MPB Petrobras comemora 15 anos no Centro Dragão do Mar com show de Leila Pinheiro

LeilapinheiroA cantora Leila Pinheiro é atração do MPB Petrobras, apresentando show inédito em que canta canções de compositoras brasileiras. As apresentações acontecem no sábado (26), às 21h, e no domingo (27), às 20h, no Anfiteatro do Dragão do Mar de Arte. O show de abertura fica por conta da carioca Carol Oliveira. Os ingressos custam R$ 20,00 (inteira) e R$ 10,00 (meia).
Décadas depois de Chiquinha Gonzaga quebrar barreiras preconceituosas no mundo machista de então e conquistar o seu espaço na música popular brasileira, o País conheceu um número significativo de compositoras. Para reverenciar essa produção feminina, Leila selecionou um repertório que retrata a versatilidade destas compositoras, da pioneira Chiquinha Gonzaga a Adriana Calcanhotto, de Dolores Duran a Mart´nália, passando por Maysa, Dona Ivone Lara, Sueli Costa, Fátima Guedes e Zélia Duncan.
Sozinha ao piano, a artista mostra as canções “Essa Mulher” de Joyce, “Fogueira” de Ângela RoRo e “Só de Você” de Rita Lee, dentre outras músicas. Para este show, Leila vai mostra algumas canções do seu último álbum – “meu segredo mais sincero”, em homenagem a Renato Russo e o grupo Legião Urbana. No repertório, as canções “Pais e Filhos”, “Eduardo e Mônica” e “Mais um Vez”, dentre outras canções.
Os ingressos para o show de Leila Pinheiro, com show de abertura de Carol Oliveira, dentro da programação do MPB Petrobras podem ser adquiridos na bilheteria do Anfiteatro do Centro Dragão do Mar por R$ 20,00 (inteira) e R$ 10,00 (meia-entrada).
Foto: Marina Cavalcante.
Centro Dragão do Mar de Arte e Cultura

Governo zera IPI de carro, ônibus e caminhão

IPIreduzido_02“Temendo o risco cada vez maior de o país crescer menos de 3% neste ano, o governo federal lançou novas medidas econômicas emergenciais para estimular o crédito para o consumo e os investimentos depois de constatar que as iniciativas já adotadas não foram suficientes para reaquecer a economia.

O setor mais beneficiado foi o automotivo, com ações voltadas para incrementar vendas de carros, ônibus e caminhões. O governo reduziu o IPI (Imposto sobre Produtos Industrializados) de automóveis, inclusive importados, até 31 de agosto e cortou taxas de juros de financiamentos de ônibus e caminhões no mesmo período.

Com as medidas, que dependem também de um compromisso acertado com bancos e montadoras para a redução de preços ao consumidor, o governo espera ter uma queda de até 10% nos valores dos carros que serão financiados às pessoas físicas.

O governo também reduziu o IOF (Imposto sobre Operações Financeiras) de empréstimos para pessoa física, de 2,5% para 1,5%. A medida, que não tem prazo de vigência, é destinada a estimular o consumo de todo tipo de bem e não apenas de automóveis.”

O Povo

Com Agências

Artesanato de padrão mundial

Juazeiro é a cidade pioneira no Interior do País a sediar o evento que apresenta produtos de diversas nações

ArtesanatoJuazeiro do Norte Artesãos de vários países se encontram no Cariri para participar da Feira Internacional de Artesanato e Decoração (Feincartes), que terá continuidade até o próximo domingo, dia 27, no Palácio da Microempresa, neste Município. A expectativa de público é de 25 mil pessoas, durante os 10 dias de movimentação. Do Cariri participam sete grupos de artesãos de várias categorias. Segundo os organizadores, a Feincartes vem fortalecer o turismo de eventos na região.

Este é o segundo ano de realização da feira no Cariri, com a presença de dez países e nove Estados brasileiros. Segundo uma das coordenadoras da feira, Maria Mathias, há a presença de novos países em relação ao ano passado, como o Equador, Tailândia, Senegal, Indonésia. Do Brasil, produtos de Minas Gerais, Rio de Janeiro, São Paulo e Rio Grande do Sul são novidade para o Cariri. De acordo com a coordenadora do evento, Maria Mathias, essa é a 32ª feira realizada no Brasil, circulando vários Estados. De Petrolina, a Feincartes se instalou em Juazeiro do Norte e em novembro estará em Fortaleza. “O nosso diferencial para o Município é proporcionar renda e gerar empregos temporários”, diz. Ela calcula uma movimentação de 500 pessoas entre artesãos, representantes de entidades e mão-de-obra contrata. “Sem falar no retorno para hotéis e restaurantes da cidade”.

Produção local

O turismo de eventos, segundo ela, é o que mais ganha neste período. Mas, há a participação dos artesãos locais. O espaço destinado este ano é de 40 metros quadrados. Segundo o analista do Sebrae, Fábio Bezerra, essa é mais uma oportunidade das várias tipologias dos produtos fabricados na região estarem presentes em uma feira desse porte.

A iniciativa de participação em feiras pelo Brasil tem sido favorável para o Cariri. Segundo o analista, as próprias associações têm suas representações nesses espaços. São artigos em couro, palha, madeira, a xilogravura, entre outros produtos que envolvem os artigos para concorrer com trabalhos de todos o Brasil. Ele acrescenta que a organização das entidades tem sido de grande importância para possibilitar a divulgação da cultura da região.

Ano passado, Juazeiro do Norte passou a ser cidade pioneira para a Feincartes no interior do País. E o que mais chamou a atenção dos organizadores foi o processo de desenvolvimento econômico, com investimentos nos diversos setores da economia. Os artesãos do Cariri destacam a importância de integração com os artesãos de outras localidades do Brasil e exterior e a qualidade do produto local. A Federação das Associações de Artesãos do Cariri está presente com a representação.

Para Maria Mathias, a Feincartes veio para Juazeiro atraída pelo grande desenvolvimento que a cidade tem obtido nos últimos anos. “Essa cidade tem crescido 70% acima de outras cidades do Nordeste e esse destaque acontece em todos os sentidos. Não poderíamos deixar de vir conhecer de perto e a perspectiva é que outras edições sejam realizadas na cidade nos próximos anos”, afirma.

A perspectiva de negociação ainda não foi levantada, mas os representantes do países estão animados. A feira atua não só na área de artesanato, mas decoração. Outros Estados do Brasil estão sendo privilegiados com os seus produtos, como Tocantins, com diversos acessórios de decoração, como mandalas, a pulseiras, colares e brincos produzidos com o capim dourado.

As bijuterias, artesanatos, redes, roupas de cama, mesa e banho, artigos de cozinha, material em couro, sala e iluminação, além de cosméticos e gastronomia de países como Índia, Indonésia, Marrocos, Paquistão, Palestina, Itália, Peru e Turquia, além do Brasil estão sendo exibidas. Para visitar a feira, os visitantes que não tiveram acesso ao convite válido de segunda-feira à sexta-feira pagam uma taxa de R$ 5,00. As crianças até 12 anos e acompanhadas dos pais não pagam. As pessoas a partir de 60 anos pagam meia entrada.

Mais informações

Feira Internacional de Artesanato e Decoração, aberta diariamente das 15 às 22h, até domingo
Rua São Pedro, S/N, Praça da Matriz
Juazeiro do Norte – Cariri

ELIZÂNGELA SANTOS

Repórter do Diário do Nordeste

Colaboradora do Blog do Crato e Chapada do Araripe OnLine

Urnas mortuárias indígenas são encontradas no Crato durante escavações

As peças foram encontradas no último sábado (19), no Sítio Lagoa Encantada, e podem pertencer à tribo Tupi-Guarani.

Durante escavações para retirada de areia no sítio Lagoa Encantana, no Crato, um funcionário de um depósito de material de construção, que pediu para ter o nome preservado, encontrou duas peças que podem ser urnas funerárias. Dentro de uma das peças, que se quebrou durante a escavação, havia diversos ossos, aparentemente humanos.

A outra peça, que mede 43 centímetros de diâmetro por 13 de altura, foi retirada por um dos funcionários. Já os restos da peça quebrada, que media cerca de 80 centímetros de altura por 50 de largura, foram enterrados junto com os ossos por outro funcionário, a pedido do dono do sítio, para “evitar problemas com algum instituto de pesquisa”. As duas peças de argila, uma delas com diversos símbolos indígenas, foram encontradas a dois metros de profundidade. O responsável pela descoberta acredita que ali poderiam estar enterrados mãe e filho, mortos durante o parto.

Há cerca de cinco anos, peças parecidas com as encontradas no último fim de semana também foram achadas em um sitio vizinho. Pelas características dos objetos, chegou-se a acreditar, na época, que o local fosse um cemitério arqueológico dos índios Tupi-Guarani. Após o recolhimento de diversas peças e objetos pelo Instituto de Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan) e o isolamento da área para que uma pesquisa mais aprofundada fosse feita, pouca coisa foi encontrada e o local foi liberado. Com a nova descoberta, acredita-se que o local volte ser explorado pelo Iphan.

*Texto de Aglécio Dias

Ceará Agora

Código Florestal está sob análise detalhada de Dilma

DilmaOs ministros do Desenvolvimento Agrário, Pepe Vargas, e da Secretaria Geral da Presidência, Gilberto Carvalho, disseram que a presidente Dilma Rousseff ainda não definiu exatamente o que fará com o texto do Código Florestal que foi aprovado pelo Congresso e aguarda sanção presidencial, porque ela está fazendo “uma análise detalhada e meticulosa” do tema.

Pepe Vargas reconhece que existem avanços no texto, mas há coisas que não podem permanecer como estão. O projeto, portanto, será alvo de veto, mas não foi especificado se será veto total ou parcial.

“Não concordamos com anistia e não concordamos com tratamento igual a desiguais. Nós entendemos que há necessidade de ter um tratamento diferenciado para pequenas propriedades rurais”, disse o ministro Pepe Vargas, acrescentando que “nesse texto há brutais contradições, que não tem a nossa concordância”. Para ele, “o produto final infelizmente não permite a sanção”.

Gilberto Carvalho acrescentou que a presidente poderá usar todo o prazo disponível para analisar o texto. Dilma tem até sexta-feira para avaliar o código e definir se vai sancioná-lo ou vetá-lo. A presidente Dilma deverá se reunir com a ministra do Meio Ambiente, Izabella Teixeira, esta semana, depois que retornar de Porto Alegre, para discutir o assunto.

O ministro do Desenvolvimento Agrário, que passou o fim de semana em reuniões com a presidente discutindo o Código Florestal, comentou que o texto do Senado era “muito mais equilibrado” do que o aprovado pela Câmara, porque reconhecia que a pequena propriedade tinha uma diferenciação em relação às propriedades maiores. “Qualquer pessoa de bom senso vai admitir que nós não podemos fazer as mesmas exigências ambientais para uma propriedade com cinco ou 10 hectares, comparativamente, com uma propriedade que tem 1.000, 2.000 ou 5.000 hectares. É uma coisa que salta aos olhos”, comentou.

“Agora, lamentavelmente, da forma como o texto final ficou, além de conferir anistia a grandes propriedades, não diferenciou esses públicos que têm distinções. Tratar igual os desiguais é um princípio injusto. Acho que toda a arte e todo o desafio é esse. É traduzir essas questões. Mais do que isso não cabe a mim dizer. Estamos analisando tecnicamente e a presidente tomará sua decisão e esta semana tudo ficará claro para o conjunto da população brasileira”, completou.

Questionado se o governo não temia que o Congresso pudesse derrubar o veto presidencial, o ministro Pepe Vargas respondeu: “o Congresso Nacional tem independência em relação ao Executivo. O Congresso pode fazer do texto aquilo que quiser, obtendo maioria para fazer, mas eu creio que, nesses dias, entre o que a Câmara votou até hoje, acho que se consolidou na opinião pública que o texto votado na Câmara é um texto muito desequilibrado.


Acho que ele pode ser aperfeiçoado e, nesse aperfeiçoamento, a Câmara tem um papel importante a cumprir, bem como o Senado. Nós apostamos sempre no bom senso e vamos continuar apostando”.

Agência Estado

Notícias do Crato – 22/05/2012

Prédio histórico dos museus do Crato passa por reforma

A Prefeitura Municipal do Crato, com recursos próprios, está realizando todo o processo de recuperação do Museu Histórico do Crato e Museu de Artes Vicente Leite, que funcionam num dos prédios históricos tombados da cidade. O trabalho de recuperação e reforma no prédio, segundo a Secretaria de Infraestrutura, tem sido praticamente artesanal, como forma de preservar a originalidade do prédio, que já funcionou como a delegacia do Crato. A sede dos Museus, além da Fundação J. de Figueiredo Filho vai ser totalmente reformada e informatizada. A primeira recomendação é manter e preservar toda a arquitetura original do imóvel, já que é Tombado pelo Conselho Estadual do Patrimônio Histórico e Arquitetônico do Ceará (COPAC).

Passam pela reforma os assoalhos e rodapés feitos de madeira, instalação elétrica que contempla iluminação especial nos ambientes onde são expostas as peças museológicas, aplicação de nova pintura nas partes interna e externa, instalação de um elevador para cadeirantes, que liga os dois andares do prédio e sistema de refrigeração. As obras foram orçadas em R$ 275 mil. No pavimento superior do prédio funciona o Museu de Artes Vicente Leite e no pavimento inferior o Museu Histórico do Crato, com os dois somando mais de 1.500 itens.

CRAS do Crato convoca jovens para se inscreverem no ProJovem Adolescente

A Secretaria Municipal de Assistência Social comunica que as inscrições do ProJovem adolescente, ainda estão abertas nos Centros de Referência de Assistência Social- CRAS dos bairros Seminário, Vila Alta, Muriti, Alto da Penha e Batateira. A coordenação do ProJovem convida os adolescentes com idade de 15 a 17 anos para que façam parte deste programa, pois serão oferecidos cursos profissionalizantes e em junho será distribuído todo o fardamento junto ao material didático e esportivo. As inscrições deverão ser feitas nos CRAS dos bairros citados. O adolescente deverá ir acompanhado com o seu responsável legal, munidos de xérox dos seus documentos pessoais e do seu responsável.

Governo do Crato realiza próxima sexta-feira ação de inclusão para alunos com necessidades especiais

O Governo do Crato por meio da Secretaria de Educação do Crato em parceria com o Geopark Araripe, Universidade Regional do Cariri – URCA e Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade -  ICMBio/ Floresta Nacional do Araripe FLONA, realizarão no próximo dia 25 mais uma ação do projeto Educação Ambiental inclusiva. Essas atividades vêm sendo executadas desde agosto do ano passado e objetivam a promoção de atuações com abordagem sobre o Geopark Araripe, abordando elementos como terra, natureza, cultura, e possibilitando o contato lúdico com um ambiente natural, aguçando as particularidades e a percepção dos grupos com necessidades especiais. Os participantes serão alunos com deficiência intelectual matriculados no ensino regular das escolas municipais de Crato. A programação será dessa forma, mas ainda sujeita a alterações.
 

Programação, 25 de maio

1° momento, no CIEA Comissão Interinstitucional de Educação Ambiental / Parque de Exposição do Crato:

08h Acolhimento e boas- vindas aos alunos, professores e pais.

8h15min – Apresentação do Geopark Araripe com Teatro de bonecos
08h50min – Piquenique
09h – Oficina réplica de fósseis. (previsto 1h30min)
10h30min – Saída do Parque de Exposição para casa sede da FLONA.

2° momento, na casa Sede FLONA:

11h – Aquecimento/ alongamento.

11h30min- Trilha na FLONA
12h10min – Almoço
12h50min às 14h – Pintura livre dos elementos da natureza em painel de tecido

 - Em seguida momento livre para brincadeiras.
 

CONTATO: Assessoria de Imprensa – Prefeitura Municipal do Crato
Telefone : (88) 3521.7069 – site prefeitura: www.crato.ce.gov.br

STF decide que Cachoeira terá de depor nesta terça

Stf2O contraventor Carlos Augusto Ramos, o Carlinhos Cachoeira, terá de depor nesta terça na CPI criada para investigar as relações dele com políticos. O ministro Celso de Mello, do Supremo Tribunal Federal (STF), rejeitou um pedido dos advogados de Cachoeira para que o depoimento fosse adiado pela segunda vez.

Originalmente a CPI deveria ter ouvido o contraventor na terça-feira da semana passada. Mas na véspera Celso de Mello autorizou Cachoeira a não comparecer à comissão. Para convencer os ministros, os advogados argumentaram que não conheciam a integralidade das provas existentes contra ele. Agora, Celso de Mello disse que a CPI garantiu o direito à defesa de consultar a investigação. Segundo o ministro, apesar disso, a comissão informou que não houve interesse dos advogados em consultar em profundidade os dados.

“É de assinalar, por relevante, que se propiciou, aos ora impetrantes, mesmo neste fim de semana (sábado e domingo), amplo acesso a todos os elementos e documentos probatórios existentes em poder de mencionado órgão de investigação parlamentar, não havendo notícia, contudo, de que tenham eles se utilizado de tal faculdade”, afirmou. Além disso, o ministro observou que a defesa pôde consultar as provas existentes numa ação penal aberta pela Justiça Federal em Goiânia. Apesar de ter rejeitado o segundo pedido de adiamento, o ministro ressaltou na decisão desta segunda que pela jurisprudência do STF ninguém é obrigado a produzir provas contra si mesmo. Ou seja, Cachoeira poderá optar por não responder a indagações que possam provocar autoincriminação.

“Assiste, a qualquer pessoa regularmente convocada para depor perante Comissão Parlamentar de Inquérito, o direito de se manter em silêncio, que representa direta consequência fundada na prerrogativa constitucional contra a autoincriminação”, disse Celso de Mello.

Agência Estado

Ceará registra o quinto caso de morte por Gripe A

De acordo com a Secretaria da Saúde, 81% das pessoas infectadas são mulheres em idade fértil
 
H5N1Uma mulher morreu na sexta-feira (18), no Hospital São José, em Fortaleza, vítima da gripe A. É o quinto caso de óbito pelo vírus H1N1 este ano no Estado. De acordo com o médico infectologista Anastácio Queiroz, diretor do hospital, a paciente deu entrada no São José “com o pulmão muito comprometido”.
 
A paciente foi encaminhada diretamente para a UTI, mas não resistiu, segundo o diretor do hospital. A gripe foi confirmada por exame do hospital São José.
 
O óbito deve ser confirmado na sexta-feira (25) no boletim semanal divulgado pela Secretaria da Saúde do Ceará. Na sexta passada, o boletim registrava quatro mortes por conta de gripe A no Ceará.
 
Até o momento, foram confirmados 129 casos da doença em 16 municípios. De acordo com a Secretaria da Saúde (Sesa), 81% das pessoas infectadas são mulheres em idade fértil (de 10 a 40 anos de idade). Entre essas mulheres, 34% (46 pessoas) eram gestantes. Além de gestantes, estão na área considerada de risco, idosos, crianças e profissionais da área de saúde.
 
Cnews

Nova Olinda tem melhor média em alfabetização, diz governo do Ceará

Quanto ao nível dos estudantes do 5º ano, o vencedor foi Mucambo. Foram avaliadas 244.785 crianças matriculadas no 2º e 5º ano.

EducaçaoO município de Nova Olinda, na região do Cariri, obteve a melhor avaliação do Sistema Permanente de Avaliação da Educação Básica, o Spaece-Alfa, divulgado pelo governo do estado nesta segunda-feira (21). A média dos estudantes do 2º ano de Nova Olinda foi de 282,4 no chamado nível de proficiência ajustada.

Os 12 municípios com os melhores índices receberam troféus do governador Cid Gomes . Abaixo de Nova Olinda, aparecem: Abaiara, Mucambo, Deputado Irapuan Pinheiro, Solonópole, Tarrafas, Jijoca de Jericoacoara, Potiretama, Pires Ferreira, Guaraciaba do Norte, Pedra Branca e Forquilha.

Já na avaliação Spaece Alfa que avalia o nível de educação dos alunos do 5º ano, os municípios com o melhor nível foram Mucambo, Solonópole, Abaiara, Sobral, Jijoca de Jericoacoara, Penaforte, Brejo Santo, Groaíras, Graça, Pedra Branca, Potiretamama e Pires Ferreira.

Segundo a Secretaria de Educação do estado (Seduc), 178 dos 184 municípios cearenses atingiram o nível “desejável” nas médias de proficiência, seguidos de seis que estão no nível suficiente. Também de acordo com a Seduc, foram avaliadas em 2011, 244.785 crianças matriculadas no 2º e 5º ano do ensino fundamental de 4.519 escolas públicas.

A Seduc explica que o resultado serve como base para o trabalho desenvolvido pela Secretaria na definição das políticas educacionais do Estado, na colaboração com os municípios para a melhoria da qualidade do ensino. A avaliação permite ainda, acrescenta a Seduc, que professores, diretores, pais, técnicos e administradores dos municípios acompanhem o índice de aprendizagem dos alunos nos primeiros anos de vida escolar.

Spaece-Alfa
O Spaece-Alfa foi implantado em 2007, com a implantação do Programa Alfabetização na Idade Certa (Paic), que tem objetivo de garantir alfabetização das crianças matriculadas na rede pública de ensino até os sete anos de idade. O Paic está implantado nos 184 municípios cearenses com apoio técnico e financeiro para a gestão municipal, avaliação, formação de professores, aquisição de material didático e de literatura, segundo a secretaria estadual de educação.

Também de acordo com a secretaria, o Programa está focado em cinco eixos: educação infantil, gestão pedagógica da alfabetização, literatura infantil e formação do leitor, gestão municipal de educação e avaliação externa. A Seduc informa que no ano passado, expandiu as ações para melhorar os resultados de aprendizagem dos alunos da rede pública até o 5º ano de escolaridade, com o Programa Aprendizagem na Idade Certa (PAIC+5).

Prêmio
Durante a divulgação dos dados, o governo do estado do Cearáentregou o prêmio “Escola Nota Dez”. Em sua quarta edição, a premiação é destinada a 150 unidades públicas que obtiveram os melhores resultados de alfabetização, tendo como base o Índice de Desempenho Escolar – Alfabetização (IDE-Alfa) e 150 unidades públicas que obtiveram os melhores resultados do 5º ano, levando-se em consideração o Índice de Desempenho Escolar (IDE 5).

G1 CE

Financiamento para estocagem de etanol na pauta do Plenário

EtanolDuas medidas provisórias trancam a pauta do Plenário e precisam ser votadas até a próxima semana para que não percam a eficácia. A MP 555/2011, que prorroga contratos do governo na área de Meio Ambiente e de Comunicação, e a MP 554/2011, que incentiva o microcrédito e os produtores de etanol, tiveram os prazos finais de vigência prorrogados para até a próxima quinta-feira (31).

A MP 554/2011 autoriza a União a utilizar os recursos da Contribuição da Intervenção no Domínio Econômico (Cide) e de outras fontes para financiar a estocagem de álcool combustível (etanol). O objetivo é reduzir as variações de preço durante o período de entressafra e contribuir para a estabilidade da oferta do produto ao longo do ano.

Pela MP, que foi alterada pela Câmara dos Deputados e chegou ao Senado na forma do projeto de lei de conversão (PLV 11/2012), o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) poderá emprestar até R$ 2,5 bilhões a usinas, cooperativas de produtores, comercializadoras e distribuidoras de álcool combustível.

Outros bancos federais que operam com recursos da poupança rural poderão financiar até R$ 2 bilhões. Esses financiamentos contarão, por cinco anos, com subvenção econômica, na forma de equalização da taxa de juros.

A MP, sob a relatoria do senador Waldemir Moka (PMDB-MS), também autoriza a União a conceder subvenção econômica, sob a forma de equalização parcial dos custos, às instituições financeiras que fornecem crédito aos empreendedores nas operações de microcrédito produtivo orientado.

Contratos prorrogados

Primeiro item da pauta, a MP 555/2011 prorroga até 31 de dezembro de 2012 o prazo limite para a vigência de 91 contratos temporários para projetos de cooperação técnica desenvolvidos no Instituto Brasileiro de Meio Ambiente e Recursos Naturais Renováveis (Ibama), no Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio) e no Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE). A prorrogação vale para contratos vigentes em dezembro de 2011.

No Ibama e no ICMBio, os projetos têm por objetivo o desenvolvimento de novos processos de conservação dos ecossistemas. Já no âmbito do FNDE, são voltados à expansão da educação em todos os níveis, garantindo, de acordo com a exposição de motivos do governo, sua qualidade e eficiência, em todos os níveis.

Caberá ao senador Gim Argello (PTB-DF) apresentar o relatório para esta medida provisória, no Senado. 

Agência Senado

Em debate criação do Código Nacional de Ciência, Tecnologia e Inovação

Pesquisa-cientifica

A Comissão de Ciência, Tecnologia, Inovação, Comunicação e Informática (CCT) promove audiência pública, na próxima quarta-feira (23), às 9h, para debater a criação de uma lei para pesquisa e inovação.

A CCT vai discutir o anteprojeto de lei sobre o assunto encaminhado ao Congresso pelo Fórum Estadual dos Secretários de Ciência e Tecnologia.

Entre as principais novidades contidas na proposta, que está em tramitação simultânea na Câmara dos Deputados e no Senado, esta o estabelecimento de um regime diferenciado para a aquisição de bens e contratação de serviços.

Pelo projeto, as instituições de pesquisa não precisarão mais cumprir todas as diretrizes da Lei de Licitações (Lei nº 8.666/1993) e do Regime Jurídico Único dos Servidores Públicos (Lei nº 8.112/1993).

Para participar da audiência pública estão convidados a presidente da Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência (SBPC), Helena Bonciani Nader; o presidente do Conselho Nacional de Secretários para Assuntos de Ciência e Tecnologia e Inovação, Odenildo Teixeira Sena; o presidente da Associação Nacional dos Dirigentes da Instituições Federais de Ensino Superior, João Luiz Martins; e o assessor jurídico do Conselho Nacional das Fundações Estaduais de Amparo à Pesquisa, Clóvis Renato Squio.

Agência Senado

A realidade nua e crua de Cuba

“– A liberdade, Sancho, é um dos mais preciosos dons que os céus deram aos homens; com ela não se podem igualar os tesouros que encerra a terra nem o mar encobre; pela liberdade assim como pela honra, se pode e deve aventurar a vida, e, pelo contrário, o cativeiro é o maior mal que pode vir aos homens”. – Miguel Cervantes, “Dom Quixote de La Mancha”.
   Um livro que deveria ser lido por todos, esse “Viagem ao Crepúsculo”, (2ª edição) escrito por Samarone Lima, 42, jornalista e escritor, nascido em Crato e hoje residente em Recife (foto ao lado).
Li-o, emprestado que me foi  pelo pai do escritor, o ex-craque de futebol de salão dos anos 60 em Crato, José Vicente Lima, hoje aposentado do Banco do Brasil.  O livro mostra o cotidiano da população cubana, uma realidade vivenciada por Samarone Lima. Este, conheceu a vida real da infelicitada população da ilha-cárcere, pois, ao invés de percorrer itinerários pré-estabelecidos pela ditadura da dinastia dos Castros – roteiros falsos, enganosos e manipulados –  preferiu ficar hospedado em residências de cubanos anônimos.
   Com isso ganhou a confiança dessas pessoas. E constatou a triste realidade social e econômica de Cuba, onde as pessoas, para sobreviver, vendem e compram –  no mercado negro – gêneros alimentícios desviados dos armazéns e hospitais do Estado. Até para fazer uma curta viagem – de ônibus ou trem – a população cubana é vítima da máfia na venda das passagens. Os bilhetes de viagem são ofertados, pela máquina estatal,  com grande antecedência, todos pré-datados,  para serem utilizados semanas e até meses à frente.
   Interessante que Samarone Lima viajou a Cuba levando a ilusão que é vendida ao imaginário dos turistas: a de que, naquela ilha da fantasia, a  saúde e a educação  pública funcionam; impera a igualdade social; não existem nem fome, nem violência, nem corrupção na máquina administrativa. “Todas, absolutamente todas as pessoas que me relataram viagem a Cuba como turista, falam de outro país, onde há conforto, bons carros, comida farta, mulheres, charutos, rum. Esse é o mundo do turismo, não o mundo real”, constatou Samarone. A realidade que ele viu lá foi exatamente o contrário do que falam por aqui.
   Numa fila para a compra de alimentos, ele presenciou esta cena e escreveu: “Jaime (um cubano em cuja casa Samarone se hospedou nos primeiros dias em Havana) entregou sua caderneta de controle e comprou dois pacotes de macarrão, meio libra de arroz (que dá menos de um quilo). Neste dia não havia óleo vegetal para venda. Comprou ainda 250 gramas de carne de soja. Era a sua cota mensal”. Na fila de compra, o escritor cratense ouviu: “Quando esse inferno vai acabar?”. A declaração aspeada é de uma senhora cubana, logo após uma tentativa frustrada de adquirir sua cota mensal de carne de porco,  já que a carne de gado não existe para o consumo da população.
     No livro “Viagem ao Crepúsculo” (226 páginas), o autor descreve a violência que domina as ruas de Havana (ninguém lá fala disso, a não ser do que acontece no bairro onde mora,  pois a imprensa estatal só divulga falácias favoráveis ao regime); fala da miséria que domina as camadas sociais, onde a prostituição é negócio rendoso; descreve diálogos com jovens que sonham em fugir de Cuba; da corrupção generalizada em todos os setores da máquina pública e da falta – ampla, geral e irrestrita – das liberdades democráticas.
    Na sua obra, Samarone conseguiu descrever os efeitos dos 53 anos de um regime que há muito perdeu as rédeas do rumo a ser tomado. “Os cubanos não são livres. Não podem sair do país. Não podem criticar o regime na fila do pão, sob o risco de serem rapidamente presos pelos infiltrados, e condenados a 20, 30 anos de prisão, após julgamentos rápidos”, diz o autor cearense.
Escrito e postado por Armando Lopes Rafael
Informação: O livro de Samarone pode ser adquirido em qualquer
filial da  Livraria Cultura.
Em Fortaleza ela funciona no Shopping Varanda Mall
Av. Dom Luís, 1010 – Lojas 8,9 e 10
Meireles – Fortaleza – CE

Momento de Reflexão -Por Maria Otilia

 

 A GENTE SE ACOSTUMA
Marina Colasanti
Eu sei que a gente se acostuma.
Mas não devia.
A gente se acostuma a morar em apartamento de fundos e a não ter outra vista que não as janelas ao redor. E porque não tem vista, logo se acostuma a não olhar para fora. E porque não olha para fora, logo se acostuma a não abrir de todo as cortinas. E porque não abre as cortinas, logo se acostuma a acender mais cedo a luz. E porque à medida que se acostuma, esquece o sol, esquece o ar, esquece a amplidão.
A gente se acostuma a acordar de manhã, sobressaltado porque está na hora.
A tomar café correndo porque está atrasado. A ler jornal no ônibus porque não pode perder o tempo da viagem. A comer sanduíches porque já é noite. A cochilar no ônibus porque está cansado. A deitar cedo e dormir pesado sem ter vivido o dia. A gente se acostuma a abrir a janela e a ler sobre a guerra. E aceitando a guerra, aceita os mortos e que haja números para os mortos. E aceitando os números, aceita não acreditar nas negociações de paz. E aceitando as negociações de paz, aceitar ler todo dia de guerra, dos números da longa duração. A gente se acostuma a esperar o dia inteiro e ouvir no telefone: hoje não posso ir. A sorrir para as pessoas sem receber um sorriso de volta. A ser ignorado quando precisava tanto ser visto. A gente se acostuma a pagar por tudo o que deseja e o que necessita. E a lutar para ganhar o dinheiro com que paga. E a ganhar menos do que precisa. E a fazer fila para pagar. E a pagar mais do que as coisas valem. E a saber que cada vez pagará mais. E a procurar mais trabalho, para ganhar mais dinheiro, para ter com o que pagar nas filas em que se cobra.
A gente se acostuma a andar na rua e ver cartazes, a abrir as revistas e ver anúncios. A ligar a televisão e assistir a comerciais. A ir ao cinema, a engolir publicidade. A ser instigado, conduzido, desnorteado, lançado na infindável catarata dos produtos.
A gente se acostuma à poluição. À luz artificial de ligeiro tremor. Ao choque que os olhos levam na luz natural. Às besteiras das músicas, às bactérias da água potável. À contaminação da água do mar. À luta. À lenta morte dos rios. E se acostuma a não ouvir passarinhos, a não colher frutas do pé, a não ter sequer uma planta.
A gente se acostuma a coisas demais, para não sofrer. Em doses pequenas, tentando não perceber, vai afastando uma dor aqui, um ressentimento ali, uma revolta acolá. Se o cinema está cheio, a gente senta na primeira fila e torce um pouco o pescoço. Se a praia está contaminada, a gente só molha os pés e sua no resto do corpo. Se o trabalho está duro, a gente se consola pensando no fim de semana. E se no fim de semana não há muito o que fazer, a gente vai dormir cedo e ainda satisfeito porque tem sono atrasado. A gente se acostuma para não se ralar na aspereza, para preservar a pele.
Se acostuma para evitar feridas, sangramentos, para esquivar-se da faca e da baioneta, para poupar o peito.
A gente se acostuma para poupar a vida.
Que aos poucos se gasta, e que, de tanto acostumar, se perde de si mesma.

Obama sinaliza que não antecipará retirada de tropas da Otan do Afeganistão

AfghanistanBrasília – O presidente norte-americano, Barack Obama, disse que “não haverá retirada precipitada” das forças internacionais do Afeganistão, mesmo que a França antecipe sua saída da região.  Ele participou, nesse domingo (20), da abertura da Cúpula da Organização do Tratado do Atlântico Norte (Otan), em Chicago, nos Estados Unidos. A previsão é começar a retirada das tropas no fim de 2014, mas a França quer iniciar o processo antes.

“Mantemos a determinação de concluir a missão”, reafirmou Obama, que se reuniu com o presidente do Afeganistão, Hamid Karzai. Os 28 aliados da Otan e representantes dos países parceiros defendem o fim da participação militar no território afegão devido aos elevados custos e às perdas de vidas.


O secretário-geral da Otan, Anders Fogh Rasmussen, disse que a prioridade “é que não haja retirada precipitada”. “Vamos continuar empenhados no Afeganistão até o sucesso da operação. Juntos, podemos continuar a fazer da Otan uma resposta credível aos desafios de segurança de amanhã porque nenhum país pode agir sozinho.”


A Otan está no Afeganistão há cerca de dez anos. Durante a cúpula, Rasmussen se prepara para apresentar 25 projetos de cooperação, parte do programa Defesa Inteligente, lançado para reduzir o impacto dos cortes nas despesas militares, particularmente na Europa.


Paralelamente às discussões políticas sobre a manutenção de forças militares no Afeganistão pelas autoridades, militantes ligados ao movimento Occupy, o mesmo que mobilizou Wall Street em setembro de 2011, desfilaram no centro de Chicago pedindo o fim das guerras. “Queremos a paz, queremos mais dinheiro para a educação”, disse a estudante Isabel Olivia, de 18 anos, segurando bandeira na qual se lia “Fim à Otan”.


Agência Brasil


*Com informações da agência pública de notícias de Portugal, Lusa//Edição: Graça Adjuto

Defensores públicos em clima de paralisação

Greve3“Defensores públicos paralisam as atividades hoje e amanhã em todo o Ceará. A categoria deixa de realizar o atendimento para pedir por autonomia plena e preenchimento dos cargos vagos.

A paralisação já tinha ocorrido no início do mês e deve se repetir também em junho, caso não haja resposta do Governo. Segundo a Associação dos Defensores Públicos do Estado do Ceará (Adpec) uma última paralisação, de 72 horas, está prevista para os dias 4, 5 e 6 de junho. “Não conseguimos nenhum contato com o Governo após a primeira paralisação. Queremos uma resposta”, pontua o presidente da Adpec, Adriano Leitinho.

Na falta de negociação com o governo até esta data, deve ser marcada uma Assembleia Geral Extraordinária para discutir a possibilidade de uma greve geral. Desde o dia 20 de abril, os defensores permanecem em estado de greve. Durante os dias de paralisação, a categoria estará reunida na Assembleia Legislativa pedindo apoio. Dos 184 municípios cearenses, apenas 50 possuem Defensoria Pública. Atualmente são 291 defensores públicos no Ceará. Na Capital, são aproximadamente 130.”

O POVO

Sebrae-CE realiza mutirão para declaração do empreendedor individual

Atendimento gratuito acontece até o próximo dia 31 de maio.

ProfissionalizaçãoO Sebrae Ceará inicia hoje (21) um mutirão para ajudar os empreendedores individuais a preencher, gratuitamente, a declaração Anual do Simples Nacional (DASN)

A Declaração é o documento exigido de quem é Empreendedor Individual e traz as informações sobre o faturamento bruto dos últimos 12 meses.

O prazo para o envio do documento termina dia 31 e a preocupação do Sebrae Ceará é com o fato de que muitos empreendedores não sabem preencher ou não tem como usar o computador para cumprir a exigência da Receita Federal.

Quem não enviar a declaração dentro do prazo paga multa e fica com o CNPJ irregular.

O mutirão do Sebrae Ceará vai funcionar no auditório da instituição, que está sendo devidamente adaptado para essa finalidade. O atendimento será de segunda a sexta, das 8 às 20h. No sábado, das 8h ao meio-dia.

Os Empreendedores Individuais que se formalizaram em 2011 podem, também, buscar os contadores optantes pelo Simples Nacional que deverão prestar essa assessoria, também gratuitamente.

Para saber onde encontrar esses contadores, o Sebrae disponibiliza um link no site da instituição que é www.ce.sebrae.com.br, com a relação dos contadores disponíveis nos bairros e municípios.

Os Empreendedores Individuais podem, ainda, procurar as unidades de apoio existentes no Centro de Fortaleza como o Espaço do Empreendedor, no Palácio do Comércio, e a Central Fácil, na Rua Pedro Borges, número 20.

MUTIRÃO PARA A DECLARAÇÃO DO EI
Local: sede do Sebrae Ceará
Endereço: Avenida Monsenhor Tabosa, 777
Horários:
De segunda a sexta: das 8 às 20 horas
No sábado, 26/05, das 8 ao meio dia
No domingo não haverá atendimento
Mais informações: 0800-570-0800

Cantor Pedro Leonardo sai do coma

PedroO cantor Pedro Leonardo saiu do coma nessa noite deste domingo, informou durante o programa Fantástico, ,da Rede globo, a assessoria do artista. “Ele acordou, Pedro está bem”, disse Ede Cury.  Segundo ela, perguntaram a Pedro quem era “um tal de Leonardo” e ele respondeu: “Meu pai”.

Boletim médico divulgado às 22h15 de domingo afirma que Pedro Leonardo “apresenta melhor progressiva neurológica, está acordado, tem movimentos voluntários e apresenta sinais de comunicação”.

Pedro está internado no hospital Sírio-Libanês, em São Paulo. No último dia 13 ele foi submetido a uma cirurgia de emergência no abdome para ressuturar uma parte do baço.Filho do cantor Leonardo, da dupla Pedro e Thiago, sofreu um acidente de carro em Itumbiara, Goiás. Ele estava sozinho no carro quando, por volta das 6h55, capotou na estrada MG-452, na altura da cidade de Araporã, que fica na divisa de Goiás com Minas Gerais. Segundo a TV Paranaíba, afiliada da Record, em Uberlândia, um militar teria afirmado que Pedro dormiu ao volante, foi para o acostamento, capotou e foi jogado para fora do carro.

Com Uol

Ministério da Integração vai apurar obras da Delta no CE

De responsabilidade da Delta e de outras duas construtoras, obras no Município de Mauriti vão ser investigadas

Transposiçao2Limoeiro do Norte. O Ministério da Integração e a Controladoria Geral da União (CGU) vão realizar auditoria para investigar as obras da Construtora Delta na Transposição do Rio São Francisco no Ceará. A admissão de que possam existir irregularidades acontece três semanas após o Ministério dos Transportes anunciar investigações nas obras da Delta na BR-222, próximo a Sobral.

A auditoria CGU-Ministério da Integração deverá ser concluída no mês que vem e diz respeito a obras em Mauriti, na região Sul, de responsabilidade da Delta e outras duas empresas consorciadas. As atividades da Delta no Ceará estão sob suspeita desde que se comprovou o envolvimento do dono da empresa, Fernando Cavendish, com o contraventor Carlinhos Cachoeira, acusado de uma série de crimes contra a ordem pública.

Copa do Mundo

Contudo, a Delta informa que as obras (da BR-222 e da interligação de bacias) seguirão normalmente. Mas em Fortaleza, a Construtora foi destituída das obras de mobilidade urbana para a Copa do Mundo.

A auditoria já teve início e acontece nas obras do lote 6 de transposição das águas, em Mauriti. De acordo com o Ministério da Integração, a auditoria se dá para esclarecer a possibilidade de fraudes nas obras, que seguem normalmente.

Seria uma forma de evitar posteriores acusações, uma vez que a empresa Delta, envolvida no Caso Cachoeira, está na berlinda desde as acusações de fraudes em licitações.

Suspeita de fraudes

É um movimento cascata, e em praticamente todos os Estados em que a Delta tem obras existe ou existira auditoria. Mas conforme já noticiado pelo Caderno Regional, deste jornal, há pelo menos quatro anos existem suspeitas de fraudes da Delta em obras no Ceará, de acordo com investigações da Polícia Federal com dados do Tribunal de Contas da União (TCU). Nesse caso, a suspeita recaiu sobre obras rodoviárias – por isso mesmo, dois anos atrás a então cúpula do Dnit foi presa.

A empresa diz que as obras seguem dentro da normalidade, mas é um normal com tensão, visto que entre janeiro e fevereiro deste ano, ainda que alegando problemas com as chuvas, a Delta demitiu 800 funcionários nas obras de transposição no Ceará. Ficou com 200 trabalhadores.

Prejuízos

Antes disso, os operários já reclamavam no atraso de pagamentos. A demissão reflete em prejuízos até hoje no setor econômico de Mauriti, pequeno Município que antes tinha mais o que comemorar com a contratação em massa de trabalhadores para as obras de construção do canal de concreto.

A Delta afirmou que está realizando uma auditoria própria em suas obras. Além de estar envolvida no Caso Cachoeira, a empresa de Fernando Cavendish (que sai para ser investigado) passou por uma mudança societária. Contratos são revisados, mas a assessoria da empresa disse que os contratos realizados em gestão anterior não serão comentados até concluídas todas as auditorias.

A Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI), criada para apurar a relação de servidores e políticos com o bicheiro Carlinhos Cachoeira, já pediu a quebra do sigilo fiscal das filiais da Delta em Tocantins, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Distrito Federal e Goiás, esta última com representatividade direta nas obras do Ceará.

As obras da Transposição do São Francisco (melhor dizendo, uma interligação de bacia hidrográficas) custará, ao final (previsão para concluir em 2015), R$ 8,2 bilhões ao Ministério da Integração Nacional.

Estados beneficiados

O contrato do lote 6, no Município de Mauriti, é de R$ 265,3 milhões, dos quais R$ 152,9 já foram pagos até março, segundo dados do Ministério da Integração Nacional.

A obra inteira está dividida em 14 lotes. A integração do Rio São Francisco, com quase 700 quilômetros de extensão, deverá beneficiar 12 milhões de pessoas nos Estados de Pernambuco, Ceará, Paraíba e Rio Grande do Norte. O grande objetivo do projeto é garantir segurança hídrica para as populações localizadas na região do Nordeste Setentrional.

Mais informações:

Ministério da Integração Nacional
Esplanada dos Ministérios
Brasília (DF)
Ouvidor Geral 0800.610021
(61) 3114.0121
www.integracao.gov.br

Contrato

265 milhões é o valor do contrato do lote 6 da transposição das águas do São Francisco em Mauriti. Até março passado foram pagos R$ 152,9 milhões

MELQUÍADES JÚNIOR
REPÓRTER DIÁRIO DO NORDESTE

Terremoto mata 6 e danifica prédios históricos na Itália

Um forte terremoto no norte da Itália deixou seis pessoas mortas, feriu dezenas e danificou prédios históricos, incluindo uma famoso castelo medieval.

O tremor ocorreu na manhã deste domingo e acordou os moradores, que saíram às ruas aterrorizados. Segundo a Agência Geológica o terremoto teve magnitude 6,0, ocorreu às 04h04 (23h40 no horário de Brasília) a 10 quilômetros de profundidade, além de ter sido seguido por uma série réplicas. Pelo menos dois desses tremores chegaram a magnitude 5,1, renovando o pânico, danificando ainda mais prédios já enfraquecidos e causando o desabamento de mais estruturas.

“Tenho 83 anos e nunca senti nada assim”, disse Lina Gardenghi na cidade de Bondeno, perto de Ferrara. O epicentro do terremoto mais intenso na Itália em três anos foi próximo de Modena, na região do Vale do Pó. Os tremores foram mais mortais do que os de 2009, quando a cidade de L´Aquila, no centro do país, foi devastada, e foram sentidos em locais tão distantes quanto regiões fronteiriças com a França, no oeste, e com a Eslovênia, no leste.

Entre as vítimas fatais estão uma mulher de 106 anos, morta em sua cama por uma viga que desabou do telhado em sua casa no campo. Os tremores danificaram seriamente muitas igrejas históricas e outros edifícios. O imponente castelo de Estense, do século 14, símbolo da cidade de San Felice Sul Panaro e seu edifício mais importante, foi seriamente comprometido. O abalo sísmico abriu diversos orifícios na lateral da prefeitura de estilo renascentista de Sant’Agostino, que as autoridades disseram correr risco de desabamento total. As ruas da cidade estavam cobertas de destroços e o cheiro de gás despertava o temor de explosões.

Franco Gabrielli, chefe do serviço de emergências, disse que cinco mortes tiveram como causa direta o terremoto e que houve mais uma vítima que morreu de enfarte após o tremor. Autoridades afirmaram que mais de 3 mil pessoas não poderão voltar a suas casas por enquanto. Em Bondeno, um marroquina que trabalhava no turno da noite em uma fábrica morreu atingida pela queda de destroços. Um italiano de 57 anos foi morto em Sant’Agostino quando parte de uma fundição desmoronou, e dois outros morreram na mesma cidade vitimados pelo colapso de uma fábrica de cerâmica. O primeiro-ministro italiano, Mario Monti, antecipou a volta de sua viagem aos Estados Unidos e disse que o governo vai declarar estado de emergência e liberar dinheiro para a reconstrução das áreas atingidas. Em Roma, o Papa Bento 16 rezou pelas vítimas neste domingo no Vaticano.

(Reportagem adicional de Steve Scherer e Daniele Mari em Roma) – STE – REUTERS

Missa do Padre Cícero mudou de local temporariamente

MissopeciceroDepois de 78 anos sendo realizada no mesmo local, a missa do Padre Cícero mudou temporariamente para outro ponto e recebeu uma multidão incalculável na manhã de ontem. Desde 1934, ano em que Padre Cícero faleceu, a missa do dia 20 sempre foi celebrada dentro ou em frente à Capela de Nossa Senhora do Perpétuo do Socorro, onde o Padre cearense foi sepultado no dia 21 de julho de 1934. Devido às obras do Roteiro da Fé na Praça da Capela do Socorro, a missa foi transferida provisoriamente para a Praça Beata Maria de Araújo, ao lado do Memorial Padre Cícero.

Como acontece todo dia 20 de cada mês, a missa em sufrágio da alma do Padre Cícero tem início às 06:00h e é transmitida para todo Brasil e parte da América Latina por duas emissoras de TV. Como sempre, o número de fiéis que participa da missa é muito grande e no dia de ontem surpreendeu a todos.

A missa no novo local deve acontecer ainda no próximo mês. Em julho, data de aniversário da morte do padre Cícero, as obras na praça do Socorro devem ser concluídas e as celebrações voltam para o local de origem. A missa na manhã de ontem foi presidida pelo bispo diocesano do Crato, D. Fernando Panico, que elogiou o local escolhido provisoriamente e se emocionou com a multidão que tomou todas as dependências da praça, inclusive as laterais. “Esta é a verdadeira marcha para Jesus”, declarou, ao se dirigir a multidão de devotos e romeiros que participaram de mais uma missa do dia 20. Que chova ou faça sol, a missa é campal, sempre de seis às sete horas da manhã. O evento é o único no País exibido num pool de emissora de rádios e TVs ao vivo todos os meses, na mesma data e no mesmo horário. (Roberto Bulhões)

O Estado

Ceará chega a dois milhões de veículos nas ruas

Segundo o Detran-CE, a marca foi alcançada em abril. Entre automóveis, motos, microônibus e outros tipos, há 2.002.366 veículos registrados no Ceará.

CarroO estado do Ceará alcançou, em abril, o número de 2.000.000 de veículos circulando em nossas estradas. A marca foi registrada em abril e inclui todos os tipos de veículos, como automóveis, motos, caminhões, microônibus, ônibus e reboques. E como a entrada de novos veículos no mercado não para, já ultrapassamos a marca. Segundo o Departamento Estadual de Trânsito (Detran-CE), chegamos ao final de abril com 2.002.366 veículos registrados no Ceará.

A marca de dois milhões de veículos é reflexo da alta velocidade na venda. Somente nos quatro primeiros meses de 2012, quase 60 mil novos veículos passaram a circular no Estado. Foram feitos 59.202 novos cadastros. O equivalente a 489 veículos a mais por dia circulando em nossas ruas.

Segundo dados do Detran-CE, a média de novos veículos ingressando por dia vem aumentando nos últimos anos. De 2001 a 2011, a média diária de novos registros passou de 184 veículos para 648 veículos. Por isso, é bem provável que ao pegar o trânsito na próxima segunda-feira para ir ao trabalho, o fortalezense encontre 1.200 carros nas ruas do que quando encerrou o expediente na sexta-feira.

De acordo com o Departamento de Trânsito, o crescimento na frota de veículos no Ceará foi 157,50% nos últimos 11 anos. Esse aumento foi puxado, sobretudo, pelas cidades do Interior, que registraram alta de 225,44% na frota.

QuadroDetran2

Incentivo aumenta vendas


Para a professora do campus Sobral da Universidade Federal do Ceará (UFC) e pesquisadora de mobilidade humana, Gislene Macedo, existem muito incentivo à compra de veículos particulares e pouco investimento em transporte público. O resultado é um trânsito caótico. “O aumento da frota vem junto com vários incentivos do Governo Federal em larga escala, como a redução do IPI (Impostos sobre Produtos Industrializados) sob o argumento de manter a economia estável”, afirma. Com mais carros nas ruas, a disputa por espaço fica, segundo a pesquisadora, mais acirrada e estressante.

Para piorar, não há, segundo Macedo, estímulo para o uso de transporte de público. “A quantidade de pessoas que usam o transporte público é maior do que o número de pessoas que usam transporte individual, mas a maior parte dos recursos públicos é utilizada para atender quem anda motorizado e não para quem depende de transporte coletivo”, afirma Gislene Macedo.

Para mudar essa realidade, a pesquisadora acredita que é preciso que os administradores públicos conheçam o transporte coletivo de perto. “Enquanto o transporte público não for utilizado pelos gestores por não considerarem digno, então esse transporte não é digno para as pessoas que usam”, afirma.

O Povo Online

Robin Gibb, do Bee Gees, morre aos 62 anos

RobinGibbO músico Robin Gibb, que formava o trio Bee Gees, morreu neste domingo, 20, aos 62 anos, vítima de câncer de cólon. O popstar enfrentava uma longa batalha contra a doença e estava internado desde abril em uma clínica particular em Londres, na Inglaterra.

Nos últimos dias, Robin Gibb já não conseguia falar devido a uma traqueostomia feita semana passada. Para se comunicar com médicos e familiares, o músico estava usando os olhos.

Robin Hugh Gibb completou 62 anos último dia 22 de dezembro.

Bee Gees
Os irmãos Robin, Maurice e Barry formaram a banda Bee Gees no final dos anos 50. O sucesso das músicas do trio saiu dos limites da Austrália e a banda foi considerada uma das mais populares dos anos 70 e 80. Maurice, que era gêmeo de Robin, morreu em janeiro de 2003.

Sucessos

A banda Bee Gees possui diversos sucessos musicais e é apontada como responsável pela revolução da música disco. Entre os sucessos estão “How Deep Is Your Love”, “Night Fever” e “Stayin’ Alive”, utilizadas no filme “Os Embalos de Sábado à Noite” (1977). Com a repercussão do filme, a banda conseguiu ainda mais projeção.

A banda, formada em 1955, se separou em 1969 e voltou a tocar junta no ano seguinte. A separação do grupo foi motivada pela saída de Robin, que tentou carreira solo. Os outros dois irmãos, Maurice e Barry, continuaram a cantar juntos.

Em 1988, a banda passou por outra turbulência. O trio decidiu suspender os shows após a morte do irmão mais novo dos três, Andy Gibb, que morreu de um ataque cardíaco aos 30 anos. No ano seguinte, a banda voltou aos palcos. O fim definitivo da banda foi em 2003, com a morte de Maurice.

O POVO Online com informações de agências de notícias

De Quem é a Culpa? Mário Correia de Oliveira Júnior. – 20 de Maio de 2012.

Paradoxos Políticos Eleitorais!
No atual Mundo Globalizado fala-se muito em defesa do meio ambiente. Diversos legisladores defendem esta bandeira “com unhas e dentes”. Elaboram leis para o combate da poluição sonora, da poluição visual e demais leis em defesa do meio ambiente.
Muito bem! Até aí nada obsta. Contudo, quando de suas campanhas eleitorais não se importam com a poluição sonora, visual e com as cidades sujas de panfletos, isto é, aqueles que desinformam o cidadão. Perguntamos? O cidadão deverá votar nestes tipos de candidatos? Votar novamente nestes candidatos? Não! O cidadão é acima de tudo sábio em suas decisões!É hora de somarmos ideias, a fim de eliminarmos do nosso convívio, o desrespeito aos cidadãos e as nossas cidades!
Então, por oportuno, comecemos nossa conversa com as palavras do Filósofo Daniel Dennett, autor de “Quebrando o Encanto”, que diz: ”As religiões cresceram porque foram úteis à humanidade. As crenças serviram para dar senso ético e coesão política e social às tribos e ajudarem o homem a enfrentar doenças e encarar seus medos.”.
Quebremos, por conseguinte este “encanto” de que campanha eleitoral só é boa com carreatas, poluição sonora, poluição visual e outras parafernálias que agridem o meio ambiente e desrespeitam os direitos dos cidadãos. A democracia não “cresce” em assim procedendo. Não é “útil” a humanidade. Não “serve” como “senso ético” e muito menos como “coesão política e social”. Não “ajuda” ao cidadão de bem a “enfrentar e encarar suas doenças”. Pelo contrário, advêm doenças de todas as qualidades ruins possíveis.
A hora é agora! Quebremos o encanto! Encaremos os nossos “medos”!
Pois Muito bem! A campanha eleitoral deveria ser começada pelo que realmente ela é. É o momento dos candidatos apresentarem propostas exequíveis. Não omomento de se divertirem com showmícios, shows pirotécnicos, carreatas, panfletagens apócrifas. Nós já temos diversas festas;para citar algumas delas, como: Diversos Forrós nos finais de semanas, São João, Vaquejadas, Expocrato, Juá Forró, Festa de Santo Antônio, etc.E aí perguntamos? “A turma” não vai se divertir torcendo por seus candidatos ao som de músicas? Como vai ficar isto? Aquela coisa Americanizada, Europeia, fria, votar pelos candidatos por suas qualidades administrativas? Será que não seria uma campanha muito fria e chata para o”sangue” do Brasileiro?
A sugestão para definição de uma campanha limpa, transparente, sem poluição sonora, sem poluição visual; enfim, sem agredir omeio ambiente, seria um debate efetuado pelas Câmaras Municipais, pelos partidos Políticos com o apoio do Ministério Público, do Juiz Eleitoral, no sentido de definir quais os limites da propaganda eleitoral. Façamos uns debates públicos, palestras, seminários, uma pesquisa, a fim de saber se a população quer uma campanha “suja”, poluída, desrespeitosa com os direitos do cidadão; de intranquilidade auditiva, visual, o direito de “ir e vir”, bloqueados pelas diversas carreatas, etc., ou uma campanha limpa. A ideia de se debater este assunto já é realidades nas cidades de Cajazeiras e Campina Grande na Paraíba. Porque não no Cariri, no Ceará e no Brasil, de uma forma geral?
No período de noventa dias a justiça libera a propaganda eleitoral, tanto sonora, quanto visual e as cidades acabam vivendo transtornos de toda ordem diante das propagandas que geram as mais diversas agressões ao meio ambiente. Realmente, assim procedendo, estamos andando, não somente no sentido oposto na defesa de um meio ambiente saudável e sustentável, mas também, desvirtuando o real sentido da propaganda eleitoral e da própria democracia. É uma preocupação que deve ser de todos. Principalmente a polução sonora, com os mais diversos carros de sons, em decibéis acima do permitido, a qualquer hora do dia e da noite, com a agravante de carreatas, como isto demostrassem as verdadeiras “caras” dos candidatos. O uso de paredões de som, painéis pintados nos muros deveriam ser abolidos para o bem dos cidadãos e respeito ao meio ambiente.
É de bom alvitre lembrar que a legislação eleitoral não proíbe o uso de carros de sons e a pintura de painéis dentro dos parâmetros das leis. Entretanto, pela modernidade dos meios de comunicação há diversos outros meios dos candidatosapresentarem a população suas propostas, suas reais intenções de suas candidaturas. As redes sociais, debates nos espaços públicos, tais como, sindicatos, associações, Ongs, Escolas, Universidades, Faculdades, clubes e entidades de classes. Tão somente desta forma estaremos contribuindo para uma cidade saudável, limpa, bonita, agradável para se viver e contribuir para um meio ambiente, que garanta o cidadão do presente e das futuras gerações. Devemos sim, nos preocuparmos com os limites da poluição sonora, da poluição visual, do respeito da liberdade de expressão (dentro dos limites das Leis Eleitorais e da Constituição Federal), de uma cidade limpa e salutar.
Portanto, meus caros cidadãos! E de Quem é a Culpa.
Finalizemos com as palavras de Hans Kelsen: “O Estado de Direito é aquele que satisfaz os requisitos da democracia e da segurança jurídica…a jurisdição e a administração estão vinculadas às leis… estabelecidas por um parlamento eleito pelo povo…(negrito e grifo nosso)… e certas liberdades dos cidadãos, particularmente a liberdade de crença e de consciência e a liberdade da expressão do pensamento, são garantidas.”.
Mário Correia de Oliveira Júnior
Advogado/Professor.

Pesquisas paleontológicas causam polêmica no Cariri

Questão levanta dúvida sobre como diferenciar um pesquisador legalizado de um traficante de fósseis 

Juazeiro do Norte. Uma pesquisa poderá esclarecer as razões da situação climática do semiárido nordestino dos próximos 20 anos, por meio do estudo de micropartículas de carbono 13, que podem determinar os períodos de seca que já ocorreram em épocas pré-históricas. As primeiras amostras desse material para estudo podem estar contidas no pó de rocha das formações Romualdo e Crato, coletado por um pesquisador francês, na maior escavação paleontológica controlada já feita no Nordeste, iniciada ano passado na Chapada do Araripe. O trabalho é financiado pelo Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico Nacional (CNPq), com apoio do Geopark, e a participação de cerca de 20 pesquisadores de universidades brasileiras e do exterior, com a coordenação da Universidade Regional do Cariri (Urca). Serão investidos nos dois anos de pesquisa cerca de R$ 130 mil.

Diante de todo nível de importância que uma pesquisa desse porte pode indicar, a prisão em flagrante pela Polícia Federal de dois cientistas renomados da Paleontologia, com 236 amostras de fósseis e o pó de rochas, envolvidos com o trabalho da escavação, deixa o dilema para as instituições: como diferenciar um estudioso comprometido há vários anos com estudos da área, ligado à entidades de pesquisa e autorizado pelo governo brasileiro, de um traficante de fósseis?

Motiva esse questionamento a prisão do paleontólogo austríaco naturalizado brasileiro, Alex Kellner, e do francês Romain Amiot, que veio especialmente colher as amostras de pó de rocha, para levar ao Rio de Janeiro, conforme a coordenação da pesquisa “Estudos Sistemáticos e Paleoecológicos da Fauna de Vertebrados das Formações Crato e Romualdo (grupo Santana) da Bacia do Araripe”, sob autorização do Departamento Nacional de Produção Mineral (DNPM), para a França. Mesmo com as várias situações ainda não esclarecidas que colocaram em evidência nomes de grandes instituições, como o Museu Nacional do Rio de Janeiro e Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), as quais o pesquisador Kellner está ligado, a Urca e o DNPM, além do órgão de pesquisa, resta o constrangimento.

Os pesquisadores, acompanhados de mais duas estagiárias, estavam, segundo a Polícia, sem a documentação legal que autoriza o transporte de fósseis com a finalidade de estudos. Ambos foram presos e saíram após uma noite e um dia, com pagamento de fiança, estipulada em mais de R$ 12 mil. A luta agora é para reaver da Polícia o material fóssil apreendido com os pesquisadores, no qual foram gastos com a coleta para estudos cerca R$ 22 mil, e dar segmento ao estudo, dinheiro bancado pelo CNPq.

Um comunicado do DNPM, datado de 27 de abril de 2012, e protocolado pelo Laboratório de Paleontologia da Urca, no dia 8 de maio, seis dias após a prisão dos paleontólogos, expõe que estrangeiros com visto de turista estão proibidos de exercer a coleta de fósseis no Brasil e solicita a documentação que venha atender o previsto na portaria, do Ministério da Ciência e Tecnologia, de 1990, que regulamenta a atuação de pesquisadores estrangeiros no País.

Segundo o documento, a situação de irregularidade poderia colocar toda a equipe de trabalho sob risco de sanções. Só que, de um lado, o coordenador da pesquisa, paleontólgo Álamo Feitosa, afirma que a situação do francês é perfeitamente regular, e quanto ao departamento, havia a espera da resposta.

Para o DNPM, por meio do escritório do Crato, o único problema esteve relacionado à situação irregular do francês Romain Amiot. O fato que é questionado por Álamo Feitosa, tendo em vista um comunicado prévio e por escrito feito ao Departamento, sobre as escavações no Distrito de Jamacaru, Missão Velha, de onde foi retirado o material que hoje se encontra na PF. Esse comunicado é a única forma de atuar com autorização do órgão na região do Araripe.

Mas, diante da prisão e entrevista coletiva prestada pelo delegado titular da Delegacia da Polícia Federal, Francisco Castro Assis Bonfim, Kellner, que há cerca de 30 anos atua no Cariri como pesquisador, há 10 anos estaria sendo investigado pela PF e que já chegou a ser preso, fato que é do desconhecimento do próprio DNPM, segundo o chefe do escritório Regional, Artur Andrade.

Mesmo com a possível irregularidade do pesquisador francês, segundo o DNPM, os dois estudiosos foram flagrados pela Polícia na tarde do dia 2 de maio, no Aeroporto Orlando Bezerra de Menezes, no momento em que embarcavam para o Rio de Janeiro, com as amostras de fósseis e o pó de rocha, conforme a PF. Para o paleontólogo Álamo Feitosa, a Polícia cumpriu o seu papel, com anuência do Departamento Nacional de Produção Mineral sobre a possível irregularidade dos pesquisadores de que não estariam autorizados, e na qual ele discorda.

Autorização

Segundo Artur, a pesquisa havia sido comunicada, mas faltava a autorização do CNPq para Amiot, o que seria estritamente desnecessário, conforme Álamo, já que a pesquisa estava autorizada pelo CNPq no Brasil, e no comunicado que constava o projeto em anexo, o francês está como um dos integrantes da equipe de estudiosos. No escritório do Departamento no Cariri não se emite guias de autorização, apenas é feito o comunicado da atuação dos pesquisadores na área. A informação inicial, prestada pela Polícia, era de que o francês sairia do Cariri para a França com o material, o que foi negado pelo coordenador da pesquisa. Ele afirma que as passagens eram para o Rio de Janeiro, e somente no final de semana e com uma guia de autorização, Amiot sairia do Brasil para território francês.

Álamo teme quanto ao futuro da pesquisa na região, em um momento que tenta formar novos paleontólogos, numa área onde até poucas décadas acontecia o tráfico de forma exagerada e “pedras de peixe” eram vendidas a preço de bananas pelos conhecidos “peixeiros”. O patrimônio histórico natural pode até estar sendo traficado, mas o rigor na fiscalização e o trabalho de conscientização têm aumentado consideravelmente e reduzido os índices de crimes contra o patrimônio fossilífero. Tanto que têm sido raras as apreensões em grande escala, principalmente voltadas à comercialização. Para o coordenador, os pesquisadores não podem se sentir perseguidos, como se estivesses fazendo um trabalho clandestino, e muito menos serem confundidos com traficantes.

Legislações definem atuações especiais

Juazeiro do Norte. Enquanto o DNPM alega ter feito o seu papel, no cumprimento da legislação, quanto à permanência do pesquisador estrangeiro em solo caririense, em caráter irregular, os pesquisadores dizem que estavam atuando de forma legal. Fica a questão a ser resolvida no âmbito da Justiça.

O decreto lei de 1942, reconhecido na portaria do Ministério da Ciência e Tecnologia (MCT), criado no governo de Getúlio Vargas, dispõe sobre a proteção dos depósitos fossilíferos. De acordo com a legislação federal, a extração das espécimes fósseis depende de autorização prévia e fiscalização do DNPM. Mas no parágrafo único da lei, diz que independe da autorização e fiscalização, as explorações de depósitos fossilíferos feitas por museus nacionais e estaduais, e estabelecimentos oficiais congêneres, devendo haver a comunicação ao Departamento.

A portaria nº 55 do MCT, de 1990, aprova o regulamento sobre coleta, por estrangeiros, de dados e materiais científicos no Brasil. Nesse caso, voltado para pessoas físicas ou jurídicas, domiciliadas no exterior, em associações ou colaboração com pessoas físicas ou jurídicas nacionais, o que não exime as pessoas de autorização do DNPM. Mas de acordo com o capítulo 11, da portaria, que ressalta os casos especiais, em que ficam dispensados da autorização do MCT as atividades de coleta realizada por estrangeiros, por meio de programas de intercâmbio científico, vinculados a acordos de cooperação cultural, científica, técnica e tecnológica, firmados pelo governo brasileiro.

Ainda especifica os programas de auxílio à pesquisa, como no caso, os patrocinados pelo CNPq e fundações estaduais de amparo à pesquisa.

O cientista francês, Romain Amiot (Universidade de Lyon, França), veio ao Brasil colaborar com a pesquisa. Ele publicou em 2010 um estudo geoquímico a partir de fósseis de diversos depósitos do Cretáceo da África e do Brasil, com a finalidade de determinar as condições climáticas existentes entre 120 e 90 milhões de anos atrás. Ossos e dentes de peixes, dinossauros, pterossauros, crocodilomorfos e tartarugas foram analisados, demonstrando que as temperaturas em latitudes baixas, de acordo com Kellner, eram similares às de hoje, mas com temperaturas médias mais altas. Esta pesquisa foi publicada em revistas da área de divulgação internacional. Esse trabalho também poderá ser realizado em relação ao material coletado no Cariri.

Para Álamo, tudo isso não tem passado de um grande mal entendido. Ele disse que procurou esclarecer a situação assim que soube do acontecido, e destacou a importância desses dois pesquisadores para a Paleontologia da região. Alex Kellner é funcionário do Museu Nacional e professor da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ).

O que pode se tornar uma resposta para as constantes secas no Nordeste brasileiro, os adventos futuros de estiagem, e o tempo que se levará para cada período com poucas evidências de chuva, cai literalmente por terra. O pó de rocha poderá voltar ao pó, por causa de uma interpretação da lei. O francês, Romain Amiot, que há três anos vinha sendo contatado para realizar essa coleta especial no Cariri e analisar o material com equipamentos existentes na França, depois do constrangimento na prisão, poderá até não voltar mais ao solo caririense. Segundo o delegado Castro Bonfim, os dois foram enquadrados na lei ambiental 9.605, que proíbe a extração de fósseis sem autorização. Os fósseis que estavam sendo levados pelos professores já haviam sido tombados pelo Laboratório de Paleontologia da Urca.

Mais informações:

Universidade Regional do Cariri (Urca). Laboratório de Paleontologia
Rua Teófilo Siqueira, 754, Centro – Crato – CE/ (88) 3102.1237

ELIZÂNGELA SANTOS

Repórter do Diário do Nordeste
Colaboradora do Blog do Crato e Chapada do Araripe
Foto: Museu de Paleontologia – Elizângela Santos

Coluna Armando Rafael

Edição de 18 a 23 de maio de 2012

Coroação de Nossa Senhora

Na noite do próximo dia 31 de maio, ocorrerá no adro da Catedral de Nossa Senhora da Penha, a 112ª Coroação de Nossa Senhora, uma das mais fortes tradições da religiosidade cratense. Este evento foi  iniciado em 1900, pelo então vigário padre Quintino Rodrigues de Oliveira e Silva, que seria depois o primeiro bispo de Crato. A cada ano o Cura da Sé escolhe uma estátua diferente da Virgem Maria para ser coroada. Este ano a escolha recaiu sobre uma belíssima imagem de Nossa Senhora do Carmo, pertencente à Capela de Santa Teresa de Jesus. Ela foi adquirida em Roma, há 90 anos, por Dom Quintino e tem um valor artístico-histórico muito grande. Com isto o padre Edmilson Neves quer incentivar a população católica a usar o Escapulário do Carmo, um sacramental de tecido ou metal que o fiel usa  no pescoço como sinal externo da consagração à  Virgem Maria, na esperança de sua proteção maternal.
Um depoimento valioso
Olga Gomes de Paiva, à época Chefe da Divisão Técnica do Iphan-Ceará, assistiu a uma Coroação de Nossa Senhora em 2009, e registrou: “A Coroação de Nossa Senhora, na Catedral de Crato, é uma das mais belas celebrações católicas no Ceará! A participação das crianças, com suas famílias, é a constatação do repasse de importante tradição cultural que, sem nenhuma dúvida, representa o fortalecimento dos laços familiares, nos quais se destaca o respeito pela figura materna e o enaltecimento para nós, mães de família. O patrimônio imaterial do Cariri não poderia ser mais bem representado do que nessa solenidade de coroação da Virgem Maria na cidade de Crato”.
Bolha imobiliária
O setor imobiliário é o mais aquecido da conurbação Crajubar. Alguns avaliam que estamos atravessando uma “bolha”. É, pode ser. Mas, de concreto,  pode-se afirmar que na cidade de Juazeiro do Norte (foto ao lado) algumas áreas chegaram a valorização de até 300% o metro quadrado nos últimos dois anos. Espaços comerciais nos bairros Pirajá, Limoeiro e São José (fronteira com o município de Crato) estão entre os mais valorizados daquela cidade. O número de edifícios de apartamentos não para de crescer. Todo esse crescimento vem do setor privado. Para os saudosistas da “influência do Estado na economia” é bom lembrar que o Governo Federal – dentro do programa “Minha Casa, Minha Vida” – só construiu habitações em Juazeiro. Foram exatas 1.280 unidades. Uma mixaria! Recentemente, o deputado José Guimarães (PT) anunciou que mais duas mil casas serão erguidas naquela cidade. Crato e Barbalha não foram lembradas. Embora continuem votando no deputado…
Não dá para entender
Causou espanto à população cratense, a notícia de que uma minoria inexpressiva dos residentes na Rua Dom Quintino não quer a implantação de bancos e jardineiras nas calçadas daquela via. Como se sabe, a Rua Dom Quintino foi privilegiada, recentemente, com o projeto de  requalificação urbana, o qual dotou aquele logradouro citadino de novo calçamento (feito de blocos de concreto intertravados substituindo o feio e quente asfalto), além do saneamento básico e alargamento das calçadas. Uma coisa de causar inveja aos demais moradores das ruas de Crato que não possuem  bom calçamento, nem rede de esgoto e tampouco áreas verdes.
E por falar em verde
A requalificação urbana implantada em apenas três minúsculas ruas do centro de Crato (João Pessoa, Miguel Limaverde e Dom Quintino)  representou um grande avanço. Crato é carente de arborização urbana (árvores plantadas nas calçadas) bem como de parques e praças com áreas verdes. Existem nesta cidade bairros inteiros que não possuem uma única praça. É o caso do bairro Granjeiro com mais de 2 km de extensão. Segundo a Organização das Nações Unidas–ONU, a  arborização urbana é de vital importância para a qualidade de vida da população. Quando são dotadas de áreas verdes, as cidades ganham temperaturas mais baixas evitando que se transformem nas chamadas “ilhas de calor”. Sem falar que árvores e plantas melhoram o  aspecto paisagístico.

Ainda a arborização

Vale ressaltar que o bairro mais populoso de Crato – o do Seminário (foto ao lado) – tem o menor número de árvores. Por isso transformou-se num bairro quente. E imaginar que aquela localidade era (no século 19) a mais aprazível da cidade, sendo por isso escolhido para localizar o Seminário São José… Atualmente o bairro do Seminário não possui saneamento básico, nem áreas verdes. É a maior “ilha de calor” de Crato. Com poucas árvores, lá não ocorre  a purificação do ar, ficando livre a  fixação de poeiras e gases tóxicos, que poderiam ser evitados se as ruas fossem arborizadas. As árvores evitam a maior velocidade dos ventos e melhoram o balanço hídrico, favorecendo infiltração da água no solo e provocando evapotranspiração mais lenta, e, consequentemente um resfriamento da temperatura.

Evento católico 1

Dia 10 de junho, um domingo, a missa às 9 horas da manhã na Catedral de Nossa Senhora da Penha, em Crato, será celebrada pelo sacerdote Arauto do Evangelho, padre Aumir Scomparin. A solenidade religiosa contará  com a presença da imagem peregrina de Nossa Senhora de Fátima e da banda dos Arautos do Evangelho (foto acima) . E servirá de encontro dos coordenadores do Apostolado do Oratório das cidades caririenses.
Evento católico 2
No próximo  dia 08 de julho – época de realização de mais uma ExpoCrato – estará em Crato o padre Robson de Oliveira, reitor do Santuário-Basílica do Divino Pai Eterno, localizada em Trindade, Goiás. Vem celebrar missa, para grande multidão,  no Estádio Mirandão, com transmissão ao vivo pela televisão. Padre Robson é muito conhecido em todo o Brasil, graças as suas aparições nas emissoras de televisão católicas, e também por percorrer este país continental divulgando a devoção ao Divino Pai Eterno.
Ceará Carinhoso
O pessoal do “ôba-ôba” vai detestar  estas informações: O Ceará tem 184 municípios e apenas 25 deles – Fortaleza ficou fora –  atingiram metas intermediárias de aprendizagem no 5º e 9º ano do Ensino Fundamental. Outra: Apenas 16,2% dos domicílios do Ceará possuem microcomputador com internet. O percentual é o quarto pior do Brasil. Triste!

Um só lado da moeda

Causou surpresa esta declaração do Sr. Paulo Sérgio Pinheiro,  um membros da Comissão da Verdade, criada pela presidente Dilma para apurar violações dos direitos humanos entre 1946-1988: “Nenhuma comissão tem essa bobagem de dois lados”. Conforme o jornal “O Estado de S.Paulo”: “O ex-ministro da Defesa de Lula e Dilma,  Nelson Jobim, que deixou o cargo em 2011, disse que o acordo político que viabilizou a criação da comissão previa que ações da esquerda armada também seriam investigadas, e não somente os atos dos agentes da repressão”.

Crime é sempre crime

Ora, uma comissão que apura apenas um lado da História não pode ser honestamente denominada Comissão da Verdade. Seria Comissão da meia-verdade. Qualquer pessoa sensata sabe que durante os chamados “anos de chumbo” praticaram-se crimes em ambos os lados envolvidos na “guerra suja”.  Que se apure tudo. E com transparência. “Duela a quién duela”, como diria hoje o aliado e mui amigo dos governos petistas, senador Fernando Collor de Melo.

Torpedos

1 –  Os números definitivos só serão conhecidos daqui a duas semanas. Mas, nesta data, os dados parciais apontam que os municípios do Cariri  com maior número de eleitores são: Juazeiro do Norte,  163.502 aptos a votar (terceira colocação no Ceará); Crato, com 84.599 eleitores (6ª colocação no Estado); Barbalha contabilizou 40.334 eleitores. Depois vem Mauriti com 33.480, Brejo Santo com 33.340 e Missão Velha com 27.598 eleitores.
2 – A direção do Campus da UFC no Cariri e as coordenações dos Grupos de Trabalho para implantação da Universidade Federal do Cariri – UFCa promoverão – nos próximos dias 24 e 25 de Maio – em Juazeiro do Norte,  o I Seminário sobre a implantação da UFCa.
3 – Prosseguem em Barbalha os serviços de substituição do asfalto por pedras de paralelepípedo, nas ruas do centro histórico daquela cidade. A exemplo do que foi feito em Crato, as calçadas dessas ruas serão padronizadas com piso tacho, para facilitar o trânsito de pessoas portadoras de deficiência. Observamos, no entanto, que o calçamento feito no estreito  beco, que dá acesso à Rua da Matriz, não tem a mesma qualidade da pavimentação a paralelepípedo feita na Rua do Vidéo e Largo do Rosário.
4 – Além de queda coice. Com o dólar cotado a mais de 2 reais, o IBGE anunciou que o IPCA de abril – que mede a inflação mensal – bateu no patamar de 0,64%. O triplo do apurado no último mês de março. Menos influenciada pelas medidas governamentais da  baixa dos juros e pelo incentivo ao consumo, os economistas viram nessa alta da inflação o efeito da crise europeia e sua repercussão no câmbio aqui do Brasil. Crise, aliás, subestimada por Lula, que a chamou de “marolinha”. Mas que foi enxergada com mais nitidez pela presidente Dilma que a batizou de “tsunami”.
5 – O deputado Ely Aguiar garante: além do monumento em construção, Crato também vai ganhar – no Barro Branco – nova capela dedicada  a  Nossa Senhora de Fátima. Será a terceira construída, nesta cidade, tendo a Virgem de Fátima como orago. Em Crato já existem uma igreja-matriz (no bairro Pimenta) e uma capela (no bairro Alto da Penha) dedicadas a  Nossa Senhora de Fátima.
6 – Crato é a cidade caririense onde a devoção a Nossa Senhora de Fátima é mais forte. O monumento que está sendo erguido por Ely Aguiar será o terceiro do município. Já existem, nesta cidade,  mais dois monumentos com a imagem de Nossa Senhora de Fátima: um no desativado Aeroporto de Fátima, localizado na chapada do Araripe;  e outro – pequeno – erguido pelos motoristas cratenses, ao lado da Catedral de Crato. Comemorativo à passagem da imagem peregrina, em 1953.
7 – Existe ainda em Crato – no bairro Pimenta – uma rua denominada Nossa Senhora de Fátima. Tem mais: todo dia 13  é realizada uma procissão – com uma imagem da Virgem de Fátima – que percorre algumas ruas da Paróquia de Fátima. Bom lembrar ainda que existe na Catedral de Crato um bonito altar dedicado à Virgem de Fátima, onde é venerada uma imagem de madeira, com cerca de um metro de altura, esculpida em Portugal, em 1954, por Guilherme Thedin, o mesmo escultor da imagem-peregrina que percorreu o mundo na década 50.

Cachoeira faz mais exigências para depor à CPI

CpicachoeiraO advogado de Carlinhos Cachoeira, Márcio Thomaz Bastos, está impondo mais condições para que seu cliente compareça à Comissão Parlamentar Mista de Inquérito (CPI) encarregada de investigar o envolvimento dele com agentes públicos e privados num esquema de jogos ilegais, corrupção e tráfico de influência. A exemplo do que requereu ao Supremo Tribunal Federal (STF) no dia 17, o advogado requer mais tempo para analisar os documentos sigilosos em poder da CPI, mas especifica que precisa de três semanas, e que lhe seja entregue cópia do material.

Por enquanto, o depoimento de Cachoeira, cujo nome verdadeiro é Carlos Augusto Ramos, está marcado para o dia 22.

Utilizando-se de linguagem protocolar, Thomaz Bastos apresenta as demandas em petição encaminhada à comissão nesta sexta-feira (18) “na esperança de poder colaborar com os trabalhos da CPI e de buscar uma solução que atenda aos interesses” de Cachoeira.

O advogado quer cópia de todos os arquivos com os dados sigilosos das Operações Vegas e Monte Carlo em poder da comissão, classificados de “imenso conteúdo”. Além disso, o defensor de Cachoeira apresentou outra demanda: deseja que, no decorrer desse prazo, seja possível conversar reservadamente com o Cachoeira sobre os dados obtidos.

Como Cachoeira está recolhido ao presídio da Papuda, não há na comissão ainda um entendimento claro de que em circunstâncias se dariam essas conversas reservadas.

Adiado na semana passada devido a uma decisão liminar do ministro do STF, Celso de Mello, sob a alegação de que a defesa não conhecia o teor da investigação sigilosa e que o depoimento só poderia ocorrer depois disso, o comparecimento de Cachoeira à CPI foi remarcado para a próxima terça-feira. Além disso, garantiu-se o acesso da defesa do empresário aos dados das operações, sob as mesmas condições impostas aos parlamentares: sem cópias, sem gravações e com assinatura de termos de responsabilidade. Apesar de terem vindo à sala reservada da CPI nos primeiros dias após a autorização, os advogados não apareceram mais durante o resto da semana.

Na última quinta-feira (17), Thomaz Bastos pediu que Celso de Mello mantenha a liminar impedindo o depoimento de Cachoeira até que tenham total conhecimento das informações das operações. A decisão do ministro do STF está sendo aguardada, mas não há previsão de quando será divulgada.

Também chegou à CPI na mesma data as informações do Banco Safra S.A. referentes ao sigilo bancário de Carlos Augusto de Almeida Ramos. O material é sigiloso e contém três folhas.

Agenda do caso Cachoeira

Agência Senado

Do seriado “Coisas da República”

Para inflar o PIB, o governo estimula a inadimplência
(Editorial do jornal “O Estado de S.Paulo”, 19 de maio de 2012 )

O governo parece estimular a inadimplência, é o que se pode concluir de duas medidas em estudo: a primeira, visando a transferir créditos podres da Caixa Econômica Federal (CEF), BNDES e Banco do Nordeste para uma instituição criada pelo Ministério da Fazenda; e a segunda, isentando do IOF os créditos destinados à compra de carros de passeio para reduzir os estoques das montadoras. Foi o governo que estimulou os bancos públicos a aumentar seus empréstimos com menores taxas de juros para forçar os bancos privados a seguirem o exemplo. A CEF foi a mais audaciosa na sua política de expansão dos créditos, quando sua carteira já tinha muitos créditos podres, situação parecida com a do Banco do Nordeste e, num grau menor, do BNDES.
Estuda-se agora que o Tesouro Nacional adquira os créditos podres e os repasse para a Empresa de Gestão de Ativos (Emgea), que procuraria recuperar parte da dívida existente. Por exemplo, no caso da CEF, que aumentou seus créditos no 1.º trimestre do ano em 41%, sem muito critério de se enquadrar nas normas de Basileia para voltar a crescer livre das suas operações podres. Situação igual se verifica, embora em grau menor, em outras instituições de crédito públicas. Trata-se de uma solução que obrigará o Tesouro a aumentar sua dívida, sem saber o que pode recuperar por meio da Emgea. Além de ser uma operação desleal com os bancos privados, que não têm a mesma facilidade para limpar suas carteiras – aliás, de melhor qualidade -, ela constitui um estímulo à inadimplência, por causa da facilidade com que os bancos públicos se livram do excesso de créditos podres.
Parece que a preocupação do governo com as vendas de carro se inscreve na mesma direção. O crédito para compra de carros foi reduzido diante do aumento da inadimplência no setor, que fazia operações de até cinco anos de prazo. Não nos parece que o corte de IOF será suficiente para convencer os interessados a trocar o seu carro. Estamos diante de um duplo problema: uma saturação do mercado e um forte aumento do endividamento das famílias. A nova classe C adquiriu um carro com sacrifícios, mas não pretende trocá-lo a cada ano. É esta mesma classe que se aproveitou dos incentivos do governo para comprar uma casa. Isso significa uma prestação mensal, por muito anos, que exige a redução de outras despesas, especialmente quando começam a aparecer ameaças de desemprego. Não se entende por que o governo estimula agora maior endividamento.
 
postado por Armando Lopes Rafael

Tratamento pós-derrame: videogame!

WiiSegundo a Organização Mundial de AVC (World Stroke Organization), a cada seis segundos, uma pessoa morre de acidente vascular cerebral (AVC, ou derrame) no mundo.

Se você não foi uma delas, ou seja, se você é um bravo sobrevivente dessa doença, você deve ter algum tipo de cicatriz de batalha.

Isso significa que as pessoas que sofrem derrame acabam apresentando certos sintomas ou sequelas, por exemplo, dificuldade na capacidade de atenção, sensação térmica alterada, formigamento, estados depressivos e, comumemente, algum tipo de paralisia (veja aqui sintomas que indicam um derrame e outras dúvidas).

Essa incapacitação decorrente de derrame pode aparecer de várias formas: a paralisia completa de um lado do corpo (hemiplegia) ou a fraqueza em um lado do corpo (hemiparesia), ou a paralisia ou enfraquecimento pode afetar somente a face, um braço ou uma perna, etc.

Essa sequela pode gerar dificuldades nas pessoas, mesmo em atividades cotidianas simples, como caminhar, se vestir, comer e usar o banheiro. E isso requer tratamento: terapia, fisioterapia, etc.

Aqui no Brasil, o derrame é a primeira causa de morte e incapacidade. De acordo com a Sociedade Brasileira de Neurologia (SBN), a cada cinco minutos uma pessoa é vítima de derrame, o equivalente a cerca de 100.000 mortes ao ano em decorrência da doença no país.

Um derrame a cada cinco minutos é muita coisa, não? “O cérebro pode reaprender o controle de um braço fraco, por exemplo, mas isso vai exigir terapia frequente durante vários meses e não há terapeutas suficientes para fornecer isso em uma base individual e regular”, disse Janet Eyre, da Universidade Newcastle, no Reino Unido.

Por conta disso, muitos pacientes podem não ganhar novamente total mobilidade, o que prejudica seriamente seu estilo de vida.

Para ajudar na terapia de pessoas pós-derrame, a Universidade Newcastle se juntou a uma produtora de jogos para criar um jogo de videogame para pacientes que tiveram AVC.

Os jogos são séries envolvendo um tema de circo, onde os pacientes poderão ser domadores de leão, malabaristas, trapezistas, equilibristas, etc. Eles poderão passar de nível conforme forem melhorando sua condição física. Todos os exercícios servem para ajudá-los a recuperar os movimentos.

Essa também é uma forma de distrair os pacientes. “As pessoas ficam absortas na competição e ação dos personagens de circo, e esquecem que o objetivo do jogo é a terapia”, comentou Eyre.

A empresa envolvida nos games também quer desenvolver jogos para ajudar em terapias de outras doenças, como paralisia cerebral, doença pulmonar crônica, diabetes tipo 2 e demência.[CopacabanaRunners, Telegraph, UOL]

hypescience

Ronda apreende 16.000 DVDs e CDs piratas

Apreençaodedvdpirata

Na manhã de ontem (17) em Juazeiro do Norte foi realizada uma operação policial do Ronda do Quarteirão, tendo a frente o 1º Tenente PM Guedes, auxiliado pelo Sargento PM Silva Lima, Cabo PM Rodrigues, Soldado PM Gouveia, Soldado PM C. Silva, Soldado PM Thiago Militão, Soldado PM Olímpio e Soldado PM Pereira, mais precisamente na “Feira da Troca”, onde quatro viaturas foram utilizadas no transporte de 16.200 DVDs e CDs pirateados que foram apreendidos e eram vendidos ilegalmente à luz do dia na mencionada localidade.

Todo o material apreendido foi apresentado na 20ª Delegacia Regional de Polícia Civil, onde foram adotadas as medidas legais cabíveis.

Da Redação do O Estado ONLINE
Fonte: Assessoria de Comunicação do Ronda / BPCom

Segue vacinação contra a gripe em Juazeiro

Vacina_contra_o_vicioA SESAU – Secretaria de Saúde – continua através do Programa Municipal de Imunização, a Campanha de Vacinação Contra a Gripe. A coordenadora do programa, enfermeira Iara Sales, repassa a imprensa os números de acordo com os boletins enviados pelas 64 equipes de ESF – Estratégia Saúde da Família – é dos pontos de apoio.

A meta de vacinação de crianças entre seis meses e menos de dois anos em Juazeiro é 6.614 e foram vacinadas 2.310 o que corresponde a 34,93% da meta. 3.307 gestantes devem ser vacinadas e ate agora 958 já receberam a dose o que corresponde a 28,97%. 26.393 idosos devem ser vacinados e foram aplicadas 6.102 doses, 23,12% da meta. 1.068 profissionais de saúde de um total de 2.498 foram vacinados o que corresponde a 42,75%. No geral já foram vacinadas 10.324 pessoas de um total de 38.811, ou seja, 26,60% da meta. Estes números são do Departamento de Vigilância a Saúde da última terça-feira.

O Programa de Imunização elaborou toda uma estratégia de busca ativa do público alvo nesta campanha. Na quinta-feira, 24, por exemplo, a equipe estará atuando no CRI – Centro de Referência do Idoso – equipamento construído na atual administração e que atende um público de mais de 250 velhos. A Secretária de Saúde, Dra. Luciana Matos, esclarece que a meta é vacinar todo o público ou no mínimo cumprir a meta preconizada pelo Ministério da Saúde que é de vacinar 80% das pessoas.

Dra. Luciana garante também que no Departamento de Atenção Básica há dois carros a disposição para agenda dos idosos acamados e das pessoas na faixa etária que têm dificuldades de ir até o centro de saúde. Uma técnica de enfermagem vai então até a residência para aplicar a vacina na pessoa identificada pelo (a) agente comunitário de saúde. As crianças e gestantes são vacinadas quando da ida ao centro de saúde para consultas e pré-natal e puericultura.

Os profissionais de saúde estão sendo vacinados em seus locais de trabalho. A Secretaria está aguardando o restante das doses previstas para Juazeiro do Norte, visto que chegaram apenas 50% do total.

Além das 64 equipes de saúde da família a vacinação contra a gripe em Juazeiro está sendo aplicada no Hospital Maria Amélia, SAME – Serviço de Atendimento Médico Especializado – e Centro de Dermatologia –

SESAU – Secretaria de Saúde –

Prefeitura Municipal de Juazeiro do Norte

Prefeitura realiza projeto “Som dos Bairros”

A Prefeitura de Juazeiro do Norte irá realizar o projeto “Som dos Bairros Projovem Adolescente”.   O projeto é direcionado para músicos e intérpretes que se interessarem  em mostrar o seu potencial e que não tiveram oportunidades até o presente momento. As inscrições estão abertas até o dia 25 de maio na Secretaria de Assistência Social, Trabalho e Cidadania, setor Projovem  Adolescente, ou no Centro de Arte e Cultura Marcus Jucier. 

O projeto “Som dos Bairros” distribuirá a seguinte premiação: 1º lugar – R$ 600,00 (seiscentos reais), 2º lugar – R$ 500,00 (quinhentos reais), 3º lugar – R$ 400,00 (quatrocentos reais).O regulamento poderá ser tirado em uma das sedes de inscrição. É a prefeitura de Juazeiro do Norte promovendo o talento na terra do Padre Cícero Romão Batista.

Secretaria de Assistência Social, Trabalho e Cidadania 

Prefeitura Municipal de Juazeiro do Norte

Ronda cadastra flanelinhas no Crato

Crato. Devido ao grande número de reclamações dos condutores de veículos que transitam pelas ruas do Centro do Crato, o Departamento Municipal de Trânsito (Demutran), Ronda do Quarteirão e Conselho Tutelar estão cadastrando os flanelinhas que atuam no Município. Desde o último dia 17, mais de 20 flanelinhas já entraram para a relação. A ação tem o objetivo de melhorar a segurança aos motoristas, além de disciplinar a atividade. O cadastramento irá criar uma ficha contendo o nome, foto, endereço e local de trabalho das pessoas que atuam como flanelinhas. Com a ação, os condutores que se sentirem ameaçados ou coagidos por eles, poderão procurar as autoridades para realizar a abertura de um inquérito policial.

Cidadania

Com o cadastramento, as autoridades de Segurança Pública no Município pretendem identificar e estabelecer um perfil dos jovens que exercem a atividade. O levantamento será encaminhado ainda ao Creas FOTO: YACANÃ NEPOMUCENA
De acordo com o Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA), crianças menores de 18 anos não podem exercer atividades que os colocam em situação de risco. Por isso, o cadastramento dos flanelinhas visa também coibir esse tipo de prática. Até agora, dos 25 flanelinhas identificados, cinco eram menores de idade. Todos eles confessaram ter abandonado a escola e serem viciados em drogas. Diante da situação, as autoridades responsáveis pelo cadastramento dos flanelinhas vai encaminhar os menores para o Conselho Tutelar do Município, afim de que eles recebam assistência e possam ser acompanhados.

Crachá

Após o cadastramento, os flanelinhas irão receber um crachá de identificação. Na cidade ainda não existe uma lei que regulamente e discipline a atividade. Mas as autoridades de trânsito e policial irão fiscalizar a atuação dos flanelinhas nas ruas. O cadastramento vai permanecer até a próxima terça-feira. Os flanelinhas que desejarem realizar o cadastramento devem procurar a sede do Ronda do Quarteirão, de posse do documento e comprovante de endereço. Após o período, haverá fiscalização nas ruas para que os flanelinhas não cadastrados não possam cobrar pelos serviços.

De acordo com o supervisor do Ronda do Quarteirão, capitão Francisco Paulo Rabelo de Luna, o cadastramento vai representar um estudo que irá desvendar quem são os flanelinhas que atuam na cidade. Ele conta que uma parte dos jovens estava atuando na cidade é viciada em drogas. O dinheiro arrecadado nas ruas, por alguns deles, geralmente, é usado para comprar entorpecentes. Atualmente, alguns desses se aproveitam da falta de fiscalização para praticar arrombamentos a carros e estabelecimentos comerciais e furtos a transeuntes. “Iremos investigar a vida pregressa de cada um deles. Após esse levantamento, vamos saber se eles respondem a crimes ou tem algum mandato de prisão. Com isso, queremos proporcionar mais segurança para a população e aos comerciantes”, afirma.

Segundo o capitão Rabelo, no Crato, existem muitas denúncias de condutores que tiveram seus carros arranhados, com pneus furados ou arrombados, o que configura crimes contra a pessoa ou ao patrimônio. A relação com os dados de cada um deles será encaminhada ao Centro de Referência Especializado em Assistência Social (Creas) no Município.

Mais informações:

Ronda do Quarteirão
Avenida Perimetral D. Francisco S/N, Bairro Pinto Madeiro
Crato – Cariri
Telefone: (88) 3102.1284

YACANÃ NEPOMUCENA
Repórter do Jornal Diário do Nordeste

Carros-pipas abastecem 80 Municípios do Interior do CE

 


Aumenta o número de famílias na zona rural que dependem da água trazida pela operação do Exército Brasileiro

Quixadá O abastecimento hídrico de emergência por carros-pipas está sendo feito em 80 Municípios do Interior. Quase 500 mil pessoas são atendidas no Estado. A frota de veículos soma 464 caminhões-pipas. Segundo coordenadores municipais da Defesa Civil, a operação emergencial, coordenada pelo Exército Brasileiro, estava paralisada havia praticamente um mês. Agora, além dos veículos cadastrados no programa, mais caminhões estão sendo cadastrados pela equipe da 10ª Região Militar. A expectativa da população rural é de ampliação da assistência. Segundo representantes de Conselhos Municipais, o Ministério da Integração liberou R$ 128 milhões. O valor equivale a 80% do montante necessário para reativação do programa.

Combate à seca
Quando o caminhão chega, alivia a falta de água por, pelo menos, 15 dias fotos: Antônio Carlos Alves

De acordo com o Comando da 10ª Região Militar, subordinado ao Comando Militar do Nordeste, os recursos financeiros destinados à Operação Carro-Pipa no Ceará, recebidos a partir de 7 de maio passado, para 30 dias, correspondem a R$ 2,43 milhões. A Operação Carro Pipa é contínua e está sendo executada pelo Exército Brasileiro desde 1998. Eventualmente, o fornecimento da água é suspenso temporariamente por solicitação do próprio município, falta do laudo de potabilidade do manancial ou descontinuidade no fluxo de recursos do Governo Federal. As 10 cidades cearenses com o maior número de veículos em circulação são Quixadá, com 37 carros; Morada Nova, com 30 carros; Tauá, 23 carros; Mombaça, 22 carros; Boa Viagem, 18; Parambu com a mesma quantidade; Acopiara, Independência e Crateús, com 15 veículos; e Pedra Branca e Jardim, com 12 carros em cada uma delas. Em Icó, o abastecimento está suspenso, aguardando exame de potabilidade das fontes hídricas.

Apesar de contar com o maior número de carros- pipas, o fornecimento de água potável para consumo humano nas comunidades afetadas pela seca em Quixadá somente não entrou em colapso porque a Prefeitura garantiu o abastecimento com recursos próprios. O serviço custou R$ 82,5 mil aos cofres do Município. Agora, a preocupação é com a ampliação do atendimento.

Os dias vão passando e com eles o problema vai se agravando na zona rural. Atualmente mais de 20 mil habitantes rurais dependem dos carros-pipas. Em uma semana, pelo menos, outros mil necessitarão do socorro federal, segundo alerta o secretário de Agricultura Familiar e Desenvolvimento Rural de Quixadá, Nilson dos Santos. A água retirada para o abastecimento das comunidades de Quixadá vem de dois grandes reservatórios. Um deles está localizado no Assentamento Boa Vista, no distrito de São João dos Queiroz. O outro está situado na comunidade de Marias Pretas, no Distrito de Juá.

A situação só não é mais grave porque o Departamento de Administração de Bens e Serviços Públicos (Demasp) mantém abastecimento regular de água na sede dos distritos de Califórnia, Juá I e II, São Bernardo, São João dos Queiroz, Dom Mauricio e Custódio. Mais de cinco mil famílias moram nessas localidades.

A Companhia de Água e Esgoto do Ceará (Cagece) se encarrega do abastecimento do maior Distrito de Juatama, onde residem mais de mil famílias.

Fonte: Diário do Nordeste

“Oportunidades & Negócios”: Investimentos no Nordeste podem chegar a R$ 5 bilhões

A agenda do “Nordeste do Brasil: Oportunidades & Negócios” no Ceará, em reunião que aconteceu nesta sexta-feira [18], no Palácio da Abolição teve como principal tema a criação de uma linha de crédito com foco na área do desenvolvimento do Nordeste.

Participaram da reunião com o governador do Ceará, Cid Gomes, e os presidentes do Banco Interamericano do Desenvolvimento [BID], Luis Alberto Moreno, e do Banco do Nordeste do Brasil [BNB], Jurandir Santiago. Estiveram ainda presentes os governadores Teotônio Vilela Filho [Alagoas], Jacques Wagner [Bahia], Ricardo Coutinho [Paraíba], Eduardo Campos [Pernambuco], Wilson Nunes [Piauí], Rosalba Ciarlini [Rio Grande do Norte], Marcelo Déda [Sergipe], além do secretário do Desenvolvimento Social do Maranhão [Fernando Fialho].

“Inicialmente, são duas instituições na disponibilidade dessa linha de crédito, o BID com US$ 600 milhões e o BNB também com US$ 600 milhões. Porém, esteve presente na reunião um representante do BNDES, que deverá provavelmente entrar nesta operação com mais US$1,2 bilhão, totalizando cerca de R$ 5 bilhões à disposição dos estados do Nordeste e da iniciativa privada, em cerca de três anos”, explicou Cid Gomes.

De acordo com o presidente do BNB, a linha de crédito será distribuída entre os estados de acordo com as necessidades de cada um. “Cada governador indicou um representante técnico para discutir com os bancos a partir da próxima semana, a partir de onde irá se formar um plano diretor de investimentos. A partir de então a distribuição de fundos será feito de acordo com os projetos de cada estado”, explanou.

RECURSOS – O prazo de financiamento é de até 20 anos, a depender do retorno do projeto, com carência de quatro anos para início do pagamento, com juros de 0,60% mais taxa libor [taxa preferencial de juros para grandes empréstimos].

Neste primeiro momento são discutidas as prioridades dos estados e realizados os estudos e mapeamentos das principais necessidades de infraestrutura. A partir deste diagnóstico, o BID deve emprestar e catalisar recursos, a partir de empréstimos ao setor privado do tipo A/B, de operações consorciadas com o BNB, da Corporação Interamericana de Investimentos [CII], de empréstimos ao setor público, e apoiando a realização de parcerias público-privadas [PPPs]. Durante a reunião, o Banco do Nordeste também apresentou aos governadores da Região o Programa de Desenvolvimento Produtivo [Prodepro], que tem como frentes de trabalho apoiar financeiramente a oferta de infraestrutura para o setor produtivo, buscando elevar a competitividade das empresas [especialmente micro e pequenas]; promover a integração física entre os estados do Nordeste, e destes com o país; expandir o comércio interno e externo; incrementar a atração de investimentos; e promover as exportações. Como resultado dessas intervenções espera-se ampliar a geração de emprego e renda.

Outro tema de debate na reunião foi a seca que assola a região Nordeste. A curto prazo, existem também projetos para 1.500 sistemas de abastecimento de água e cerca de mil poços profundos.

BANCO – O BID e os Estados do Nordeste mantem uma parceria histórica. As operações em execução na região somam US$ 1,13 bilhão, distribuídos entre empréstimos cooperações. Em 2012 os investimentos devem ultrapassar US$ 1 bilhão, com projetos em todos os estados em áreas como desenvolvimento urbano integrado, fortalecimento da gestão fiscal, turismo, transporte e mobilidade, e investimentos sociais.

A Estratégia do Banco para o Brasil que compreende o período 2012-2014 prioriza as regiões Nordeste e Norte, sobretudo nas ações voltadas para a redução das desigualdades econômicas regionais.
 

Assessoria de Imprensa do Governo do Estado

otícias da URCA – Universidade Regional do Cariri – 18/05/2012

 
Geopark Araripe recebe Selo Verde diante de platéia de mais de 500 pessoas de vários países

URCA-Crato3O Geopark Araripe passa por uma nova etapa de desenvolvimento. No Japão, diante de uma platéia de mais de 500 pessoas, recebeu durante o encerramento da Conferência Internacional de Geoparks, o Selo Verde, de acordo com os critérios de avaliação estabelecidos para Geoparks da Rede Global, da Unesco. Durante a solenidade estiveram representando o projeto, desenvolvido por meio da Universidade Regional do Cariri (URCA), o Vice-Reitor da URCA, Professor Patrício Melo, e a Geóloga Flávia Lima, além do representante do Governo do Estado, o Secretário das Cidades, Camilo Santana. Segundo o Vice-Reitor da URCA, o evento foi de grande importância, no sentido de evidenciar o projeto que vem sendo desenvolvido desde 2006, pela Universidade. Ele afirma que além de ter sido uma cerimônia rica, contou com representantes de diversos países do mundo, onde estão implantados Geoparks. O Secretário das Cidades, Camilo Santana, irá agendar uma reunião com o governador do Estado, Cid Gomes, no intuito de providenciar a criação de cargos do GA e apoiar o projeto com melhor estrutura de pessoal. Outro aspecto a ser debatido será o meio de articulação regional e nacional para programar ações nos seis municípios do Cariri, onde estão localizados os nove geossítios, principalmente no que diz respeito à desapropriações e infraestrutura.

Reitora se reúne com representantes do Sindesp

A Reitora da Universidade Regional do Cariri (URCA), Professora Otonite Cortez, participa, nesta sexta-feira, a partir das 10 horas, de reunião entre representantes da URCA e Sindicato dos Docentes do Ensino Superior do Estado do Ceará (Sindesp). A reunião acontece no auditório do Geopark Araripe. Estarão participando os professores que fazem parte da ação do piso salarial.

URCA firma convênio de intercâmbio de estágio com o SESC

A Universidade Regional do Cariri (URCA) firmou convênio de intercâmbio de estágio como Serviço Social do Comércio (SESC), para o desenvolvimento da formação teórico-prática dos alunos da Universidade.  Com isso, o SESC irá possibilitar por meio dos estágios, atuação junto com a Universidade na busca de subsídios necessários, conforme o convênio, para atualização de seus currículos, e também possibilitar ao SESC abertura de canais de informação indispensáveis a uma constante atualização das  fontes de conhecimento técnico e científico. Com isso, estão estabelecidas normas relacionadas ao programa de estágio, obrigatório ou não, já que não haverá vínculo empregatício com a instituição conveniada com a URCA.  Será feito um cadastramento dos candidatos a estágio, segundo critérios previamente fixados, que propiciem a todos igualdade de oportunidades.  O convênio terá uma duração de 60 meses, válido até o dia 14 de maio de 2017.

Professores e Alunos do Curso de História Participam do 5º Seminário Regional Espaço Aberto à Cultura (ESPACULT)

 

A professora Sônia Meneses e os professores Cícero Joaquim dos Santos e Francisco Egberto de Melo, junto aos alunos do Curso de História da URCA, participarão, neste dia 18/05, do 5º Seminário Regional Espaço Aberto à Cultura (ESPACULT), que acontecerá nos dias 18, 19 e 20/05, na cidade de Porteiras, no Cariri. O evento faz alusão ao Dia Internacional dos Museus (18/05) e se insere na programação da 10ª Semana Nacional de Museus, evento anual estimulado pelo Instituto Brasileiro de Museus (IBRAM). Em sua 5ª edição, o Seminário Regional ESPACULT aprofundará o tema Memória e Natureza, e contará com a participação de estudantes e professores das instituições de ensino básico e superior situadas no Cariri, além dos demais moradores do município de Porteiras.  O evento, que acontece desde o ano 2004, é promovido pelo Museu comunitário Casa da Memória de Porteiras, instituição museológica administrada pela Associação Retratores da Memória de Porteiras (REMOP), em parceria com o Instituto da Memória do Povo cearense (IMOPEC) e a Prefeitura Municipal de Porteiras.  Para maiores informações acessar: www.retratores.blogspot.com.

Visita ao Museu de Paleontologia de Santana do Cariri

Hoje, dia 18, em razão das comemorações do Dia Internacional de Museus, o Geopark Araripe disponibiliza transporte para as pessoas que quiserem visitar o Museu de Paleontologia da URCA, em Santana do Cariri. O carro sairá às 8 horas da sede do Geopark, situada na Rua Carolino Sucupira, S/N (por trás da URCA) e retorna às 17h00.
 

ASSESSORIA DE IMPRENSA
UNIVERSIDADE REGIONAL DO CARIRI – URCA
www.urca.br – Contato 88 8812.5525/3102.1213

Monopólio e cartel

A cada dia o Governo Federal permite a desmoralização mais e mais das instituições de defesa do consumidor. Uma das mais importantes conquistas da sociedade está nas “Agencias  Reguladoras”.

Suas atribuições principais são promover o impedimento  da formação dos monopólios. Por um tempo desempenhou suas atribuições. Hoje, estamos assistindo o próprio  Governo Federal financiando a formação de Carteis. O grupo JBS, empresa que atua no ramo de frigoríficos está comprando  abatedouros, em todo pais, com a única finalidade de eliminar concorrentes. Compras, encerra as atividades e fecha, e o pior, as compras são financiadas com  dinheiro publico, recursos do BNDES.

A região do cariri já é vitima de um outro perverso monopólio. No meio de transporte coletivo de passageiros. Aqui sempre existiram varias  empresas transportadoras de passageiros.  Hoje, quem utiliza este tipo de transporte coletivo é obrigado a recorrer aos serviços de uma única empresa: A Guanabara que cobra o preço que quer pela passagem e, presta o serviço a seu bel prazer. Quem manda é quem tem dinheiro. Isso para um governo que só fala em pobre, não deixa de ser um contra senso.

 
 
Antonio Morais – Blog do Sanharol

Juazeiro do Norte é a sétima cidade do país em DENGUE


Segundo matéria da agência Brasil ( Agência de notícias do Governo Federal ), Fortaleza é a segunda capital do País com maior número de casos de dengue. Só perde para o Rio de Janeiro e lidera ese ranking absurdo no Nordeste. Os dados são do Ministério da Saúde. Nos quatro primeiros meses deste ano, a cidade registrou 10.156 caos da doença.  O Rio de Janeiro ficou com 64.675 casos. O balanço da incidência de dengue no Brasil foi divulgado nesta quinta-feira, em Brasília, pelo ministro da Saúde, Alexandre Padilha.

O Ceará já registra 17.205 casos de dengue nos quatro primeiros meses de 2012. O número corresponde a 37,7% de todos os casos registrados no estado em todo o ano passado. A cidade de Juazeiro do Norte ocupa a sétima posição no ranking nacional.

Em relação ao Nordeste, o Ceará responde por 16,6% de todos os casos. Em toda a Região, foram registrados 103.687 casos. No Brasil, o Ceará responde por 6% dos casos. Foram registrados 286.011 casos de dengue entre janeiro e abril de 2012 em todo o País. Desse total, 1.083 foram da forma mais grave da doença.

No País, o número de óbitos por dengue caiu 84% nos quatro primeiros meses de 2012 em comparação ao mesmo período de 2010. Enquanto naquele ano foram registradas 467 mortes pela doença entre janeiro e abril, o primeiro quadrimestre deste ano teve 74 óbitos.

Com informações da Agência Brasil

CPI vai dar em pizza

Infelizmente está para acontecer o que todo mundo já suspeitava. Sentindo que as investigações poderão trazer um estrago maior ao Governo Federal, a CPI do contraventor Carlinhos Cachoeira poderá dar em  pizza. O jornal “Folha de S.Paulo” antecipa o desfecho. Confira abaixo.
Armando Lopes Rafael

“CPI do Cachoeira poupa Delta, governadores e políticos de investigação
JOSÉ ERNESTO CREDENDIO
ANDREZA MATAIS
BRASÍLIA

Atualizado às 14h27.


PIZZA
Conforme a Folha antecipou na edição de hoje, foi feito um acordão entre caciques do PT, PMDB e PSDB para poupar os governadores Marconi Perillo (PSDB-GO), Agnelo Queiroz (PT-DF) e Sérgio Cabral (PMDB-RJ). No pacote dos governistas entrou ainda a preservação da Delta nacionalmente, que tem obras com o governo federal.


“Reuniu-se um grupo numa sala e decidiram quem vai morrer. O Rio de Janeiro está enterrado até a alma. O que vamos dizer?”, afirmou a senadora Kátia Abreu (PSD-TO). “Na minha opinião, estamos convocando os bagrinhos da história. Os importantes estão de fora”, complementou.
“Dá impressão de estarem selecionando alvos por orientação político-partidária”, criticou o senador Álvaro Dias (PSDB-PR). “É um mau começo desta CPI”, disse o senador Randolfe Rodrigues (PSOL-AP), um dos poucos a insistir na convocação dos governadores. “Estamos amarelando”, afirmou o senador Pedro Taques (PDT-MT).


A CPI do Cachoeira livrou, nesta quinta-feira (17), governadores e parlamentares da quebra dos sigilos bancário, fiscal e telefônico e de serem convocados a explicar suas relações com o empresário Carlos Augusto Ramos, o Carlinhos Cachoeira.
A empreiteira Delta, apontada pela Polícia Federal como braço financeiro do esquema, também não terá seus sigilos quebrados nacionalmente, “por falta de indícios”, no entendimento da maioria da comissão. A CPI livrou ainda da investigação o presidente licenciado da empreiteira, Fernando Cavendish.


Os deputados e senadores aprovaram apenas a quebra do sigilo da empresa Delta na região Centro-Oeste, além dos sigilos de pessoas sem foro privilegiado que assessoravam Cachoeira e já foram investigadas pela Polícia Federal, conforme antecipou a Folha na edição de hoje.


A votação foi orquestrada pelo PT e PMDB, que comandam a CPI, e contou com ajuda da oposição. O relator, deputado Odair Cunha (PT-MG), sequer colocou em votação os requerimentos acerca dos governadores e da Delta nacionalmente. Esses requerimentos só devem constar na pauta da CPI no dia 5 de junho. O deputado Carlos Sampaio (PSDB-SP) e Fernando Franceschini (PSDB-PR), da oposição, apoiaram a proposta de adiar a discussão.


“Nós não vamos fazer devassa”, afirmou o deputado Cândido Vaccarezza (PT-SP). “A generalização cheira a devassa”, complementou o deputado Paulo Teixeira (PT-SP).


DELTA




O que provocou maior polêmica foi a decisão do comando da CPI de não quebrar os sigilos da Delta em todo o país. O relator e parlamentares do PT e PMDB afirmaram que não existem indícios contra a atuação da empresa em todo o país, o que gerou protestos.
“Estamos passando vergonha aqui. A Delta recebeu mais de R$ 4 bilhões do governo federal e não vamos quebrar o sigilo da empresa? Como vamos explicar isso ao Brasil?”, afirmou o deputado Fernando Francischini (PSDB-PR).


“É a CPI do conta-gotas. O dinheiro do Centro-Oeste vai para a central da empresa”, afirmou o líder do PPS, deputado Rubens Bueno (PR). “Em relação à Delta não existem apenas indícios, existem provas”, disse o senador Álvaro Dias, em referência a vários diálogos interceptados pela PF que citam a empresa. Apesar das críticas, a oposição ajudou a aprovar o requerimento de quebra do sigilo apenas da Delta Centro Oeste.


ACORDÃO




O relator e deputados do PT e PMDB se esforçaram para negar um acordão para poupar alguns das investigações. “Não vamos resumir nossos trabalhos em apenas uma reunião”, disse Odair Cunha. “Eu não participei de acordão nenhum. Temos que ter serenidade”, disse o deputado Paulo Teixeira (PT-SP). “Vossa excelência não consegue convencer a uma criança de três anos que essa Delta não tem que ter seu sigilo aberto em todo país”, rebateu o deputado Silvio Costa (PTB-PE), em resposta ao relator.


A votação desta quinta-feira praticamente sepulta a CPI. As investigações devem ficar restritas ao que já foi apurado pela Polícia Federal sobre os membros do grupo de Cachoeira sem avançar para os pontos não apurados pela PF, até o momento, por envolverem políticos, que têm direito ao foro privilegiado. A PF também não investigou a Delta porque seu trabalho era voltado para Cachoeira.

 

por Armando Lopes Rafael

Acusado de latrocínio em Milagres é condenado a 22 anos de prisão

Advocacia2O juiz Renato Esmeraldo Paes condenou o réu Cícero Paulo Estevão a 22 anos de reclusão pelo crime de latrocínio praticado contra o mototaxista José Pereira Machado, em agosto de 2011. A decisão foi proferida nessa quarta-feira (16/05).

Segundo os autos (nº 4103-44.2011.8.06.0124/0), réu e vítima estavam indo para a localidade de Sítio Fronteiro, no Município de Milagres, distante 402 km de Fortaleza. Ao descer da moto, Cícero sacou uma faca e desferiu diversos golpes em José Pereira, que não resistiu aos ferimentos e faleceu.

Em seguida, o acusado roubou a moto, a carteira e o celular da vítima, fugindo em direção à cidade de Barro. Ele foi flagrado pelas câmeras de um posto de gasolina e acabou detido. Em depoimento, confessou o crime.

A defesa pediu a absolvição do réu alegando não haver provas suficientes da participação dele no latrocínio. O magistrado, no entanto, considerou que as provas colhidas e os depoimentos das testemunhas não deixam dúvida de que Cícero praticou o delito.

O juiz condenou o acusado a 22 anos de reclusão, em regime inicialmente fechado. Renato Esmeraldo Paes também negou ao réu o direito de apelar em liberdade, devendo permanecer preso “como forma de resguardar a ordem pública”.

TJCE

Laudos diferentes em exames de sushi

Sushi-4Crato O laudo pericial sobre causas da intoxicação alimentar pelo consumo de sushi, vendido no Mercadinho São Luiz, neste Município, no último dia 23 de abril, atestou a presença de bactéria Salmonella sp, encontrada na amostra de camarão, coliformes a 35ºC e microorganismos mesófilos aeróbios. O resultado do exame foi conferido pelo Laboratório Central de Saúde Pública (Lacen). No entanto, exame do mesmo material feito no Nutec, por solicitação do São Luiz, não constatou a presença de nenhuma tipo de bactéria.

A grande quantidade de casos da Doença de Transmissão Alimentar (DTA) configurou um surto em pessoas que haviam consumido o alimento no supermercado. Oficialmente a Vigilância Endemiológica investigou e notificou ao Ministério da Saúde 45 casos da doença.

A fonte de contaminação foi considerada comum, detectada pela ingestão do mesmo alimento, o sushi. De acordo com a Secretaria de Saúde, o exame deveria apresentar a ausência de bactérias. Segundo a enfermeira epidemiologistas da Secretaria de Saúde do Crato, Lídia Maria Feitosa Guedes, a ingestão do sushi contaminado causou perigos a saúde dos clientes.

Alguns fatores como a busca por alimentação coletiva e consumo de alimentos em vias públicas podem contribuir para o aumento da incidência das Doenças de Transmissão Alimentar. A presença dos microorganismos no sushi indica uma possível falha no processo de manipulação dos alimentos.

Desde que os clientes que ingeriram o sushi apresentaram quadros de intoxicação alimentar, a Vigilância Sanitária do Município intensificou as inspeções ao estabelecimento para a adoção de medidas preventivas e de controle. O órgão faz exigências como a higiene das instalações e área de produção, condições de limpeza e desinfecção, de vestuários, asseio pessoal e do estado de saúde dos manipuladores, cuidados com fluxo de produção, controle do produto final e utilização de equipamentos de proteção individual pelos manipuladores. Agora, a Vigilância Sanitária está aplicando as normas de adequação, previstas pela legislação de boas práticas de alimentação e aguarda o ajustamento dos termos.

“Mesmo que os laudos não tivessem indicado nenhuma contaminação, a Vigilância Sanitária iria fiscalizar o estabelecimento. Esse laudo é só para confirmar qual foi o ponto de contaminação”, disse o coordenador da Vigilância Sanitária, Assilon Lindoval Carneiro Freitas.

Segundo a assessoria de imprensa do Mercadinho São Luiz, a empresa não recebeu a mesma informação que a Vigilância Sanitária. De acordo com informações da assessora Camilla Andrade, a Salmonella encontrada no camarão que continha nos sushis não teve quantidade suficiente para causar mal a saúde dos consumidores. Ela informou que a Vigilância Sanitária enviou ao Mercadinho São Luiz um termo autorizando a venda do produto mediante as documentações de higienização, manuseio e refrigeração dos alimentos. Mas, por cautela, o São Luiz não está vendendo o sushi.

Ainda não há previsão para o retorno das vendas. A empresa está aguardando os procedimentos internos serem concluídos. O local onde os sushis eram vendidos ainda está sendo examinado. Para assegurar-se da ausência de bactérias no alimento, Mercadinho São Luiz solicitou uma análise dos sushis ao Laboratório Nutec.

No exame, segundo a assessoria de imprensa da empresa, não foi constatada a presença de nenhum tipo de bactéria no alimento avaliado.

YACANÃ NEPONUCENA
REPÓRTER DIÁRIO DO NORDESTE


Música de Qualidade - 24h!

300x250advert

VIDEOS EM DESTAQUE

GALERIA DE FOTOS

Previsão do Tempo


EDIÇÕES ANTERIORES

março 2015
D S T Q Q S S
« fev    
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
293031  

Rede Blogs do Cariri




Clique no Logo acima e visite o site oficial da Rede.

Mural Chapada do Araripe



TV CHAPADA DO ARARIPE



A TV Chapada do Araripe é composta por uma coleção de vídeos, entrevistas e reportagens. Escolha o vídeo que deseja assistir, clicando sobre o título. Veja mais detalhes na página da TV Chapada do Araripe.

HOMENAGEM DA SEMANA


CORREINHA

O Chapada do Araripe presta homenagens a um dos maiores mestres da cultura popular que faleceu em Crato recentemente, Francisco Correia de Lima, o Correinha, artista de várias linguagens atuante no município do Crato. Mestre Correinha nasceu no município de farias Brito no dia 14 de fevereiro de 1940, mas era um amante inveterado do Crato, município ao qual costumava fazer referências em suas canções. Talvez por não ter tido seu nome incluído nas listas anuais de mestres reconhecidos pelo Governo do Estado desde 2004, mestre Correinha tenha sido sepultado em meio a homenagens comoventes de moradores do município, mas, como ressaltaram amigos e familiares, sem o devido destaque por parte do Poder Público. Situação destacada durante a sua missa de corpo presente, enriquecida pelo acordeon de Hugo Linard, com quem Correinha gravou recentemente, 15 canções que agora constituem o último registro de sua obra. Segundo o próprio Hugo Linard, as canções registradas nesse último trabalho de Correinha em estúdio são, na maioria, inéditas. ´Ele gravou também ´Belezas do Crato´, mas as outras não tinham registro´, diz, citando canções como ´Coisas do meu sertão´, ´Exaltação a Barbalha´, ´Crato de Açúcar´ e ´Meu Cariri´ e ´Balanceio´. ´Fazia tempo que a gente tava cutucando ele, dizendo que ele tinha que gravar de novo. Ele fez dois compactos e outros discos, no tempo do vinil, além de vários cordéis´. Hugo Linard chama atenção para aspectos peculiares da trajetória de Correinha. ´Ele mantinha um bar aqui no Crato e ainda trabalhava como agente carcerário. Era tão querido que os presos pediram à família por ocasião do seu velório, para deixar um pouco o corpo dele lá na cadeia, para eles o homenagearem´.
Dalwton Moura

Jornal do Vicelmo

Todos os dias na Rádio Chapada do Araripe - Internet, a partir das 07:00, ouça o Jornal do Cariri com Antonio Vicelmo. O Jornal é retransmitido da Rádio Educadora do Cariri em tempo real. Você pode ouvir o programa através da nossa imensa rede de Blogs e websites. Alguns programas antigos estão disponíveis no nosso website Jornal do Vicelmo.

AUXÍLIO À LISTA

Dicas de Filmes



Por trás de todo o grande homem se esconde um professor, e isso era certamente verdade para Bruce Lee que aclamava como seu mentor um expert em artes marciais chamado Ip Man. Um gênio do Wushu (ou a escola de artes marciais da China), Ip Man cresceu numa China recentemente despedaçada pelo ódio racial, radicalismo nacionalista e pela Guerra. Ele ressurgiu como uma Fênix das Cinzas graças à suas participações em lutas contra vários mestres Wushu e lutadores de kung-fu - finalmente treinando icones de artes marciais como Bruce Lee. Esta cinebiografia do diretor Wilson Yip mostra a história da vida de Ip.

Como Publicar seu Artigo


Agora você pode entrar em contato conosco diretamente. Se vc deseja publicar algum artigo que julgue importante para o Cariri, entre em contato conosco. Todos os artigos aprovados serão devidamente creditados aos autores. Os melhores artigos merecerão destaque, e se continuados, os escritores e cronistas poderão se tornar membros permanentes doportal Chapada do Araripe. Contatos: MSN e E-mail: blogdocrato@hotmail.com

Quem somos Nós

O Chapada do Araripe é um site sem fins lucrativos, que visa promover a imagem da região do cariri cearense na Internet. Se você deseja publicar algum artigo no portal Chapada do Araripe, entre em Contato conosco.

Direitos Autorais:

DM Studio – Comunicação & Marketing. Algumas partes do Chapada do Araripe estão sob uma “Licença Creative Commons”, e outras, de acordo com seus respectivos autores, com “Todos os Direitos Reservados” –

www.chapadadoararipe.com - 2014

Contatos: Dihelson Mendonça – MSN e E-mail: blogdocrato@hotmail.com

© 2015 Chapada do Araripe - -