à CPI da Sabesp na Câmara Municipal, Dilma Pena afirmou que a empresa tem disponibilidade suficiente para abastecer a população até meados do mês que vem.
Dilma participou apenas da primeira parte da reunião, quando foi discutida a estratégia de comunicação da companhia. Em outro trecho de gravação obtido pela reportagem, da segunda parte do encontro, quando Dilma estava ausente, o diretor metropolitano da Sabesp, Paulo Massato, reconheceu que o governo enfrenta "ações desafiadoras" para prolongar a vida útil do Sistema Cantareira e "esticar um pouco mais" o abastecimento de água e disse que as pessoas deviam "tomar banho com água mineral".
"(…) Porque se repetir o que aconteceu este ano, de final de 2013, de outubro pra cá, se voltar a repetir em 2014, confesso que não sei o que fazer, tá certo?", desabafou o diretor, definindo a situação como "uma agonia".
Ele aconselhou os presentes a saírem de São Paulo e tomarem banho com "água mineral" ou na casa de parentes. "Não vai ter água para o banho, não vai ter água para a limpeza da casa. Quem puder compra garrafa água mineral, tá certo? Quem não puder, vai tomar banho na casa da mãe, lá em Santos, lá em Ubatuba, em Águas de São Pedro, sei lá. Aqui não vai ter", adiantou.
Outro lado
Procurada pelo jornal O Estado de S.Paulo, por telefone, Dilma reagiu, com tom de irritação: "Isso não existe. Isso aí é uma coisa muito complicada. Não sei do que você está falando". Em seguida, pediu para que questionamentos fossem feitos a assessores de comunicação.
A assessoria de imprensa da Sabesp informou, em nota, que o objetivo da reunião de Dilma "foi de ampliar ao máximo as ações de comunicação para o uso racional da água junto aos funcionários da companhia". A empresa alegou que sua comunicação é feita "de forma autônoma", com decisões tomadas "no âmbito da companhia".
"Naquele momento, a diretoria da Sabesp discutia com o conselho de administração (órgão superior) a estratégia de comunicação", acrescentou.
Sobre as declarações do diretor, a Sabesp informou que, também naquele momento, "a diretiva era diminuir ao máximo a dependência do Sistema Cantareira".
"O contexto era de convencer, de forma contundente, os gerentes operacionais da companhia da necessidade de redução. A estratégia tem dado certo. A dependência do Cantareira diminuiu de 9 milhões para 6,5 milhões de pessoas, uma redução de cerca de 30%", explicou.

 

Por Fábio FABRINI e Vera Rosa | Estadão Conteúdo – 9 horas atrás

Estadão

Atirador de Seattle era popular e gostava de caçar; além dele, uma pessoa morreu

atirador14Facebook/Reprodução

Jaylen Ray Fryberg abriu fogo contra colegas da escola Marysville-Pilchuck High School, em Seattle, nesta sexta-feira
A polícia identificou, no final da tarde desta sexta-feira (24), o estudante que abriu fogo horas antes em uma escola na região Noroeste dos EUA, deixando um morto e vários feridos. O nome dele é Jaylen Ray Fryberg, calouro da instituição estadual Marysville-Pilchuck High School, localizada em Seattle, capital do Estado de Washington.

Jaylen Ray Fryberg: mensagens nas redes sociais revelam jovem confuso e de coração partido

2013: Ataque a tiros em escola em Nevada, nos EUA, deixa dois mortos

No total, o jovem atirou em cinco pessoas, deixando uma delas morta e ferindo gravemente outras três. A idade de Fryberg, que se suicidou após o ataque, ainda não foi divulgada.

Diferente de outros casos semelhantes, Fryberg não era um jovem isolado e sem amigos. Longe disso, era um garoto extrovertido e popular, com bons relacionamentos, segundo pessoas próximas a ele. No entanto, nos últimos meses seu comportamento começou a se alterar, conforme deixam claras as últimas mensagens postadas pelo jovem no Twitter.

Até junho, sua página na rede social era repleta de mensagens de amor a uma garota com quem teria namorado. Fotos dos dois lado a lado em clima de romance compõem algumas das poucas imagens que Fryberg mantinha no Facebook.

Subitamente, no entanto, seus textos se tornaram raivosos. No dia 20 daquele mês, o jovem escreveu: "Que porra acabei de fazer? Merda! Posso morrer agora". O padrão foi se repetindo ao longo dos meses.

No final de setembro passado, disse em algumas ocasiões estar "cansado de tudo isso". Na terça-feira (21), três dias antes de abrir fogo contra os amigos, ele escreveu: "Eu deveria ter te ouvido. Você estava certo(a) o tempo todo. Se eu ao menos pudesse me deitar", postou, com emoticons de semblante de choro e sofrimento ao lado. Na véspera do tiroteio, divulgou sua última mensagem: "Isso não vai durar… Isso nunca vai durar".

Fryberg era membro de uma tribo chamada Tulalip e sua família era envolvida em política de nativos-americanos no Estado, uma das duas unidades federativas norte-americanas onde o consumo recreacional da maconha foi legalizado recentemente. Entre os hobbies do jovem estava a caça, o que lhe facilitava o acesso a armas de fogo, como as usadas no ataque.

Jaylen com a garota com quem teria namorado em foto postada por ele em junho deste ano

Mais um Columbine
O caso ocorreu extamente 15 anos e seis meses após aquele que ficou conhecido como o Massacre de Columbine, quando os estudantes Eric Harris, 18 anos, e Dylan Klebold, 17, assassinaram 13 pessoas a sangue frio antes de se suicidarem.

Os tiros desta sexta-feira foram disparados perto refeitório da escola, o que teria dado aos alunos a chance de se trancarem em salas de aula, de acordo com um professor ao site KIRO. Isso teria evitado um maior número de vítimas.

No momento do crime, Ayn Dietrich, porta-voz do FBI em Seattle, disse que a agência estava enviando uma equipe para o local a fim de ajudar as autoridades na investigação.

Quatro dos feridos foram levados de ambulância para a Providence Regional Medical Center, em Everett, incluindo um com ferimento na cabeça. Segundo porta-voz da Harborview Medical Center, uma vítima estava sendo encaminhada para lá.

Mais de uma hora após o tiroteio, os oficiais da polícia ainda encontraram estudantes e funcionários que se esconderam sozinhos ou em pequenos grupos na instituição. Alguns alunos foram tirados da escola e encaminhados para fora com as mãos para cima. Outros, orientados a permanecerem dentro das salas de aula.

"Estava em minha sala quando alguém acionou o alarme de incêndio e nós pensamos que era uma simulação. Então corremos para fora, mas nos disseram para voltar para uma sala de aula", relatou a estudante Cindy Rodriguez. "Estamos com medo."

Veja fotos do ataque na escola localizada em Seattle, Estado de Washington:

O professor Keri Austin disse que o diretor "veio pelo alto-falante duas ou três vezes apenas nos dizendo que havia um tiroteio e para ficarmos trancados." "Faz cerca de 25 minutos que ouvimos isso", disse Austin pouco após o tiroteio.

O Distrito Escolar de Marysville disse por meio de comunicado que "Marysville Pilchuck High School foi bloqueada devido a uma situação de emergência. A polícia e serviços de emergência responderam aos pedidos de socorro. Vamos continuar divulgando informações em cooperação com as autoridades policiais".

Pai de dois estudantes da escola, Jerry Holston ​​estava em Stanwood no momento dos disparos e seguiu direto ao local. "Meu coração foi parar no estômago. Como pai, este tem sido o maior maior medo desde que meus filhos foram à escola, que algo assim pudesse acontecer", desabafoi ele.

O mais recente tiroteio em escolas da região havia ocorrido em Seattle Pacific University, onde um atirador matou um estudante e feriu outros dois no dia 5 de junho.

*Com AP, Reuters e CNN

Por iG São Paulo

USP tinha núcleos de apoio à ditadura, contam professores

usp

A Universidade de São Paulo (USP) tinha núcleos de apoio à ditadura instaurada pelo golpe de 1964, segundo professores que viveram o período. O assunto foi discutido hoje (22) em um debate na própria instituição. O professor da Faculdade de Direito, Dalmo Dallari, disse que os grupos de pensamento conservador começaram a atuar vários anos antes da ditadura civil-militar. “Antes disso, já existiam discriminações dentro da USP. Já existiam núcleos tremendamente reacionários”, disse em sua exposição.

Como exemplo, o jurista citou o veto à indicação de Oscar Niemeyer para lecionar na universidade. “Quando Oscar Niemeyer não tinha ainda feito Brasília, mas era um nome muito respeitado. Havia sido proposta a contratação dele pela USP, para ministrar cursos na área de arquitetura. E houve um veto absoluto, porque ele era um comunista perigoso”, disse sobre os argumentos apresentados à época contra o arquiteto.

“Assim, foi sendo montado um dispositivo que teve grande atuação a partir do golpe de 1º de abril de 1964”, acrescentou explicando a importância que pessoas ligadas à USP tiveram durante a ditadura. “Foi extremamente importante a Faculdade de Direito, especialmente na pessoa do Gama e Silva, na montagem do dispositivo que formalizou as perseguições, as punições, as tremendas violências, dando um caráter de legalidade”, destacou. Professor, reitor e Ministro da Justiça durante a ditadura, Luís Antônio da Gama e Silva foi , lembrou Dallari, responsável pela elaboração de parte dos Atos Institucionais, decretos autoritários que aumentaram os poderes da ditadura e cercearam direitos civis.

As perseguições também foram, de acordo com Dallari, muito fortes dentro da própria universidade. “Preparando listas e indicando nomes de professores para serem presos, demitidos, expulsos”, relatou o jurista que chegou a ser proibido de lecionar por um período. “Isso empobreceu a universidade das suas lideranças acadêmicas e intelectuais”, acrescentou o professor do Instituto de Geociências,  Umberto Cordani, sobre as perseguições que também vitimaram muitos alunos. “Foram anos em que a universidade sofreu muito. Sofreu nos departamentos que mais interessavam aos militares que desaparecessem. Sofreu muito a Faculdade de Filosofia, toda a parte de sociologia”, lembrou.

Editor Fábio Massalli

Agência Brasil


Música de Qualidade - 24h!

300x250advert

VIDEOS EM DESTAQUE

GALERIA DE FOTOS

Previsão do Tempo


EDIÇÕES ANTERIORES

abril 2015
D S T Q Q S S
« mar    
 1234
567891011
12131415161718
19202122232425
2627282930  

Rede Blogs do Cariri




Clique no Logo acima e visite o site oficial da Rede.

Mural Chapada do Araripe



TV CHAPADA DO ARARIPE



A TV Chapada do Araripe é composta por uma coleção de vídeos, entrevistas e reportagens. Escolha o vídeo que deseja assistir, clicando sobre o título. Veja mais detalhes na página da TV Chapada do Araripe.

HOMENAGEM DA SEMANA


CORREINHA

O Chapada do Araripe presta homenagens a um dos maiores mestres da cultura popular que faleceu em Crato recentemente, Francisco Correia de Lima, o Correinha, artista de várias linguagens atuante no município do Crato. Mestre Correinha nasceu no município de farias Brito no dia 14 de fevereiro de 1940, mas era um amante inveterado do Crato, município ao qual costumava fazer referências em suas canções. Talvez por não ter tido seu nome incluído nas listas anuais de mestres reconhecidos pelo Governo do Estado desde 2004, mestre Correinha tenha sido sepultado em meio a homenagens comoventes de moradores do município, mas, como ressaltaram amigos e familiares, sem o devido destaque por parte do Poder Público. Situação destacada durante a sua missa de corpo presente, enriquecida pelo acordeon de Hugo Linard, com quem Correinha gravou recentemente, 15 canções que agora constituem o último registro de sua obra. Segundo o próprio Hugo Linard, as canções registradas nesse último trabalho de Correinha em estúdio são, na maioria, inéditas. ´Ele gravou também ´Belezas do Crato´, mas as outras não tinham registro´, diz, citando canções como ´Coisas do meu sertão´, ´Exaltação a Barbalha´, ´Crato de Açúcar´ e ´Meu Cariri´ e ´Balanceio´. ´Fazia tempo que a gente tava cutucando ele, dizendo que ele tinha que gravar de novo. Ele fez dois compactos e outros discos, no tempo do vinil, além de vários cordéis´. Hugo Linard chama atenção para aspectos peculiares da trajetória de Correinha. ´Ele mantinha um bar aqui no Crato e ainda trabalhava como agente carcerário. Era tão querido que os presos pediram à família por ocasião do seu velório, para deixar um pouco o corpo dele lá na cadeia, para eles o homenagearem´.
Dalwton Moura

Jornal do Vicelmo

Todos os dias na Rádio Chapada do Araripe - Internet, a partir das 07:00, ouça o Jornal do Cariri com Antonio Vicelmo. O Jornal é retransmitido da Rádio Educadora do Cariri em tempo real. Você pode ouvir o programa através da nossa imensa rede de Blogs e websites. Alguns programas antigos estão disponíveis no nosso website Jornal do Vicelmo.

AUXÍLIO À LISTA

Dicas de Filmes



Por trás de todo o grande homem se esconde um professor, e isso era certamente verdade para Bruce Lee que aclamava como seu mentor um expert em artes marciais chamado Ip Man. Um gênio do Wushu (ou a escola de artes marciais da China), Ip Man cresceu numa China recentemente despedaçada pelo ódio racial, radicalismo nacionalista e pela Guerra. Ele ressurgiu como uma Fênix das Cinzas graças à suas participações em lutas contra vários mestres Wushu e lutadores de kung-fu - finalmente treinando icones de artes marciais como Bruce Lee. Esta cinebiografia do diretor Wilson Yip mostra a história da vida de Ip.

Como Publicar seu Artigo


Agora você pode entrar em contato conosco diretamente. Se vc deseja publicar algum artigo que julgue importante para o Cariri, entre em contato conosco. Todos os artigos aprovados serão devidamente creditados aos autores. Os melhores artigos merecerão destaque, e se continuados, os escritores e cronistas poderão se tornar membros permanentes doportal Chapada do Araripe. Contatos: MSN e E-mail: blogdocrato@hotmail.com

Quem somos Nós

O Chapada do Araripe é um site sem fins lucrativos, que visa promover a imagem da região do cariri cearense na Internet. Se você deseja publicar algum artigo no portal Chapada do Araripe, entre em Contato conosco.

Direitos Autorais:

DM Studio – Comunicação & Marketing. Algumas partes do Chapada do Araripe estão sob uma “Licença Creative Commons”, e outras, de acordo com seus respectivos autores, com “Todos os Direitos Reservados” –

www.chapadadoararipe.com - 2014

Contatos: Dihelson Mendonça – MSN e E-mail: blogdocrato@hotmail.com

© 2015 Chapada do Araripe - -