Sport ameaça processar quem decretar hexa do Flamengo


“Há 22 anos ouvimos isso, de que o Flamengo é penta, mas a lei brasileira dá o título de 1987 ao Sport”, adverte presidente do clube

Mesmo rebaixado à Série B do Campeonato Brasileiro, o Sport enfatizou uma polêmica envolvendo o principal candidato ao título desta temporada: o Flamengo. Campeão de direito do Brasileirão de 1987, a equipe pernambucana ameaçou processar quem declarar o sexto título nacional dos cariocas, caso o clube vença o Grêmio, no domingo, no estádio do Maracanã.

“Há 22 anos ouvimos isso, de que o Flamengo é penta, mas a lei brasileira dá o título de 1987 ao Sport. Se alguma emissora de TV, rádio, jornal ou site falar em hexa do Flamengo será processada, pois o nosso jurídico entrará com uma ação na justiça”, ameaçou o presidente do Sport, Sílvio Guimarães.

A polêmica tomou conta do futebol nacional em 1987. Na época, a CBF (Confederação Brasileira de Futebol) anunciou que não iria organizar o campeonato. Dessa forma, o Clube dos 13, criado no mesmo ano, ficou responsável pelo torneio, envolvendo os times da entidade, considerados os “grandes do país”.

Entretanto, a instituição máxima do futebol nacional reviu a atitude e entrou em um consenso com o Clube dos 13. O resultado do acordo acabou sendo a Copa União. O regulamento obrigava o campeão e vice do Módulo Verde (Flamengo e Internacional) a disputarem um quadrangular final contra os dois primeiros classificados do Módulo Amarelo (Sport e Guarani).

Após concluírem suas participações na “elite”, Flamengo e Inter se recusaram a disputar a etapa decisiva contra Sport e Guarani. Consequentemente, a CBF organizou a final entre pernambucanos e paulistas, que culminou na vitória do Leão da Ilha do Retiro.

Para a entidade do futebol nacional e a Justiça, o Sport é oficialmente o campeão de 1987. “Não vai ter nada se eles forem campeões, pois a taça está aqui e o título é nosso. Se o Flamengo for campeão será penta, e não hexa. Não me incomodo com isso, pois estou consciente que o Sport é campeão de 1987″, completou Sílvio Guimarães.

Depois da 37ª e penúltima rodada do Campeonato Brasileiro, o Flamengo lidera a competição com 64 pontos, dois à frente de Internacional, Palmeiras e São Paulo, os outros postulantes à conquista.

Fonte: Gazeta Esportiva

Foto: Gazeta Press

Forte Chuva ocorreu ontem à noite em CRATO

Crato. Por volta das 22:30 de ontem ( Segunda-Feira, dia 30 de Novembro, ) foram escutados os primeiros prenúncios da estação invernosa sobre a cidade de Crato. Fortes trovões e relâmpagos que cortaram os céus da cidade anunciavam a grande chuva que estaria por vir. Não temos ainda os dados oficiais da pluviometria, mas foi uma chuva como há muito tempo não se via na cidade.

Segundo especialistas com quem o Blog manteve contato, a expectativa é de que o “inverno” comece mais cedo, neste final de ano. Mas ainda é precipitada qualquer conclusão. O que esperamos é que essas chuvas não peguem a cidade desprevenida. E aconselhamos às pessoas que comecem a fazer o retelhamento das suas casas, evitando os famosos problemas de goteiras. Como se sabe, todo ano, por essa época, é prudente fazer um serviço de retelhamento nas residências, a fim de evitar surpresas desagradáveis. Desnecessário lembrar também, que durante tempestades, desligue todo equipamento eletrônico mais sensível das tomadas e instalações telefônicas.

Abraços,

Dihelson Mendonça
Foto: Fonte: http://colegaqueloucura.blogspot.com

VI BERRO CARIRI PROMOVE AÇÃO SOCIAL – Por Océlio Teixeira

Criado em 2004, o BERRO CARIRI chega a sua sexta edição. No último sábado, dia 28 de novembro, conversei com o Dr. Francisco Leitão(Presidente da Comissão Gestora da EXPOCRATO) e o Prof. Francisco Cunha(Criador do Berro Cariri e Coordenador do VI BERRO CARIRI) sobre essa experiência que a cada ano vem mostrando sua força e se consolidando como um dos principais eventos da região do Cariri. O VI BERRO CARIRI será realizado no perído de 3 a 6 de dezembro, no Parque de Exposição Pedro Felício Cavalcanti, na Cidade de Crato. A seguir, uma síntese da conversa com o Dr. Leitão e o Prof. Cunha.

Océlio: Prof. Cunha, o Berro foi criado, em 2004, por sua iniciativa pessoal e apoio total da administração da URCA à época. Neste ano de 2009 será realizada a sexta edição deste evento que tem se consolidado como um dos principais do Cariri. Como será o VI BERRO CARIRI?

Prof. Cunha – O Padre Cícero disse a Floro Bartolomeu: o Cariri tem que berrar. E esse berro tem ecuado durante seis anos e nesta sexta versão nós temos a consolidação do sonho de trazer para o Parque de Exposição os arranjos produtivos locais que são menos favorecidos. Aqueles arranjos que são ligados ao pequeno produtor, ao agricultor familiar. A exemplo da criação de ovinos, caprinos, do artesanato, da mandiocultura. A parte da apicultura, que é extremamente importante. O engenho da cana de açúcar e a parte cultural que também é muito importante. Teremos o VI Festival de Violeiros Cego Aderaldo, o VI Festival de Cordéis Patativa do Assaré e o VI Festival Folclórico Mestre Elói Teles. Com isso nós ficamos muito felizes, especialmente com essa nova coordenação e a nova visão dada pelo Dr. Leitão, trazendo artistas de renome nacional, mas que tem uma identidade muito grande com a nossa cultura popular. Neste ano teremos nomes como Os Nonatos, Flávio Leandro, Flávio José, Fagner, Dorgival Dantas e de diversos artistas da região do Cariri.

Océlio – Prof. Cunha, você falou das duas vertentes do VI BERRO, a cultural e de negócios. A respeito desta última, quais são as expectativas para este ano?

Prof. Cunha – A expectativa é que nós tenhamos cerca de 1000 ovinos e caprinos e não necessariamente da comercialização. Mas do ponto de vista da liberação de recursos se tem a expectativa da liberação de mais de um milhão de reais pelo Banco do Nordeste durante o evento. Esta é uma expectativa fantástica. E o que nós esperamos com isso? Nós esperamos que o evento seja um sucesso de público e de negócios. Agora, neste ano, nós temos duas novidades. Uma, é que todo o lixo que for produzido no evento será reciclado pela Associação dos Catadores de Lixo do Crato. A segunda novidade, que é uma idéia do Dr. Leitão, e que foi acatada por todo o Núcleo Gestor, é de dar uma função social ao Berro. Esta ação social consiste no seguinte: durante o dia a entrada no Parque de Exposição será gratuita. Já à noite, para os shows, as pessoas irão contribuir com dois quilos de alimentos não perecíveis, que serão recebidos diretamente por entidades beneficentes da cidade de Crato. E assim, nesse período natalino, o Berro, além de cumprir com uma função ambiental, a reciclagem do lixo, vai cumprir também uma função social que é de tornar o natal das pessoas mais pobres e menos favorecidas de Crato mais alegre e sem fome.

Océlio – Prof. Cunha você falou em 1000 cabeças de ovinos e caprinos. De onde virão esses animais?

Prof. Cunha – Hoje, o Governo do Estado tem feito um esforço muito grande, talvez o maior dentre os estados do nordeste, especialmente através do trabalho capitaneado pelo Secretário Camilo Santana, no sentido de que nós possamos sair do risco desconhecido da aftosa para o risco zero para aftosa. Então, a limitação que nós ainda temos é a barreira sanitária da aftosa, mas o que nós esperamos é ter a participação, especialmente, dos estados que são os maiores criadores de raças nativas, no caso os estados da Paraíba e do Ceará.

Océlio – Vou conversar, agora, com o Presidente da Comissão Gestora da Expocrato, que, atualmente, é responsável pela organização do BERRO CARIRI. Dr. Leitão qual a importância do Berro para a região do Cariri e para a economia local?

Dr. Leitão – A importância do Berro é determinante e tem sua potencialidade voltada, principalmente, para o pequeno agricultor, para o pequeno criador. O Berro tem como objetivos o resgate e a preservação dos animais nativos, que são mais rústicos e que têm o menor custo na sua criação e produção para o pequeno produtor. Esses foram objetivos detalhados e determinados pelo Prof. Cunha, que é na verdade o pai deste evento, o Berro Cariri, na sua passagem pela administração superior da URCA, quando teve esta feliz e importante idéia. Através do Berro movimentamos a agricultura familiar. Nós estamos movimentando o engenho, a casa de farinha com a mandioca, dentre outros. Com isso, movimentamos a economia de um modo geral, criando vários empregos e rendas temporários, sobretudo para aqueles que mais necessitam. E uma ação nova de grande importância é que, como o Berro será realizado no mês de dezembro, o mês natalino, nós achamos por bem beneficiar as oito instituições mais necessitadas e carentes aqui da cidade de Crato e decidimos que o acesso aos shows à noite será mediante a doação, por pessoa, de dois quilos de alimentos não perecíveis. Estes alimentos serão entregues diretamente a essas entidades. Além desse aspecto social, outra ação que consideramos extremamente importante, que já foi citada pelo Prof. Cunha, é a parceria com a Associação dos Catadores de Lixo aqui da cidade de Crato. Esta é uma maneira que encontramos para gerar mais emprego e renda para essas pessoas. Portanto, o Berro, neste ano, ganha essa dimensão eminentemente social, que era uma vontade nossa de há muito tempo e que hoje estamos concretizando. Com isso queremos contribuir com a melhoria de vida das pessoas mais carentes e necessidade de Crato.

Océlio – Dr. Leitão, quais as parcerias que foram estabelecidas, neste ano, para a realizacão do VI Berro Cariri?

Dr. Leitão – As parcerias são aquelas costumeiras. Nós temos a parceria do Governo do Estado do Ceará, através da Secretaria do Desenvolvimento Agrário, que tem à frente o Camilo Santana e que nos tem dado um grande apoio. Temos a parceria da Secretaria do Turismo, visto que vamos receber pessoas de vários estados e é importante a divulgação do Crato e de seus diversos pontos turísticos. Temos a parceria do SEBRAE, da Prefeitura Municipal do Crato, do Instituto Agropólos, a ACCOA, a CDL-Crato, a Associação Comercial e Industrial daqui de Crato, Ematerce, Bradesco, Banco do Nordeste, da URCA, enfim um grande conjunto de parceiros que são fundamentais para a realização deste grande evento. Com o apoio de todos esses parceiros temos, portanto, a oportunidade de fazer esse trabalho, possibilitando a geração de mais emprego, mais riqueza e mais renda para a cidade de Crato. Queremos destacar mais uma vez as ações de cunho social que serão desenvolvidas nesta sexta edição do Berro com a Associação dos Catadores de Lixo e as entidades beneficentes que tem um trabalho sério voltado para as comunidades carentes. Então nós queremos arrecadar alimentos para que essas entidades possam possibilitar às pessoas que são por elas atendidas um natal mais alegre e com uma alimentação de boa qualidade. Esse é o ojetivo fundamental de todo o trabalho que estamos fazendo aqui, juntamente com o Prof. Cunha, á frente do VI Berro.

Océlio – Essas entidades já foram escolhidas?

Dr. Leitão – Nós ainda estamos selecionando essas instituições e, claro, que vamos escolher aquelas que estão fazendo um trabalho sério, respeitado, e que mais necessitam do apoio e ajuda do povo do Crato, do povo do Cariri e, por que não dizermos, de todo o nosso estado, que é um povo tão bondoso, receptivo e que acima de tudo tem um coração muito grande e que sempre está disposto a colaborar com seu próximo.

Océlio – Prof. Cunha como criador do Berro Cariri, como você se sente hoje, coordenando esta sexta edição, de uma maneira tranqüila, com o apoio do Governo do Estado, da Prefeitura de Crato e de tantos outros parceiros? Qual o seu sentimento de ver este filho crescer, se desenvolver e se consolidar?

Prof. Cunha – A nossa felicidade, em primeiro lugar, é saber que o Berro não morreu na quarta edição, graças ao apoio do amigo, do irmão, da liderança, do grande criador que é o Dr. Leitão. Num momento difícil, quando muitos acreditavam que o Berro iria se extinguir, o Dr. Leitão chamou para si a responsabilidade de realizar o V Berro, que foi um grande sucesso. E nesta sexta versão, com a presidência do Dr. Leitão, o Berro tem dado um salto quantitativo e qualitativo, promovendo inclusão social. E, acima de tudo, ficamos muito felizes com o total apoio que está sendo dado pelo Governo do Estado, especialmente através da Secretaria do Desenvolvimento Agrário, do Camilo Santana, e de todos os parceiros. Nós costumamos dizer que o Berro tem se fortalecido pela parceria e, inegavelmente, ele tem crescido a cada ano, pelo compromisso do Governo do Estado do Ceará e pelo excelente trabalho do Dr. Leitão.

Océlio – Dr. Leitão, para encerrar nossa conversa, uma mensagem para a população do Crato e do Cariri.

Dr. Leitão – Nós convidamos a todas e a todos os cratenses e caririenses a participarem do VI Berro se divertindo e, principalmente, colaborando de forma alegre e respeitosa com a doação de alimentos às instituições beneficentes que estão sendo selecionadas. Na verdade, serão essas instituições que participarão diretamente da coleta e da recepção desses alimentos. Ninguém da Comissão Gestora nem do Governo irá participar do recebimento das doações. Quem desempenhará esse papel, repito, serão as próprias entidades carentes e necessitadas aqui da cidade de Crato. Então, é importante a participação, a colaboração e o envolvimento de todos os cratenses, a fim de possibilitar um natal mais feliz e alegre para essas instituições e para as comunidades com as quais elas trabalham.

Mensagens para o Serra – Por: João Ludgero

Serra está indeciso, não sabe se vai ou se fica, não sabe se fica ou se vai. Se lembra da acertada decisão de ter desistido de concorrer de novo contra o Lula em 2006, teria sofrido uma lavada e se queimado para sempre. Teve que refrear sua insaciável sede de poder e deixar que Alckmin fosse a vítima de Lula.
Mas agora não se decide. Deixar o governo do Estado, pelo qual tanto lutou, para tentar a presidência e ser derrotado de novo, significaria liquidar sua última tentativa de chegar à presidência – com que sempre sonhou. E ainda ficar sem o governo do Estado, sem instrumentos de poder, sabendo que sem isso fica reduzido a nada. Ou desistir de concorrer e ficar no governo de São Paulo, deixando passar sua última tentativa, renunciar a concorrer de novo, ir embora da política com toda a geração de tucanos e demos que se retirarão para o anonimato.
Mandemos mensagens para o Serra.
A minha:
Seja candidato. Defenda publicamente o que vocês dizem diariamente: Que os sucessos do governo Lula se devem ao governo de FHC (do qual você foi sempre ministro, da área econômica, depois da saúde). Trate de explicar isso. Defenda o governo do mesmo bloco de partidos que te apóia hoje, defenda as privatizações, defenda a Petrobrax, defenda a política econômica de que você fez parte, tente explicar como vocês dizem que as políticas sociais do governo Lula foram começadas no governo FHC, mas este foi rejeitado brutalmente pelo povo brasileiro, enquanto o governo Lula é aclamado.
Reitere que o Brasil, ao apoiar o retorno do presidente legalmente eleito de Honduras contra o golpe militar, fez uma “trapalhada”, nas tuas desastradas palavras. Explique porque fugiu do Brasil poucos dias depois do golpe e abandonou a UNE, da qual era presidente e os estudantes, na sua dura e linda luta contra a ditadura. Seja candidato, critique o governo Lula, diga porque está contra a continuidade deste governo coma Dilma. Diga quem dirigirá tua política econômica. Que mudanças fará na política exterior. Que cargos terá o DEM no teu governo. Seja candidato, Serra, tenha coragem, enfrente o país e o povo, submeta-se ao voto popular.
Fonte
Blog do Emir Sader
Cartamaior.com.br

CNBB se diz perplexa com oração de aliados de Arruda ao receberem propina

Da Folha Online

O secretário geral da CNBB (Conferência Nacional dos Bispos do Brasil), dom Dimas Lara Barbosa, ficou revoltado ao ser informado sobre o vídeo em que aliados do governador do Distrito Federal, José Roberto Arruda (DEM), alvos da Operação Caixa de Pandora, da Polícia Federal, oram após receberem propina. “Essa cena eu ainda não vi e de certo modo foi bom ainda não ter visto, pois me sentiria revoltado”, afirmou. Aliados de Arruda foram filmados recebendo dinheiro e guardando maços de notas em bolsas, bolsos e até dentro de meias. Após receberem a propina, o deputado Rubens César Brunelli (PSC), o atual presidente da Câmara, Leonardo Prudente (DEM), e Durval Barbosa, ex-assessor de Arruda e colaborador da PF que entregou o suposto esquema de desvio de verbas públicas e arrecadação de propina de empresas para pagar despesas de campanha e distribuir recursos à base aliada do governador, oram. “Lamento que a religião esteja tão banalizada a tal ponto de as pessoas não a verem como serviço a Deus e ao próximo, mas como servir-se da fé e do próximo; isso é uma inversão total de valores”, disse o secretário geral da CNBB. Dom Dimas reafirmou ainda a perplexidade da entidade diante dos vídeos divulgados e cobrou apuração rigorosa dos fatos. “Estamos perplexos com o que já vimos nesse caso e queremos que as investigações sejam ágeis e que, o quanto antes, a ética possa prevalecer e os fatos possam ser esclarecidos.”

Postado por : J. Flávio Vieira

Libertação de Polanski ainda pode demorar, diz enviado francês

Autoridades suíças não vão soltar Roman Polanski e conceder prisão domiciliar ao cineasta em seu luxuoso chalé alpino dentro dos próximos dias, disse o cônsul francês nesta segunda-feira. Depois de visitar Polanski na prisão, o cônsul Jean-Luc Faure-Tournaire disse a jornalistas que Polanski passava bem, mas que sua libertação ainda demoraria alguns dias. Um porta-voz do Departamento de Justiça suíço não quis dar uma data para a libertação, mas disse que Polanski ainda precisava depositar sua fiança de US$ 4,5 milhões (cerca de R$ 7,8 milhões) e que o monitoramento eletrônico ainda precisava ser ativado em seu chalé em Gstaad. Polanski está lutando contra a extradição para os Estados Unidos, onde é procurado sobre uma sentença emitida em 1977 que o acusa de ter feito sexo com uma menina de 13 anos.

O diretor de cinema franco-polonês, de 76 anos, foi preso a pedido dos EUA quando desembarcou na Suíça em 26 de setembro para receber um prêmio em homenagem a sua obra em um festival de cinema. Polanski foi originalmente indiciado por seis crimes, incluindo estupro e ter feito sexo com uma menina depois de lhe dar champanhe e drogas. Ele assumiu a culpa em apenas um delito, o de ter feito sexo com uma menor. Mas ele fugiu depois de ter sido libertado sob fiança antes que o caso fosse concluído, porque achava que o juiz iria sentenciá-lo à prisão.

O Departamento de Justiça da Suíça deve decidir “dentro de semanas” sobre a possível extradição de Polanski, mas ele ainda pode apelar da decisão, o que arrastaria a disputa por meses. Ele enfrenta até dois anos em uma prisão norte-americana se for extraditado. Os filmes de Polanski incluem “O Pianista”, que lhe rendeu um Oscar de direção em 2002, “O Bebê de Rosemary”, “Repulsa ao Sexo” e “Chinatown”.

Fontes: da Reuters, em Zurique – Via Folha OnLine

Tributo ao rabequista José Oliveira – Carlos Pontes

A cegueira mais intensa e pecaminosa não é exatamente a que tinha o virtuoso rabequeiro José Oliveira. Muito pelo contrário, suas harmonias vinham dos anjos e de outras místicas que não atingimos. Cegueira grave mesmo é a dos 77 milhões de brasileiros não-leitores (e dentre esses 22 milhões que são analfabetos), vítimas de uma alienação terrível que assola este país. Ou mesmo de programas de auditório cheios, mas vazios de conteúdo, de políticos inescrupulosos que insistem ofuscar nossos valores a qualquer custo. Ou mesmo a custo nenhum. Lembrar que o nordestino não tem serventia nos tempos atuais apenas para mão-de-obra lá no sudeste ou sul. Nós pensamos. Embora muitos não admitam. A inocência de José Oliveira advém dos céus. Isso é um fato. Sua história é bonita. É de uma herança medieval. A cegueira alienante da sociedade é que não consegue enxergar. Que pena. Estamos empobrecendo culturalmente. Isso é grave. Precisamos de violas, rabecas, sanfonas, ganzás e outras tantas manifestações que imitem a fala nordestina. A fala de nossa alma. Não podemos nos empolgar tanto com a especulação imobiliária. Senão vamos ficar igualzinho a milhares de cidades, com as mesmas ânsias, fobias, temores. José Oliveira é um profeta do seu tempo. De bom ou ruim. É um divisor das águas do que desejamos (será que ainda desejamos?) a uma ciência que batizamos de cultura. Ou quem sabe não desejamos p… nenhuma. E que José Oliveira possa inspirar nossas almas vazias, precárias e voluntariosas. Que os versos e harmonias não sejam saberes de tempos pretéritos, apenas. E principalmente que o ser humano seja um projeto que dê certo e possa enxergar melhor.

Carlos Pontes
Editor da Revista Mambembe

Publicidade é com o Blog do Crato – Aonde todo mundo Lê !!!


Anuncie Aonde Todo Mundo Lê – BLOG DO CRATO !

- Anuncie no maior veículo de internet do Cariri.
- Mais de 40.000 acessos por mês
- 4 Anos no mercado.
- Mais de 1 milhão de páginas acessadas em 4 anos de existência
- Solidez e Conhecimento em Internet
- Planejamento da Publicidade, direcionado ao tipo de Anúncio.
- Planos Semestrais e Anuais
- Anúncios intercalados entre as postagens do Blog
- Não fique em sites mesquinhos, que apenas colocam seu Banner! No Blog do Crato, nós projetamos sua empresa através de um completo sistema de publicidade, que atinge o maior número possível de clientes.
- Publicação em horários especificados pelo anunciante
- E mais…

Não perca seu dinheiro. Esqueça Jornais de papel. Anuncie na própria Internet. Divulgue a sua empresa para o mundo. Anuncie no Blog do Crato, a maior vitrine do Cariri. Faça como: Amilton Som, AraújoSAT, Mercadinho Matos, Jornal O Estado, Clínica São Raimundo, Dr. José Flávio Vieira, Adv. Mário Correia. Venha para o Blog do Crato !

Contatos:

E-mail: blogdocrato@hotmail.com ( todos os e-mails recebidos referentes a publicidade, serão respondidos. Agendamos dia e horário para conversar pessoalmente com o cliente ). Se seu e-mail não for respondido em 24H, entre em contato pelo telefone.

Telefone para Recados: (088) – 3523-2272

Blog do Crato – Mais de 1 milhão de Acessos a Páginas em 4 Anos

Por: Dihelson Mendonça
Administrador

Especialistas dão dicas para que blogueiros evitem problemas com a justiça.

Por mais que muita gente pense que a internet é uma terra sem lei, ela não é. Desde o começo de 2009 já foram julgados mais de 17 mil processos envolvendo direito eletrônico, incluindo mensagens ou comentários ofensivos em blogs.

Quem lembra é o advogado especializado em direito eletrônico Renato Opice Blum. Ele cita dois casos atuais que foram julgados recentemente nos Estados Unidos: “o processo de Michelle Obama contra o Google por que o programa de buscas exibiu imagens da primeira-dama americana em ela que aparece como uma macaca e o processo de judeus também contra o mesmo serviço de buscas por entregar imagens e textos ofensivos a eles”.

Especialistas em direito digital consultados pelo R7 dizem que a atividade de blogueiro é um trabalho de risco. Para evitar que um post seu ou um comentário publicado em seu blog o deixe em apuros jurídicos, advogados e juristas especializados no mundo virtual dão dicas que podem evitar muita dor de cabeça como a que abate o estudante de jornalismo de Fortaleza Emílio Moreno da Silva Neto depois de ter permitido um comentário ofensivo no blog dele.

- Não fale (ou deixe os outros comentarem em seu blog) sobre os outros aquilo que não gostariam que falassem de você;
- Use ferramentas que sejam capazes de identificar e registrar seus usuários, as mensagens publicadas, além do nome, e-mail e IP do usuário, como o Google Analytics e o SiteMeter, ambos gratuitos;
- Identifique e guarde o IP (número que identifica cada usuário) dos internautas que fazem comentários em seu blog: esse número permite verificar qual é o provedor de acesso e chegar até o usuário;
- Procure dar toda a atenção possível à moderação de comentários pelo menos uma vez por dia; faça uma varredura cuidadosa e, se identificar algo ofensivo, retire o comentário o mais rápido possível do ar e comunique o usuário;
- Coloque um aviso (bem visível) em seu blog comunicando que não serão aceitos comentários ofensivos; deixe bem claras as regras e avise que o número IP está sendo guardado, já que muita gente dá e-mail falso;
- Caso surja algum problema por causa de algum post polêmico, procure um advogado o mais rápido possível.

FONTE: R7.COM

Gratidão – por Magali de Figueiredo Esmeraldo

Quando alguém nos presta um favor, a vontade que temos é retribuir àquela pessoa que nos ajudou. A gratidão é o sentimento mais bonito do ser humano. Quem ajuda o outro não deve esperar retribuição. O serviço deve ser gratuito, pois é mais agradável aos olhos de Deus. A alegria maior é a de quem pode doar-se. Todo ser humano se sente feliz em fazer o bem. Agora, saber agradecer depende do caráter, da maneira como recebeu os valores morais dentro da família.

Cultivar a gratidão deve ser uma constante na nossa vida. Agradecer a Deus todas as bênçãos e dons que recebemos Dele é nossa obrigação. Ao iniciarmos o dia, devemos ter sempre uma atitude de gratidão a Deus pelo dom da vida, pelas maravilhas que Ele faz por todos nós.

Nos salmos de agradecimento podemos refletir o que nos diz a Bíblia, Salmo 92,2 “É bom agradecer a Javé e tocar para o teu nome, ó Altíssimo; Salmo 103, 1-2 “Bendiga a Javé, ó minha alma e todo meu ser ao seu nome santo! Bendiga Javé, ó minha alma, e não esqueça nenhum dos seus benefícios.”
O Evangelho de Jesus Cristo segundo Lucas 17, 11-19, narra que quando Jesus passava entre a Samaria e a Galiléia, indo em direção a Jerusalém, chegando perto de um povoado, vieram dez leprosos ao encontro de Jesus, pararam à distância e gritaram; “Jesus, mestre, tem compaixão de nós”. Jesus mandou-os apresentar-se aos sacerdotes. Ficaram curados e só um voltou glorificando a Deus em voz alta e, atirando-se aos pés de Jesus, com o rosto por terra lhe agradeceu. E era um samaritano, povo considerado impuro pelos judeus. Então Jesus lhe perguntou: “Não foram dez os curados? E os outros nove, onde estão? Não houve quem voltasse para dar Glória a Deus, a não ser este estrangeiro?” E disse-lhe: “levanta-te e vai! A tua fé te salvou”. O samaritano foi capaz de reconhecer o dom e agradecer a Deus, pois Dele nos vêm todos os dons.

Qual a lição que podemos tirar dessa narrativa? A fé do samaritano é um ponto importante desse trecho do Evangelho segundo Lucas. É uma fé madura e que nascida da esperança vai crescendo na obediência à Palavra de Jesus. E o mais bonito é que essa fé se manifesta na gratidão. Jesus dá a ele não só a cura, mas a salvação. Quando o samaritano reconhece que em Jesus, o amor de Deus leva os homens a viver na alegria da gratidão, sua vida chega à plenitude. Portanto, a vida que Deus dá em Jesus Cristo é gratuita. É graça.

Essa reflexão poderia nos ajudar a viver a gratidão. Vamos praticar a gratidão, em primeiro lugar a Deus e depois aos nossos irmãos pelos muitos benefícios recebidos.

Podemos agradecer a Deus pelo emprego, pela família, pelos amigos, pelo ar que respiramos, pelos dons que recebemos Dele. Esses dons que Deus nos dá, devem ser colocados a serviço do nosso irmão.

Por Magali de Figueiredo Esmeraldo

Sobram 12 mil vagas em instituições públicas – Postado por Océlio Teixeira

Nas estaduais, número de lugares ociosos aumentou 9%; nos estabelecimentos federais de ensino, mais do que dobrou. Motivos vão de desinteresse à falta de dinheiro ou de dificuldade de acompanhar aula, o que gera evasão, à pouca divulgação de cursos.
Instituições que têm alguns dos vestibulares mais concorridos estão cada vez mais com vagas sobrando. Ao todo, são 11.759 lugares vagos em universidades públicas e gratuitas. O dado está no Censo da Educação Superior: de 2007 para 2008, o número de vagas ociosas nas instituições estaduais aumentou 9%; nas federais, mais do que dobrou, passando de 3.400 para 7.387 (aumento de 117%). Nessa conta estão incluídas universidades e institutos federais de educação tecnológica, que oferecem ensino técnico de nível superior. Para Reynaldo Fernandes, presidente do Inep (instituto ligado ao MEC), o fenômeno nas instituições públicas está relacionado, principalmente, aos alunos que acabam mudando de graduação, o que faz sobrar vagas nos cursos de origem. Outro problema é a evasão, seja por falta de dinheiro ou dificuldade de acompanhar as aulas.

O secretário-executivo da Andifes (Associação Nacional dos Dirigentes das Instituições Federais de Ensino Superior), Gustavo Balduíno, disse que esse é um problema que sempre se enfrentou nas universidades. Segundo ele, as instituições estão buscando atacá-lo aumentando a assistência estudantil, com verbas para moradia e alimentação, por exemplo, e investindo em acompanhamento pedagógico dos alunos que entram com mais deficiências trazidas do ensino básico. Segundo ele, também pode ter contribuído para o aumento das vagas ociosas o baixo interesse e a pouca divulgação de cursos recém-abertos, principalmente no interior do país.

Outro problema, no entanto, pode ser um desinteresse dos próprios alunos em concluírem seus cursos no tempo certo. Para João Ferreira de Oliveira, professor da UFG (Universidade Federal de Goiás), uma justificativa pode ser a ampliação dos prazos de jubilamento. “O aluno começa a trabalhar, tranca disciplinas e acaba estendendo o curso”, diz. Além das vagas ociosas, o censo revelou que, apesar do aumento expressivo das matrículas nas federais, o número de alunos formados caiu 6%. Segundo a Andifes, isso se deve ao término de diversas turmas especiais criadas nas universidades para professores. É o caso da Fundação Universidade Federal de Rondônia, que apresentou a maior queda no número de formados entre as federais: de 3.238 para 772. A federal de Rondônia afirma que em 2007 o número de graduados teve um aumento devido ao Programa de Habilitação de Professores Leigos do governo do Estado, que ofereceu curso superior a professores que não tinham graduação.

Fonte: Folha de São Paulo (28/11/2009)

Aumento de Matrículas em IES Reprovadas – Postado por Océlio Teixeira

Ex-diretor do Instituto de Física da USP de São Carlos, Oscar Hipólito, defende que o governo tenha mais controle sobre a abertura de vagas em escolas reprovadas. “Se o próprio MEC indica que essas instituições não têm qualidade, ele precisa fazer alguma coisa”, afirma Hipólito, atualmente pesquisador do Instituto Lobo (consultoria de ensino superior). (FT)

FOLHA – Como o sr. avalia o crescimento de matrículas em instituições reprovadas?
OSCAR HIPÓLITO – A divulgação das avaliações do MEC parece ainda não ter surtido efeito. Os estudantes continuam procurando essas instituições, e os que estão lá não pediram transferência. Isso vai mudar com o tempo, todos vão priorizar a qualidade.

FOLHA – Qual o papel do poder público nesse ponto?
HIPÓLITO – Se o próprio MEC indica que essas instituições não têm qualidade, precisa fazer algo. As medidas anunciadas até agora, de corte de vagas em alguns cursos, parecem inócuas, uma vez que boa parte das vagas já não estavam preenchidas. Os dados mostram que escolas reprovadas continuam crescendo.

FOLHA – Como o sr. avalia as universidades federais?
HIPÓLITO – O número de vagas ociosas aumentou muito. Isso quer dizer que ou o governo abriu vaga onde não precisava ou abriu em cursos sem demanda. Mostra um erro de planejamento, desperdício de recursos públicos. Outro problema foi a queda no número de concluintes. Ou estão reprovando mais ou estão evadindo. Considerando que grande parte dos jovens está fora do ensino superior, as falhas ficam acentuadas.

Fonte: Folha de São Paulo (28/11/2009)

VI BERRO CARIRI: PROGRAMAÇÃO CULTURAL – Por Océlio Teixeira

A Primeira Edição do Berro Cariri foi realizada em 2004, quando o Prof. Francisco Cunha, então Chefe de Gabinete do Reitor André Herzog, gestou a idéia e, juntamente com a administração superior da URCA à época, organizou o I BERRO CARIRI. Agora, na sua sexta edição, o BERRO se mostra consolidado. Os motivos desse sucesso são vários, dentre os quais podem ser destacados o apoio do Governo do Estado, através da Secretária do Desenvolvimento Agrário e da Comissão Gestora da EXPOCRATO, a priorização dos negócios voltados para a agricultura familiar e pequenos produtores e a valorizaçãos dos valores artísticos regionais. Abaixo a programação cultural do VI BERRO CARIRI, que acontecerá no período de 3 a 6 de dezembro do corrente ano.

ATRAÇÕES CULTURAIS:

DIA 03/12/2009 – QUINTA – FEIRA
• 18:00 REIZADO INFANTIL
• 19:00 FESTIVAL DE VIOLEIROS
• 22:00 FERREIRINHA DO ACORDEON
• 23:00 OS NONATOS

DIA 04/12/2009 – SEXTA – FEIRA
• 18:00 IRMÃOS ANICETO
• 19:00 FESTIVAL DE CORDEL
• 21:00 MISTURA NOVA
• 22:00 FLÁVIO LEANDRO
• 23:50 FLÁVIO JOSÉ

DIA 05/12/2009 – SÁBADO
• 18:00 MANEIRO PAU
• 19:00 LENINHA
• 21:00 HERDEIROS DO REI
• 22: 00 LUIZ FIDELIS
• 23:00 FAGNER
• EPITÁCIO PESSOA

DIA 06/12/2009 – DOMINGO
• 17:00 RAPADURA CULTURAL: Tábua de Pirulito: Espetáculo Infantil / Os Três do Ceará
• 19:00 RAÍZES DO FORRÓ
• 20:00 STÊNIO LIMA
• 21:00 BELO XOTE
• 23:00 DORGIVAL DANTAS

REALIZAÇÃO :
GOVERNO DO ESTADO DO CEARÁ
SECRETARIA DE DESENVOLVIMENTO AGRÁRIO
SECRETARIA DE CULTURA DO ESTADO
SECRETARIA DE TURISMO DO ESTADO

OAB pede impeachment de Arruda do Demo-cratas


A OAB (Ordem dos Advogados do Brasil) decidiu nesta segunda-feira (30) apresentar um pedido de impeachment contra o governador do Distrito Federal, José Roberto Arruda (DEM), por crime de responsabilidade. O governador está sendo acusado de participação em um esquema de pagamento de propina a deputados distritais e aliados. O pedido ainda deverá ser analisado pelos 45 conselheiros da seccional do Distrito Federal, que devem se manifestar sobre o assunto na próxima quinta-feira, quando haverá reunião do conselho pleno. Caso a proposta seja aprovada, o pedido de impeachment será encaminhado à Câmara Legislativa. A decisão foi tomada em reunião realizada nesta manhã, entre o presidente da entidade, Cezar Britto e a presidente da seccional da OAB do DF, Estefânia Viveiros. “Esse é um assunto que não diz respeito apenas ao Distrito Federal, mas que tem repercussão nacional”, disse Estefânia, acrescentando que buscará o apoio dos conselheiros para a iniciativa. “Na próxima quinta-feira, a OAB convencerá a si mesma a entrar nessa luta. Todos sabem da gravidade das denúncias contra o governador Arruda, envolvendo vários de seus secretários, de seus parlamentares. Diante de tais denúncias não poderíamos ter como resposta o silêncio, a inércia. Por isso a solicitação do apoio do conselho federal a essa nova marcha cívica, com o apoio do conselho federal”, afirmou o presidente Britto. Na reunião de quinta-feira, os conselheiros podem decidir ampliar o pedido de afastamento. “O processo será amplo, porque não envolve apenas a figura do governador, mas toda uma estrutura de governo”, disse Britto. Leia mais

Em um eventual afastamento de Arruda, o primeiro a substituí-lo no cargo seria o vice-governador, Paulo Octávio (DEM). As investigações, no entanto, apontam que ele também estaria envolvido no esquema de propina, assim como o presidente da Câmara Legislativa, Leonardo Prudente (DEM). Caso o envolvimento dos dois fique comprovado, resta ainda a possibilidade de o presidente do Tribunal de Justiça do DF assumir o posto, até a realização de novas eleições.

A OAB também realizará uma marcha cívica “para demonstrar a indignação da sociedade” com as denúncias, de acordo com o presidente nacional da entidade. Ele avalia que da mobilização da população dependerá o acatamento do pedido de impeachment e o prazo para sua análise. “O prazo depende da mobilização popular, da indignação da sociedade”. Questionado sobre o fato de o eventual pedido de impeachment ser analisado por uma Câmara Legislativa presidida por alguém que estaria envolvido nas denúncias, Britto disse que o pedido “é institucional, não pessoal”. “Por isso o pedido não é feito ao presidente da Câmara, mas ao Parlamento”.

Postado por: José Flavio Vieira

José Mujica :Ex-guerrilheiro ganha eleições uruguaias

Seg, 30 Nov, 12h29
Montevidéu, 30 nov (EFE).- O ex-guerrilheiro José Mujica ganhou neste domingo o segundo turno das eleições do Uruguai, segundo os primeiros resultados oficiais e as pesquisas de boca-de-urna, ao derrotar o ex-presidente conservador Luis Alberto Lacalle, em uma jornada tranquila, mas chuvosa.
Com 41,6% dos votos apurados pela Corte Eleitoral, a chapa representada por Mujica e seu candidato a vice-presidente, Danilo Astori, obteve 456.824 votos, e a de Lacalle e seu companheiro Jorge Larrañaga, 429.356 votos.
Esta tendência já tinha sido antecipada pelas três principais empresas de pesquisas do país.
Segundo a Equipos Mori, empresa que se aproximou mais do resultado na votação do mês passado, Mujica obteve 50,1% dos votos, Lacalle 46,2%, e os votos brancos e nulos chegaram a 3,7%, com 83% das pesquisas revisadas.
Por sua parte, a empresa Factum deu a Mujica, da Frente Ampla, 51,2% dos votos, e a Lacalle, do Partido Nacional (Blanco), 44,9%, enquanto a Cifra dava ao esquerdista 51,5% e ao conservador 44,4%.
Nos balanços destas duas últimas pesquisadoras, os votos em branco e nulos chegaram a 4%.
Após serem cconhecidos estes primeiros dados, Mujica – um ex-guerrilheiro tupamaro que passou 13 anos de sua vida na prisão, boa parte deles durante a ditadura militar (1973-1985) – se dirigiu a seus seguidores no quartel-general de seu partido em Montevidéu para agradecer o apoio.
“Há aqueles que não se dão conta que o poder não está em cima, mas no coração das grandes massas”, advertiu em um discurso no qual, além de desculpar-se por fortes críticas na campanha, que atribuiu a seu passado de combatente, pediu aos derrotados para trabalharem juntos pelo país.
Mujica esclareceu que na eleição não houve “nem vencidos nem vencedores” e advertiu que o Governo eleito “não é dono da verdade” e “precisa de todos”.
Minutos antes, o presidente Tabaré Vázquez, também da Frente Ampla, já tinha dado seu companheiro de bloco político como ganhador e tinha enviado um abraço por telefone a Lacalle.
Quase ao mesmo tempo, o próprio perdedor reconhecia na sede de sua legenda, o Partido Nacional (Blanco) a vitória de seu oponente e exortava seus seguidores a “vigiarem as instituições”.
“José Mujica será nosso presidente, devemos aceitá-lo”, enfatizou, frente a um grupo pouco numeroso de seguidores, muito menor que o grosso de simpatizantes da Frente Ampla que nesse momento se reunia em frente ao QG de Mujica, à espera que aparecesse o virtual vencedor das eleições.
“Saibam de uma coisa povo, companheiros, o mundo é ao contrário, vocês é que deveriam estar no palanque e nós aplaudindo. Vocês que travaram e mantiveram esta batalha acesa”, disse Mujica ao subir no palanque, em um ato que durou poucos minutos por causa do temporal de vento e chuva no local.
Somente o mau tempo foi a preocupação de uma jornada eleitoral na qual o civismo marcou a pauta do comportamento dos cidadãos, como destacou Vázquez ao ir votar pela manhã.
“Embora pareçam similares estão no polo oposto”, destacou o governante sobre os processos eleitorais de Uruguai e Honduras, os dois países latino-americanos nos quais havia votações neste domingo. EFE

Padre Cícero e a exposição de arte LGBT – Quando só o meu direito importa

Esta semana, no “ROTA”, programa policial da TV Verde Vale de Juazeiro do Norte, foi noticiado um fato polêmico: a divulgação de uma fotografia em que a imagem de Padre Cícero Romão Batista aparece com batom e esmalte nas unhas. A fotografia apareceu no livreto de divulgação de uma exposição de arte LGBT, que estava ocorrendo no SESC em Barbalha.
Veja o vídeo:
Padre Cícero é uma figura religiosa do catolicismo caririense. Tido por santo porém ainda não canonizado, sua fama atrai romeiros e devotos de todo o país, que vêm a Juazeiro todos os anos em busca de proteção e em gratidão pelos milagres obtidos.
A polêmica envolvendo o desrespeito à imagem do santo está sendo amplamente debatida na região caririense, e a população tem se mostrado indignada com esta “manifestação artística” promovida pela GALOSC, entidade local do movimento LGBT.
A igreja católica manifestou-se contra o ocorrido, considerando um desrespeito ao sentimento religioso dos seus fiéis, mormente porque o ato foi feito por entidade que luta pelo respeito aos direitos de uma classe, ao mesmo tempo em que desrespeita o sentimento religioso e a própria imagem do Padre Cícero. A igreja não descarta a possibilidade de ação judicial em resposta.
Não é a primeira vez que algo assim ocorre. Recentemente, na Espanha, um calendário em que quadros de arte sacra conhecidos ganharam uma versão LGBT, com seus personagens representados por “drag queens”, travestis e transexuais, com roupas decoradas com preservativos e outros objetos, causaram revolta e críticas.
Diante de fatos assim, pergunta-se: quais são os limites éticos para a luta por direitos num regime democrático, em que os direitos de todos devem ser igualmente preservados? A resposta é muito simples e até clichê: meu direito termina onde o dos outros começa.
A atitude passa a ser ainda mais condenável e ilógica no momento em que utiliza em seu favor a imagem de um ser humano de opinião presumivelmente contrária, falecido, e que é reverenciado e respeitado pela religiosidade popular (objeto de culto), ignorando a ofensa causada no íntimo dos detentores desta, que nada tinham a ver com o assunto. Como se pode exigir respeito quando não se respeita em primeiro lugar? Agindo assim, o movimento GLBT local terminou por dar um tiro no próprio pé.
Entendo que tal movimento, como qualquer outro, é formado por indivíduos bons e maus, éticos e antiéticos, porém jamais idênticos: opinião, bom-senso, respeito, princípios e ética variam de indivíduo para indivíduo, não havendo total uniformidade. Certamente, portanto, nem todo mundo que é LGBT compactuaria com o que foi feito para fins de arte e divulgação, vez que há formas civilizadas e respeitosas de se fazer qualquer tipo de obra, compatíveis com a convivência harmônica dos indivíduos de uma democracia como sujeitos de direito e sujeitos ao direito.
Não sou católico romano, mas, deixando minha opinião sobre o ocorrido, devo dizer que considero um ato reprovável, infeliz, abusivo e de extremo mau gosto, totalmente desnecessário. Há muitas maneiras legítimas e belas de se fazer arte e defender ideias, mas creio que, no mar do infinito de opções, mexer com o sentimento religioso do próximo e com seus direitos não é a melhor.
Eu jamais me sentiria confortável em me valer da imagem de algum ser humano de forma desrespeitosa e contrária à sua opinião. O que eu ganharia com isso? Respeito se conquista, se merece. Havendo como eticamente ganhar e merecer respeito, como posso agir de forma contrária e ofensiva e esperar compreensão e acatamento alheios?
Sinceramente, não creio que todos os homossexuais compactuem com atos assim, como também o povo não compactua com todos os atos de seus representantes eleitos, como grupos discordam de vez em quando de suas lideranças, portanto, não devem ser maltratados ou desprezados pelos erros de quem os afirma representar mas age mal.
O homem, segundo a Bíblia, foi feito à imagem de Deus. Assim, sua dignidade merece ser preservada; bem como seus valores, suas crenças, seus sentimentos, seu íntimo, sua liberdade. O Estado de direito exige para garantir que tais direitos sejam igualmente assegurados a todos. No momento em que atentamos contra a dignidade de alguém, mostramos que não lhes valorizamos como seres humanos. E se ao mesmo tempo em que dizemos que lutamos por dignidade e direitos, calcamos aos pés os dos outros, lutamos por que mesmo?
Por: Avelar Junior

Sou feliz – Por Jorge Carvalho

“Quem ilumina corações alheios
Perfuma os próprios caminhos”

Pe. Roque Schneider

Sou feliz por ser o pai de Cecília Noêmi, como também por ser filho de Seu Chico e Dona Conceição e ser sobrinho de Dona Nilza: educadora, cristã e espiritualmente bondosa. Tenho ainda a virtude de ser sobrinho de Amarílio Carvalho: ator, escritor, tipógrafo exemplar. Sou feliz por ter nascido no Cariri, mas ser desprovido de bairrismo preconceituoso.

Vivendo na região mais agradável do Ceará. A cidade de Barbalha, por exemplo, com invejável manutenção de um “rico” e belo patrimônio histórico-arquitetônico. Missão Velha, a sempre “porta de entrada do Vale do Cariri”. Nova Olinda e sua Fundação Casa Grande – Memorial do Homem Kariri. Juazeiro: Meca do trabalho e oração. Padre Cícero possibilitou o exuberante crescimento comercial e a pujança firme de uma cidade, hoje metrópole do Cariri. Crato e o Cariri, o Cariri e o Crato umbilicamente unidos numa efervescência cultural exuberante, transbordando pelas bordas cultura popular e erudita em cachos, em “ruma”, num colorido cenário, possibilitando alegria e entusiasmo interior incomparáveis. Sou feliz por conhecer Mestre Aldenir, Mestres Raimundo e Antonio Aniceto, Mestra Zulene Galdino, Mestre Cirilo, Mestra Edite, Mestras Mazé e Penha Luna, Mestre Bigode, Mestra Marinês, e ainda o poeta Luciano Carneiro, a poetisa Lacerda, o poeta Olinar Honor, o cantor e compositor Luis Carlos Salatiel, o professor Carlos Rafael, o professor Cacá Araújo, o professor José Nilton Figueiredo, o médico José Flávio, a professora Fabiana e o escritor Emerson Monteiro.
Sou feliz em ver acontecer as terreiradas (Mostra SESC) em Crato e Juazeiro, onde a “felicidade” contagia a todos, a emoção extrapola limites físico e mental.
Sou feliz por há mais de trinta anos ser funcionário público estadual, lotado no meu querido colégio Estadual Wilson Gonçalves, por ter “nascido” no Alto da Penha, e lá vivido a infância e pré-adolescência. Sou feliz por torcer o Botafogo (uma questão política-ideológica). Botafogo, do saudoso e “valente” João Saldanha – o João sem medo – comunista e nacionalista, qualidades que assimilei e tenho orgulho de assumi-las como ideal de vida.
Sou feliz por ser leitor do Professor Leonardo Boff. Sou feliz em ter votado para presidente no maior brasileiro da história: LEONEL DE MOURA BRIZOLA, estadista com E maiúsculo. Sou feliz em ter homenageado “Chupetinha” e Anduiá no Rapadura Cultural. Por ter entrevistado Doutor Raimundo de Oliveira Borges e o Padre Antonio Vieira. Sou feliz em ser casado com Maria Socorro Lima: mulher alheia a qualquer vaidade física, dedicação doméstica e cristandade exemplares.
Por fim, sou feliz em ter São Cristovão como meu protetor e Santa Teresinha do menino Jesus como guia espiritual. Feliz em “tá” “ligado” em preservar o planeta – a mãe Terra – e a justiça social.

Jorge Carvalho
“Um ano novo socialista”
Novembro/2009

Comunidade do Parque Grangeiro homenageou Padre Manuel Feitosa – por Armando Rafael

Na noite de ontem, 29, a comunidade do bairro Parque Grangeiro prestou significativa homenagem ao Padre Manuel Alves Feitosa, pelo jubileu de ouro de sua ordenação sacerdotal.
Uma placa foi afixada no interior da capela de Nossa Senhora da Conceição para lembrar a efeméride e um grande bolo e refrigerantes foram servidos a cerca de duzentos fiéis que cmnpareceram à missa e à solenidade de homenagem. Na ocasião, em nome da comunidade, proferi a saudação abaixo:


“Ilustríssimo e Reverendíssimo Padre Manuel Alves Feitosa,
Minhas senhoras e meus senhores:

João de Araújo Galvão e Francisca de Morais Feitosa nunca poderiam imaginar – naquele 25 de novembro de 1931 – data de nascimento de mais um filho do casal, em quem colocaram o nome de Manuel, que aquele rebento estava destinado a um profícuo e abençoado sacerdócio.

Tivesse seguido o mesmo rumo da maioria dos homens nascidos no município de Arneirós, no Sertão dos Inhamuns cearense, Manuel – quando fosse um menino taludo – teria enveredado pelas atividades agro-pastoris, enfrentando a caatinga arbórea e arbustiva, em meio ao xique-xique, macambira, coroa-de-frade e mandacaru.

Quis Deus que os caminhos do menino Manuel fossem outros.

Em 10 de outubro de 1940, com a idade de nove anos, já vamos encontrá-lo em Crato, distante muitas léguas da paisagem árida do seu torrão natal, com suas aroeiras, imburanas, angicos, umbuzeiros e catingueiras. No Cariri daquela época – emoldurado pela Chapada do Araripe e com a brisa adocicada pelo cheiro proveniente dos engenhos de rapadura, localizados em meio aos verdes canaviais – o menino Manuel recebeu a Primeira Comunhão no Seminário São José. Entre 1941 a 1946 ele cursou as séries primárias no Círculo Operário Católico de Crato, tendo como professor seu tio paterno, Manoel Leonardo Feitosa.

No alvorecer de 1947 – e até fins de 1953 – o jovem Manuel Alves Feitosa estudou no Seminário São José de Crato. De 1954 até 1959 foi aluno do Seminário da Prainha, em Fortaleza, onde cursou Filosofia e Teologia. A realização do seu acalentado sonho ocorreu no dia 8 de dezembro de 1959, na Catedral de Nossa Senhora da Penha, em Crato, quando, pelas mãos de Dom Vicente de Paulo Araújo Matos, tornou-se Sacerdote ad eternum.

No Evangelho de São Mateus, capítulo 13, versículos 31 e 32 está escrito:
“O Reino de Deus se parece com um grão de mostarda que um homem toma e semeia em seus campos. É a menor de todas as sementes, contudo, quando cresce, é mais alta que outras hortaliças. Torna-se uma árvore, vêm os pássaros do céu e se aninham em seus ramos.”
Creio que esta parábola – que nos foi contada por Nosso Senhor Jesus Cristo – se adapta com muita precisão a missão que há meio século vem sendo cumprida pelo nosso querido pároco, Padre Manuel Alves Feitosa. A pequena semente que ele plantou, depois de semeada, cresceu e lançou ramos tão grandes que muitos se aninharam à sua sombra.
Confiramos: o ano 1960 ele viveu como vice-reitor do Seminário São José. Entre 1961 a 1967 foi Vigário-Cooperador da Paróquia de Nossa Senhora da Penha, em Crato.
De 1967 a 1975 foi Vigário Ecônomo da Paróquia de Santo Antônio de Jardim. De 1975 a 1980 exerceu idêntica atividade na Paróquia de São Vicente Ferrer de Lavras da Mangabeira, quando ainda substituiu, esporadicamente, os vigários de Umari, Ipaumirim, Granjeiro, Quitaiús e Várzea Alegre.
De 1980 a 2000, por vinte anos, foi Pároco de Nossa Senhora das Dores de Assaré. E desde 2000 até hoje vem administrando a Paróquia de Nossa Senhora de Fátima de Crato.

Padre Manuel Feitosa:
Esta singela homenagem que ora lhe prestamos – por ocasião do seu jubileu de ouro sacerdotal – é um caloroso testemunho de admiração, de afeto e de congratulações por suas qualidades morais, por seu zelo pastoral e pela fecundidade do seu sacerdócio.

Representa o alto apreço do seu rebanho – residente nas comunidades do Parque Grangeiro, do Gregório, Vila Nova, Novo Horizonte, Coqueiro, André Pinheiro e Grangeiro – que ora presta esta homenagem ao seu pároco, padre Manuel Alves Feitosa com a fixação desta placa comemorativa ao seu jubileu de ouro sacerdotal.

Significa o contentamento e o reconhecimento por todos os seus serviços prestados ao longo de cinquenta anos como operário da construção do Reino de Deus.

Que Deus continue protegendo-o, inspirando-o e cumulando-o de Suas bênçãos por muitos e muitos anos mais”…

Texto e postagem de Armando Lopes Rafael

EDUCAÇÃO NO CARIRI – Convivência com o semiárido – Reportagem: Antonio Vicelmo

MORADORES DO SEMIÁRIDO vivem numa região que oferece inúmeras possibilidades de desenvolvimento, desde que adotados programas e manejos adequados às especificidades ambientais, sociais, culturais e econômicas das comunidades. O semiárido brasileiro requer uma educação contextualizada como forma de conquistar o desenvolvimento local

Crato. Foi realizado neste último fim de semana, neste município, o Encontro de Educação Contextualizada do Semiárido Nordestino, um processo de formação para professores, que teve como objetivo aproximar as atividades pedagógicas desenvolvidas nas escolas às discussões sobre a proposta de convivência com o semiárido. O encontro, coordenado pela Cáritas da Diocese do Crato, buscou contribuir significativamente na afirmação da identidade das pessoas da região do Cariri, segundo destacou o coordenador Alex Sampaio, explicando que a proposta foi a valorização da cultura regional como instrumento de inclusão social. Neste contexto, segundo Alex, o encontro, que teve abertura na última sexta-feira e prosseguiu até ontem, pretendeu chamar a atenção para o processo de libertação das pessoas por meio da valorização da vida, do seu lugar e de sua cultura.

Dentro desse contexto, durante os debates foram denunciadas falhas no sistema educacional, a começar pelo município do Crato que, segundo Alex, em nome da nucleação, processo de fechamento de escolas para o fortalecimento de outras, encerrou as atividades em três escolas na zona rural do Crato. Falhas como esta, impostas pelo Ministério da Educação e Cultura, serão levadas ao conhecimento das Secretarias de Educação com o objetivo de corrigi-las, conforme destacou ele.

Os conflitos e as angústias vivenciadas, bem como a situação de miséria e pobreza em que vivem as pessoas do semiárido, diante de tantas riquezas naturais que se encontram na região, foram levantados pelos palestrantes. “Investir maciçamente nesta região, com políticas definidas e integradas com parcerias e projetos da sociedade civil, é fundamental para modificar esta realidade, que compromete o presente e o futuro de milhões de crianças e adolescentes”, afirmou Alex.

Durante a programação, os participantes defenderam a escola pública, gratuita e de qualidade no semiárido e no Brasil, integridade dos direitos dos atores e atrizes do processo educacional, gestão democrática, garantindo a plena participação dos vários setores, equidade na distribuição de renda e no acesso do conhecimento cultural, científico, moral, ético e tecnológico em todos os níveis da educação, interdisciplinaridade e transdisciplinaridade na construção do conhecimento, formação contextualizada e integral de educadores e educadoras abrangendo os aspectos socioculturais, político e ambientais do semiárido, sustentabilidade ambiental, social, econômica e cultural como pilares dos processos e projetos educacionais.

O encontro contou com a Assessoria da Rede de Educação para o Semiárido Brasileiro (Resab), espaço paritário, formado pela sociedade civil e poderes públicos com a finalidade de pautar a educação contextualizada com os gestores municipais, universidades e as coordenadorias de educação dos Estados do Nordeste, Minas Gerais e Espírito Santo. Participam 30 jovens de seis municípios da Diocese do Crato.

Desafio permanente
Para o coordenador da Cáritas Diocesana, Alex Sampaio, “educar as crianças e adolescentes do semiárido cearense de forma contextualizada, respeitando as vivências regionais é um desafio constante para professores e estudantes”. Entre as dificuldades enfrentadas nas escolas, segundo ele, tem-se a falta de investimento na formação continuada de professores e gestores do ensino, adaptação dos currículos das escolas da região e renovação dos materiais didáticos trabalhados, além dos esforços permanentes destinados ao combate ao trabalho infantil, financiamento e fiscalização do transporte escolar e merenda escolar na zona rural.

Mais informações
Cáritas Diocesana
Rua Teófilo Siqueira, 631
Crato – Cariri
Telefone (88) 5321.1011

ANTÔNIO VICELMO
Repórter do Jornal Diário do Nordeste

Colaborador do Blog do Crato e Jornal Chapada do Araripe

Parque do Cocó, o diferencial de Fortaleza – Por: José Sales

O Parque do Cocó foi considerado o principal elemento diferencial da cidade de Fortaleza, quanto ao quesito atração de visitantes e turistas, em avaliação de workshop realizado na 8a Bienal Internacional de Arquitetura de São Paulo, sobre as cidades subsedes da COPA 2014. Nenhuma grande cidade brasileira, tem localizado na área mais central de seu território, um potencial de paisagem e meio ambiente preservado de tal ordem. São mais de 1.300 hectares de verde que poderiam se transformar na grande área turística da cidade. Não são as praias, nem a Beira Mar, nem a feicão cosmopolita de Fortaleza, nem seu pólos gastronomicos, nem seu comércio pujante o principal elemento diferencial e sim a Bacia Hidrográfica do Cocó, que pode dimensionar roteiros de quase 50 quilometros em suas margens.

Imagem da mata de mangue do Rio Cocó, nas imediações da Avenidas Sebastião Abreu, Washington Soares, Padre Antonio Tomaz e Santana Junior, nos fundos do Shopping Iguatemi. Arquivo de Imagens Ibi Tupi.

Por: José Sales

"Gente, eu errei!": José Roberto Arruda

“Gente, eu errei, eu não quero ser igual aos outros políticos que erram e ficam mentindo.Então vou falar a verdade logo, eu vi mesmo a lista. Não matei, não roubei e não desviei recursos públicos.”José Roberto Arruda, na tribuna do Senado, em maio de 2000, chorando e renunciando ao mandato, depois da quebra do sigilo do painel na votação secreta que cassou Luiz Estevão.

Fonte: Noblat. Postado por José Sales

MENSAGEM PARA VOCÊ REFLETIR … ! Por Maria Otilia

O VÔO DA ÁGUIA
Na decisão de uma ave,( um ensinamento para nós) a águia, a ave que possui a maior longevidade da
espécie, chega a viver a 70 anos. Mas, para chegar a essa idade, aos 40 anos ela tem que tomar uma séria decisão. Aos 40 anos, está com as unhas compridas e flexíveis, não consegue mais agarrar as suas presas das quais se alimenta.
O bico alongado e pontiagudo se curva, apontando contra o peito. As asas estão envelhecidas e pesadas em função da grossura das penas, e voar já é tão difícil! Então, a águia só tem duas alternativas: morrer… ou … enfrentar um dolorido processo de renovação que irá durar 150 dias. Esse processo consiste em voar para o alto de uma montanha e se recolher em um ninho próximo a um paredão onde ela não necessite voar. Então, após encontrar esse lugar, a águia começa a bater com o bico em uma parede até conseguir arrancá-lo, sem contar a dor que terá que suportar.
Após arrancá-lo, espera nascer um novo bico, com o qual vai depois arrancar suas velhas unhas. Quando as novas unhas começam a nascer, ela passa a arrancar as velhas penas. E só após cinco meses sai para o famoso vôo de renovação e para viver então, mais 30 anos.
Em nossa vida, muitas vezes temos de nos resguardar por algum tempo e começar um processo de renovação. Para que continuemos a voar um vôo de vitória, devemos nos desprender de lembranças, costumes, e outras tradições que nos causam dor.
Autor Desconhecido
Neste Natal, vamos renascer com o menino JESUS. Vamos tentar sermos seres humanos mais fraternos, mais amigos, mais tolerantes, mais solidários.
Mensagem postada por Maria Otilia Moreira

Flamengo fica próximo de conquistar o hexacampeonato brasileiro de futebol – postado por Carlos Rafael Dias

Fla vence o Corinthians e fica a uma vitória do hexacampeonato

A frustração da semana passada foi transformada em euforia, e agora o Flamengo está a uma vitória de conquistar, após 17 anos, o Campeonato Brasileiro. O caminho para o hexa ficou mais curto depois da vitória por 2 a 0 sobre o Corinthians, neste domingo, em Campinas, e da derrota do então líder São Paulo para o Goiás, em Goiânia. Com 64 pontos, a equipe rubro-negra chegou pela primeira vez à ponta da tabela e garantiu a participação na Taça Libertadores de 2010.

O Flamengo, na verdade, nem precisou fazer muito para vencer, pois depois de marcar o primeiro gol com Zé Roberto, aos 26 minutos da etapa inicial, o time carioca apenas administrou o jogo e viu sua torcida fazer a festa com a derrota do São Paulo.

Nesse novo cenário do Brasileirão, o Maracanã tem tudo para ser o palco de uma grande festa rubro-negra no próximo domingo, quando o Fla recebe o Grêmio, pela última rodada da competição. Basta vencer para levar o título para a Gávea – os gaúchos já estão classificados para a Copa Sul-Americana e não têm mais chances de ir à Libertadores.

Fonte: G1

Blogueiros são alvo da Justiça – Postado Por : J. Flávio Vieira

Diário do Nordeste
29/11/09

Campo fértil para a livre exposição de ideias, os blogs, considerados diários eletrônicos, rapidamente se popularizaram no mundo. A interatividade da ferramenta que possibilita que o autor mantenha um contato direto com seus leitores, é um dos principais atrativos do sistema. Mas aí é que mora o perigo. Muitos blogueiros, até por desconhecerem a legislação, podem ser alvos de processos por comentários de terceiros.
O caso mais recente foi do cearense Emílio Moreno, estudante de jornalismo que mantém o blog Liberdade Digital. Esse foi condenado a pagar R$ 16 mil à diretora de uma escola por um comentário ofensivo feito por um anônimo, que comentava uma briga entre alunos na escola.
O problema é que o autor de um blog não está isento de responsabilidade civil ou mesmo criminal decorrente do comentário de terceiros em sua página eletrônica. O caso pode piorar para o lado do blogueiro se ele tiver a ferramenta para autorizar, editar ou apagar os comentários. Quando o comentário é anônimo ou enviado por e-mail inexistente a recomendação é que o comentário, caso seja ofensivo a terceiros, seja apagado ou mesmo não seja liberado para a página.
A acusação mais comum contra blogueiros é de crimes contra a honra. Que pode ter como condenação a prestação de serviços à comunidade ou multa.
CensuradosO Blog ´Tijoladas do Mosquito´, assinado por Amilton Alexandre, foi cassado por uma juíza de Santa Catarina. Amilton fez comentários contra a senadora Ideli Salvatti (PT), ela não gostou e entrou com um processo contra o blog. A juiza concedeu liminar ordenando a concessão do direito de resposta à senadora e, em seguida ordenou a cassação do blog e o impedimento de que o editor publique até mesmo charges e matérias de jornais (ou quaisquer outros meios de comunicação) a respeito da senadora.

A jornalista Alcinéa Cavalcante, é conhecida como destemida e a única a enfrentar o senador José Sarney no Amapá. Ela foi indiciada pela Polícia Federal por um comentário publicado em agosto em seu blog ofendendo Sarney. Um leitor comentou, em um post em que ela reproduzia uma nota sobre Sarney, afirmando que toda família do senador “fedia”. Ela reclama da censura e diz que no Amapá não existe liberdade de expressão.
Desde 2006, Alcinéa foi alvo de mais de 20 ações movidas por Sarney e condenada a pagar mais de R$ 2 milhões em multa. Ela fechou o blog e abriu outros. Hoje está com o domínio http://www.alcinea.com/. Onde a jornalista comenta as principais notícias do seu Estado. Já o jornalista Altino Machado ex-repórter dos jornais O Estado de S. Paulo, Jornal do Brasil e Folha de S. Paulo, e famoso pela cobertura da luta de Chico Mendes, tem um dos blogs mais temidos do Acre. Já recebeu inúmeras ameaças de morte e até sofreu atentados. No ano de 2007, foi condenado por ter publicado uma foto do neto da professora Íris Célia Cabanelas Zannini, então presidente do Conselho Estadual de Educação.

Postado Por : J. Flávio Vieira

Monsenhor Francisco de Assis Feitosa – por Armando Lopes Rafael

(Na foto, uma manifestação religiosa em frente à Catedral de Crato, à época do vicariato de Monsenhor Assis Feitosa)
Um dos sacerdotes que mais marcaram a Igreja Particular de Crato foi o Monsenhor Francisco de Assis Feitosa. Deve-se a este sacerdote várias ampliações e melhoramentos introduzidos na Catedral de Nossa Senhora da Penha, bem como a construção de muitas capelas rurais do município de Crato, a exemplo das capelas dos distritos de Ponta da Serra, Santa Fé e Dom Quintino. As associações religiosas da cidade de Crato experimentaram grande progresso por conta do empenho deste sacerdote enquanto esteve à frente da Paróquia de Nossa Senhora da Penha.

No livro “Roteiro biográfico das ruas de Crato” do jornalista Lindemberg de Aquino encontramos algumas informações sobre este sacerdote.

“Monsenhor Francisco de Assis Feitosa nasceu em Tauá, nos sertões dos Inhamuns, em 1893. Cursou as primeiras letras na sua própria cidade natal, tendo vindo posteriormente estudar no Seminário de Crato, completando seus estudos religiosos no Seminário de Fortaleza, onde se ordenou em 30 de novembro de 1917.

“Em 1919, nomeado por Dom Quintino, primeiro bispo de Crato, assumiu a Paróquia de Tauá. Em 1921 veio para Crato para assumir a Paróquia de Nossa Senhora da Penha, no que foi o mais longo governo paroquial na Catedral de Crato, que se prolongou por 31 anos e só foi interrompido por sua morte, ocorrida em 30 de abril de 1952”.

Monsenhor Assis Feitosa dedicou mais de três décadas àquela paróquia, e no seu longo vicariato prestou uma enorme gama de serviços ao Crato e ao seu povo, marcando de forma indelével a vida religiosa desta cidade.

Conforme Lindemberg de Aquino, Monsenhor Assis Feitosa era “Modestíssimo, um exemplo de pobreza, de humildade, da bondade em pessoa, onde se fundiam todas as excelentes qualidades de espírito e de coração”.

“Somavam-se a mais de uma centena os seus afilhados de batismo, não só de Crato, mas da redondeza em volta. Monsenhor Assis Feitosa acompanhou e ajudou aos bispos Dom Quintino e Dom Francisco de Assis Pires. Ambos os bispos o tinham em grande respeito e consideração.

“Já o povo cratense tinha verdadeira consideração ao Monsenhor Assis Feitosa, pela bondade que dele irradiava, pela serena simpatia e doce encantamento que emanavam dos seus sábios conselhos, pela sua intervenção enérgica e segura em acontecimentos marcantes na vida da cidade, como foi o caso da grande seca de 1932 e das perseguições políticas ocorridas durante o período da ditadura de Getúlio Vargas, que transcorreram durante o governo paroquial de Monsenhor Assis.

“O seu sepultamento foi verdadeira consagração humana, ferindo a cidade de Crato de uma dor inconsolável pela perda de um sacerdote virtuoso, dedicado ao seu rebanho a quem deu tanta bondade e tão bom exemplo”.

Texto e postagem de Armando Lopes Rafael

POR QUE PRECISAMOS AMAR UNS AOS OUTROS? – Postado por Océlio Teixeira

“É uma pergunta que nos faz refletir sobre nossa inserção e existência nesse mundo e plano de experiências. Ao nos inserirmos nesse mundo nos matriculamos na Escola da Vida. Assim sendo, precisamos passar por diversos estágios de aprendizagem até chegarmos ao topo do conhecimento-sabedoria e deslumbrarmos a ordem, a beleza, a unidade, a interdependência e o valor da disciplina para o crescimento tanto exterior quanto interior. Existe, portanto, um sentido e um propósito maior que no início desconhecemos. A medida que avançamos nos estágios da consciência percebemos gradativamente que fomos dotados de atributos e capacidades inatas que precisam ser colocadas em prática. O mundo objetivo e subjetivo passa a ser nosso laboratório de experiências, nosso palco onde representamos os papéis de acordo com a cultura envolvente. E cada etapa de crescimento é um estágio para a etapa seguinte. O nosso mestre é a vida. Os nossos semelhantes são nossos parceiros onde podemos nos espelhar e refletir sobre o sentido da vida coletiva.

Nessa Escola não se tem como propósito descobrir o certo e o errado, mas revelar a essência, o caminho verdadeiro e profundo da trajetória que devemos seguir. E cada um escolhe a sua trajetória a seu modo, preferência, gosto, indução ou simpatia. A escolha pode estar em sintonia ou não com a ordem cósmica (cosmo). Quando escolhemos a sintonia adequada percebemos e descobrimos novas vibrações e estados de consciência que alcançamos devido ao nosso esforço, disciplina, mérito e poder pessoal.

Nesse sentido, não existe gratuidade ou privilégios, mas ações, impulsos, disciplina, sensibilidade, inteligência, perseverança, vontade, poder e fé em si mesmo. O tempo deixa de ser algo cronometrado e racional. Nesse contexto, o tempo é “medido” ou sentido pelo grau de concentração e foco que damos ou escolhemos iluminar na longa caminhada de experiências e descobertas pessoais.

A força das persuasões culturais e sociais é, paradoxalmente, o obstáculo mais presente na inércia do desenvolvimento humano: a luz do sol pode tanto iluminar nosso caminho quanto nos cegar. Por vivermos coletiva e interativamente sofremos das influências luminosas externas da cultura e dos modos de produção e organização social. De um modo geral, acabamos abandonando a nossa busca pessoal para seguirmos o discurso e a luz das idéias coletivas que nos guiam tal como um arco que lança a flecha e esta voa cegamente em busca de um alvo desconhecido por ela, mas teoricamente conhecido pelo arco. Nesse sentido, o ego é uma flecha induzida lançada por um poder persuasivo indutor – não somos livres de fato! Inverter essa lógica de induzido para indutor é a façanha maior, o mérito perseverante de quem se propôs a seguir seus próprios passos arriscando a própria vida-consciência.

A flecha e o arco são partes complementares da mesma natureza: o Eu Menor (Ego) e o Eu Maior (Self). Apesar disso, é muito comum se ver a natureza humana do ego guiada por um arco alheio. O alvo, o arco e a flecha fazem parte de um mesmo processo de desenvolvimento, criação e libertação do ser. A palavra PECADO vem etimologicamente da idéia de uma flecha que ao se chocar com o alvo se distancia do seu centro. Essa distância era conhecida na antiguidade como PECADO.

Nesse contexto, pecamos a cada instante desde que nascemos por ignorarmos as leis que governam a interação entre o arco, a flecha e o alvo. Durante a vida, nos foi dado a oportunidade de aprendermos mais sobre essas leis cósmicas (cosmo significa ordem e beleza). A vida humana se depara com o dilema da visão: Onde se encontra o alvo? Quem eu sou, o arco ou a flecha? Na incerteza da escuridão do ego apontamos nossas flechas para o outro semelhante. O alvo passa a ser o outro que vemos porque não vemos um segundo Outro em nós mesmos. E assim projetamos e associamos as nossas carências, fraquezas e deficiências ao outro manifestado em nosso campo de percepção objetiva. Cria-se, portanto, a visão Maya ou Ilusão, pois acreditamos piamente que tudo acontece porque o problema está no mundo e contexto que vemos fora de nós. O outro (mundo e ser) externo, então, se torna parte da equação psicológica que montamos para resolver nossos problemas e medos da vida e da morte.

A natureza humana do ego, por não conseguir ver e interagir diretamente com o seu próprio Self busca a luz da compreensão no contexto das experiências alheias. Em parte consegue ajuda, mas as leis da natureza forçam a natureza do ser a voltar sobre si mesmo – re-fletir (fletir ou dobrar sobre si mesmo) para complementar a busca e entendimento. Por isso mesmo, o grande pensador Kafka chegou a afirmar: “ Da vida se tira vários livros – dos livros se tira pouco – muito pouco! – a vida!

Nesse caminho menor, o mistério se torna mais ainda obscuro. O ego conduz sua vida sem se preocupar com o sentido que está dando a ela, até que chega um momento em que algo sobrenatural força-o a rever seus conceitos e valores. Então, surge a questão: E depois o que virá, perecerei ou continuarei existindo? Em que grau de consciência me encontro? Valeu a pena ignorar o meu mundo interior? E aí surge a crise, o risco e a oportunidade de rever os passos dados. É o momento de buscar significado para sua vida e existência. Nesse instante, tudo o que conseguiu aprender ou que ignorou terá impacto na força da psique. A psique forte saberá lidar com o novo desconhecido e continuará aprendendo com o seu Self. E a psique fraca se tornará mais confusa se distanciando do seu eixo ou centro principal – o seu próprio Self! Por isso mesmo, “o caminho é estreito e a porta pequena…muitos serão chamados, mas poucos os escolhidos”.

Nesse sentido, a lei do cosmo está relacionada à qualidade de nossas intenções, ações, reações, desejos, vontades e fé. A lei do acaso só rege o mundo pouco esclarecido do ego. A metamorfose da consciência é a solução da existência humana, mas o ego nada sabe a respeito disso. E segundo Freud (no livro Mal-estar da Civilização) essa metamorfose é uma metanóia da consciência, uma espécie de transmutação ou mudança radical do ser. E o ser é constituído de forças, impulsos, energias e estados da consciência que circulam e transformam elementos químicos, biológicos, vitais físicos e metafísicos. Em síntese, o ser é um processo sutil complexo, multidimensional, transcendental, cósmico e universal.

O que chamamos de Amor, no sentido amplo da palavra, é um estado elevadíssimo da consciência (e não se resume apenas no prazer carnal – libido!)onde esses atributos cósmicos e universais se manifestam de forma inconfundível e imprevisível. É um marco na experiência interior – vivência! – do ser humano. A partir desse marco o ser pode se orientar para a sua total iluminação e consagração divina. O ser deixa de ser homem-animal para ser homem-divino com características, saberes e poderes supra-racionais.

É por isso, que devemos com todas as nossas forças buscar AMARMOS UNS AOS OUTROS, isto porque esse caminho é o da transcendência, consagração e iluminação da consciência. É um retorno á Unidade Cósmica onde todos fazem parte de um mesmo fenômeno cósmico da Criação. Ao retornarmos a esse estado de consciência primeira elevamos nosso Estado da Alma Evolutiva. A expressão EVOLUÇÃO, ganha, portanto, um sentido e significado mais amplo e mais elevado (muito além do estado biológico). Ciência, Filosofia e Religião se tornam uma coisa só: a busca e descoberta do fenômeno do Amor.

E que Deus ilumine a todos nessa busca interior maior – é o meu sincero desejo cósmico!”

Autor: Prof. Bernardo Melgaço
Fonte: Blog Cariri Agora

A Título de Curiosidade… – Quantos Afinal são os Escritores do Blog do Crato ?

Amigos,

Bom Domingo, dia 29 de Novembro de 2009. Como sabemos, o Blog do Crato possui mais de 70 escritores cadastrados ( aqueles que possuem senha e Login ). Essas pessoas podem a qualquer momento postar seus textos e de outras pessoas também. Só que de todas essas pessoas, de todos os 70, quantos postam ? somente umas 15. Isso mesmo, umas 15 pessoas. Os outros são turistas, só postam uma ou 2 vezes no ano.

Eu sou o maior responsável pelas postagens que vocês vêm todo dia aqui no Blog. Consigo ao fim do dia, manter uma média de 25 a 30 postagens. Hoje estou em greve, apenas pra saber ao fim do dia, quantas postagens nossos colegas escritores irão postar. São 11:30 da manhã, e temos 3 postagens ( isso mesmo, apenas 3 postagens ). Vamos ver no fim do dia sem minha participação, quantas postagens nós teremos.

E desde já quero convocar pessoas que queiram REALMENTE escrever para o Blog. Não apenas escritores turistas que postaram em 2007 e até hoje tem 5 postagens. Devo avisar também que uma coisa muito bem-vinda foi nosso novo sistema de descadastramento automático para escritores preguiçosos. Se passarem mais de 3 meses sem postar um artigo, o sistema descadastra automaticamente. Que maravilha isso!. Isso serve para descadastrar pessoas que não estão a fim de postar nada mesmo, e dar lugar a quem se interessa em escrever para o Blog de verdade.

Quero então parabenizar nossos únicos escritores atualmente, que escrevem quase diariamente:

- Prof. Armando Rafael
- prof. Carlos Rafael
- Prof. Océlio teixeira
- João Ludgero
- Vicente Almeida
- Darlan Reis
- Carlos Eduardo Esmeraldo e Magali
- João Paulo Fernandes
- Cesar Mousinho
- José Arimatéa
- Alessandra Bandeira ( às vezes )
- Pedro Esmeraldo ( através de Armando )
- Antonio Morais
- Beto Fernandes
- José Sales

E mais alguns aí que eu possa ter me esquecido…
Então, vamos ficar hoje Domingo apenas olhando e ver se essa turma quer ou não quer escrever mesmo. No fim do dia eu irei contar as postagens, e obviamente, deduzir esta aqui, que não vale.

Abraços,

Dihelson Mendonça

O impossível acontece – postado por Armando Lopes Rafael

“Direita” assume DCE da Universidade Federal do Rio Grande do Sul

Pela primeira vez em décadas o Diretório Central de Estudantes da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (DCE/UFRGS) passará para o comando de estudantes mais identificados com partidos do centro à direita do espectro político brasileiro do que com as siglas de esquerda.
A esquerda gaúcha acaba de perder um de seus quartéis. Fragmentada, a ala que dominava o Diretório Central de Estudantes da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS) viu seu território ser ocupado pelos adversários, que já avisaram: o DCE não vai participar de manifestações políticas.
“Protestos contra governos estão descartados”, avisa o futuro secretário de Integração, Tiago Grohmann, de 23 anos, filiado ao PSDB. “A não ser que houver algo descabido contra os estudantes”, completa Marcel van Hattem, do Conselho de Administração, ex-vereador de Dois Irmãos, ex-presidente da Juventude do PP e pré-candidato a deputado estadual em 2010.
A partir do dia 4, o presidente do DCE será o estudante de Administração Renan Pretto, de 19 anos, sem filiação. A sua chapa, DCE Livre – Mudança Urgente!, propôs redução do preço da carteira estudantil, mais segurança no câmpus, ensino voltado para empreendedorismo e parcerias com a iniciativa privada.
(fonte: O Povo)

Postado por Armando Lopes Rafael

Fechado para Reforma

Perguntar não ofende: quando será reaberto o Museu de Paleontologia da Urca, localizado em Santana do Cariri? Fundado em 1985, pelo professor Plácido Cidade Nuvens (à época prefeito da cidade e hoje reitor da Urca), o museu dispõe de instalações condizentes e funciona como centro de pesquisa das reservas fossilíferas do Cariri. Fechado para reformas (que se arrastam há um ano e meio), o Museu de Fósseis é a principal referência turística de Santana do Cariri, a “capital cearense da Paleontologia”.

Fonte: Coluna Cariri/ O POVO – Postado por José Sales

Polícia Federal denuncia mais dois casos de corrupção – postado por Armando Lopes Rafael

(Fonte: Veja e Agência Estado)
1
– Governador de Brasília poderá sofrer impeachment
A Ordem dos Advogados do Brasil no Distrito Federal (OAB-DF) estuda ingressar com pedido de impeachment do governador José Roberto Arruda (DEM), ao lado na foto. Desencadeada na manhã de sexta-feira, a Operação Caixa de Pandora revelou – segundo transcrição de relatório da Polícia Federal – a existência de uma organização “chefiada por José Roberto Arruda”. Segundo a PF, o esquema estaria “em plena atividade, desviando recursos públicos para pagamento de vantagens indevidas a agentes do estado.”.Seria uma espécie de mensalão local que envolveria a cúpula política do Distrito Federal, com ramificações no gabinete do governador, na Câmara Legislativa e no secretariado de Arruda. O Relatório de Inteligência 01-650/2009 descreve uma tabela de pagamento de supostas propinas captadas apenas na empresa Infoeducacional no valor de R$ 178 mil: 40% para o próprio Arruda, 30% para o vice-governador e ex-senador Paulo Octavio, 10% para o chefe da Casa Civil, José Geraldo Maciel, e 10% para o assessor de imprensa do governo, Omézio Pontes. Todos negaram as acusações.

2 – Marido da filha de Lula recebia propinas
Será que genro é parente?
Marcelo Sato, casado com Lurian (foto ao lado), a filha mais velha de Lula, aparece em investigação da Polícia Federal conversando com empresário acusado de formação de quadrilha, estelionato e corrupção. Marcelo Sato foi flagrado pelos policiais negociando o recebimento de 10 000 reais de um empresário ligado a uma quadrilha investigada por lavagem de dinheiro, operações cambiais clandestinas, ocultação de bens e tráfico de influência. O marido da filha do presidente prestava serviços a uma quadrilha, ora acompanhando processos em órgãos federais, ora usando sua condição de “genro” para agendar reuniões dos suspeitos com autoridades do governo.
Postagem: Armando Lopes Rafael

Padre Cícero "Gay"? Respeito se conquista com desrespeito?

Futebol Com Amilton Silva – Edição de Domingo, dia 29 de Novembro de 2009

Campeonato Brasileiro da Série B está Encerrado

Seis partidas meramente amistosas, deram início a 38ª e última rodada do Brasileirão da Série A, nesta sexta feira (27). Portuguesa 1 X 1 Campinense , Paraná 1 X 1 Fortaleza (Despedida melancólica do Fortaleza), ABC 0 X 1 Bragantino, Duque de Caxias 4 X 1 Ponte Preta, São Caetano 2 X 1 Figueirense e Atlético GO 0 X Bahia. Neste sábado, quatro equipes lutavam para não serem rebaixados para série B do próximo ano. América RN , Brasiliense, Ipatinga e Juventude. Com os resultados finais, Juventude campeão da Copa do Brasil de 1999, fará campanha aos já rebaixados ABC, Campinense e Fortaleza. O Vasco campeão antecipado da competição perdeu para o Ipatinga, no Ipatingão, por 2 X 0. O Guarany de Campinas venceu o Juventude por 2 X 1 , sagrando-se vice campeão da Série B. O Ceará que precisava da vitória diante do América de Natal, não passou de um 0 X 0 , diante da maior torcida nesta rodada e deixou escapar o vice campeonato. Mesmo com o empate o Vovô volta para a Série A, com uma excelente campanha. Brasiliense 2 X 1 Vila Nova , finalizaram a rodada.

Farão parte da Série A de 2010

Vasco 46 pontos ganhos campeão da série B
Guarany 69 pontos ganhos Vice campeão
Ceará 68 pontos ganhos
Atlético GO 65 pontos ganhos

Foram rebaixados para Série C do próximo ano

Juventude
Campinense
Fortaleza
ABC

Brasileirão Série A

A penúltima rodada do Brasileiro Série A, está programada para este domingo dia 29. As partidas estão programadas para às 17:00 horas (Horário de Brasília):

CORÍNTHIANS X FLAMENGO
GOIÁS X SÃO PAULO
FLUMINENSE X VITÓRIA
ATLÉTICO PR X BOTAFOGO
CRUZEIRO X CORITIBA
SANTO ANDRE X NÁUTICO
SPORT X INTERNACIONAL
AVAÍ X SANTOS
GRÊMIO X BARUERI
PALMEIRAS X ATLÉTICO MG

Faltando duas rodadas , São Paulo, Flamengo , Internacional e Palmeiras lutam pelo título do Brasileiro 2009. Coritiba, Atlético PR, Botafogo, Fluminense, Santo André e Náutico lutam desesperadamente para permanecerem na divisão de elite. O Sport de Recife já esta rebaixado matematicamente.

Por: Amilton Silva – Editor de Esportes do Blog do Crato

Nem vindo ao Brasil, o Butão fica perto – Postado por: José Sales

O país perdeu tanto tempo vendo os Presidentes Lula e Ahmadinejad torturarem intérpretes para abrir a conexão português-inglês-farsi, que não deu a mínima a um visitante muito mais exótico, que andou por aqui quase ao mesmo tempo que o iraniano. No caso, o primeiro-ministro do Butão Lyongpo Jigme Thinley. Ele sim, tinha assunto para encher jornais, pelo menos nos segundos cadernos. Convidado a testar em Foz do Iguaçu um carro elétrico desenvolvido pela Fiat em parceria com Itaipu, pegou o volante na sede da usina e só o largou na sede do hotel.

Em outas palavras, sem ter nada a esconder, divertiu-se placidamente. Almoçou no bandejão classe A da empresa. Adorou o canal da piracema, que promove a migração de peixes através da barragem. Passeou pela hidrelétrica, alegando que, dispondo de água a rodo, um dos pratos fortes da exportação butanesa é a energia que vende à Índia e à China. No hotel Rafain, deslizando entre o elevador e o saguão de quimono de seda e sandálias no pé, dava a impressão de estar sempre lançando a última palavra em moda para sauna ou piscina.

Mas ele veio ao Brasil ensinar como se administra um país pelos preceitos da Felicidade Interna Bruta. A idéia brotou anos atrás de uma das monarquias mais isoladas da terra. O Butão não passa de um país com pouco mais de 38 mil quilômetros quadrados, enrugado por montanhas com mais de sete mil metros de altitude e coberto florestas originais em quase 65% de seu território. É habitado por raridades, como o leopardo das neves, elefantes asiáticos, mais de 50 espécies de rododendros e 700 de pássaros e orquídeas inumeráveis. Mas tem menos de 700 mil habitantes.

É o cenário da moda. Buthan, a Visual Odyssey, de Michael Hawlley, mereceu uma edição de luxo com 58 quilos de peso, 40 mil fotografias e as dimensões de uma mesa para seis comensais. Sai por 30 mil dólares. Mas tem versão barata, por 50. Dizem que foi de lá que no século passado o escritor inglês o escritor inglês James Hilton tirou a idéia de Xangrilá.

O fato é que tudo o que se imagina do Nepal o Butão tem. Menos turismo de massa. Em 2008, ele acolheu 21 mil turistas, que só podem visitá-lo pelas mãos de um guia da agência oficial. A televisão e a internet só entraram legalmente no país há uma década, e com recomendações de uso moderado. Sua economia não é lá essas coisas. A moeda local se ancora na rúpia indiana. Sua principal indústria é a produção artesanal de peças religiosas. Suas relações diplomáticas com os Estados Unidos, a Rússia e outras potências se fazem via Nova Déli.

O Butão tem uma longa história de guerras, golpes e até impeachments monárquicos. Mas anda cada vez mais quieto. Sua Felicidade Interna Bruta está entregue a um rei que ainda não fez 30 anos. E a um conselho que aplica a receita da FIB a partir de 72 indicadores sociais, onde têm peso o tempo de lazer de cada cidadão e sua bem-aventurança ambiental – reduzido a um decálogo de exportação por seu apóstolo internacional Laurence Brahm. O fato é que, lá, o noticiário policial, à falta de assuntos mais trepidantes, registra queixa de vizinhos por briga de cachorros.

Quando o FIB surgiu, o jornal Financial Times tratou-o como o roteiro de uma viagem mística em marcha a ré. Mas ultimamente as pesquisas de opinião pública atestam que só 3% dos butaneses se declaram infelizes. Há três anos, a revista Business Week, apoiada numa enquete da Universidade de Berkeley, pôs o Butão estava num honroso oitavo lugar entre os países mais felizes do mundo. Perdia para a Dinamarca, a Finlândia e a Suécia, sem dúvida. Mas, até na categoria dos reinos-encantados, ganhava de Luxemburgo. As economias mais fortes do mundo, montadas em PIBs gigantescos, vinham muito atrás, comendo a poeira do crescimento acelerado, que na época elas mesmas levantavam.

Fonte Jornalista Marcos Sá Correia/ O ECO – Postado por José Sales

PODER SEM LIMITES – Por: Francisco Ribeiro Mendes

“O Poder corrompe. E o poder absoluto corrompe Absolutamente”


A explicação para os imbróglios que marcaram o atual governo do Brasil, até agora, está no excesso de poder concedido de um governante e na falta de preparo, de cultura e de competência deste para governar. Quando Lula se fez presidente, uma grande horda de admiradores, de aduladores e até de adoradores, se formou ao seu redor. Então, ele descobriu o caminho para o sucesso e a popularidade. E aí, superestimado, usou o poder econômico, que o mandato de presidente lhe confere, para ajudar seus amigos. E foi tanta ajuda que até aqueles que se diziam seus inimigos se juntaram a ele atraídos pelas tranquibérnias do poder. Nessa corrente de interesses que se formou, os amigos de Lula não lhe poupavam elogios e não lhe negavam nada. Diante de tanta bajulação, seu sucesso e sua popularidade atingiram uma marca nunca antes vista. Mas nesse desvario o país provou a pior crise de corrupção da sua história, que gerou protestos e revolta. E, aí, Lula usou os poderes que seus amigos lhe outorgaram para conter as manifestações. O poder da força para censurar a imprensa; o poder do arbítrio, para investigar adversários; o poder de mandar para calar o Legislativo e o Judiciário; e o poder da persuasão, para enganar os desinformados com um falso assistencialismo, que além de não matar a fome e não acabar com a pobreza, ainda fomentou uma sociedade de malandros que não geram renda, mas votam, e em troca de migalhas, aplaudem tudo que o presidente diz e faz. Assim, Lula conseguiu dissimular os embustes do seu governo sem abalar sua popularidade que, ainda, aumentou.

Mas Lula queria um poder para mudar a história. E, então, usou o poder absoluto. E com a ajuda de algumas empresas e empreiteiras (velhas conhecidas dos congressistas), fizeram surgir um filme onde a história de um certo Filho do Brasil, famoso pelas suas greves, pelos seus piquetes, pelas suas idéias subversivas e pelas suas companhias, pudesse ser contada na esfera da fama e do sucesso, mostrando apenas os amigos honrados e deixando de lado os amigos companheiros que carregaram dinheiro na cueca para ajudar a construir sua fama; os amigos trapaceiros que roubaram a nação com seus mensalões; e os amigos arruaceiros que invadem terras alheias e promovem vandalismo.

Com tanto sucesso, Lula decidiu que era hora de virar celebridade. Então usou o poder da fama para se fazer presente em cerimônias internacionais, participar de conferências mundiais e até discursar na ONU. Por onde vai leva consigo seus marketeiros para divulgarem a presença do “gênio político”, para que este possa ser admirado e cortejado. Impressionados, um presidente, em busca de apoio, lhe chamou de “o cara”; um outro, para vender aviões, lhe cobriu de elogios; outro, em agradecimento pelo perdão da dívida do seu país, lhe honrou com ritual de vodu; e, até um ditador, para retribuir o esforço de Lula em favor do ingresso do seu país no Mercosul, lhe comparou a Jesus Cristo.

Mas, para Lula, era preciso mais poder. Se possível um poder ilimitado, que lhe desse também o direito de se intrometer em assuntos internos de outros países. E Lula não perdeu tempo. Com o poder da soberania usou a embaixada do Brasil em Tegucigalpa para tentar devolver o mandato do presidente deposto de Honduras; com o poder de julgar contestou a justiça italiana para defender um criminoso condenado à prisão perpetua naquele país; com o poder de se aparecer está se metendo nos conflitos do Oriente Médio, fazendo declarações que mais parece um Arafat brasileiro ao lado do presidente da Autoridade Nacional Palestina (ANP); e por fim, com o poder de provocar, declara apoio ao presidente do Irã, Mahmoud Ahmadinejad, aquele que se arma para destruir Israel, que não acredita que existiu holocausto e desafia o mundo com seu poder atômico escondido. Se derem mais poder a Lula, qualquer dia ele vai descobrir o esconderijo do terrorista Osama bim Laden e convidá-lo para visitar o Brasil. Mas enquanto isto não acontece, firme na sua convicção de defender bandidos, assassinos e terroristas, nosso presidente usa o poder político em campanha para eleger Dilma Rousseff presidente do Brasil.

Francisco Ribeiro Mendes
Brasília-DF

PEDÓFILOS – Uma Análise – Por: Antonio Paiva Rodrigues


É a pessoa que tem a perversão da pedofilia ou a pratica, palavra de origem grega ped (o) + filo. A pedofilia seria uma doença ou uma tara sexual? A realidade é que a prática da pedofilia vem crescendo assustadoramente em todo o mundo. As crianças até 14 anos de idade são as vitimas dos pedófilos. Os estudiosos, os psiquiatras, psicólogos afirmam ser a pedofilia uma perversão sexual, caracterizada pela opção sexual preferencial por crianças e adolescentes, de forma compulsiva e obsessiva. O pedófilo é uma pessoa aparentemente normal e muitas vezes bem inserida na sociedade, daí o fato da pedofilia ser uma patologia muito frequente em todos os níveis sociais e econômicos, portanto, não é rara a presença de pedófilos nas escolas, praças, igrejas, consultórios médicos, enfim, em todos os lugares onde ele, o pedófilo, possa encontrar crianças e adolescentes. Em muitos casos o pedófilo pode ser alguém da própria família. O pedófilo é, acima de tudo, um doente, que necessita de tratamento, mas que se torna muito perigoso, já que pode cometer crimes (não só o abuso sexual em si, mas outros igualmente graves, incluindo até o homicídio) contra as crianças, por isso deve ser combatido. A justiça pernambucana está envolta em escândalo sexual de proporções incalculáveis e inéditas, tal situação pode deixar uma nódoa em grande parte da magistratura mauriciana.

Dois juízes segundo investigações da Corregedoria do Tribunal de Justiça pernambucano são acusados da prática de pedofilia e a preferência dos juízes eram meninos. A Vara da Infância e da Juventude abrigava os dois juízes que mantinham relações homossexuais com crianças e adolescentes em cidades do interior pernambucano. (Isto É) Mas não fica só nisso, um terceiro suspeito também juiz está sob investigação e corre o risco de ter o mesmo destino de seus pares pedófilos, um afastamento provisório das funções ou aposentadoria compulsória com pagamento integral de seus rendimentos no momento em que foram acusados dela corregedoria.

Esse interesse por crianças pode ser tão antigo que não se tem uma data precisa para marcar os primeiros casos de pedofilia acontecidos no mundo. Sabemos que ele é tão antigo quanto a humanidade e existem pinturas de homens mantendo relações sexuais com crianças. A verdade é que desde a Grécia Antiga que surgiu o termo “efebo” que é o rapaz jovem, mancebo, ou aquele que chegou a puberdade. (Shvoong). Do grego éphebos, e do latim ephebus, são sinonímias de jovem do sexo masculino que era iniciado na vida sexual por um homem mais velho. Para se ter uma ideia da aberração em alguns mosteiros budistas no Tibet, os novatos tem que dormirem com os monges mais experientes. Essa prática perdura até os dias de hoje. O casamento heterossexual era de efeitos práticos e o amor era considerado território para homens maduros e seus rapazes.

Na Grécia antiga as mulheres serviam apenas para procriação, pois o amor mais caloroso era entre homens. Diz a história que o profeta Maomé tinha várias esposas e uma delas era uma criança de 8 anos, e na época do casamento Maomé estava com 53 anos de idade. Vejam só são nuanças acontecidas que praticamente poucas pessoas tem conhecimento, mas a história está aí para comprovar a veracidade dos fatos. Na Idade Média e no renascimento a beleza feminina tinha um ideal, longos cabelos louros, atitude displicente, maçãs do rosto saliente e era grande o número de mulheres que casavam na puberdade.

Diz à história que um dos pedófilos mais famosos era o escritor inglês Lewis Caroll (1862-1898), ele era nada mais do que o escritor de Alice no País das Maravilhas, escrito em 1865. Uma de suas manias bizarras era a de fotografar menininhas em parques, chegou a fotografar uma garota de quatro anos de nome Alicia Lidell, que foi sua inspiração para escrever o livro infantil epigrafado. Dizia ele que Alicia tinha uma beleza provocativa o que fazia com que o escritor a cortejasse sempre até de maneira acintosa. Isso fez com que a mãe de Alicia a afastasse da presença de Lewis Carol. Vários e vários casos Aconteceram no velho continente e em 1955, durante a escrita de um romance por Vladimir Nabokov, de nome Lolita, surgiria o termo “ninfeta”, para garotas de idade entre nove e 14 anos.

Elas enfeitiçavam os homens com sua natureza “ninfica” demoníaca. Em 1977, o cineasta polonês Romam Polanski teve que fugir dos estados Unidos da América do Norte (EUA) depois de admitir ter feito sexo com uma garota de 13 anos. O famoso cantor Michael Jackson também foi acusado de abusar de um menino de 12 anos. A pedofilia pode ser designada como o desejo sexual proibido. É um problema antigo, mas deve ser combatido com rigor pelas autoridades que lidam com crianças e com pessoas com esta perturbação sexual. Os ambientes em que as crianças permanecem por muito tempo, principalmente os internos estão mais vulneráveis a pedofilia.

A partir da exposição pública de casos de pedofilia envolvendo médicos, sacerdotes e professores, cidadão de comportamento social e profissional supra de qualquer suspeita voltaram-se os cientistas comportamentais, dentre eles os juristas, para o estudo dessa prática, cujas vítimas são crianças e adolescentes. É nesse terreno minado de preconceitos e distorcidas visões de mundo que nós, juristas, debruçamos-nos na tentativa de sistematizar o tema e impor a repressão adequada e efetiva para impedir as agressões ao corpo e a espírito de quem mal começou a viver. Essas agressões quase sempre resultam em profundas sequelas em personalidades ainda não definidas, razão pela qual é classificada a pedofilia, no Brasil, por que violação hedionda, segundo a Lei 8.072/90.

As penas para lá de suaves para os juízes Francisco de Assis Timóteo Rodrigues de São José de Belmonte (PE), e Max Cavalcanti de Albuquerque, de Palmeirina (PE) que foram afastados de suas funções e as famílias das crianças como ficam? Os casos envolvendo pedófilos deveriam ser combatidos veementemente pelos órgãos de “Direitos Humanos”, pois crianças e seus familiares vão sofrer com esta marca inglória para o resto da vida. “Tribunal de Justiça de Pernambuco afasta dois magistrados por abuso sexual de menores; um deles é acusado de matar três testemunhas”. Dizem que as festas patrocinadas por Timóteo seriam frequentadas até por padres. Os casos pernambucanos são apenas a ponta de um iceberg que está deixando a cúpula do judiciário do estado de Pernambuco estarrecida. Pensem nisso!

ANTONIO PAIVA RODRIGUES-MEMBRO DA ACI-DA ALOMERCE E DA AOUVIRCE
Foto Ilustrativa: Site: brasil-contra-a-pedofilia

O Muro do Rio de Janeiro – por Armando Lopes Rafael

Eis o Muro da ex-Cidade Maravilhosa, construído pelo Governador do Rio de Janeiro, Sergio Cabral com apoio do Prefeito Eduardo Paes (ambos da base de sustentação do Governo Lula, claro). Mais de 550 casas foram destruídas nas proximidades das favelas do Rio de Janeiro para que este muro fosse construído. Na verdade não é bem o “muro” do Rio de Janeiro, pois ele tem uma extensão de 11 km e isola morros cariocas, como Rocinha e Chapéu Mangueira, criando uma distância maior entre asfalto e morro, entre pobres e ricos. O “muro” diminuiu a auto-estima de quem mora nestes lugares murados. Forma-se um gueto, exclue-se mais os que já são excluídos.
O governador Sérgio Cabral (da base de sustentação do Governo Lula, claro) é aquele que defende o aborto para a Rocinha, uma “fábrica de produzir marginal”, segundo ele. Sérgio Cabral diz que o muro ajudará a população a se defender dos marginais que infestam o Rio de Janeiro.

Postado por Armando Lopes Rafael

Mega-Sena sorteia R$ 12 milhões neste sábado

Apostas podem ser feitas até as 19h

Apostas custam R$ 2 e podem ser feitas até as 19h. Valor deve render até R$ 72 mil por mês, se aplicado na poupança. O concurso 1.130 da Mega-Sena pode pagar até R$ 12 milhões neste sábado (28). Os sorteios acontecem às 20h (horário de Brasília), em Dois Vizinhos (PR). As apostas custam R$ 2 e podem ser feitas até as 19h. Segundo a Caixa Econômica Federal, o prêmio pode render até R$ 72 mil por mês, se aplicado na poupança. Com o valor do prêmio, o vencedor da bolada pode comprar 480 carros populares.

Fonte: G1

Publicidade: Shopping RESIDENCE – No Crato, você compra bem…

IMG_0959

As festas de fim de ano se aproximam!
Compre bem! Compre nas lojas do Shopping Residence, em Crato.
Conforto e Qualidade.

Dsc04012
Dsc03933

Dsc03892

Dsc03980


Shopping RESIDENCE – Parceiro do Blog do Crato

A Flor – Autor desconhecido – Postado por A. Morais

Conta-se que por volta do ano 250 aC, na China antiga, um príncipe da Região Norte do país, estava as vésperas de ser coroado imperador, mas, de acordo com a lei, ele deveria casar. Sabendo disso, ele resolveu fazer uma disputa entre as moças da corte ou quem quer que se achasse digna de sua proposta. No dia seguinte, o príncipe anunciou que receberia, numa celebração especial, todas as pretendentes e lançaria um desafio. Uma velha senhora, serva do palácio há muitos anos, ouvindo os comentários sobre os preparativos, sentiu uma leve tristeza, pois sabia que sua jovem filha nutria um sentimento de profundo amor pelo príncipe. Ao chegar em casa e relatar o fato à jovem, espantou-se ao saber que ela pretendia ir à celebração, e indagou incrédula: Minha filha, o que você fará lá? Estarão presentes todas as mais belas e ricas moças da corte. Tire essa idéia insensata da cabeça, eu sei que você deve está sofrendo, mas não torne o sofrimento uma loucura.

E a filha respondeu: Não, querida mãe, não estou sofrendo e muito menos louca, eu sei que jamais poderei ser a escolhida, mas é minha oportunidade de ficar pelo menos alguns momentos perto do príncipe, isto já me torna feliz. A noite, a jovem chegou ao palácio, lá estavam, de fato, todas as mais belas moças, com as mais belas roupas, com as mais belas jóias e com as mais determinadas intenções. Então finalmente, o príncipe anunciou o desafio:

Darei a cada uma de vocês, uma semente. Aquela que, dentro de seis meses, me trouxer a mais bela flor, será escolhida minha esposa e futura imperatriz da China. A proposta do príncipe não fugia as profundas tradições daquele povo, que valorizava muito a especialidade de cultivar algo, sejam costumes, amizades, relacionamentos etc. O tempo passou e a doce jovem, como não tinha muita habilidade nas artes de jardinagem, cuidava com muita paciência e ternura a sua semente, pois sabia que se a beleza da flor surgisse na mesma extensão de seu amor, ela não precisava se preocupar com o resultado. Passaram-se três meses e nada surgiu, usara de todos os métodos que conhecia, mas nada havia nascido. Dia após dia, ela percebera cada vez mais longe o seu sonho, mas cada vez mais, profundo o seu amor. Por fim, os seis meses haviam passado e nada havia brotado. Consciente do seu esforço, e dedicação a moça comunicou a sua mãe que, independente das circunstancias retornaria ao palácio, na data e hora combinadas, pois não pretendia nada alem de mais alguns momentos na companhia do príncipe.

Na hora marcada estava lá, com o seu vazo vazio, bem como todas as outras pretendentes, cada uma com uma flor mais bela do que a outra, das mais variadas formas e cores. Ela estava admirada, nunca havia presenciado tão bela cena. Finalmente chega o momento esperado e o príncipe observa cada uma das pretendentes com muito cuidado e atenção. Após passar por todas, uma a uma, ele anuncia o resultado e indica a bela jovem como sua futura esposa. As pessoas presentes tiveram as mais inesperadas reações. Ninguém compreendeu porque ele haveria escolhido justamente aquela que nada havia cultivado. Então, calmamente o príncipe esclareceu: esta foi a única que cultivou a flor que a tornou digna de se tornar uma imperatriz. A flor da honestidade, pois todas as sementes que entreguei eram estéreis.

A honestidade é como a flor tecida em fios de luz, que ilumina quem a cultiva e espalha claridade ao seu redor.

Postado por A. Morais – Blog do Sanharol
Foto: http://www.imotion.com.br/imagens

Publicidade – DULARE MÓVEIS – Uma grande loja se instalou em Crato !


Dulare 400

DULARE é a mais nova opção para você comprar seus móveis na Região do Cariri. Se você procura qualidade por preços acessíveis, o caminho certo é na DULARE MÓVEIS. E aproveite as ofertas de fim-de-ano. DULARE – Bons Móveis para Você – Em crato, na Praça Siqueira Campos.

Uma grande loja com o maior sortimento:

Image2

Sofás, Camas, Guarda-roupas, salas, cozinhas completas…

Dsc04075

Tudo de bom para sua Casa

Dsc04102

Dsc04098

Atendimento por pessoal treinado. Garantia de bom atendimento e respeito ao cliente.

Dsc04119

Você não precisa mais se deslocar aos grandes centros para comparar com qualidade!

Dsc04104

Loja grande, produtos em estoque!

Dsc04076

Simpatia e respeito ao Cliente !

Dsc04134


DULARE MÓVEIS – Promoção de Inauguração

Em CRATO, na Praça Siqueira Campos

Empresa parceira do Blog do Crato


Música de Qualidade - 24h!

300x250advert

VIDEOS EM DESTAQUE

GALERIA DE FOTOS

Previsão do Tempo


EDIÇÕES ANTERIORES

outubro 2014
D S T Q Q S S
« set    
 1234
567891011
12131415161718
19202122232425
262728293031  

Rede Blogs do Cariri




Clique no Logo acima e visite o site oficial da Rede.

Mural Chapada do Araripe



TV CHAPADA DO ARARIPE



A TV Chapada do Araripe é composta por uma coleção de vídeos, entrevistas e reportagens. Escolha o vídeo que deseja assistir, clicando sobre o título. Veja mais detalhes na página da TV Chapada do Araripe.

HOMENAGEM DA SEMANA


CORREINHA

O Chapada do Araripe presta homenagens a um dos maiores mestres da cultura popular que faleceu em Crato recentemente, Francisco Correia de Lima, o Correinha, artista de várias linguagens atuante no município do Crato. Mestre Correinha nasceu no município de farias Brito no dia 14 de fevereiro de 1940, mas era um amante inveterado do Crato, município ao qual costumava fazer referências em suas canções. Talvez por não ter tido seu nome incluído nas listas anuais de mestres reconhecidos pelo Governo do Estado desde 2004, mestre Correinha tenha sido sepultado em meio a homenagens comoventes de moradores do município, mas, como ressaltaram amigos e familiares, sem o devido destaque por parte do Poder Público. Situação destacada durante a sua missa de corpo presente, enriquecida pelo acordeon de Hugo Linard, com quem Correinha gravou recentemente, 15 canções que agora constituem o último registro de sua obra. Segundo o próprio Hugo Linard, as canções registradas nesse último trabalho de Correinha em estúdio são, na maioria, inéditas. ´Ele gravou também ´Belezas do Crato´, mas as outras não tinham registro´, diz, citando canções como ´Coisas do meu sertão´, ´Exaltação a Barbalha´, ´Crato de Açúcar´ e ´Meu Cariri´ e ´Balanceio´. ´Fazia tempo que a gente tava cutucando ele, dizendo que ele tinha que gravar de novo. Ele fez dois compactos e outros discos, no tempo do vinil, além de vários cordéis´. Hugo Linard chama atenção para aspectos peculiares da trajetória de Correinha. ´Ele mantinha um bar aqui no Crato e ainda trabalhava como agente carcerário. Era tão querido que os presos pediram à família por ocasião do seu velório, para deixar um pouco o corpo dele lá na cadeia, para eles o homenagearem´.
Dalwton Moura

Jornal do Vicelmo

Todos os dias na Rádio Chapada do Araripe - Internet, a partir das 07:00, ouça o Jornal do Cariri com Antonio Vicelmo. O Jornal é retransmitido da Rádio Educadora do Cariri em tempo real. Você pode ouvir o programa através da nossa imensa rede de Blogs e websites. Alguns programas antigos estão disponíveis no nosso website Jornal do Vicelmo.

AUXÍLIO À LISTA

Dicas de Filmes



Por trás de todo o grande homem se esconde um professor, e isso era certamente verdade para Bruce Lee que aclamava como seu mentor um expert em artes marciais chamado Ip Man. Um gênio do Wushu (ou a escola de artes marciais da China), Ip Man cresceu numa China recentemente despedaçada pelo ódio racial, radicalismo nacionalista e pela Guerra. Ele ressurgiu como uma Fênix das Cinzas graças à suas participações em lutas contra vários mestres Wushu e lutadores de kung-fu - finalmente treinando icones de artes marciais como Bruce Lee. Esta cinebiografia do diretor Wilson Yip mostra a história da vida de Ip.

Como Publicar seu Artigo


Agora você pode entrar em contato conosco diretamente. Se vc deseja publicar algum artigo que julgue importante para o Cariri, entre em contato conosco. Todos os artigos aprovados serão devidamente creditados aos autores. Os melhores artigos merecerão destaque, e se continuados, os escritores e cronistas poderão se tornar membros permanentes doportal Chapada do Araripe. Contatos: MSN e E-mail: blogdocrato@hotmail.com

Quem somos Nós

O Chapada do Araripe é um site sem fins lucrativos, que visa promover a imagem da região do cariri cearense na Internet. Se você deseja publicar algum artigo no portal Chapada do Araripe, entre em Contato conosco.

Direitos Autorais:

DM Studio – Comunicação & Marketing. Algumas partes do Chapada do Araripe estão sob uma “Licença Creative Commons”, e outras, de acordo com seus respectivos autores, com “Todos os Direitos Reservados” –

www.chapadadoararipe.com - 2014

Contatos: Dihelson Mendonça – MSN e E-mail: blogdocrato@hotmail.com

© 2014 Chapada do Araripe - -